Papa à delegação tailandesa

“Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo”

| 17 Jun 2022

papa recebe delegacao budista no vaticano a 17 junho 2022 foto vatican media

“Num momento em que a família humana e o planeta estão a enfrentar múltiplas ameaças, o diálogo amigável e a estreita colaboração são ainda mais necessários”, afirmou o Papa. Foto © Vatican Media.

 

O Papa Francisco recebeu em audiência esta sexta-feira, 17, no Vaticano, a Delegação Budista da Tailândia. No seu discurso,  destacou a importância de católicos e budistas guiarem os respetivos fiéis “a um sentido mais vivo da verdade de que somos todos irmãos e irmãs”, noticiou o Vatican News.

“Num momento em que a família humana e o planeta estão a enfrentar múltiplas ameaças, o diálogo amigável e a estreita colaboração são ainda mais necessários”, afirmou o Papa, sublinhando que “Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo que gera conflito e violência”.

A visita visou comemorar o quinquagésimo aniversário do encontro histórico do venerável Somdej Phra Wannarat, décimo sétimo Patriarca Budista Supremo da Tailândia, com o Papa São Paulo VI, que aconteceu a 5 de junho de 1972.

Francisco reconheceu que, ao longo destes cinquenta anos, se verificou um crescimento gradual e constante do “diálogo amigável e da estreita colaboração” entre as duas tradições religiosas e recordou a sua visita à Tailândia, de 20 a 23 de novembro de 2019, e “a hospitalidade e o acolhimento maravilhosos” que aí recebeu.

No encontro participaram 33 monges budistas das escolas Theravada e Mahayana, 60 budistas leigos e vários representantes da Igreja católica tailandesa.

 

Comissão Justiça e Paz de Braga apela a “reforma do sistema político”

Nota sobre as eleições

Comissão Justiça e Paz de Braga apela a “reforma do sistema político” novidade

A Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de Braga considera imperativo “que se comece a configurar uma reforma do sistema político”, e que a Política possa “corresponder ao desafio de merecer a confiança dos cidadãos”. Caso contrário, continuaremos a assistir à capitalização do “descontentamento dos eleitores em relação aos eleitos” por “‘populistas’ ou por outras manifestações de rejeição da política”, alerta aquele organismo católico numa nota divulgada esta quarta-feira, 28 de fevereiro, a propósito das eleições de 10 de março.

“Há mais mártires hoje do que no início do cristianismo… a sua coragem é uma bênção”

Vídeo do Papa de março

“Há mais mártires hoje do que no início do cristianismo… a sua coragem é uma bênção” novidade

“Sempre haverá mártires entre nós. É o sinal de que estamos no caminho certo”, afirma o Papa Francisco na edição de março d’O Vídeo do Papa, que acaba de ser divulgada. “Uma pessoa que sabe dizia-me que há mais mártires hoje do que no início do cristianismo. A coragem dos mártires, o testemunho dos mártires, é uma bênção para todos”, acrescenta. E é por isso que pede a todos que rezem pelos novos mártires deste tempo, para que “contagiem a Igreja com a sua coragem e o seu impulso missionário”.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém

Via Sacra ecuménica

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém novidade

A guerra em Israel prossegue e o sentimento de insegurança em Jerusalém cresce. Ainda assim, ou talvez por isso mesmo, a tradicional Via Sacra que ali se realiza anualmente por ocasião da segunda semana da Quaresma não foi cancelada. Na passada sexta-feira, 23 de fevereiro, mais de mil crianças e jovens que frequentam as escolas cristãs da cidade, acompanhados de inúmeros familiares e professores, percorreram as ruas de lenços brancos na mão, pedindo a paz para todo o mundo, e em particular para a Terra Santa.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This