Depois do relatório sobre abusos sexuais

Bispos franceses juntam leigos ao debate sobre a reforma da Igreja

| 28 Mar 2023

Bispos franceses reunidos numa celebração. Foto retirada do site oficial da Conferência Episcopal Francesa.

Bispos franceses numa celebração: na assembleia desta semana, haverá dezenas de leigos e religiosos a debater com eles a reforma da Igreja. Foto reproduzida da página oficial da Conferência Episcopal Francesa.

 

Depois de 160 audições e 200 reuniões, os nove grupos setoriais que trabalharam durante um ano sobre o futuro da Igreja Católica em França vão apresentar à conferência plenária dos bispos os resultados da sua atividade, que se traduzem em cerca de seis dezenas de medidas.

Os grupos que, ao longo destes quatro dias, até sexta-feira, trabalharão com os bispos, foram instituídos na sequência da reflexão e acolhimento feito pelos resultados do estudo do relatório da Comissão Independente que estudou os abusos sexuais na Igreja Católica em França, apresentado em outubro de 2021.

O episcopado reúne-se até sexta-feira, 31 de março, na sua assembleia da primavera, em Lourdes (Sul), dedicando uma parte da manhã do primeiro dia a fazer um ponto de situação sobre o processo sinodal e a eleger os quatro representantes que participarão, em outubro, no Sínodo dos Bispos, em Roma.

Da parte da tarde estarão presentes 75 dos 100 membros dos grupos de trabalho que apresentarão, refletindo e cruzando pontos de vista com os bispos de França, o resultado do seu trabalho e especialmente sobre as propostas de decisão a que chegaram.

Sob a coordenação geral de Hervé Balladur, os nove grupos foram constituídos por uma centena de leigos e leigas, religiosas e religiosos, padres e bispos, dos quais 50 por cento são mulheres, 67 por cento são leigos e leigas e 54 por cento são de zonas do país que não a região parisiense.

Os grupos tiveram como objetivo geral tornar a Igreja uma casa habitável e segura, cuidando de dimensões como: boas práticas de proteção e prevenção de abusos; confissão e acompanhamento espiritual; acompanhamento dos padres e religiosos/as com comportamentos postos em questão; discernimento vocacional e formação dos futuros padres; acompanhamento do ministério dos bispos e dos padres; modos de associar os fieis leigos aos trabalhos da Conferência Episcopal; análise das causas dos abusos sexuais no seio da Igreja Católica; e meios de segurança e controlo das associações que se baseiam na vida em comum e de grupos que têm num carisma particular.

Os trabalhos da assembleia plenária contarão com outros momentos nos dias seguintes, destinados a definir melhor as propostas que irão ser assumidas e objeto de decisão. Em articulação com este eixo de trabalho, registar-se-ão ainda a reflexão sobre a reforma das estruturas da Conferência Episcopal, nomeadamente para associar regularmente os fiéis aos seus trabalhos, e as intervenções da presidente da INIRR (Instituição Nacional Independente de Reconhecimento e Reparação das vítimas de abusos) e do presidente do Fundo SELAM (Fundo de Solidariedade e de Luta contra as Agressões Sexuais sobre Menores).

Ao longo dos dois primeiros dias haverá encontros com jornalistas, para pontos de situação sobre o andamento dos trabalhos. No final da assembleia terá lugar a habitual conferência de imprensa, para apresentar as conclusões.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Irritações e sol na cara

Irritações e sol na cara novidade

“Todos os dias têm muito para correr mal, sim. Mas pode-se passar pela vida irritado? Apitos e palavras desagradáveis, respirações impacientes, sempre com o “não posso mais” na boca.” – A crónica de Inês Patrício, a partir de Berlim

A cor do racismo

A cor do racismo novidade

O que espero de todos é que nos tornemos cada vez mais gente de bem. O que espero dos que tolamente se afirmam como “portugueses de bem” é que se deem conta do ridículo e da pobreza de espírito que ostentam. E que não se armem em cristãos, porque o Cristianismo está nas antípodas das ideias perigosas que propõem.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This