Lisboa 2023

Corrida global solidária para angariar fundos para a JMJ

| 26 Out 2021

 

Uma corrida solidária a nível global, de nome WYD Global Race, que visa angariar fundos para a preparação e realização da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Lisboa 2023, foi lançada esta terça-feira pela organização da JMJ e a Move Sports.

“Aceitamos com gratidão e expectativa a proposta da Move Sports para sermos parceiros de uma iniciativa que, para além do seu carácter inovador, alia a prática do exercício físico à dimensão solidária e desejamos que os frutos desta corrida possam ajudar milhares de jovens a viver a experiência única de participar numa Jornada Mundial da Juventude”, refere Duarte Ricciardi, secretário-executivo da JMJ 2023, num comunicado sintetizado pela Agência Ecclesia.

As verbas vão ser recolhidas “tanto através das inscrições como dos patrocínios da corrida”, uma iniciativa que é apresentada como “pioneira no seu género”.

Segundo a organização, este projeto “reveste-se de particular importância, porque tem como grande missão promover a JMJ Lisboa 2023 e angariar fundos para a sua preparação e realização”.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

"Nada cristãs"

Ministro russo repudia declarações do Papa novidade

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, descreveu como “nada cristãs” as afirmações do Papa Francisco nas quais denunciou a “crueldade russa”, especialmente a dos chechenos, em relação aos ucranianos. Lavrov falava durante uma conferência de imprensa, esta quinta-feira, 1 de dezembro, e referia-se à entrevista que Francisco deu recentemente à revista America – The Jesuit Review.

Ministro russo repudia declarações do Papa

"Nada cristãs"

Ministro russo repudia declarações do Papa novidade

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, descreveu como “nada cristãs” as afirmações do Papa Francisco nas quais denunciou a “crueldade russa”, especialmente a dos chechenos, em relação aos ucranianos. Lavrov falava durante uma conferência de imprensa, esta quinta-feira, 1 de dezembro, e referia-se à entrevista que Francisco deu recentemente à revista America – The Jesuit Review.

Desarmar-se

Desarmar-se novidade

Sinto-me um pouco embaraçada. Perguntam-me: como correu o encontro com os meus amigos no Porto e, afinal de contas: o que é isto de “Juntos pela Europa”? O que é que 166 pessoas de 19 países diferentes, de 45 movimentos e comunidades de oito igrejas, podem fazer em conjunto, quando “os semelhantes atraem os semelhantes” e a diversidade é raramente – ou talvez nunca – uma força de coesão? E sem falar das diferentes visões geopolíticas, culturais, históricas, confessionais e, além disso: o que farão agora os russos e os ucranianos, que também estiveram presentes?

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This