"Fruto do sínodo"

Começaram as aulas na primeira Faculdade Católica do Amazonas

| 8 Fev 2023

faculdade catolica do amazonas, foto ADN CELAM

A primeira intervenção na aula inaigural esteve a cargo do padre Adelson Araújo dos Santos (ao centro), para quem a nova faculdade, localizada em Manaus, é sem dúvida “um dos frutos do Sínodo da Amazónia”. Foto © ADN CELAM.

 

A Faculdade Católica do Amazonas, projeto lançado em setembro de 2022, deu esta semana início ao seu primeiro ano letivo. A aula inaugural foi dedicada à reflexão sobre o diálogo entre Teologia e Ecologia, e também aos desafios que a região amazónica enfrenta ao nível da educação e da ciência, “em tempos de ataque à democracia”, avança o ADN Celam.

A primeira intervenção esteve a cargo do padre Adelson Araújo dos Santos, para quem a nova faculdade, localizada em Manaus, é sem dúvida “um dos frutos do Sínodo da Amazónia”, que no número 114 do seu Documento Final refere “um claro pedido dos padres sinodais de pensar numa Universidade Católica na região panamazónica”.

O professor da Universidade Gregoriana, que foi um dos dinamizadores do Sínodo da Amazónia, recordou que a palavra central que atravessa o todo o Documento Final do sínodo é “conversão”: integral, pastoral, cultural, ecológica, e sinodal. E esta conversão “deve fazer parte de todos os programas de formação e evangelização na Amazónia”, destacou o professor.

O padre Adelson lembrou ainda a encíclica “Querida Amazónia”, em que o Papa Francisco afirmava que «é oportuno rever em profundidade a estrutura e os conteúdos da formação inicial e permanente dos sacerdotes, para que adquiram as atitudes e as competências necessárias para o diálogo com as culturas amazónicas. Esta formação deve ser eminentemente pastoral e favorecer o crescimento da misericórdia sacerdotal”.

Seguiu-se a palestra de Marilene Corrêa, professora da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), que denunciou “a hipocrisia dos brasileiros” em relação à Amazónia, que na sua opinião tem sido vista muitas vezes como entretenimento, sem estar presente nas políticas públicas, que não têm alcançado a totalidade do território amazónico. A investigadora considera que o desafio é agora “transformar as políticas setoriais em políticas nacionais”, e a abertura da Faculdade Católica do Amazonas é um passo nesse caminho.

Na sua oferta formativa, a instituição disponibiliza para já o Bacharelato em Teologia, com a duração de quatro anos, e coordenado pelo professor George Barbosa de Vasconcelos, investigador na área de “Movimentos Sociais, Educação e Cidadania na Amazónia”.

Entre os principais objetivos da nova faculdade estão “dedicar-se ao estudo da realidade amazónica, sendo um espaço de diálogo interdisciplinar, inter-religioso, intercultural e ecuménico, em busca de novos caminhos para uma ecologia integral”, pode ler-se no site oficial.

 

Desfazendo três equívocos sobre Deus

Desfazendo três equívocos sobre Deus novidade

Existem três dificuldades ou equívocos religiosos sobre o carácter de Deus, e que revelam algum desconhecimento sobre Ele. Por isso convém reflectir no assunto. Esses três equívocos sobre os quais nos vamos debruçar de seguida são muito comuns, infelizmente. [Texto de José Brissos-Lino]

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

sobre as águas

sobre as águas novidade

Breve comentário do p. António Pedro Monteiro aos textos bíblicos lidos em comunidade, no Domingo XII do Tempo Comum B. ⁠Hospital de Santa Marta⁠, Lisboa, 22 de Junho de 2024.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This