“Um futuro comum solidário”

Cristãos e marxistas em diálogo

| 20 Mai 2022

jose manuel pureza foto bloco de esquerda

José Manuel Pureza, investigador do CES e membro da Comunidade Cristã de Acolhimento João XXIII, será um dos intervenientes. Foto: Direitos reservados.

 

“Em busca de um futuro comum solidário – DIALOP como plataforma de diálogo entre cristãos e marxistas” é o título de um seminário que se realiza na próxima segunda-feira, 23 de maio, a partir das 15h00, por videoconferência.

Esta iniciativa cabe ao grupo de trabalho Policredos, do Centro de Estudos Sociais (CES), da Universidade de Coimbra, e nela intervêm Cornélia Hildebrandt e José Manuel Pureza, cabendo a moderação a Teresa Toldy.

Desvendando o tema do seminário, o Policredos explica: “O diálogo entre cristãos e marxistas tomou vários rumos ao longo do tempo. O discurso do Papa Francisco sobre os desafios socioeconómicos, ecológicos e culturais do nosso tempo abre espaço para a busca de convergências entre marxismo e cristianismo – tradicionalmente vistos como campos opostos. O projeto DIALOP (Projeto Diálogo Transversal) busca aprofundar ou intensificar essa busca de complementaridades e harmonias para encontrar a ação transformadora necessária.”

Este projeto deu já origem a vários encontros, inicialmente impulsionados por Franz Konreif, membro do movimento dos Focolares, na Áustria, e o secretário-geral do Partido Comunista austríaco, Walter Baeir, que, em 2014, e em conjunto com o ex-primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, foram recebidos pelo Papa Francisco em audiência.

Outra das iniciativas foi a publicação do livro com textos do Papa Francisco, Franz Konreif, Walter Baeir, Cornélia Hildebrandt ou José Manuel Pureza, entre outros, com o título Europe as a CommonExploring Transversal Social Ethics (“A Europa como um espaço comum – Explorando éticas sociais transversais”, em tradução livre). O texto do Papa tem o título “A opção preferencial pelos pobres – um critério-chave para a autenticidade cristã” e corresponde à sua alocução na audiência geral de 19 de Agosto de 2020.

Cornélia Hildebrandt é copresidente da Transform! Europa, rede de 39 organizações europeias de 23 países associados ao Partido da Esquerda Europeia. José Manuel Pureza, por sua vez, é professor de Relações Internacionais da Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra e investigador do CES e membro da Comunidade Cristã de Acolhimento João XXIII. É também dirigente e foi deputado do Bloco de Esquerda. A moderadora é professora de Ética da Universidade Fernando Pessoa e investigadora do CES. Na página desta instituição, podem encontrar-se mais informações e a ligação de acesso ao seminário.

 

“As estatísticas oficiais subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia Cáritas

7MARGENS antecipa estudo

“As estatísticas oficiais subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia Cáritas novidade

Ao basear-se em inquéritos junto das famílias, as estatísticas oficiais em Portugal não captam as situações daqueles que não vivem em residências habituais, como as pessoas em situação de sem-abrigo, por exemplo. E é por isso que “subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia a Cáritas Portuguesa na introdução ao seu mais recente estudo, que será apresentado na próxima terça-feira, 27 de fevereiro, na Universidade Católica Portuguesa do Porto.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Ver teatro que “humaniza” e aprender a “salvar a natureza”? É no Seminário de Coimbra

Atividades abertas a todos

Ver teatro que “humaniza” e aprender a “salvar a natureza”? É no Seminário de Coimbra novidade

Empenhado em ser “um lugar onde a Cultura e a Espiritualidade dialogam com a cidade”, o Seminário de Coimbra acolhe, na próxima segunda-feira, 26, a atividade “Humanizar através do teatro – A Importância da Compaixão” (que inclui a representação de uma peça, mas vai muito além disso). Na terça-feira, dia 27, as portas do Seminário voltam a abrir-se para receber o biólogo e premiado fotógrafo de natureza Manuel Malva, que dará uma palestra sobre “Salvar a natureza”. 

Era uma vez na Alemanha

Era uma vez na Alemanha novidade

No sábado 3 de fevereiro, no centro de Berlim, um estudante judeu foi atacado por outro estudante da sua universidade, que o reconheceu num bar, o seguiu na rua, e o agrediu violentamente – mesmo quando já estava caído no chão. A vítima teve de ser operada para evitar uma hemorragia cerebral, e está no hospital com fracturas em vários ossos do rosto. Chama-se Lahav Shapira. [Texto de Helena Araújo]

Vitrais e escultura celebram videntes de Fátima na Igreja da Golpilheira

Inaugurados dia 25

Vitrais e escultura celebram videntes de Fátima na Igreja da Golpilheira novidade

A comunidade cristã da Golpilheira – inserida na paróquia da Batalha – vai estar em festa no próximo domingo, 25 de fevereiro, data em que serão inaugurados e benzidos os novos vitrais e esculturas dos três videntes de Fátima que passarão a ornamentar a sua igreja principal – a Igreja de Nossa Senhora de Fátima. As peças artísticas foram criadas por autores nacionais, sob a coordenação do diretor do Departamento do Património Cultural da Diocese de Leiria-Fátima, Marco Daniel Duarte.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This