Sínodo dos Bispos 2023

Carta aos padres explica “igualdade fundamental de todos os batizados”

| 20 Mar 2022

Papa Francisco em oração com o cardeal Mario Grech no Momento de Reflexão que deu início ao Sínodo dos Bispos sobre a Sinodalidade. Foto © Vatican Media 2021

 

O cardeal Mario Grech, secretário-geral do Sínodo dos Bispos, e o arcebispo Lazzaro You Heung sik, Prefeito da Congregação para o Clero, dirigiram, este sábado, 19, uma carta aos padres de todo o mundo com três pedidos. “Fazer todo o possível para que o caminho se baseie na escuta e na vivência da Palavra de Deus; trabalhar para que o caminho seja caracterizado pela mútua escuta e reciproca aceitação; cuidar para que o caminho não nos leve à introspecção, mas nos estimule a sair ao encontro de todos”, podem ler-se estes pedidos na carta enviada ao clero e divulgada pela Santa Sé.

Assinado pelos dois “irmãos sacerdotes”, o texto apresenta estes três pedidos integrados no processo sinodal que os Papa Francisco propõe, e explica que não pretende colocar mais “carga” sobre os presbíteros, mas antes encorajá-los a olhar para as suas “comunidades com aquele olhar contemplativo de que nos fala o Papa Francisco na Evangelii Gaudium para descobrir os muitos exemplos de participação e partilha que já estão a germinar nas vossas comunidades”.

“O processo sinodal que o Papa Francisco nos propõe”, escrevem, “tem precisamente este objetivo: colocar-nos em caminho, juntos, na escuta recíproca, na partilha de ideias e projetos, para mostrar o verdadeiro rosto da Igreja: uma “casa” hospitaleira, de portas abertas, habitada pelo Senhor e animada por relações fraternas”.

Um caminho que visa evitar os riscos de um Sínodo carregado de “formalismo”, “intelectualismo” e “inação” de que fala o Papa Francisco, e que podem fazer surgir “medos”, em especial no que diz respeito ao papel do sacerdote nas comunidades. “Se o sacerdócio comum dos batizados e o sensus fidei do Povo de Deus forem tão enfatizados, o que será do nosso papel de liderança e da nossa identidade específica como ministros ordenados? Trata-se, sem dúvida, de descobrir cada vez mais a igualdade fundamental de todos os batizados e de encorajar todos os fiéis a participar ativamente do caminho e da missão da Igreja”, refere a missiva.

Mario Grech e Lazzaro You Heung sik apontam que “o mundo de hoje precisa urgentemente de fraternidade”. “Sem perceber, anseia por encontrar Jesus, mas como fazer esse encontro acontecer? Precisamos escutar o Espírito junto com todo o Povo de Deus, para renovar nossa fé e encontrar caminhos e linguagens novos para compartilhar o Evangelho com nossos irmãos e irmãs”, indicam.

 

Quando os padres não abusadores são as vítimas colaterais dos abusos do clero

Encontro “Cuidar” em Lisboa

Quando os padres não abusadores são as vítimas colaterais dos abusos do clero novidade

“O que encontramos assusta-me: desilusão, depressão, crise existencial, perda de identidade, fim da relação entre presbíteros, perda de confiança na instituição e na hierarquia.” O diagnóstico cáustico é feito ao 7MARGENS pelo padre inglês Barry O’Sullivan, 61 anos, da diocese de Manchester, que estudou o impacto dos abusos sexuais entre os padres não abusadores.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

De 1 a 31 de Julho

Helpo promove oficina de voluntariado internacional

  Encerram nesta sexta-feira, 24 de Junho, as inscrições para a Oficina de Voluntariado Internacional da Helpo, que decorre entre 1 e 3 de Julho. A iniciativa é aberta a quem se pretenda candidatar ao Programa de Voluntariado da Organização Não Governamental para...

Luz e negrume

Luz e negrume novidade

As obras de Pedro Costa, cineasta, Rui Chafes, escultor, e Paulo Nozolino, fotógrafo, e de Simon Hantaï, artista plástico, estão expostas em Paris, respectivamente no Centre Georges Pompidou e na Fundação Louis Vitton. Um autor, identificado como Anonymous, estabelece com elas um diálogo em dois poemas traduzidos por João Paulo Costa, investigador na área de filosofia e autor de À sombra do invisível (Documenta, 2020).

Paróquia de Nossa Senhora da Hora: Ouvir os leigos na nomeação de padres e bispos

Contributos para o Sínodo (23)

Paróquia de Nossa Senhora da Hora: Ouvir os leigos na nomeação de padres e bispos novidade

Os leigos devem ser ouvidos nos processos de nomeação de párocos e de escolha dos bispos e a Igreja deve ter uma lógica de reparação da situação criada pelos abusos de menores. Evitar o clericalismo e converter os padres a uma Igreja minoritária, pobre, simples, dialogante, sinodal é outra das propostas do Conselho Paroquial de Pastoral da Paróquia de Nossa Senhora da Hora (Matosinhos).

Saúde mental dos jovens: a urgência de um novo paradigma

Saúde mental dos jovens: a urgência de um novo paradigma novidade

A saúde mental dos jovens tem-se vindo a tornar, aos poucos, num tema com particular relevância nas reflexões da sociedade hodierna, ainda que se verifique que estas possam, muitas das vezes, não resultar em concretizações visíveis e materializar em soluções para os problemas que afetam os membros desta mesma sociedade. A verdade é que, apesar de todos os esforços por parte dos profissionais de saúde e também das pessoas, toda a temática é, ainda, envolvida por uma “bolha de estigmas”, o que a transforma numa temática-tabu.

Agenda

There are no upcoming events.

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This