Ciência, Saúde e Tecnologia

ONG israelita já salvou a vida a 3.000 crianças palestinianas

Uma forma de "construir pontes"

ONG israelita já salvou a vida a 3.000 crianças palestinianas

Amir tem cinco anos e, até agora, não podia correr nem brincar como a maioria das crianças da sua idade. Quando tinha apenas 24 meses, apanhou um vírus que resultou no bloqueio de uma das suas artérias coronárias, pelo que qualquer esforço físico passou a ser potencialmente fatal. Mas, muito em breve, este menino palestiniano poderá recuperar o tempo perdido. Com o apoio da organização humanitária israelita Save a Child’s Heart, Amir acaba de ser operado num hospital em Tel Aviv e está fora de perigo.

COP27: somos mais, mas podemos ser melhores

COP27: somos mais, mas podemos ser melhores

Chegámos aos oito mil milhões de seres humanos sobre esta Terra. O planeta até aguenta o nosso peso, mas será que aguenta o peso dos nossos estilos de vida? Se estamos cada vez mais dependentes da energia, o que representam milhares de milhões de pessoas a carregar todos os dias os seus telemóveis, a trabalhar nos computadores, a manter o frigorífico e ar condicionado ligados, apesar de nem todos terem acesso a esses?

Pin It on Pinterest

Share This