Impotência ou inércia?

No último à Margem, Jorge Wemans brindou-nos com um excelente texto que eu senti como um grito de revolta face à “normalização do intolerável” e, simultaneamente, como um grito de desespero por não se saber qual o caminho para a construção de um futuro alternativo...

A normalização do intolerável

A violência que prospera nos nossos dias irrompe, por vezes, nos média com grande alarido. Depois desaparece, como se de factos e atos isolados se tratasse. E, de modo subterrâneo, sem gritaria nem denúncias, pouco a pouco, entranhando-se por hábito e repetição,...

A instrumentalização do ódio

Há mais ódio hoje do que outrora? Uns dirão que sim; outros, que não. As respostas serão díspares, mas nunca consensuais. Se houver uma medição do número de conflitos e guerras alimentados directamente por essa pulsão ou a partir de crimes em que o ódio esteve de...

Desta vez, o Papa desiludiu?

  O programa é um dos mais vistos nos EUA. Chama-se “60 Minutes” (60 Minutos), mas a entrevista com o Papa foi mais longa do que isso. Francisco nunca tinha falado durante tanto tempo para uma cadeia televisiva norte-americana, e – como de resto é habitual...

Pin It on Pinterest