A Páscoa é sempre “pagã”

| 9 Abr 2021

Jardim, Mosteiro, Flores,

Jardim do antigo Mosteiro do Lumiar das Monjas Dominicanas, Lisboa. Foto © Lucy Wainewright

 

Pagão tem a nobreza antiga de uma pujante raiz de palavras:
PAK – o sólido pau que marca os limites dos campos fecundos
Ao redor dos pagos longe da corrupção das cidades.
Tem a força dos pactos e a estabilidade da paz
E a beleza da página bem lavrada em esquadria
Como os sulcos que fertilizam a terra.

Mesmo com nuvens negras, é sempre um dia bonito.
E a cruz engalanada faz sentir o cheiro a vida.

A Páscoa é sempre pagã
Porque nasce com a força da primavera
Entre as flores que nos cativam com promessas de frutos.
Porque cheira ao sol que brilha na chuva
E transforma a terra em páginas cultivadas
Donde nascem os grandes livros, os pensamentos
E as cidades que se firmam em pactos de paz.
É a Páscoa dos Discípulos de Emaús:
Afastavam-se de Jerusalém lembrando esperanças perdidas.
(Dói muito ver partir quem caminha connosco de braço dado…)
Mas guardavam de Jesus uma imagem luminosa
Porque o seu agir e falar apontavam para o futuro
Para o bem maior das gerações que vão crescendo
(Lembrando que a mulher em dores de parto
Exulta de alegria por ter gerado vida nova).
Confusos de tão tristes
Não conseguiam abrir as páginas da vida e das Escrituras.
Quando as souberam ler?
– Ao darem atenção a um desconhecido viajante…

Aproximou-se delicadamente
Para não ferir esse mundo de tristeza
E por saber ler a profunda alegria
Escondida entre páginas sagradas.
Mostrou-lhes que o Jesus crucificado
Não se encontra entre os mortos – vive sim
Na alegria de Deus e sempre amigo
E pronto a partilhar o pão da Paz
Com aqueles que vão sulcando a terra
Suando mas cantando – como filhos
Do Senhor que de longe os vai guiando.

 

Manuel Alte da Veiga é professor aposentado do ensino universitário.

 

Judeus do Partido Trabalhista atacam política de Israel

Reino Unido

Judeus do Partido Trabalhista atacam política de Israel novidade

Glyn Secker, secretário da Jewish Voice For Labor – uma organização que reúne judeus membros do Partido Trabalhista ­–, lançou um violento ataque aos “judeus que colocam Israel no centro da sua identidade” e classificou o sionismo como “uma obscenidade” ao discursar no dia 10 diante de Downing Street, durante um protesto contra os ataques de Israel na faixa de Gaza.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Evento "importantíssimo" para o país

Governo assume despesas da JMJ que Moedas recusou

A ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, chegou a acordo com o presidente da Câmara de Lisboa sobre as Jornadas Mundiais da Juventude, comprometendo-se a – tal como exigia agora Carlos Moedas – assumir mais despesa do evento do que aquela que estava inicialmente prevista, noticiou o Expresso esta quarta-feira, 3.

Multiplicar o número de leitores do 7MARGENS

Em 15 dias, 90 novos assinantes

Durante o mês de julho o 7MARGENS registou 90 novos leitores-assinantes, em resultado do nosso apelo para que cada leitor trouxesse outro assinante. Deste modo, a Newsletter diária passou a ser enviada a 2.863 pessoas. Estamos ainda muto longe de duplicar o número de assinantes e chegar aos 5.000, pelo que mantemos o apelo feito a 18 de julho: que cada leitor consiga trazer outro.

Parceria com Global Tree

JMJ promove plantação de árvores

A Fundação Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023 e a Global Tree Initiative estabeleceram uma parceria com o objectivo de levar os participantes e responsáveis da organização da jornada a plantar árvores. A iniciativa pretende ser uma forma de assinalar o Dia Mundial da Conservação da Natureza, que se assinala nesta quinta-feira, 28 de julho.

Representante dos sobreviventes de Nagasaki solidário com a Ucrânia

Nos 77 anos do ataque atómico

Representante dos sobreviventes de Nagasaki solidário com a Ucrânia

“Apelo a todos os membros” do Parlamento japonês, “bem como aos membros dos conselhos municipais e provinciais” para que se “encontrem com os hibakusha (sobreviventes da bomba atómica), ouçam como eles sofreram, aprendam a verdade sobre o bombardeio atómico e transmitam o que aprenderem ao mundo”, escreve, numa carta lida nas cerimónias dos 77 anos do ataque atómico sobre Nagasaki, por um dos seus sobreviventes, Takashi Miyata.

Mar Egeu: dezenas de pessoas desaparecidas em naufrágio

Resgatadas 29 pessoas

Mar Egeu: dezenas de pessoas desaparecidas em naufrágio

Dezenas de pessoas estão desaparecidas depois de um barco ter naufragado no mar Egeu, na quarta-feira, ao largo da ilha grega de Cárpatos, divulgou a ACNUR. A embarcação afundou-se ao amanhecer, depois de da costa sul da vizinha Turquia, em direção a Itália. “Uma grande operação de busca e resgate está em curso.”

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This