Conferências de Maio

Da crise da solidariedade à crise da democracia, quatro debates para ver e ouvir

| 28 Jun 21

As Conferências de Maio, entre outros assuntos, abordam a importância da democracia. Foto @IPPAR

 

Todas as intervenções das quatro sessões das Conferências de Maio de 2021, promovidas pelo Centro de Reflexão Cristã (CRC) no mês passado, estão agora disponíveis no canal YouTube desta organização, ficando acessíveis a quem não conseguiu segui-las na altura.

As Conferências foram este ano dedicadas ao tema “Renovar a esperança para lá da pandemia”, com painéis que, reunindo mulheres e homens com diferentes experiências de intervenção na sociedade abordaram perspectivas plurais e multifacetadas, confluindo sempre no tema da esperança – e da esperança proactiva.

Sob o tema Construir um mundo mais solidário, a primeira das conferências realizou-se no dia 5 de Maio e teve a participação do padre António Pedro Monteiro, capelão hospitalar, da jornalista Christiana Martins e Mara de Sousa Freitas, enfermeira e professora universitária.

 

No segundo debate, dia 12, esteve em foco a crise ambiental. Intervieram Francisco Ferreira, presidente da Associação Zero, José Sá Fernandes, vereador da Câmara de Lisboa, e Sara Borges, técnica do Departamento de Cidadania Global e Desenvolvimento da Fundação Gonçalo da Silveira.

 

A terceira sessão, no dia 19, foi dedicada à crise económica e social e contou com o economista Carlos Farinha Rodrigues, a presidente da Cáritas Portuguesa, Rita Valadas, e Rita Sacramento Monteiro, uma das dinamizadoras do núcleo português da iniciativa A Economia de Francesco.

 

O tema “Renovar a política e a democracia” foi o mote da última sessão, dia 26, e contou com a intervenção de três mulheres: Isabel Capeloa Gil, reitora da Universidade Católica, Isabel Estrada Carvalhais, eurodeputada pelo Partido Socialista, e Sara Belo Luís, jornalista da Visão.

 

 

Escutar todos, com horizontes para lá das “fronteiras” da Igreja

Inquérito sobre o Sínodo

Escutar todos, com horizontes para lá das “fronteiras” da Igreja novidade

O Papa observava, no encontro sinodal com a sua diocese de Roma, no último sábado, 18, que escutar não é inquirir nem recolher opiniões. Mas nada impede que se consultem os cristãos sobre as “caraterísticas e âmbito” que “entendem dever ter a escuta que as igrejas diocesanas são chamadas a realizar, desde 17 de outubro próximo até ao fim de março-abril de 2022. Era esse o terceiro ponto da consulta feita pelo 7Margens, cujas respostas damos hoje a conhecer.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Nova estratégia de combate ao antissemitismo será apresentada em outubro

União Europeia

Nova estratégia de combate ao antissemitismo será apresentada em outubro novidade

A União Europeia (UE) deverá divulgar, no próximo mês de outubro, uma “nova estratégia de combate ao antissemitismo e promoção da vida judaica”. A iniciativa surge na sequência da disseminação do racismo antissemita em inúmeros países da Europa, associada a teorias da conspiração que culpabilizam os judeus pela propagação da covid-19, avançou esta quarta-feira, 22, o Jewish News.

Livrai-nos do Astérix, Senhor!

Livrai-nos do Astérix, Senhor! novidade

A malfadada filosofia do politicamente correcto já vai no ponto de apedrejar a cultura e diabolizar a memória. A liberdade do saber e do saber com prazer está cada vez mais ameaçada. Algumas escolas católicas do Canadá retiraram cerca de cinco mil títulos do seu acervo por considerarem que continham matéria ofensiva para com os povos indígenas.

A dança dos bispos continua em Leiria e Braga

João Lavrador deixa Açores para Viana

A dança dos bispos continua em Leiria e Braga novidade

Com a escolha de João Lavrador para a sede vacante de Viana fica agora Angra sem bispo. Mas Braga já está à espera de sucessor há dois anos, enquanto em Leiria se perspectiva a sucessão talvez até final do ano. Há bispos que querem sair de onde estão, outros não querem alguns para determinados sítios. “Com todas estas movimentações, é difícil acreditar que a nomeação de um bispo seja obra do Espírito Santo”, diz um padre.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This