Cáritas peruana forma 900 indígenas para proteger Amazónia

| 13 Fev 21

Agora, 900 indígenas estão preparados para a defesa da Amazónia. Foto: Forum Social Pan-amazonico

 

Mais de 900 índios Ashaninka e Amuesha terminaram o curso de formação de vigilantes e protetores da Amazónia organizado pela Cáritas peruana. O curso, intitulado “Caminhando para um Ecologia Integral”, foi criado como resposta aos apelos formulados durante o Sínodo dos Bispos católicos sobre a Amazónia, que decorreu em outubro de 2019, no Vaticano.

De acordo com Adda Chuecas Cabrera, coordenadora da Caritas Selva Central, entrevistada pela Vida Nueva, a formação reforça o papel dos índios como “a voz mais forte de qualquer mesa de negociação e diálogo sobre a Amazónia”. O curso foi apoiado pela Cáritas de Espanha.

 

Roma, temos um problema, e este livro ajuda a entendê-lo

Abusos sexuais na Igreja

Roma, temos um problema, e este livro ajuda a entendê-lo novidade

Roma, Temos um Problema pode ser apresentado em quatro partes, assumidas aliás pela organização que o autor lhe dá: um primeiro levantamento histórico; uma segunda parte sobre casos marcantes a nível internacional, incluindo alguns pouco conhecidos; e uma terceira parte sobre os casos portugueses até agora vindos a público. Em síntese, faz-se uma descrição e análise de causas e consequências sobre o que aconteceu em 20 séculos de história do cristianismo (sobretudo ocidental).

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Uma Teofania nos corações humanos

Uma Teofania nos corações humanos novidade

A Epifania é celebrada pelas Igrejas Ortodoxas a 6 de Janeiro no calendário Juliano (19 no calendário Gregoriano), 12 dias após a Festa do Natal. A banalização da festa do Natal inscreveu-a no imaginário do espírito humano, sobrevalorizando-o e operando a sua dessacralização em detrimento do Espírito de Deus.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This