Shafqat Emmanuel e Shagufta Kausar

Casal cristão acusado de blasfémia no Paquistão encontra asilo na Holanda

| 5 Set 2021

Shafqat Emmanuel e Shagufta Kausar foram acusados de blasfémia no Paquistão. Foto ©ACN Portugal

Acusados de blasfémia, Shafqat Emmanuel e a mulher Shagufta Kausar, um casal cristão, foram condenados à morte por enforcamento no Paquistão. Mas, após oito anos no corredor da morte, seriam ilibados pelo Supremo Tribunal de Lahore. As ameaças dos seus concidadãos de maioria muçulmana fê-los abandonar o país. Estão agora na Holanda, que lhes concedeu asilo um mês e meio depois de terem sido libertados no dia 1 de Julho. Puderam, finalmente, reencontrar os seus quatro filhos.

O diário francês La Croix, que dá a notícia, refere que o casal foi defendido Saif-ul Malook, o advogado de Asia Bibi, que se refugiou no Canadá há dois anos, após acusações de blasfémia.

O jornal nota que a Constituição do Paquistão teoricamente protege as minorias religiosas, mas as acusações de blasfémia contra os cristãos proliferam. Data de 2013 a que visou Shafqat Emmanuel e Shagufta Kausar, acusados de enviar mensagens de texto a um imã, supostamente atentatórias da imagem do Profeta Maomé.

 

Bispos e Governo timorense renovam acordo de cooperação

20 anos de independência

Bispos e Governo timorense renovam acordo de cooperação novidade

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Taur Matan Ruak, e o presidente da Conferência Episcopal Timorense (CET), o bispo Norberto do Amaral, de Maliana, renovaram um acordo de cooperação que alarga uma cláusula da Concordata entre o país de maioria católica e o Vaticano e que atribui à Igreja Católica a gestão de 15 milhões de dólares (cerca de 14 milhões, 171 mil euros).

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Santuário católico vandalizado na Índia

Tensão entre religiões

Santuário católico vandalizado na Índia novidade

As tensões interreligiosas na Índia voltaram a conhecer novos episódios, depois da vandalização por desconhecidos de estátuas de Maria, do Menino Jesus e do Sagrado Coração de Jesus num santuário no estado de Andhra Pradesh, causando “choque entre os católicos locais”. Um articulista ataca o ódio incentivado por “fascistas” contra as minorias cristãs e muçulmanas.

Sermos pessoas “Laudato Si’” sem esforço

Sermos pessoas “Laudato Si’” sem esforço novidade

Há quase dois anos que em nossa casa deixámos de comprar iogurtes e começámos a fazê-los em casa. Um dia fizemos as contas e essa pequena mudança representa cerca de 1000 embalagens de plástico que deixámos de consumir. Se 1000 famílias fizessem como nós, seria 1 tonelada a menos de plástico. As grandes mudanças começam pelas pequenas.

Agenda

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This