Desarmar-se

“Quando uma pessoa se desarma, se despoja de si mesmo, se abre ao Deus Homem que faz novas todas as coisas, então, Ele apaga o passado mau e dá-nos um novo tempo no qual tudo é possível.” (Patriarca Atenágoras, de Constantinopla)   Sinto-me um pouco...

Sociedade à deriva: um novo caminho precisa-se

  Verifico, com alguma preocupação, que cada vez mais se colocam em causa direitos coletivos em nome de direitos individuais. Sobretudo quando os direitos coletivos conquistados parecem pôr em causa supostos direitos individuais não conquistados, mas...

A vida por inteiro, uma ode ao amor de Deus

    É difícil descortinar Deus na vida toda: a que nos agrada e a que não nos agrada, a que nos edifica e a que nos abate, a que entendemos e a que nos lança na escuridão. Todos os dias vivemos muitos momentos que nos atiram para tudo isso, e só não...

Porque não somos insignificantes neste universo infinito

  Muitas pessoas, entre as quais renomados cientistas, assumem frequentemente que o ser humano é um ser bastante insignificante, senão mesmo desprezível, no contexto da infinitude do universo. Baseiam-se sobretudo na nossa extrema pequenez relativa, considerando...

Sentido e valor da dualidade sexual

  Sobre o sentido e valor da dualidade sexual, é oportuno ler o que se afirma na nota de Conferência Episcopal portuguesa A propósito da ideologia do género, de 2013 (n. 6): “A diferenciação sexual inscrita no desígnio da criação tem um sentido que a...

Pin It on Pinterest