Bispo de El Paso pede libertação de imigrantes não-violentos

| 10 Abr 20

O bispo católico de El Paso, Texas (Estados Unidos, na fronteira com o México), pediu às autoridades locais que libertem os migrantes não-violentos, detidos nas instalações locais de imigração e fronteiras dos Estados Unidos. “A fé e a razão dizem-nos que a coisa certa a fazer agora é protegermo-nos uns aos outros dando passos no sentido do distanciamento social”, escreveu o bispo Mark J. Seitz numa declaração de 7 de Abril, referida pelo National Catholic Reporter.

“O governo federal já reconheceu que isso é quase impossível em instalações como prisões e centros de detenção”. Por isso, Seitz diz que deve ser dada “prioridade urgente e rápida à libertação dos migrantes não-violentos dos centros de detenção de imigração”, de modo a proteger a saúde dos migrantes, dos funcionários da imigração e de toda a comunidade de El Paso. “A nossa fé obriga-nos a acolher o estrangeiro com compaixão”, acrescenta o bispo. “E isto é também uma questão de saúde pública.”

Artigos relacionados

Pin It on Pinterest

Share This