Festival da Juventude

Da ópera ao videomapping, a JMJ traz a Lisboa mais de 500 iniciativas gratuitas

| 21 Jul 2023

 

O que têm em comum um espetáculo de ópera interpretado por jovens reclusos do Estabelecimento Prisional de Leiria, uma projeção de videomapping, e uma exposição sobre Madre Teresa de Calcutá? Todos eles fazem parte da programação do Festival da Juventude, que irá decorrer em Lisboa (e arredores) em paralelo com a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) . Apresentada esta sexta-feira, 21 de julho, a vasta programação inclui mais de 500 iniciativas culturais, religiosas e desportivas, espalhadas por cerca de cem espaços, com entrada livre “para todos os que pretendam marcar presença na JMJ”. Incluem-se ainda conferências sobre o cuidado da criação e o diálogo entre católicos e marxistas.

A música será a arte com maior destaque neste festival, estando previstas 290 atuações de mais de cem bandas ou artistas a solo, vindos dos cinco continentes, com estilos para todos os gostos. O espetáculo de ópera será no dia 2 de agosto, pelas 15h30, no auditório 2 da Fundação Calouste Gulbenkian, mas quem prefira pop/rock poderá assistir ao concerto dos portugueses Anima Christi, dia 4, pelas 21 horas, no Terreiro do Paço, e os fãs de hip hop certamente não ficarão desiludidos com a atuação de GAB, o rapper de Lyon que tem dado espetáculos por toda a França – e que estará também no dia 4, mas às 15h30, na Praça do Império.

Já os amantes da sétima arte poderão escolher entre 27 projeções de “documentários sobre a vida de quem ousou seguir Jesus, longas-metragens e outros filmes sobre figuras relevantes da vida da Igreja”, ou assistir aos filmes preferidos do Papa Francisco num ciclo especial preparado pela Cinemateca. E aqueles que gostarem de teatro terão oportunidade de assistir a sete espetáculos diferentes; incluindo musicais, protagonizados por jovens peregrinos.

Os amantes das novas tecnologias vão ter de dar um salto ao Martim Moniz, que estará transformado no “Parque Cristonautas”, com um circuito interativo digital que culminará, todas as noites, pelas 21h30, num espetáculo de videomapping dedicado “à história da Salvação e da JMJ”.

Por toda a cidade, haverá ainda exibições de dança tradicional, contemporânea e street dance, e estarão patentes, em simultâneo, 17 exposições dedicadas a temas tão diversificados como a ecologia, a vigília pela paz na Capela do Rato ou Fátima.

Não faltarão os acontecimentos desportivos, estando previsto um torneio de voleibol de praia, em Carcavelos, e outro de futebol, no Estádio Universitário de Lisboa, onde haverá também demonstrações de desporto inclusivo.

A programação não estaria completa sem inúmeras palestras, conversas e debates, focados sobretudo em temas como a vocação, a missão e “os desafios atuais da sociedade, da cidadania e do mundo profissional com que os jovens se deparam”. Destaque, neste âmbito, para o congresso sobre O Cuidado da Criação (dia 31, na Católica) ou a conferência da rede Dialop, de diálogo entre católicos e marxistas, impulsionada pelo Papa (dias 1 e 3 de Agosto, no auditório da Ordem dos Contabilistas) – que no programa, no entanto, é apenas referida como “um projeto europeu que acredita que o diálogo é a melhor forma de mudar o mundo”.

O Festival da Juventude inclui ainda os chamados “eventos religiosos”: 80 encontros que serão dinamizados por grupos, dioceses e movimentos de vários países, incluindo orações com alguns irmãos da Comunidade de Taizé (com a presença do prior da comunidade, o irmão Alois), de terça a sexta-feira, a partir das 14 horas, na igreja de São Domingos, ou a oportunidade de rezar junto às relíquias de João Paulo II, fundador da JMJ, na igreja de Nossa Senhora de Fatima.

Os participantes na JMJ terão ainda ocasião de visitar gratuitamente (ou com condições especiais) 35 espaços museológicos que se associaram à JMJ Lisboa 2023, desde o Castelo de São Jorge ao Mosteiro de Alcobaça, passando pelo Oceanário ou Palácio Nacional de Mafra. No Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, no Campo Grande, uma exposição sobre Santo António põe em evidência a Vita Prima, ou seja, a sua formação cultural e teológica em Portugal, ainda da ida para Itália.

O programa completo do Festival da Juventude poderá ser consultado no sítio oficial da JMJ Lisboa 2023 e na aplicação, “a lançar brevemente”.

 

Na cidade onde Jesus nasceu, o Natal foi cancelado

Belém "está de luto e triste"

Na cidade onde Jesus nasceu, o Natal foi cancelado novidade

Não festejar o Natal precisamente na cidade onde – segundo a tradição cristã – nasceu Jesus? O paradoxo é enorme, mas não tão grande como a tristeza e a dor que pairam nas ruas de Belém, na Cisjordânia, e que se revelam nos semblantes dos poucos que as percorrem. “Belém, como qualquer outra cidade palestiniana, está de luto e triste… Não podemos comemorar enquanto estivermos nesta situação”, afirma Hanna Hanania, presidente da câmara cessante.

Deslocados de Cabo Delgado tentam regressar a casa, mas insegurança persiste

ONU denuncia

Deslocados de Cabo Delgado tentam regressar a casa, mas insegurança persiste novidade

Durante 13 dias, a relatora especial da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre os direitos humanos dos deslocados internos, Paula Gaviria Betancur, esteve em Moçambique. De visita à província de Cabo Delgado, observou a enorme vontade das populações deslocadas de voltar para as suas casas, mas verificou também que “persiste a insegurança” e que as comunidades não têm como autossustentar-se.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Para o biénio 2023-2025

Centro de Reflexão Cristã elege direção “comprometida com orientações do Papa Francisco”

O Centro de Reflexão Cristã (CRC) acaba de eleger uma nova direção para o biénio 2023-2025, que se assume comprometida “com os princípios do Concílio Vaticano II e com as orientações do Papa Francisco”. Presidida por Inês Espada Viera (até agora vice-presidente), a direção que agora inicia funções promete “novas iniciativas”, que já estão a ser preparadas.

Em seminário nacional

Ação Católica Rural debateu desafios para o futuro

Perto de cem elementos da Ação Católica Rural, oriundos de 11 dioceses, estiveram reunidos durante o passado fim de semana, em Albergaria-a-Velha, para refletir sobre a missão do movimento nos dias de hoje, a ideologia de género e os desafios colocados pelo Papa, na sequência da Jornada Mundial da Juventude.

Portugueses em risco de pobreza aumentaram para 17%

Dados do INE

Portugueses em risco de pobreza aumentaram para 17% novidade

O número de pessoas em risco de pobreza em Portugal aumentou para 17% em 2022, tendo crescido em todos os grupos etários, mas afetando “mais significativamente” as mulheres e os menores de 18 anos. Os dados constam do mais recente Inquérito às Condições de Vida e Rendimentos (ICOR), relativo aos rendimentos de 2022, divulgado esta segunda-feira, 27, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

A Bíblia Tinha Mesmo Razão?

Novo livro

A Bíblia Tinha Mesmo Razão?

Abraão e Moisés existiram mesmo ou são apenas personagens de ficção? O Êxodo do Egito aconteceu nos moldes em que é contado na Bíblia? E a conquista da “Terra Prometida” é um facto ou mito? É inevitável que um leitor contemporâneo se pergunte pela historicidade do que lhe é relatado na Bíblia. Um excerto do novo livro de Francisco Martins.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This