50 Vozes para Daniel Faria

| 7 Abr 21

Retrato de Daniel por Siza Vieira

Retrato de Daniel Faria, por Siza Vieira

Dois livros publicados em vida, Homens que são como lugares mal situados e Explicações das árvores e de outros animais, e um póstumo, Dos líquidos, todos editados pela primeira vez pela Fundação Manuel Leão, fizeram de Daniel Faria o último grande poeta português do século XX. Morreu há pouco mais de vinte anos. No sábado, dia 10, assinala-se o 50.º aniversário do seu nascimento. A Associação Casa Daniel assinala a efeméride com a iniciativa “50 Vozes para Daniel Faria” para evocar os poemas e a memória do poeta.

O programa comemorativo, que prosseguirá até ao próximo ano, inclui múltiplas iniciativas, designadamente o colóquio “Daniel, nome de poeta” (12 de Junho 2021, na Igreja Santa Maria, Marco de Canaveses); a residência artística de pintura “A Casa do Daniel”, orientada pelo pintor Alberto Péssimo (10 a 12 de Setembro de 2021, na Casa Daniel, Granjinha, Tabuaço); a tertúlia “A poesia de Daniel Faria a partir da Estética” (4 de Outubro de 2021, no Círculo de Bellas Artes, Madrid); a exposição dos trabalhos realizados no âmbito da residência “A Casa do Daniel” e a apresentação do livro de actas dos colóquios (1 de Dezembro de 2021, na Casa da Cultura, Paredes).

A Associação Casa Daniel formulou um convite público de modo a que todos os que o desejarem se possam associar às comemorações, enviando, até ao próximo sábado, através do WhatsApp (937 059 427), “uma mensagem gravada com duração até um minuto de um dos seus poemas ou uma memória, para depois ouvir e partilhar no site ou na página Facebook”.

Na evocação do 50.º aniversário do nascimento de Daniel Faria participam as Câmaras Municipais de Marco de Canaveses, de Paredes e de Tabuaço; a Igreja de Santa Maria, Marco de Canaveses; a Companhia de Teatro Seiva Trupe; o atelier do pintor Alberto Péssimo; o Círculo de Bellas Artes de Madrid e a Fundação Manuel Leão.

A Associação Casa Daniel dará conta de outros eventos evocativos de Daniel Faria.

 

Inquérito 7M sobre o Sínodo: entre as “baixas expectativas” e a “oportunidade de uma Igreja aberta”

Católicos portugueses pouco entusiasmados?

Inquérito 7M sobre o Sínodo: entre as “baixas expectativas” e a “oportunidade de uma Igreja aberta” novidade

O 7MARGENS entendeu auscultar um conjunto de 63 movimentos e associações católicas, procurando contemplar diversidade de carismas e de setores e mesmo de atitudes perante o futuro. A auscultação decorreu na segunda metade de julho, num momento em que já se conhecia o cronograma e dinâmica do Sínodo.

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados

Líbano tem novo Governo

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados novidade

O novo Governo do Líbano, liderado pelo muçulmano sunita Najib Mikati, obteve nesta segunda-feira, 20 de setembro, o voto de confiança do Parlamento. A nova estrutura de Governo reflete na sua composição a variedade do “mosaico” libanês, nomeadamente do ponto de vista das diversas religiões e confissões religiosas, mas os siro-católicos dizem ter sido marginalizados.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Às vezes, nem o amor consegue salvar-nos

Cinema

Às vezes, nem o amor consegue salvar-nos novidade

Falling, que em Portugal teve o subtítulo Um Homem Só, é a história de um pai (Willis) e de um filho (John) desavindos e (quase) sempre em rota de colisão, quer dizer, de agressão, de constante provocação unilateral da parte do pai, sempre contra tudo e contra todos.

A palavra que falta explicitar no “cuidar da criação”

A palavra que falta explicitar no “cuidar da criação” novidade

No dia 1 de setembro começou o Tempo da Criação para diversas Igrejas Cristãs. Nesse dia, o Papa Francisco, o Patriarca Bartolomeu e o Arcebispo de Canterbury Justin assinaram uma “Mensagem Conjunta para a Protecção da Criação” (não existe – ainda – tradução em português). Talvez tenha passado despercebida, mas vale a pena ler.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This