Mensagem de Ano Novo

Comissão Nacional Justiça e Paz pede compromisso para um 2023 mais fraterno

| 30 Dez 2022

A Comissão Nacional Justiça e Paz (CNJP), da Igreja Católica em Portugal, apela a um compromisso político e social para que 2023 seja um “ano mais justo e mais fraterno”. Numa mensagem enviada às redações nesta quinta-feira, 29 de dezembro, o organismo interpela os “governantes e políticos, os responsáveis das empresas e organizações, os líderes das comunidades religiosas e todos os homens e mulheres de boa vontade” para que juntos sejam “construtores da paz e da esperança”.

O texto refere-se à Mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial da Paz de 2023, que se celebra a 1 de janeiro do novo ano. “As várias crises morais, sociais, políticas e económicas que estamos a viver encontram-se todas interligadas, exigindo também respostas globais”, indica a CNJP. O Papa Francisco convida a “mudar o coração”, no pós-pandemia, destacando que o impacto da covid-19 deve reforçar o “sentido comunitário” e de fraternidade, na humanidade.

Para a Comissão Nacional Justiça e Paz, é necessário superar o individualismo e o egoísmo. “Só juntos, na fraternidade e na solidariedade, seremos capazes de edificar a paz e a esperança, possibilitando superar os acontecimentos mais dolorosos”, pode ler-se.

sobre as águas

sobre as águas novidade

Breve comentário do p. António Pedro Monteiro aos textos bíblicos lidos em comunidade, no Domingo XII do Tempo Comum B. ⁠Hospital de Santa Marta⁠, Lisboa, 22 de Junho de 2024.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo”

Na Casa de Oração Santa Rafaela Maria

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo”

Estamos neste mundo, não há dúvida. Mas como nos relacionamos com ele? E qual o nosso papel nele? “Estou neste mundo como num grande templo”, disse Santa Rafaela Maria, fundadora das Escravas do Sagrado Coração de Jesus, em 1905. A frase continua a inspirar as religiosas da congregação e, neste ano em que assinalam o centenário da sua morte, “a mensagem não podia ser mais atual”, garante a irmã Irene Guia ao 7MARGENS. Por isso, foi escolhida para servir de mote a uma tarde de reflexão para a qual todos estão convidados. Será este sábado, às 15 horas, na Casa de Oração Santa Rafaela Maria, em Palmela, e as inscrições ainda estão abertas.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This