Em Guadalajara, México

Católicos e judeus uniram-se para servir 40 mil jantares de Natal

| 26 Dez 2022

10 mil Natais num só, iniciativa da comunidade católica e judaica em Guadalajara, México, foto FB da iniciativa

O prato principal foram os tradicionais tamales, confecionados por dezenas de voluntários em cozinhas improvisadas em diversos pontos da cidade. Foto reproduzida a partir das redes sociais da iniciativa.

 

A arquidiocese de Guadalajara, no México, uniu-se à comunidade judaica local e, juntas, serviram 40 mil jantares aos mais pobres neste Natal. A iniciativa, intitulada “10 mil Natais em um”, realiza-se pelo quarto ano consecutivo, e nunca tinha chegado a tantas famílias carenciadas como desta vez, avança a Catholic News Agency.

No primeiro ano, os organizadores estabeleceram o objetivo de servir 10 mil pessoas e acabaram por oferecer jantares a 13 mil. Em 2020 e 2021, o número projetado de beneficiários era de 20 mil pessoas e foram fornecidos jantares a 30 mil pessoas carenciadas de toda a área metropolitana de Guadalajara.

As refeições foram compostas por alimentos doados através de 40 paróquias da diocese e um abrigo para os mais necessitados. O prato principal foram os tradicionais tamales, confecionados por dezenas de voluntários em cozinhas improvisadas em diversos pontos da cidade.

Em conferência de imprensa, o padre Javier Magdaleno Cueva, secretário-geral da arquidiocese de Guadalajara, explicou que a iniciativa tem por objetivo “levar esperança àqueles cujas vidas foram difíceis ou que sofreram naquele ano” e que não se trata apenas de “dar comida”, mas também “um sinal de paz e união na ajuda uns aos outros”.

O cardeal José Francisco Robles Ortega, arcebispo de Guadalajara, afirmou também que esta iniciativa é mais uma expressão de uma Igreja misericordiosa com os outros em todos os momentos e expressou o seu desejo de que “esta seja uma experiência de comunhão com a comunidade judaica”, lembrando que todos somos “destinatários da misericórdia de Deus”.

 

A humildade do arcebispo

A humildade do arcebispo novidade

Chegou a estender a mão e a cumprimentar, olhos nos olhos, todos os presentes, um a um. É o líder da Igreja Anglicana, mas aqui apresentou-se com um ligeiro “Hi! I’m Justin” — “Olá, sou o Justin!” — deixando cair títulos e questões hierárquicas. [O texto de Margarida Rocha e Melo]

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Catarina Pazes: “Sem cuidados paliativos, não há futuro para o SNS”

Entrevista à presidente da Associação Portuguesa

Catarina Pazes: “Sem cuidados paliativos, não há futuro para o SNS” novidade

“Se não prepararmos melhor o nosso Serviço Nacional de Saúde do ponto de vista de cuidados paliativos, não há maneira de ter futuro no SNS”, pois estaremos a gastar “muitos recursos” sem “tratar bem os doentes”. Quem é o diz é Catarina Pazes, presidente da Associação Portuguesa de Cuidados Paliativos (APCP) que alerta ainda para a necessidade de formação de todos os profissionais de saúde nesta área e para a importância de haver mais cuidados de saúde pediátricos.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This