Cristianismo

50 anos do Copic

Católicos, protestantes e evangélicos assinam programa Eco-Igrejas com organizações ambientais novidade

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP, católica), o Conselho Português de Igrejas Cristãs (Copic, protestante) e a Aliança Evangélica Portuguesa (AEP) subscrevem neste sábado, 12 de Junho, o memorando para o programa Eco-Igrejas Portugal, que será liderado pela organização não governamental de ambiente A Rocha e subscrito ainda pela Rede Cuidar da Casa Comum.

Colóquio em Coimbra

Santo António, crítico da “economia viciosa” e “filósofo” da conversão moral novidade

É necessária e urgente uma “economia ética da casa comum”, inspirada no pensamento de Santo António e na sua crítica à “economia viciosa e de pecado”. A ideia será defendida pelo padre franciscano Vítor Melícias, que intervém na manhã deste sábado no colóquio Santo António – 800 anos de vocação franciscana, que decorre no Mosteiro de Santa Cruz, em Coimbra.

Inquérito 7M/Família Cristã

Bancos de roupa, apoio a estudantes e integração de refugiados, boas práticas motivadas pela Laudato Si’ novidade

Lojas sociais para apoiar estudantes necessitados, famílias que apoiam famílias, aproveitamento de águas da chuva para rega ou bancos de fardas nos escuteiros são algumas das muitas ideias que as dioceses e organizações católicas colocam em prática. Ideias incluídas nas respostas ao inquérito sobre a aplicação da encíclica Laudato Si’ em Portugal e que podem servir de inspiração.

Munique

Papa apoia cardeal Marx, mas recusa pedido de resignação novidade

O Papa Francisco não aceitou o pedido de resignação do cardeal Reinhardt Marx do cargo de arcebispo de Munique e Freising que este havia apresentado em maio último e anunciado publicamente na passada sexta-feira, dia 4. Francisco adverte que “a Igreja hoje não pode dar um passo em frente sem assumir esta crise”, disse, apoiando a reflexão de Marx.

Missionário em Timor

Padre João Felgueiras, 100 anos: várias memórias e três imagens

O padre João Felgueiras, padre jesuíta e missionário em Timor-Leste desde 1971, atravessou a época colonial portuguesa (até 1975), a ocupação indonésia (1975-1999) e os anos da independência (2002 até hoje). Completando 100 anos neste 9 de Junho (viveu 50 anos em Portugal e outros 50 em Timor-Leste), o jesuíta foi o centro de uma pequena homenagem em Díli, que incluiu a publicação de um livro com vários depoimentos. Dele se extraem vários elementos que a seguir se coligem acerca da vida deste homem e padre que, durante a ocupação indonésia, apoiou a resistência timorense e que chegou a enviar recados para os políticos portugueses (ver texto de Adelino Gomes no final).  

Inquérito 7Margens/Família Cristã

De um retiro ecológico ao “lixo zero”, as iniciativas para pôr a Laudato Si’ em prática

Prepara-se um “retiro ecológico” e multiplicam-se as medidas para redução de desperdícios e de consumos ou criam-se hortas para consumo próprio. Estas são algumas das iniciativas já postas em prática em várias instituições católicas portuguesas, tentando corresponder aos apelos e sugestões feitos pelo Papa Francisco na encíclica Laudato Si’.

Vaticano

Papa manda fazer auditoria à Congregação para o Clero

O Papa nomeou o bispo Egidio Miragoli para levar a cabo uma “visitação” (entenda-se: auditoria) à Congregação vaticana para o Clero. Esta Congregação, que é responsável por mais de 410 mil presbíteros em todo o mundo, bem como pelos seminários, começará a ser examinada já esta quarta-feira, devendo Miragoli, um doutor em direito canónico, ouvir todos os que trabalham naquela estrutura.

Moçambique

Centenas de crianças raptadas pelos terroristas

O padre Kwiriwi Fonseca, da Diocese de Pemba, em Moçambique, alertou para o rapto de “centenas de crianças” pelos terroristas na província de Cabo Delgado, norte do país africano. “Os terroristas estão a usar meninos para treiná-los, enquanto as meninas são feitas de esposas, estupradas, tudo isso. Algumas das mulheres, quando [os terroristas] percebem que [já] não lhes interessa, são mandadas embora”, relata o sacerdote, em depoimento à fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS).

Ano de S. José em Coimbra

Dia do Ambiente assinalado com plantação de cedro do Líbano

A Paróquia de S. José, em Coimbra assinalou, no passado sábado, o Dia Mundial do Ambiente com a plantação de um Cedro do Líbano no jardim junto à igreja.  Um momento que contou com a presença de Helena Freitas, professora do Departamento de Botânica da Universidade de Coimbra, e de um grupo de crianças da catequese, do Grupo ASJ – Adolescentes de São José e de vários paroquianos.

Entre Margens

Quem segue o padre TikTok segue Jesus?

Serão as redes sociais a versão moderna de seguir o padre em vez de seguir Jesus? No Seu tempo, seguir Jesus era uma experiência literal. Para onde Jesus ia, as pessoas seguiam-no para O ouvir. Hoje, se Jesus estivesse presente nas redes sociais e tivesse biliões de seguidores dado o número de cristãos no mundo, teria o mesmo efeito na vida das pessoas?

Vaticano

Papa “magoado” com restos mortais de 215 crianças no Canadá

O Papa Francisco confessou-se magoado com a descoberta dos restos mortais de 215 crianças numa antiga escola católica para crianças indígenas no Canadá, pedindo respeito pelos direitos e culturas dos povos nativos. No entanto, não apresentou um pedido de desculpas, como pretendem o Governo daquele país e dirigentes de comunidades autóctones.

Entre Margens

A paz. Para além do medo e da ameaça

O Papa Francisco, em várias ocasiões, tem pugnado pela abolição total das armas nucleares, declarando a ilicitude moral do seu uso e até da sua posse. A Santa Sé foi dos primeiros aderentes ao Tratado das Nações Unidas sobre a abolição total dessas armas, o qual já recolheu a adesão do número suficiente de países para entrar em vigor.

Concerto em Lisboa

Música de Pärt e Teixeira para um tempo de confiança

Hinário para um tempo de confiança, obra musical de Alfredo Teixeira, sobre textos de frei José Augusto Mourão, e The Beatitudes (As bem-aventuranças), do estoniano Arvo Pärt, raramente interpretada em Portugal, são as duas peças que marcam o regresso do Ensemble São Tomás de Aquino à sua temporada de concertos, neste sábado, 5 de Junho, às 21h, na Igreja Paroquial de São Tomás de Aquino (R. Virgílio Correia, em Lisboa).

Crianças indígenas de internatos

Governo do Canadá pressiona para que Papa e bispos peçam desculpa

O ministro para os assuntos indígenas do governo do Canadá defendeu esta quarta-feira, 2, que competiria ao Papa apresentar um pedido de desculpas formal pelo papel que a Igreja Católica teve ao longo de décadas nos internatos do país. A posição surge depois de deterem sido encontrados por um sistema de radar os restos mortais de mais de 200 crianças, em terrenos pertencentes a uma dessas instituições.

Covid-19

Bispos europeus e africanos apelam a “acesso justo e universal” a vacinas

O Conselho das Conferências Episcopais da Europa (CCEE) e o Simpósio das Conferências Episcopais de África e Madagáscar (SECAM) lançaram um apelo conjunto pelo “acesso justo e universal” às vacinas contra a Covid-19. Também os bispos da União Europeia destacaram a importância do anunciado Certificado Digital Verde mas deixam o alerta para que este não exclua “ninguém”.

João Resina, o padre da física quântica

Nesta quinta-feira, 3 de junho, completam-se 11 anos que o Padre João, como era conhecido entre aqueles que mais de perto tinham o privilégio de com ele lidar, partiu para Deus. Por coincidência de datas, em 3 de junho de 2010 a Igreja celebrava, tal como hoje, a solenidade do Corpo de Cristo.

Igreja Católica

Papa Francisco cria nunciatura na Arménia

  O Papa Francisco vai criar uma nova nunciatura na Arménia, país que até agora partilhava a nunciatura com a Geórgia. A notícia foi avançada esta quarta-feira, 2 de junho, pela revista Família Cristã. Em declarações àquela publicação, o atual núncio apostólico...

EUA

Bispo John Stowe participou na Benção do Orgulho Católico

Menos de três meses depois de o Vaticano ter emitido a proibição de padres abençoarem uniões do mesmo sexo, o bispo John Stowe, de Lexington, Kentucky (EUA), participou na Bênção do Orgulho Católico, celebrada ontem, 1 de junho, em modo virtual. Mais de 20 líderes e organizações católicas dos EUA estiveram presentes nesta celebração que marcou o início do mês do Orgulho LGBTQ, onde foram abençoados vários elementos da comunidade católica LGBTQ.

República Centro-Africana

Dieudonné Nzapalainga, o cardeal Coragem

Acaba de sair o livro Vim trazer a Paz a todos. O combate de um cardeal coragem no meio do caos, que traça o perfil do mais jovem cardeal da Igreja, Missionário Espiritano. Depois dele, vem o cardeal português Tolentino Mendonça. Andrea Riccardi, fundador da Comunidade de Santo Egídio, assina o prefácio que mostra o rosto de um país ainda destroçado por violências que não se sabe quando vão terminar.

Código de Direito Canónico

Papa agrava penas para crimes de abusos

O Papa Francisco publicou nesta terça-feira, 1 de Junho, a constituição Apostólica Pascite gregem Dei, promovendo uma reforma do Código de Direito Canónico (CDC) no que se refere às sanções penais na Igreja, com atenção particular aos casos de abusos sexuais, agravando várias penas existentes.

Canadá

Vala comum com 215 crianças: Igreja expressa a sua dor

Diante do macabro dos restos mortais de 215 crianças de comunidades indígenas do Canadá, numa vala comum dos terrenos de um internato, descobertos na semana passada, a opinião pública daquele país reagiu expressando “choque” e vergonha”, segundo relatam os media locais.

Três mil dias depois

Os números impressionam mas não dizem quem é o Papa

O blogue romano Il Sismografo fez as contas e chegou à conclusão de que, neste domingo, 30 de maio, completaram-se 3000 dias desde que Jorge Mario Bergoglio recebeu o fumo branco para se tornar o sucessor de Bento XVI. Foi mais longe e vasculhou os arquivos do Vaticano, tendo chegado à conclusão de que Francisco poderia ser um sério candidato ao título de papa mais produtivo nos primeiros oito anos de magistério.

400 mil deslocados

O vulcão Nyiragongo irrompe em mais uma tragédia no Congo

Cerca de 400 mil pessoas estão a deixar as suas casas na região Leste do Congo, por causa das ameaças de mais erupções do vulcão Nyiragongo. As autoridades obrigaram à evacuação de dez distritos da cidade de Goma, situada a 20 quilómetros do vulcão, junto ao lago Kivu e à fronteira do Congo com o Ruanda. Esta é mais uma tragédia a juntar a outras.

Índia

Padre jesuíta Stan Sawmy internado com covid

O padre jesuíta indiano Stam Swamy foi transferido, no início do último fim-de-semana, para uma unidade de cuidados intensivos do Hospital Sagrada Família (Bombaim) onde, segundo noticia o portal Vatican News, chegou na sexta-feira, dia 28 de maio, muito debilitado e depois de ter testado positivo à covid-19.

Ribeiro Telles: unanimidade nacional

Li com entusiasmo, no 7MARGENS, a notícia sobre a proposta de criação do Dia Nacional dos Jardins. Em tempo de reflexões sobre a encíclica Laudato Si’, e transformando dados diversos em unidade de pensamento, escrevi.

Hans Zollner sobre abusos sexuais

Igreja portuguesa tem de fazer trabalho de casa antes que escândalos rebentem

O padre Hans Zollner, presidente do Centro para a Protecção de Menores (CPM), integrado no Instituto de Psicologia da Universidade Pontifícia Gregoriana (Roma), aconselhou neste fim-de-semana os bispos e superiores religiosos da Igreja Católica em Portugal a fazerem o trabalho de casa no âmbito dos abusos sexuais a crianças, para evitar que os escândalos rebentem.

Entre Margens

Humanidade e lei

Ao reler algumas partes do livro “O Sopro da Vida Interior” da freira beneditina americana Joan Chittister, vi-me confrontado com a minha humanidade. Escreve Joan: Não estamos interessados em proteger o inocente; queremos matar os assassinos. Queremos os dissidentes silenciados. Queremos os não-conformistas excomungados. Queremos os rebeldes reduzidos a nada. Queremos lei e ordem. E continua: Estamos tão concentrados na religião que esquecemos a retidão.

Abusos sexuais

Cardeal de Colónia: visita da comissão apostólica não é “moção de desconfiança”

O arcebispo de Colónia (Alemanha), cardeal Rainer Maria Woelki, divulgou neste sábado, 29 de maio, um comunicado em que recusa classificar a visita da comissão apostólica nomeada pelo Papa Francisco como “uma moção de desconfiança” à forma como tem dirigido a arquidiocese e em particular lidado com a investigação dos abusos sexuais de menores nela perpetrados.

322 mil mortos no país

Covid-19 já matou mais de 400 padres e freiras na Índia

Na Índia, a pandemia matou até este sábado, 29 de maio, pelo menos 205 padres, 210 freiras e três bispos. O levantamento foi feito pelo padre capuchinho Suresh Mathew, editor da revista católica Indian Currents. “O alto índice de baixas entre padres e freiras deve-se ao facto de eles e elas trabalharem em áreas remotas, onde as instalações médicas são raras”, disse Mathew ao Vatican News.

Fraternitas promove

Queiruga fala sobre Küng em sessão vídeo

A associação Fraternitas Movimento, que reúne padres católicos que deixaram de exercer o ministério e as suas famílias, promove neste sábado, 29 de Maio, um encontro digital e aberto a todos os interessados, para aprofundar o pensamento de Hans Küng, o teólogo que morreu no passado dia 6 de Abril, aos 93 anos. 

Por causa de Joe Biden

Carta do Vaticano divide os bispos dos Estados Unidos

As divisões entre os bispos dos Estados Unidos vieram para a praça pública, nos últimos dias, ainda a propósito das diretrizes sobre a dignidade da comunhão, que o episcopado planeara aprovar na sua próxima assembleia, em junho. Em pano de fundo, as posições do católico Presidente Biden acerca da possibilidade legal do aborto.

Lidia Maksymowicz tinha 3 anos

A prisioneira nº 70072 de Auschwitz que o Papa beijou

O seu nome é Lidia Maksymowicz, mas durante muito tempo foi chamada pelo número 70072, que lhe tatuaram assim que entrou em Birkenau, um dos campos de concentração de Auschwitz, quando era ainda criança. Quase 80 anos depois, Lidia assistiu esta quarta-feira, 26 de maio, à audiência geral do Papa e no final teve oportunidade de falar com ele. Francisco, comovido, beijou-lhe o braço, precisamente sobre a marca da violência a que foi sujeita pelo regime nazi.

O coração no meio da escuridão

Fátima nunca será um tema consensual. Uns veem-na como crendice popular sem sustento, outros encaram-na como algo politicamente conveniente, outros ainda, têm em Fátima a história da sua conversão pessoal. Na diversidade (e antagonismo, em determinados casos), haverá verdade. Os acontecimentos da Cova da Iria deram azo à maior variedade de posições e interpretações e talvez esse facto constitua também uma riqueza.

Laudato Si’: Igreja em Portugal sem metas ecológicas e com pouca formação nos seminários

Ainda falta muito para que as sugestões e propostas do Papa na encíclica Laudato Si’ sejam concretizadas em Portugal. Um inquérito do 7MARGENS e Família Cristã faz o levantamento do que (não) se faz. Os dados são positivos na honestidade das respostas e em algumas das iniciativas que apresenta, mas também há motivos para espanto e preocupação, incluindo por parte do presidente da Conferência Episcopal.

Inquérito sobre a Laudato Si’

Como foi preparado o que o Vaticano considera “um trabalho pioneiro”

O inquérito elaborado pelo 7MARGENS e pela Família Cristã é um “trabalho pioneiro”, considerou o padre Joshtrom Isaac Kureethadam, coordenador do sector Ecologia e Criação no Dicastério para o Serviço do Desenvolvimento Humano Integral, do Vaticano, que na manhã desta terça-feira, 25, será um dos intervenientes na conferência de imprensa de apresentação da Plataforma de Acção Laudato Si’, em Roma.

Orçamento 2021

Comunicação consome 17% das receitas da Santa Sé

Não basta garantir as rotinas, trabalhar em escritórios agradáveis e bem organizados e desempenhar as funções habituais para conseguir que a informação, as notícias cheguem a quem devem chegar, afirmou o Papa Francisco nesta segunda-feira, 24 de maio, ao visitar os media do Vaticano que custam à Santa Sé mais do que todas as suas embaixadas em todo o mundo.

Dioceses e paróquias podem ter certificação verde

Papa lança Plataforma Laudato Si’, plano de sete anos para dar à Igreja uma consciência e planos ecológicos

Será um ambicioso plano de sete ano, com metas, responsáveis e estratégias definidas. O Papa pretende colocar dioceses, paróquias e outras estruturas católicas em sintonia com o “grito da terra” e o “grito dos pobres”. A Plataforma Laudato Si’ será apresentada nesta terça-feira, 25. O 7MARGENS e a Família Cristã falaram com o responsável do Vaticano por esta nova iniciativa, que aqui levanta o véu sobre ela.

Polícia chinesa prende um bispo, sete padres e 10 seminaristas

Nesta sexta-feira, 21, a polícia chinesa invadiu a prefeitura apostólica de Xinxiang, na província de Hebei, na China, e prendeu o bispo Zhang Weixhu. No dia anterior cerca de uma centena de agentes policiais cercaram uma fábrica que funcionava como seminário e, pelo mesmo processo, prenderam sete padres e 10 seminaristas.

Universalidade de gestos e emoções

Pentecostes: O Sopro

O Cristo ressuscitado, Cristo Jesus, o Nosso Senhor, certeza, motivo, mistério da nossa fé e a celebração de Pentecostes. O Sopro do Espírito Santo em face da gente unida pelo medo, pela insegurança, pela ameaça, por todo o sinal de violência do mundo, lá fora. De repente, a iluminação, a sabedoria, a linguagem, variada e entendível entre todos, os apóstolos, os tantos homens e as mulheres ali assustados, perdidos no sentido das palavras certas para dizer. Para cumprir. Para seguir.  

Povo em movimento

Voz(es) que clama(m) do deserto

Desertos, regiões geográficas sinónimas de secura, esterilidade e de isolamento, na antiguidade bíblica sempre foram locais muitas vezes associados a pureza. Sempre que Deus queria preparar o seu povo escolhido para uma tarefa grandiosa, conduzia-o a locais isolados e desérticos. A visão de um povo em movimento, essencialmente nómada, sempre foi tida em contraste com a vida da polis, das sociedades urbanas.

Mensagem do Conselho Mundial de Igrejas

Pentecostes lembra mãos curadoras

“A visão do Pentecostes continua a iluminar-nos e a reacender o Evangelho para toda a criação – nós testemunhamo-lo nas mãos curadoras daqueles que cuidam de todos os aflitos e afetados pela pandemia. Vemos isso no fogo que queima por justiça social, económica e climática nos corações das comunidades eclesiásticas em todo o mundo. Sentimos isso na necessidade premente das mulheres, jovens e velhas, de uma nova terra, como previu o profeta Joel.” A afirmação consta da mensagem dos presidentes do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) para o tempo de Pentecostes, festa litúrgica que as igrejas cristãs assinalam no próximo domingo, 23 de maio.

A caridade é o coração da Igreja

Felicito a Igreja Católica de Lisboa pela realização do Congresso Diocesano de Pastoral Socio-Caritativa. Que dê abundantes frutos. O que, por enquanto, me chamou mais a atenção desta magna reunião eclesial, foram alguns extratos da comunicação feita pelo cardeal Tolentino Mendonça. “Não podemos ver a pastoral sócio-caritativa como um departamento, mas como um sopro transversal.

Carta ao Presidente

Organizações cristãs pedem fim da violência na Colômbia

Oito organizações cristãs internacionais, entre as quais o Conselho Mundial de Igrejas (CMI) e o Conselho Episcopal Latinoamericano (Celam), escreveram ao Presidente da Colômbia, Iván Duque Márquez, a apelar ao fim da espiral de violência que se vive no país. Após três semanas de protestos nas ruas, a situação já provocou a morte de mais de 40 pessoas, o desaparecimento de centenas de outros e ferimentos em milhares.

Crónica

Desamores, dores e redenção

Habituamo-nos a tudo na vida, até a ter a alma em frangalhos, cheia de dores, pisaduras, feridas novas e velhas, algumas ainda com sangue a jorrar. Como são dores na alma, não sabemos o que fazer com elas e vamo-las mascarando com distrações várias, pecúlios, alegrias breves e ilusões de felicidade, numa superficialidade tão mais evidente quanto mais fundo é o abismo que levamos dentro.

Conversão de Santo Inácio foi a 20 de Maio de 1521

Por causa de uma ferida, a história dos jesuítas começou há 500 anos

Por causa de uma ferida que sifreu há 500 anos, a 20 de Maio de 1521, Inácio de Loyola resolveu repensar a sua vida. Foi estudar para Paris e, ali, com mais dez companheirtos, fundou a Comapnhai de Jesus. Uma ordem dedicada à evangelização com formas e estratégias inovadoras. Nesta quinta-feira, os jesuítas iniciam em festa um Ano Inaciano e convidam quem queira a festejar com eles. 

Recuperar sorrisos com acesso à educação e ao emprego

A Associação Santa Teresa de Jesus – Dignidade e Desenvolvimento lançou uma campanha para superar situações de vulnerabilidade e promover o acesso à educação das crianças e ao emprego das famílias moradoras na Quinta Fonsecas e Calçada, em Lisboa. 

Biden quer ter o Papa Francisco na Cimeira do Clima, em Glasgow

Os Estados Unidos da América (EUA) desejam que o Papa Francisco participe na COP 26, a Cimeira de Glasgow sobre a crise climática, em novembro, pela “autoridade moral” da sua voz em relação à matéria e, também, por estar “acima da política e fora dos conflitos nacionais”.

Um novo bispo para Hong Kong ao fim de dois anos de espera

O padre Stephen Chow Sau-yan, 61 anos, e até agora o superior da província jesuíta da China, é o novo bispo de Hong Kong, nomeado oficialmente pelo Papa após mais de dois anos de espera tendo em conta a delicadeza das negociações diplomáticas que o Vaticano tem de fazer com a China.

Jerusalém e Gaza “quase à beira de uma guerra civil”, diz patriarca Pizzaballa

Neste domingo, o Papa Francisco voltou a referir-se ao tema, condenando a “inaceitável” morte de crianças no conflito entre Israel e Palestina: “Nestes dias, violentos confrontos armados entre a Faixa de Gaza e Israel aumentaram e arriscam-se a degenerar numa espiral de morte e destruição”, avisou, na sua alocução após a recitação da oração do Regina Caeli.

“Dar espaço às consciências”: de Afonso Maria de Ligório ao Papa Francisco (ensaio)

Como evitar desenvolver “uma moral fria de escritório, quando nos ocupamos dos temas mais delicados”, como escreve o Papa na exortação Amoris Laetitia? No século XVIII, Afonso Maria de Ligório propôs uma reflexão que toma a consciência como instância constitutiva de moralidade. Jerónimo Trigo, professor de Teologia Moral, enuncia aqui alguns dos seus postulados, que viriam a exercer influência no cardeal John Newman, no Concílio Vaticano II e no Papa Francisco.

Nova presidente da Igreja Evangélica Alemã tem 25 anos

    Tem apenas 25 anos a nova presidente do Sínodo da Igreja Evangélica da Alemanha, que acaba de ser eleita por este órgão. Na história da Igreja Evangélica, é a pessoa mais jovem a ocupar o cargo. A nova presidente, Anna-Nicole Heinrich, é investigadora de...

Os Caminhos de Santiago que levam a Fátima

Há palavras que podem definir o caminho: amizade, crescimento pessoal e espiritual, paixão… ou, simplesmente, dizer que “é como a vida, cheio de altos e baixos e desafios”. Três peregrinos de Santiago de Compostela – a arquitecta e docente Florbela Ferreira, a produtora de açafrão Luísa Amorim e o engenheiro civil Diogo Carmo – meteram-se ao Caminho.

Cinema, filósofos, crises e laboratórios da esperança na mensagem do cardeal Tolentino em Fátima

Em 1917, em plena Guerra 1914-18, e de novo em 1943, antes do fim da Segunda Guerra Mundial, dois filósofos diziam, por palavras semelhantes, o mesmo da mensagem de Fátima: “uma penitência comum, um arrependimento comum, um sacrifício comum” que favorecessem a “interajuda solidária e recíproca”. Agora, é tempo de reconstruir, sem esquecer a dimensão espiritual, pediu o cardeal Tolentino em Fátima.

A tradição e modernidade de Fátima, segundo o cardeal Tolentino

A Igreja Católica tem pela frente o “desafio de reflectir sobre o sentido da vida, sobre as suas prioridades, o que é essencial”, disse o cardeal Tolentino Mendonça, nos momentos iniciais da peregrinação do 13 de Maio, em Fátima. E deve aceitar, acrescentou, o seu próprio “trabalho de reconfiguração” sempre requerido “para cada comunidade poder ser uma resposta às necessidades”.

Instituições de solidariedade têm sido parente pobre nos apoios da pandemia, diz cardeal Marto

O sector social “tem sido o parente pobre” dos apoios sociais ligados à pandemia, e as ajudas do Estado não têm sido suficientes para evitar a insolvência de muitas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS), disse o cardeal António Marto, bispo de Leiria, na tarde desta quarta-feira, 12 de Maio, na conferência de imprensa que marcou o início da peregrinação aniversária de 13 de Maio.

Um silêncio para lá das nuvens, há mais de 60 anos

  Sem pausa, há mais de 60 anos, um grupo de crentes reveza-se, de hora a hora ou de duas em duas horas, para garantir um louvor contínuo na Capela do Santíssimo Sacramento, em Fátima, um espaço procurado não apenas por católicos, mas também por “inquietos”. Na...

Igreja promove formação sobre abusos, mas não tem números nacionais sobre o tema

Não há números nacionais relativos aos casos de abusos sexuais sobre menores por parte de clérigos, admitiu na tarde desta quarta-feira, 12 de maio, em Fátima, o padre Manuel Barbosa, porta-voz da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), no final da reunião do conselho permanente do organismo colectivo dos bispos. “Cada diocese deverá dar essa resposta, não temos dados nesta altura. Não vos posso dar números, se é que há números”, afirmou o secretário da CEP aos jornalistas.

Bispo polaco obrigado a renunciar por não ter agido contra abuso de menores

A nunciatura apostólica na Polónia divulgou esta quarta-feira, 12 de maio, que o Papa Francisco aceitou o pedido de renúncia do bispo da Diocese de Bydgoszcz, Jan Tyrawa, após a investigação conduzida pelo Vaticano ter concluído que este tratara de forma negligente as denúncias contra um padre da diocese acusado de abusar repetidamente de menores, limitando-se a transferi-lo de paróquia em paróquia.

Índia não respeita direitos humanos, mas cimeira com UE foi profícua, dizem jesuítas e Amnistia

É preciso dizer à opinião pública que os direitos humanos não são, neste momento, respeitados na Índia”, diz o padre jesuíta José Maria Brito. O que ficou enunciado acerca dos direitos humanos na declaração final da cimeira dos líderes da União Europeia com o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, “não corresponde ao que acontece na Índia, de uma forma sistemática e prolongada no tempo; e não tem havido sinais por parte do Governo indiano de que isso vá mudar”.

Papa condena violência doméstica e está preocupado com situação em Jerusalém, Afeganistão e Colômbia

O Papa apelou neste domingo ao fim da violência em Jerusalém, manifestando “particular preocupação” pelos confrontos registados na cidade nos últimos dias. “Rezo para que [Jerusalém] seja um lugar de encontro e não de confrontos violentos, lugar de oração e de paz”, disse Francisco, desde a janela do apartamento pontifício, após a recitação da oração do Regina Caeli.

O toque e o cuidado na Semana da Vida da Igreja Católica

“A vida que nos toca, a vida que sempre cuidamos” é o tema genérico da Semana da Vida que a Igreja Católica promove desde este domingo, 9, até ao próximo, dia 16 de Maio. A iniciativa, organizada pelo Departamento Nacional de Pastoral Familiar (DNPF), pretende abranger diferentes temas em cada um dos dias da semana: cuidado da casa comum (nesta segunda, 10), a vida que nasce (terça, 11), a educação e o futuro das novas gerações (quarta, 12), os jovens (quinta, 13), os idosos (sexta, 14) e a família (sábado, 15).

“Des-samaritanização”, em processo dialético?

O posicionamento da Igreja, no lado da oferta de serviços e não tanto da procura, dificultou-lhe a aceitação do Estado social que, até certo ponto, foi considerado seu competidor; ao mesmo tempo, deu origem a que fosse descurado o desenvolvimento e a qualificação dos grupos paroquiais de ação social, em contraste com a importância atribuída aos centros sociais paroquiais, às santas casas da misericórdia e a outras instituições.

Visto para a procura de trabalho, pedem organizações católicas das migrações

A criação de um visto para a procura de trabalho e a consagração legal da igualdade de direitos para imigrantes com processos de regularização pendentes são duas das principais reivindicações de quatro organizações católicas ligadas às migrações, feitas numa carta dirigida ao primeiro-ministro, a propósito do que se tem passado no concelho de Odemira nas últimas duas semanas.

“À Sombra do Silêncio” – Elogio ao poeta do ‘pensar emocionado’

Que coisa é a poesia, o pensamento poético, senão o labor silencioso da captação da ausência, do invisível que está aí para que se veja, se apresente? Só um fino olhar, transfigurado e transfigurador, captará tal modo de ser presença. Este pensar sensível, que mantém a tensão entre o conceito e a intuição, a razão e a pulsão, mantem-nos despertos do longo sono do racionalismo estrito, de uma razão tecnológica glicémica, mas estreita e pesada, que nos adormece e embala, de teorema em teorema, não obstante a condição trágica em que os humanos vivem – a permanente e inacabada “noite do Getsémani”.

Europa é chamada a reconstruir serviços públicos e protecção social, defendem Trabalhadores Cristãos

“Hoje, a Europa é chamada a construir novamente: serviços públicos fortes, uma política de protecção social inovadora e uma verdadeira solidariedade entre povos e Estados”, afirmou o Movimento dos Trabalhadores Cristãos na Europa (MTCE), por ocasião do Dia da Europa 2021, e no contexto da Cimeira Social da União Europeia que esta sexta-feira, 7 de Maio, decorreu no Porto.

Hans Küng, de “A Igreja” ao “Projeto Para Uma Ética Mundial”

Küng é um profeta do nosso tempo, e isso viu-se quando a Congregação para a Defesa da Fé (antiga Santa inquisição) o sancionou, retirando-lhe a cátedra e o múnus. Hans Küng deixou na sua obra a beleza de ser cristão, da reflexão sem cadeias e a proposição de que as questões infalíveis não o são; por isso a Igreja deve estar-lhe grata e aprofundar o seu pensamento. Um dia a história saberá quem foi este grande teólogo.

O Mercado e o Templo (15): Quando o conhecimento era um bem comum e gratuito

As proibições teológicas souberam gerar meios de liberdade para mercadores e intelectuais, como seguros e universidades. A antiga cultura sabia que bem precioso, mesmo divino, era o conhecimento e protegia-o do lucro. Agora, na lógica do capitalismo, vêem-se apenas custos e benefícios. Este é o décimo quinto dos textos da série de crónicas que o 7MARGENS publica todas as quartas-feiras e sábados, da autoria de Luigino Bruni.

O desaparecimento dos gigantes da fé

De vez em quando temos a sensação de que se está a passar na porta giratória para um mundo diferente. Em especial quando se toma consciência de que alguns dos maiores gigantes do mundo cristão nos deixaram. O mais recente foi o grande teólogo e pensador protestante latino-americano René Padilla (1932-2021), o “pai” do conceito de “missão integral” que revolucionou as teologias do continente, em particular a missiologia.

Papa Francisco aprovou canonização de Carlos de Foucauld, santo entre os tuaregues

O Papa Francisco decidiu nesta segunda-feira, 3 de Maio, aprovar a canonização do francês Carlos de Foucauld, inspirador dos Irmãozinhos e Irmãzinhas de Jesus, que viveu como eremita no deserto argelino, entre tuaregues, e acabaria assassinado. Na cerimónia da sua beatificação, em 13 de novembro de 2005 (presidida pelo cardeal português José Saraiva Martins, então prefeito da Congregação para as Causas dos Santos), uma delegação tuaregue fez-se representar na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

[À volta do 1º de Maio] Sozinhos nos querem? Solidários nos terão

Em todo o mundo, surgem movimentos cada vez mais organizados de trabalhadores das plataformas digitais (gig workers). Em Portugal, nos últimos anos, plataformas de trabalhadores precários como os FERVe, Precários Inflexíveis, Movimento dos Trabalhadores em Arquitectura e movimentos de trabalhadores da cultura têm marcado a diferença nas formas de luta e nas conquistas de milhares de trabalhadores.

Flannery O’Connor e “Um Diário de Preces”

Flannery O’Connor foi uma escritora norte-americana (1925-1964), falecida aos 31 anos de lúpus, doença degenerativa precocemente diagnosticada (aos 12 anos) e que, depois de lhe terem sido dados cinco anos de vida, Flannery conseguiu, com uma vontade indomável, prolongar por mais 10 anos. Católica convicta, viveu em Savannah, na Geórgia, no sul protestante e conservador. Escreveu sobretudo sobre a decadência do sul da América. Fez uma licenciatura em Inglês e Sociologia e uma pós-graduação através de um writer’s workshop (oficina de escrita) na Universidade de Iowa. Escreveu 32 contos e dois romances.

O teatro da vida na leitura cristã de Luís Miguel Cintra

A revista E, do Expresso, deste fim-de-semana traz em várias páginas a súmula de mais de duas horas de conversa de Luís Miguel Cintra com a jornalista Luciana Leiderfarb, com as imagens da objetiva do repórter António Pedro Ferreira. Destaca-se dela não só uma grande personalidade do teatro, mas também uma pessoa de enorme sensibilidade e riqueza humanas.

[À volta do 1º de Maio] Estranha forma de vida

Ao aceitar o desafio de escrever sobre o trabalho enquanto artista e profissional da cultura, Rui Aleixo aflora uma panóplia de aspetos que estão intimamente ligados a esta profissão, mas também à vida de um artista, que é muitas vezes indissociável do seu trabalho. Este contributo não pretende esgotar o tema, mas poderá ajudar a desmontar clichés e a tornar menos abstrata esta estranha forma de vida.

Jornal do Vaticano preocupado com lítio em Boticas

No momento em que o Governo deu, pelo menos do ponto de vista ambiental, luz verde à exploração de lítio na Mina do Barroso, no concelho de Boticas, o jornal do Vaticano, L’Osservatore Romano, destaca as preocupações que tão polémico projeto levanta, invocando a encíclica do Papa Francisco Laudato Sí’.

Escolha dos bispos entre a sensibilidade do Papa e o trabalho das nunciaturas

A sensibilidade de um pontificado tem uma influência decisiva sobre as escolhas de bispos que têm lugar nesse pontificado. Quem o afirma em entrevista à Vatican News é o prefeito da Congregação para os Bispos, Cardeal Marc Ouellet, para quem: “Cada Papa recebe do Espírito Santo uma ‘visão’ particular sobre os problemas da Igreja e as suas prioridades. Os que colaboram com o Papa são chamados a entrar na perspetiva do Primeiro Pastor”.

Dante e o Inferno: o sentido perdido ou nebuloso da jornada humana

“Deixai toda a esperança, vós que entrais” (Lasciate ogne speranza, voi ch’intrate). Assim se lê na advertência encontrada por cima da porta do Inferno, no início do canto III da Divina Comédia de Dante Alighieri. A estratificação do Inferno em nove círculos, cada um deles com penas mais terríveis do que o antecedente, muito contribuiu para o imaginário do discurso religioso cristão acerca das penas que sofrerão os réprobos nos finais dos tempos.

O bispo num barco que vai salvar vidas para o Mediterrâneo

A mola que o fez despertar foi a viagem do Papa a Lampedusa, em 2013, para estar ao lado dos migrantes e refugiados que tentam chegar à Europa. Apesar dos problemas de saúde, um bispo católico alemão embarcou agora no Sea Eye para ajudar a socorrer aqueles a que os governos europeus continuam a fechar os olhos.

Joe Biden rompe com antecessores e reconhece assassinato em massa dos arménios como “genocídio”

O Presidente dos Estados Unidos da América, Joe Biden, reconheceu que o massacre dos arménios pelo Império Otomano em 1915 foi um “genocídio”, noticiou o diário The Washington Post na tarde deste sábado, 24. A Casa Branca, refere o jornal, tinha sempre evitado usar a designação para não prejudicar as relações dos Estados Unidos da América com a Turquia.

Inquisição em Portugal: Erasmo entre a Contra-Reforma e a Reforma

A presença dos judeus na Península Ibérica é muito antiga, sendo impreciso o momento em que eles aqui se estabeleceram. A certeza é que os judeus sefarditas desempenharam “notável papel” na sociedade medieval peninsular: “é a Idade de Ouro do Judaísmo na Diáspora”. Com a invasão árabe, os judeus viveram em plena liberdade de culto e incrementaram um grande desenvolvimento económico com o Oriente.

“O grito”

Quem não conhece a pintura a óleo de Edvard Munch, que é posta a par da Mona Lisa? Como é possível que uma tela inerte, fechada em si, no silêncio perpétuo, arraste o nosso olhar como quem é atraído pelo mais tremendo grito de solidão? Quantas vezes na vida sentimos que somos um grito que perdeu a voz? Não haverá ninguém que nos ouça?

A longa e iníqua Inquisição

Até ao séc. XV, vigorou no nosso país um clima de convivência pacífica entre cristãos, judeus e muçulmanos, respeitando-se mutuamente. Uma liberdade religiosa apadrinhada pelos primeiros monarcas e pela Igreja. Pelo que se sabe, só nas Cortes de 1361 as minorias judaicas foram episodicamente sujeitas a perseguição por parte dos comerciantes que competiam nos negócios com os judeus.

“Alguma coisa de tão forte dentro de nós”: Maria Natália Duarte Silva Teotónio Pereira (1930-1971)

Inspirou-se num excerto da Carta aos Romanos para propor uma comissão de apoio aos presos políticos. Desejava que a sua vida fosse uma aventura e envolveu-se em dezenas de iniciativas de oposição à ditadura. Natália Duarte Silva morreu prematuramente há 50 anos, que se completam neste dia 23, antes de ver chegar a liberdade e a democracia pelas quais lutava. À filha Luísa, que aqui a evoca, escreveu que antes de passar qualquer coisa ao papel, é preciso senti-la fortemente dentro de nós.

Arcebispo de Colombo contra clima de desconfiança entre religiões

Os atentados do Domingo de Páscoa de 2019 que fizeram 269 mortos e mais de 500 feridos em três igrejas e três hotéis de luxo do Sri Lanka “revelaram-nos a doença que está crescendo” no país, a doença “da desconfiança entre raças e entre religiões” e a “necessidade de todos nos unirmos”, declarou o arcebispo de Colombo, cardeal Malcom Ranjith.

Pequim aumenta repressão sobre a igreja católica

As autoridades chinesas da cidade de Zhaoxian (a 280 km de Pequim, na província de Hebei) fecharam na semana passada o orfanato Liming Zhi Jia das Irmãs do Menino Jesus, deixando várias dezenas de órfãos desfavorecidos e crianças deficientes em perigo sem apoio vital.

Viver é Cristo, morrer é lucro

Tantos milénios soma a humanidade e a morte continua envolta numa densa névoa, como se não fosse um dos poucos factos de que podemos estar certos enquanto vivemos, para os outros e para nós próprios. Estranhamente, a morbidez escura e em surdina com que se vive o momento da morte e os que se lhe seguem alastra para todos os ambientes, incluindo os cristãos, como se não houvesse forma de contornar o politicamente correto negro de cara, veste e alma.

Condenado o homicida de George Floyd, falta superar o “racismo sistémico”

Foi com alívio, sentido de justiça e lágrimas que a condenação do polícia que matou George Floyd foi recebida. Pela comunidade negra, naturalmente, mas também por uma boa parte dos cidadãos norte-americanos, a começar pelo seu presidente e ainda os representantes de várias confissões religiosas. “Agora já podemos respirar!” – foi a frase emblemática de um familiar.

O Mercado e o Templo (11): Amor às pessoas do mundo é a “arte de negociar”

Comércio virtuoso e de sucesso é o de quem trabalha por dinheiro e, simultaneamente, por vocação. As duas coisas juntas. A riqueza, como a felicidade, chega procurando (também) outra coisa. É exemplar a criação de relações que tornou grande o toscano Francesco Datini. Pessimismo, cinismo, inveja e desconfiança são os grandes vícios capitais da empresa.

Dois terços da população mundial sujeitos a violações da liberdade religiosa

Dois terços da população do mundo, num terço dos países, vivem situações de discriminação ou perseguição por causa da sua fé religiosa. A situação piorou nos últimos dois anos, diz o Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo, divulgado na manhã desta terça-feira, 20. Os cristãos continuam a ser o grupo mais perseguido e a pandemia ajudou a agravar a situação. Chaves de leitura do documento.

Hans Küng e o argumento ontológico

A morte recente do teólogo suíço Hans Küng despertou-me para a leitura da sua obra. O título mais disponível de imediato foi Aquilo em que creio (Was ich glaube), publicado originalmente em 2009. Neste livro, Küng expõe detalhadamente as suas crenças filosóficas, éticas, religiosas e científicas, revelando uma visão anti-dogmática acerca da fé, desfazendo habilmente alguns mitos acerca de Deus, do Homem e da relação entre fé e ciência, convidando-nos de facto a partilhar de uma visão integral e humanista do fenómeno humano.

Os Dias da Semana – Socorrer urgentemente Cabo Delgado

Moçambique tem um amplo destaque na primeira página da edição de hoje e de amanhã do diário francês Le Monde, por causa dos ataques mortais de jihadistas à cidade de Palma e da instabilidade na província de Cabo Delgado, qualificada como “antigo canto do paraíso”. No interior, as páginas 16, 17 e 18 são integralmente dedicadas ao que se passa na região entalada entre “as ambições da indústria do gás e a pressão jihadista”.

Vida para lá da Terra? Respondem teólogos e astrónomos

Ciência e Espiritualidade é o mote para um encontro organizado pela Faculdade de Teologia e pelo Departamento de Astronomia da Universidade de Genebra (Suíça). “O homem e o céu: do universo mítico ao universo científico” é o tema que procurará responder a perguntas como: O que é o universo? Vida, aqui e além? De onde vimos? Para que fim?

Bispos brasileiros condenam negação da pandemia

“São inaceitáveis discursos e atitudes que negam a realidade da pandemia, desprezam as medidas sanitárias e ameaçam o Estado democrático de direito. É necessária atenção à ciência, incentivar o uso de máscara, o distanciamento social e garantir a vacinação para todos, o mais breve possível” escrevem os bispos brasileiros no termo da 58ª assembleia da Conferência Nacional dos Bispos Brasileiros (CNBB), que decorreu na semana passada durante cinco dias.

Dois quadros de Caravaggio

Há dois episódios que recentemente recordámos na liturgia que continuam a deixar-nos cheios de perplexidade. Falo da tripla negação de Pedro e da incredulidade de Tomé. Afinal, somos nós mesmos que ali estamos representados, por muito que isso nos choque. E o certo é que, para que não haja dúvidas, as palavras que pontuam tais acontecimentos são claríssimas. Pedro recusa terminantemente a tentação, quando Jesus lhe anuncia que ele O vai renegar. E nós sentimo-nos aí retratados.

Bispos de Moçambique: É da responsabilidade do Governo estancar a violência

Uma declaração com um diagnóstico cáustico da situação em Moçambique. Os bispos católicos do país publicaram nesta sexta-feira, 16 de Abril, um documento onde, sem criticar directamente o Governo, dizem que os decisores políticos têm de resolver o problema da falta de perspectivas para os jovens, principal causa da violência. Mas também a fome e a ausência de condições de vida digna são problemas a enfrentar.

Seminário de Coimbra assinala Dia Internacional dos Monumentos e Sítios com direto na cúpula da igreja

Uma conversa em cima do andaime montado na cúpula da igreja do Seminário Maior de Coimbra irá juntar, no próximo dia 19 de abril, pelas 18h, o padre Nuno Santos, reitor da instituição, e Luís Aguiar Campos, coordenador do projeto de conservação e restauro do seminário. A iniciativa pretende assinalar o Dia Mundial dos Monumentos e Sítios (que se celebra domingo, 18) e será transmitida em direto no Facebook.

Vaticano saúda muçulmanos no Ramadão

O Conselho Pontifício para o Diálogo Inter-religioso, da Santa Sé, enviou uma mensagem aos muçulmanos de todo o mundo, por ocasião do início do Ramadão, convidando todos os crentes a serem “construtores e reparadores” da esperança.

Leprosários

A mais recente Responsum ad dubium[1] da Congregação para a Doutrina da Fé relativa à bênção de uniões homossexuais tem feito correr rios de tinta. Se, por um lado, haja quem veja um retrocesso no caminho de inclusão delineado pelo Papa Francisco, outros encaram esta resposta como um travão necessário à prática de bênçãos a casais homossexuais, em total coerência com a linha da doutrina moral da Igreja.

Judeus e muçulmanos na JMJ, e mais mulheres a participar na Igreja

O presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) afirmou nesta quinta-feira, 15, que a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), a realizar em Lisboa, em 2023, deve estar aberta a todos os jovens, independentemente da religião. Citando o exemplo de judeus e muçulmanos, acrescentou que a JMJ é uma uma organização da Igreja Católica por iniciativa do Papa, para todos os jovens.

Dioceses devem trabalhar com os movimentos populares, deseja o Papa

O Papa Francisco fez esta quinta-feira, 15, uma viva denúncia das políticas populistas, considerando que não passam de uma forma de “paternalismo político”, que bem poderia ser traduzido no slogan “tudo para o povo, nada com o povo”. Contrapôs-lhes “uma política de fraternidade, enraizada na vida das pessoas”.

Cardeal Philippe Barbarin definitivamente ilibado

Chegou ao fim o caso mais mediático envolvendo um importante dignitário da Igreja francesa, o cardeal Philippe Barbarin, ex-arcebispo de Lyon. A Cour de Cassation, equivalente ao Supremo Tribunal de Justiça português, negou provimento, nesta quarta-feira, 14 de Abril, ao recurso contra o arquivamento do processo contra o cardeal.

Ex-bispo de Pemba acusa Governo de Moçambique de o ter ameaçado de morte

Numa entrevista ao jornal italiano La Repubblica, o bispo, que em Fevereiro deixou a diocese e regressou ao Brasil por insistência do Papa, diz que o Governo negou desde o início a importância do que se passou. Quando o conflito e o perigo se tornaram evidentes, o Executivo proibiu que se falasse sobre o assunto, diz.

Cimeira de Glasgow: evangélicos lançam oração mensal pelo clima em todo o mundo

“Pedindo a Deus para reduzir as emissões de carbono”: campanha de oração mundial lançada por Lowell Bliss, um antigo missionário batista muito conhecido pelo seu envolvimento na defesa do planeta. Esta campanha propõe um dia por mês, até ao início da Cimeira do Clima (novembro de 2021), para em todo o mundo e em qualquer ambiente religioso se rezar pelo ambiente.

Linguagem simbólico-religiosa: uma literacia para o humano

Podemos compreender a linguagem dos símbolos e a linguagem religiosa como uma forma de comunicação que abre o ser humano a uma nova mundividência? Ou será tão estranha e distante que resulta num novo analfabetismo? Imaginemos o cenário seguinte: um casal percorre diariamente a avenida de uma grande cidade, repleta de anúncios e informação muito diversificada.

Gagarin: um crente que foi o primeiro homem no espaço e é hoje recordado na estação espacial

É um dos marcos históricos do século XX que aconteceu em 12 de abril de 1961: a primeira viagem espacial à volta da terra, protagonizada pelo cosmonauta russo Yuri Gagarin. Foi um passo de gigante para o então regime soviético na exploração do espaço. “Viajei para o espaço, mas não encontrei Deus” foi a frase atribuída ao piloto que ficou, também ela, para a história. Afinal, parece que não só não foi ele que a disse, como, pelo contrário, se veio a descobrir que ele era um cristão convicto.

Leigos e mulheres, pandemia e Cabo Delgado nas preocupações dos bispos católicos

Uma promessa de debate, reflexão e decisões sobre os ministérios laicais na Igreja para dar mais responsabilidades “aos leigos, e concretamente às mulheres”; um apelo a que as vacinas contra a covid “sejam um fator de coesão e real progresso”; e uma referência solidária às inundações em Timor e ao terrorismo em Cabo Delgado – alguns dos tópicos mais importantes do discurso do presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), na abertura da 200ª assembleia plenária dos bispos católicos.

Chuva em Timor ainda dificulta ajuda aos deslocados por causa das inundações, mas religiosos mobilizam-se

A chuva intensa continuou a perturbar, nestes sábado e domingo, 10 e 11 de Abril, o trabalho de apoio às vítimas das inundações do fim-de-semana de Páscoa, que fez pelo menos 42 mortos, vários desaparecidos e mais de 14 mil pessoas sem abrigo. As chuvas deixaram também um rasto de destruição em casas, escolas, estradas, pontes e edifícios públicos em largas zonas de Timor-Leste, incluindo a capital.

Hans Küng, um gigante da teologia ecuménica

Mas será que a Igreja Católica Romana ainda se pode salvar? Sim, pensava Hans Küng, desde que ela reconheça estar doente e que o vírus da obsessão pelo poder que nela se introduziu progressivamente ao longo dos séculos e causou os cismas com o Oriente em 1054 e com a Europa Central e do Norte 1517, seja combatido com determinação.

A torrente musical de “Spem in Alium”, de Thomas Tallis

Uma “torrente musical verdadeiramente arrasadora”, de esperança pascal, diz o padre Arlindo Magalhães, comentador musical, padre da diocese do Porto e responsável da comunidade da Serra do Pilar (Gaia), a propósito da obra de Thomas Tallis Spem in Alium (algo que se pode traduzir como “esperança para lá de todas as ameaças”).

A Páscoa é sempre “pagã”

A Páscoa é sempre pagã / Porque nasce com a força da primavera / Entre as flores que nos cativam com promessas de frutos. / Porque cheira ao sol que brilha na chuva / E transforma a terra em páginas cultivadas / Donde nascem os grandes livros, os pensamentos / E as cidades que se firmam em pactos de paz.

Monge condenado a dois anos de cadeia na Turquia por dar comida

O padre Sefer Bileçen, padre Aho no nome monástico, da Igreja Siríaca Ortodoxa, ofereceu comida a um grupo que bateu à porta do seu mosteiro. O Ministério Público turco disse que o grupo era do PKK e acusa-o de prestar auxílio a uma organização terrorista, como o Governo turco considera o PKK, que reivindica há décadas a independência do Curdistão.

Bênção de uniões homossexuais em debate na TSF

“Há portas que não devem ser fechadas, porque Deus é que está do outro lado dessas portas”, dizia, a terminar o debate, Jorge Teixeira da Cunha, padre e professor de Teologia Moral na Universidade Católica Portuguesa (UCP), no Porto. No programa Olhe Que Não, que passou nesta quarta-feira, 7 de abril, ao início da tarde, na TSF, com moderação do jornalista Pedro Pinheiro, discutiu-se o documento da Congregação para a Doutrina da Fé, do Vaticano, que respondia “negativo” a uma pergunta sobre se a Igreja não pode abençoar uniões homossexuais.

Solidariedade com Cabo Delgado (3): Helpo quer ajuda para construir salas de aula

No momento em que o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) manifesta publicamente o receio de que, se a violência em Cabo Delgado não for travada, haja em junho mais de um milhão de deslocados na província do Nordeste de Moçambique, torna-se ainda mais urgente a ajuda humanitária prestada por diversas instituições e organizações, como é o caso da Helpo.

Arcebispos de Cantuária e de Westminster criticam corte na ajuda humanitária

É uma tomada de posição conjunta muito pouco frequente: o arcebispo de Cantuária e primaz da Igreja Anglicana, Justin Welby, e o cardeal Vincent Nichols, arcebispo de Westminster e presidente da Conferência Episcopal [católica] de Inglaterra e Gales, publicaram na edição de 6 de abril do Evening Standard uma carta aberta em que criticam asperamente a decisão do Governo do primeiro-ministro Boris Johnson de suspender a ajuda humanitária a vários países.

Sopa de letras

Se os cristãos fossem hoje a cumprir a Torah à letra estaríamos a apedrejar até à morte os adúlteros e os homossexuais, não poderíamos envergar roupa com incorporação de determinados tipos de tecidos, não podíamos comer um rol imenso de alimentos e satisfaríamos muitos outros interditos, além de guardar religiosamente o sábado, quando ninguém poderia trabalhar.

Jesus Cristo, o caminho e a verdade que fez viver o teólogo Hans Küng (1928-2021)

Ficou conhecido por contestar o dogma da infalibilidade papal e o sistema eclesiástico de poder. Por via disso, facilmente era catalogado como “polémico”, “crítico” ou “contestatário”. Mas essa era apenas a imagem imediata de Hans Küng, teólogo suíço-alemão que morreu nesta terça-feira, 6 de Abril, aos 93 anos e foi um dos maiores e mais completos teólogos cristãos das últimas seis décadas.

Ir. Aloïs, de Taizé: “Sozinhos não podemos acreditar, só juntos podemos ouvir o inacreditável”

Numa altura em que o “mundo atravessa a provação de tanto sofrimento e quando a bela esperança humana é tantas vezes abalada” é “ainda mais importante rezar juntos, sentirmo-nos em comunhão, próximos uns dos outros, em amizade”, afirmou o irmão Aloïs, de Taizé, na sua meditação para a Páscoa 2021. “Sozinhos não podemos acreditar, é inimaginável. Mas juntos podemos ouvir o inacreditável, que Maria [de Magdala] e depois os apóstolos anunciaram no dia de Páscoa: Cristo está vivo!”

Voto de pesar pela morte de Xexão Moita proposto no Parlamento

O Parlamento deverá aprovar na próxima quinta-feira, 8 de Abril, um voto de pesar pela morte de Maria da Conceição Moita, voz da vigília na Capela do Rato contra a guerra colonial e uma das últimas presas políticas do Estado Novo, que morreu na madrugada do passado dia 30, terça-feira, soube o 7MARGENS.

Papa lamenta terrorismo e “demasiadas guerras” e pede distribuição de vacinas

O Papa Francisco lamentou neste Domingo de Páscoa, 4 de Abril, as situações de conflito e violência que ainda se verificam por todo o planeta: “No mundo, há ainda demasiadas guerras, demasiada violência! O Senhor, que é a nossa paz, nos ajude a vencer a mentalidade da guerra”, disse, na sua alocução antes da bênção pascal urbi et orbi (à cidade e ao mundo).

Solidariedade da AIS com Cabo Delgado: “É fundamental não ficar indiferente ao sofrimento”

O ataque à cidade de Palma veio agravar a situação já muito alarmante que se vive na província de Cabo Delgado (Norte de Moçambique), mas contribuiu para chamar a atenção da comunidade internacional para um drama que não é recente. O 7 Margens quis saber como é que as organizações vêem o que se está a passar, que trabalho desenvolvem e o que podem os portugueses fazer para ajudar os moçambicanos desta zona do nordeste moçambicano. Damos voz, desta vez, à Fundação Ajuda à Igreja que Sofre.

“Sequência da Páscoa: uma das mais belas histórias do mundo”

Sem poder ir ao cinema para poder falar de um novo filme que, entretanto, tivesse estreado, porque estamos em tempo de Páscoa e porque temos ainda viva diante dos olhos a profética peregrinação do Papa Francisco ao Iraque – que não pode ser esquecida, mas sempre lembrada e posta em prática – resolvi escrever (para mim, a primeira vez neste lugar) sobre um filme profundamente pascal e actual: Dos Homens e dos Deuses (é quase pecado não ter experimentado a comoção de vê-lo). E não fui o único a fazê-lo por estes dias.