Diálogo ecuménico e inter-religioso

Não há cerveja no Mundial do Qatar… mas há bagels casher

Iniciativa de dois rabinos

Não há cerveja no Mundial do Qatar… mas há bagels casher

A proibição da venda de bebidas alcoólicas nos recintos desportivos do Qatar tem gerado polémica, e chegou a temer-se que a comida casher (preparada de acordo com as leis judaicas) também tivesse sido banida. No entanto, graças a dois rabinos fãs de bagels e à Qatar Airways (que disponibilizou um espaço para a cozinha), os adeptos de futebol que sejam judeus praticantes não passarão fome durante o Mundial.

A Santa Sé, Arábia Saudita, Espanha e Áustria juntam-se. E daí podem sair ideias para a inclusão

Fórum do KAICIID para o Diálogo Político

A Santa Sé, Arábia Saudita, Espanha e Áustria juntam-se. E daí podem sair ideias para a inclusão

No palco, vêem-se as bandeiras de quatro estados: Arábia Saudita e Vaticano, Espanha e Áustria. No auditório, estão mais de 120 pessoas de 30 países europeus, entre líderes de sete religiões diferentes, membros de organizações de apoio a migrantes ou refugiados, responsáveis de instituições de solidariedade de diferentes âmbitos, técnicos sociais ligados a autarquias… Convocados por uma organização inter-governamental, debateram durante dois dias em Castelldefels (Barcelona) o modo de reforçar as parcerias para o diálogo na perspectiva da inclusão social nas cidades.

Líderes religiosos pedem perdão pelos “pecados climáticos”

Cerimónia reúne várias religiões em Londres

Líderes religiosos pedem perdão pelos “pecados climáticos”

O arcebispo emérito de Canterbury, Rowan Williams, e vários outros representantes das religiões cristã, judaica, muçulmana, hindu, budista e sikh subiram hoje, dia 13 de novembro, a Colina do Parlamento (Norte de Londres) como forma de afirmarem a necessidade de “pedir perdão pelos pecados climáticos” e a esperança de que a COP27 termine adotando medidas concretas de “ação em favor do planeta”.

“As-salamu alaikum” [a paz esteja convosco], assim como duas armas: oração e fraternidade

Papa Francisco no Bahrein

“As-salamu alaikum” [a paz esteja convosco], assim como duas armas: oração e fraternidade

Foram três os momentos em que Francisco teve oportunidade de discursar esta sexta-feira, 4, na sua viagem apostólica ao Bahrein. Os locais e as audiências mudaram, mas a mensagem foi a mesma: Deus é fonte de paz, e os líderes religiosos, na sua diversidade, devem usar duas “armas” comuns para promovê-la: a oração e a fraternidade, tornando-se assim “verdadeiramente pessoas de paz”.

Rabino reformista recebe a mais alta condecoração da Santa Sé

Por ter aproximado católicos e judeus

Rabino reformista recebe a mais alta condecoração da Santa Sé

A. James Rudin, um importante rabino e educador reformista, que durante largos anos esteve à frente dos assuntos inter-religiosos do Comité Judaico Americano, receberá a mais alta condecoração que a Santa Sé atribui, de Comendador da Ordem Equestre de São Gregório Magno, pelo trabalho que desenvolveu na promoção das relações católico-judaicas, noticiou esta quinta-feira, 3, o Jewish News.

Papa insiste em verdadeiro compromisso pela paz, ambiente e defesa dos direitos humanos

Viagem ao Bahrein

Papa insiste em verdadeiro compromisso pela paz, ambiente e defesa dos direitos humanos

Já começou aquela que promete ser “uma viagem interessante”, e da qual podem surgir “boas notícias”. As palavras são do Papa aos jornalistas que o acompanharam no voo de cinco horas até ao Bahrein. À chegada, e apesar do problema no joelho, Francisco não descansou. Empenhado em tornar a sua previsão realidade, aproveitou aquele que foi o primeiro discurso da sua 39ª viagem apostólica para lançar um forte apelo ao fim da guerra, ao cuidado com a casa comum, à abolição da pena de morte, e ainda à defesa da liberdade religiosa e da igualdade para todos.

Francisco no encontro inter-religioso no Coliseu: “A nossa oração tornou-se um grito”

Apelo de Roma pela Paz

Francisco no encontro inter-religioso no Coliseu: “A nossa oração tornou-se um grito”

Porque hoje a paz é gravemente violada, ferida e espezinhada, “a nossa oração tornou-se um ‘grito’”, afirmou o Papa Francisco na oração final do ato de culto realizado no Coliseu, no encerramento do encontro convocado pela Comunidade de Santos Egídio em que participaram três chefes de Estado e alguns dos mais altos representantes das várias religiões. Estes assinaram o “Apelo de Roma pela Paz”, em que se lê: “As religiões são e devem continuar a ser uma grande fonte de paz. A paz é sagrada, a guerra nunca pode ser sagrada!”.

Macron visita mesquita de Paris e defende lei contra o islamismo radical

A poucos dias do encontro com Papa

Macron visita mesquita de Paris e defende lei contra o islamismo radical

O Presidente francês Emmanuel Macron visitou a Grande Mesquita de Paris na passada quarta-feira, 19, data em se cumpriam 100 anos sobre a colocação da primeira pedra do templo que apelidou de farol para o “Islão de França”.  A poucos dias do seu encontro com o Papa Francisco, agendado para 24 de outubro, Macron fez questão de defender a chamada lei do separatismo, aprovada há pouco mais de um ano e que, apesar de criticada por muitos muçulmanos, é vista pelo líder político como uma norma jurídica que “oferece salvaguardas” contra o islamismo radical.

Representante do Conselho Mundial de Igrejas foi à Rússia pedir paz

Depois da assembleia na Alemanha

Representante do Conselho Mundial de Igrejas foi à Rússia pedir paz

O secretário-geral interino do Conselho Mundial das Igrejas (CMI), Ioan Sauca, deslocou-se esta semana a Moscovo para “construir pontes de paz”. A visita incluiu um encontro com o patriarca Cirilo e outros representantes daquela que é a maior Igreja a fazer parte do órgão ecuménico, e onde foram apresentadas as conclusões da XI Assembleia Geral do Conselho Mundial de Igrejas que ocorreu em Karlsruhe, na Alemanha, no início de setembro, em particular a declaração aprovada sobre a guerra na Ucrânia.

Grande mesquita de Colónia autorizada a fazer ouvir chamamento à oração

Alemanha

Grande mesquita de Colónia autorizada a fazer ouvir chamamento à oração

O chamamento à oração da Grande Mesquita de Colónia, que constitui o maior templo muçulmano na Alemanha, fez-se ouvir pela primeira vez na cidade na passada sexta-feira, 14. Líderes religiosos e municipais chegaram a acordo para que a autorização fosse finalmente emitida, depois de várias mesquitas do país terem já obtido também essa permissão.

Cardeal Tolentino: “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário” e estendê-lo a todos

Congresso Missionário

Cardeal Tolentino: “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário” e estendê-lo a todos

O cardeal José Tolentino Mendonça, prefeito do Dicastério para a Cultura e Educação, defendeu, no Congresso Missionário, a reconstrução do “pacto comunitário”, no pós-pandemia, propondo à sociedade o “horizonte da totalidade”. “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário, o pacto da fraternidade, e de estendê-lo universalmente.”

Documento da Fraternidade Humana no centro de congresso missionário

Lisboa, sexta e sábado

Documento da Fraternidade Humana no centro de congresso missionário

O Documento de Abu Dhabi sobre a Fraternidade Humana, assinado em Fevereiro de 2019 pelo Papa Francisco e o Grande Imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, e a encíclica Fratelli Tutti, serão a base dos debates do Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras que nesta sexta e sábado, 14 e 15 de Outubro, decorre no Auditório Cardeal Medeiros da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, o Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras.

Papa une-se a oração inter-religiosa pela paz no Coliseu de Roma

Após encontro com Macron

Papa une-se a oração inter-religiosa pela paz no Coliseu de Roma

O Vaticano confirmou esta terça-feira,11, que o Papa Francisco irá reunir-se diversos líderes religiosos e políticos para uma oração pela paz, no próximo dia 25 de outubro, no Coliseu de Roma. Esta oração será o ato final de um encontro internacional organizado pela Comunidade de Sant’Egídio, que vai já na sua 36º edição, e que este ano será subordinado ao tema “O grito da paz. Religiões e culturas em diálogo”.

Concerto de taças tibetanas e feira gastronómica na Semana da Harmonia

Odivelas promove até dia 15

Concerto de taças tibetanas e feira gastronómica na Semana da Harmonia

Um concerto de taças tibetanas na noite desta terça-feira, 11 de Outubro (20h30) e outro “Concerto pela paz” na quarta-feira com o ensemble de câmara Nova Orquestra Sinfónica. Estas são duas das iniciativas previstas no programa da Semana da Harmonia Inter-Religiosa e do Diálogo Inter-Cultural, promovida pela Câmara Municipal de Odivelas e que decorre em vários espaços deste município e de concelhos limítrofes até ao próximo sábado, 15.

Francisco reforçará diálogo com o islão no Bahrein

Divulgado programa da viagem

Francisco reforçará diálogo com o islão no Bahrein

A participação no Fórum do Bahrein para o Diálogo, um encontro com os membros do Conselho Muçulmano de Anciãos, e uma oração ecuménica pela paz constituem alguns dos pontos altos previstos para aquela que será a 39ª viagem apostólica do Papa. De 3 a 6 de novembro, Francisco estará no Bahrein, depois de ter dito “sim” ao convite do rei Hamad bin Isa al-Khalifa, e será o primeiro Papa a visitar esta nação do Golfo, onde 70% da população se assume como muçulmana, dando assim mais um passo para reforçar o diálogo com o Islão.

Responsáveis religiosos contra desalojamento de comunidade mapuche

Argentina

Responsáveis religiosos contra desalojamento de comunidade mapuche

Os líderes de diferentes Igrejas cristãs de Bariloche (cidade na região da Patagónia Argentina) apelaram esta quarta-feira, 5, à busca de vias de diálogo e de paz, depois de no dia anterior as forças policiais federais terem iniciado uma operação de desalojamento de uma comunidade indígena mapuche, recorrendo ao uso de gás lacrimogéneo e balas de borracha, e que resultou na detenção de pelo menos dez pessoas, entre elas uma mulher grávida e cinco menores.

Como podem a fé e a amizade salvar o planeta? O documentário “A Carta” responde

Estreia no YouTube

Como podem a fé e a amizade salvar o planeta? O documentário “A Carta” responde

Estreia esta terça-feira, 4 de outubro, o documentário “The letter. A message for our earth” (em português, “A Carta. Uma mensagem para o nosso planeta”), que apresenta quatro protagonistas (um refugiado climático do Senegal, uma ativista adolescente da Índia, cientistas do Havaí e um indígena da Amazónia brasileira), em diálogo com o Papa Francisco. A estreia mundial decorre no Vaticano, por ocasião da festa de São Francisco de Assis, pelas 10h30 (hora de Portugal continental), no canal do Vatican News no YouTube.

Cáritas encerra atividades na Argélia

A pedido das autoridades

Cáritas encerra atividades na Argélia

A Igreja Católica da Argélia anunciou o encerramento, a partir de 1 de outubro, de todas as atividades e obras de caridade implementadas pela Cáritas Argélia, O encerramento “completo e definitivo” foi comunicado através de uma declaração assinada pelo arcebispo emérito de Argel, Paul Desfarges, onde se refere que “a medida drástica é tomada em cumprimento do pedido das autoridades públicas argelinas”, avança o Vatican News.

Patriarca Sako defende fusão entre as Igrejas Caldeia e Assíria do Oriente

Uma questão de "sobrevivência"

Patriarca Sako defende fusão entre as Igrejas Caldeia e Assíria do Oriente

O patriarca caldeu Louis Raphael I Sako defende que não há nenhum elemento que possa “impedir” a “fusão” entre a Igreja Caldeia e a Igreja Assíria do Oriente sob a comum denominação comum de “Igreja do Oriente”. Numa mensagem intitulada “unidade e pluralidade da Igreja”, relançou o objetivo da unidade entre as diferentes denominações cristãs para proteger e “garantir a sua própria sobrevivência” no Médio Oriente, avançou esta terça-feira a Asia News.

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Encontro em Buckingham

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Carlos III disse perante mais de 30 líderes religiosos da Grã-Bretanha que se assume como “um cristão anglicano comprometido”. Mas aquele que é o novo Governador Supremo da Igreja de Inglaterra sublinhou também que “o soberano tem um dever adicional” de “proteger a diversidade do país”, incluindo “o espaço para a própria fé, e a sua prática através das religiões, culturas, tradições e crenças”.   

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

Último dia de congresso com o Papa

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

O pluralismo religioso é uma “expressão da sabedoria da vontade de Deus na Criação”, reconheceram perto de 100 representantes das várias religiões do mundo inteiro, ao assinar a Declaração Final do Congresso de Líderes Religiosos, o qual terminou esta quinta–feira, 15 de setembro, em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão). O documento sublinha que a liberdade religiosa é um direito concreto e que o diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, necessário e sem retorno. Mas é preciso que todos o façam juntos, lembrou o Papa.

Programa “A Fé dos Homens” celebrou 25 anos de emissão na RTP2

Um projeto inter-religioso

Programa “A Fé dos Homens” celebrou 25 anos de emissão na RTP2

O programa A Fé dos Homens celebrou esta quinta-feira, 15 de setembro, o seu 25º aniversário. Transmitido na RTP2 de segunda a sexta-feira desde 1997, e marcando presença também na rádio Antena 1 a partir de 2009, o projeto consolidou-se “como um espaço para conhecer as diferentes comunidades e tradições religiosas, fomentando o diálogo inter-religioso” em Portugal, assinalou a Comissão do Tempo de Emissão das Confissões Religiosas em nota enviada ao 7MARGENS.

Começou “um novo movimento global para a paz”?

Congresso de líderes religiosos no Cazaquistão

Começou “um novo movimento global para a paz”?

O apelo foi lançado pelo presidente cazaque, Kassym-Jomart Tokayev, na intervenção inaugural do VII Congresso de Líderes de Religiões Mundiais e Tradicionais: “precisamos todos de um novo movimento global para a paz”, afirmou. E, a avaliar pelos discursos que se seguiram, foi bem recebido. No evento, que esta quarta e quinta-feira reúne em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão mais de uma centena de delegações de 50 países, e inclui a participação do Papa Francisco, do grande imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, do rabino-chefe sefardita de Israel, Yitzhak Yosef, e do responsável pelo Departamento das Relações Externas do Patriarcado de Moscovo, metropolita António, a palavra “paz” tem sido, de longe, uma das mais repetidas.

Papa no Cazaquistão, entre a Rússia, a China e a “loucura” da guerra na Ucrânia

Patriarca Cirilo ausente

Papa no Cazaquistão, entre a Rússia, a China e a “loucura” da guerra na Ucrânia

O Papa chegou esta quarta-feira ao Cazaquistão “no decurso da louca e trágica guerra originada pela invasão da Ucrânia, enquanto outros confrontos e ameaças de conflito colocam em risco os nossos tempos”. No seu primeiro discurso proferido na viagem, dirigido às autoridades, representantes da sociedade civil e corpo diplomático, o Papa Francisco afirmou: “Venho para amplificar o clamor de tantos que imploram a paz, caminho de desenvolvimento essencial para o nosso mundo globalizado”.

As igrejas e a Shoah – exposição até 2023

Em Paris

As igrejas e a Shoah – exposição até 2023

A atitude dos cristãos e das igrejas, em especial a Católica, nos anos negros do Holocausto judaico, é o tema de uma exposição que se pode ver em Paris até fevereiro do próximo ano, por iniciativa da organização Mémorial de la Shoah. Intitulada Pela graça de Deus: as...

Congresso Missionário vai colocar o diálogo inter-religioso em prática

Dias 14 e 15 de outubro, em Lisboa

Congresso Missionário vai colocar o diálogo inter-religioso em prática

Representantes do Islamismo, Judaísmo, Cristianismo, Hinduísmo e Budismo estarão reunidos no Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras, agendado para os dias 14 e 15 de outubro, no Auditório Cardeal Medeiros, da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa. O objetivo é colocar o diálogo intercultural e inter-religioso em prática, e todos os interessados poderão participar, inscrevendo-se na modalidade presencial ou online, de forma gratuita.

Isabel II, a rainha que salvou Deus

1926-2022

Isabel II, a rainha que salvou Deus

“Deus me ajude a cumprir o meu voto”, disse Isabel no dia em que jurou dedicar a sua vida ao serviço da nação, ainda como princesa, com apenas 21 anos. Seis anos depois, a sua coroação e unção com óleo sagrado na Abadia de Westminster, em Londres (onde dentro de dez dias terão lugar as suas cerimónias fúnebres), selava a estreita ligação entre a monarquia e a religião. 

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Viagem ao Cazaquistão

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Menos de 1% dos 19 milhões de habitantes do Cazaquistão são católicos, mas nem por isso o entusiasmo com a visita do Papa Francisco ao país, que terá lugar nos próximos dias 13 a 15 de setembro, é pequeno. Numa conferência online promovida esta quarta-feira, 7, pela Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), José Luis Mumbiela (bispo na diocese de Amaty, a maior cidade do Cazaquistão) assegurou que para a população esta viagem é “uma grande festa” já que o Papa “é muito querido”.

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

“Dolorosa” Ucrânia na assembleia do CMI

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

Podem um minuto de silêncio e um canto ajudar na busca da unidade entre os cristãos? O irmão Aloïs, prior da comunidade ecuménica e monástica de Taizé (França), surpreendeu os mais de quatro mil delegados da assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) ao propor, na manhã desta quarta-feira, 7 de Setembro, que os dois últimos minutos da sua intervenção fossem divididos entre o silêncio e um canto de louvor.

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

As assembleias ecuménicas e as crises mundiais

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

Como restaurar a comunhão entre cidadãos e entre Igrejas cristãs dilaceradas pela guerra? Em 1948, quando se realizou a primeira assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), como três quartos de século depois, na 11ª assembleia da organização, a realidade com que se confrontam as 352 igrejas protestantes, ortodoxas e anglicanas que constituem o CMI são muito semelhantes.

Presidente alemão critica Igreja Russa no início de assembleia ecuménica mundial

Invasão da Ucrânia em causa

Presidente alemão critica Igreja Russa no início de assembleia ecuménica mundial

O secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas deseja que a 11ª assembleia da organização seja “um novo começo” que traga “esperança e reconciliação entre os povos”. Mas o Presidente alemão criticou fortemente a liderança da Igreja Ortodoxa Russa em relação à invasão da Ucrânia. O seu discurso teve uma reacção imediata dos delegados do Patriarcado de Moscovo.

Diálogo entre Papa e Cirilo “muito difícil”

Guerra da Ucrânia

Diálogo entre Papa e Cirilo “muito difícil”

O diálogo entre o Papa e o patriarca Cirilo está cada vez mais difícil, admitiu o secretário de Estado da Santa Sé, Pietro Parolin. Previsto para o passado mês de junho, e a realizar-se em Jerusalém, Parolin garante que o encontro entre Francisco e Cirilo “foi suspenso porque não se chegou a um entendimento”, descreveu em entrevista.

A diversidade que nos constrói

A diversidade que nos constrói

Em 1969 é inaugurado na Figueira da Foz um espaço de diálogo, academia, tertúlia, conhecimento, confiança, encontro da diversidade. Foi, durante muitos anos, numa sociedade sem liberdade de expressão, avessa ao pluralismo e valorização da diferença como tensão criadora, um local onde pessoas, mulheres e homens, se faziam encontro, partilha e onde quem chegava dava a sua visão e regressava mais rico em ideias.

Não às extravagâncias, sim à frugalidade

Católicos chineses

Não às extravagâncias, sim à frugalidade

“A Igreja Católica pede a cada católico que se inspire no espírito fraterno de Jesus e compartilhe tudo o que tem com os pobres e os fracos”, declarou o padre chinês Li Jingxi, vice-reitor executivo do seminário e moderador do encontro de reflexão sobre cuidar da casa comum a partir da Laudato si’.

“Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo”

Papa à delegação tailandesa

“Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo”

O Papa Francisco recebeu em audiência esta sexta-feira, 17, no Vaticano, a Delegação Budista da Tailândia. No seu discurso,  destacou a importância de católicos e budistas guiarem os respetivos fiéis “a um sentido mais vivo da verdade de que somos todos irmãos e irmãs”, noticiou o Vatican News. “Num momento em que a família humana e o planeta estão a enfrentar múltiplas ameaças, o diálogo amigável e a estreita colaboração são ainda mais necessários”, afirmou o Papa, sublinhando que “Buda e Jesus entenderam a necessidade de superar o egoísmo que gera conflito e violência”.

Igreja Lusitana mobiliza-se para apoio a migrantes

Sínodo dos anglicanos portugueses

Igreja Lusitana mobiliza-se para apoio a migrantes

A Igreja Lusitana, que integra a Comunhão Anglicana, vai constituir um “ponto de missão” cujo foco será o trabalho com migrantes. Este centro ficará localizado na Praia de Mira (Coimbra) e para ele estão já mobilizados cristãos provenientes de Cuba, Espanha, Colômbia e Portugal.
O “ponto de missão”, que adopta o nome de Maria de Magdala, pretende ser “um sinal de compromisso” da Igreja Lusitana com a questão dos migrantes. A decisão da sua constituição foi aprovada por unanimidade e aclamação no Sìnodo da Igreja, que decorreu nos dias 10 e 11.

Metodistas contra “apartheid” imposto por Israel

Nova Inglaterra

Metodistas contra “apartheid” imposto por Israel

A conferência anual da Igreja Metodista Unida da Nova Inglaterra (EUA) condenou, numa resolução aprovada no sábado 11 de junho, “o sistema de apartheid institucionalizado pelo governo israelita na Terra Santa” e pediu “ao governo dos EUA para condicionar o financiamento a Israel ao compromisso de desmantelar o seu sistema de apartheid e reconhecer todos os direitos devidos aos palestinos”.

Ortodoxos ucranianos declaram autonomia em relação a Moscovo

Guerra na Ucrânia é razão

Ortodoxos ucranianos declaram autonomia em relação a Moscovo

A posição de apoio à invasão da Ucrânia, por parte do Patriarca Cirilo, de Moscovo, levou a Igreja Ortodoxa Ucraniana, que dele dependia, a anunciar este sábado, 28, a sua “total independência e autonomia”. A decisão foi anunciada este sábado, 28, depois de ter sido proposta pelo respetivo sínodo e, na sexta-feira, 27, decidida pelo concílio, o órgão máximo daquela Igreja.

Santuário católico vandalizado na Índia

Tensão entre religiões

Santuário católico vandalizado na Índia

As tensões interreligiosas na Índia voltaram a conhecer novos episódios, depois da vandalização por desconhecidos de estátuas de Maria, do Menino Jesus e do Sagrado Coração de Jesus num santuário no estado de Andhra Pradesh, causando “choque entre os católicos locais”. Um articulista ataca o ódio incentivado por “fascistas” contra as minorias cristãs e muçulmanas.

Aprender a “Viver Juntos em Paz” 

Filme no Dia Internacional

Aprender a “Viver Juntos em Paz” 

Em sintonia com os objetivos do Dia Internacional de Viver Juntos em Paz, que esta segunda-feira, 16 de maio, se celebrou, a organização Aliança das Civilizações, da ONU, lançou o filme All of Us [Todos nós], do realizador Pierre Pirard, em parceria com outras organizações internacionais.

Líderes religiosos de visita à Ucrânia

Iniciativa do Instituto Elijah

Líderes religiosos de visita à Ucrânia

Uma delegação de líderes religiosos inicia hoje, dia 12 de abril, uma visita histórica a campos de refugiados e à cidade de Chernivtsi, na Ucrânia. A comitiva terá representantes de várias religiões, entre as quais o Ir. Massimo Fusarelli, ministro geral da Ordem Franciscana dos Frades, o Arcebispo emérito de Canterbury, Rowan Williams, o Rabino Jonathan Wittenberg, o Grande Mufti emérito Mustafa Ceric, o Arcebispo ortodoxo Nikitas Lulias, Swami Sarvapriyananda e a Abadessa Irmã Giác Nghiêm, (Budista, França), entre outros. 

Papa confirma intenção de ir a Kiev “se for conveniente”

Possível encontro com Cirilo

Papa confirma intenção de ir a Kiev “se for conveniente”

Depois de ter levantado a hipótese, no voo que o levava a Malta, de se poder deslocar a Kiev, o Papa Francisco foi mais claro nesta sua intenção durante o voo de regresso a Roma. Questionado pelos jornalistas, confirmou que uma eventual visita à Ucrânia está “em cima da mesa”, projetando ainda um encontro com o patriarca Cirilo, do Patriarcado Ortodoxo de Moscovo e o trabalho de bastidores da diplomacia do Vaticano.

Francisco “profundamente entristecido” com relatos de indígenas do Canadá

Após semana de audiências

Francisco “profundamente entristecido” com relatos de indígenas do Canadá

O Papa terminou esta sexta-feira, 1 de abril, uma semana de audiências com representantes dos povos nativos do Canadá, tendo-se manifestado “profundamente entristecido” pelas histórias de sofrimento que alguns deles lhe contaram, relata o Vatican News. “Pela conduta deplorável desses membros da Igreja Católica, peço perdão a Deus e digo-vos de todo o coração: tenho muita pena. Junto-me aos meus irmãos, os bispos canadianos, pedindo o vosso perdão”, disse Francisco aos seus interlocutores.

Patriarca Cirilo cada vez mais contestado

Entre ortodoxos e Conselho Mundial das Igrejas

Patriarca Cirilo cada vez mais contestado

A guerra desencadeada por Putin na Ucrânia veio pôr em evidência um líder religioso não apenas apoiante e legitimador da invasão, mas a justificá-la como uma guerra contra o Ocidente, “contra as forças do mal”, “um combate que não tem um significado físico, mas metafísico”, como referiu em homilias e discursos já depois de iniciada a invasão. Neste momento, o Patriarca de Moscovo e a Igreja Ortodoxa Russa parecem estar cada vez mais isolados, a ponto de largos setores da ortodoxia terem deixado de evocar o nome de Cirilo nas orações litúrgicas e, em alguns casos, começarem mesmo a colocar sobre a mesa o tema da sua destituição.

Meditação sobre o Papa Francisco

Meditação sobre o Papa Francisco

Na sequência das eleições legislativas de Janeiro, o 7MARGENS pediu a alguns cristãos empenhados na ação política ou com reflexão sobre o tema que explicassem as razões do seu compromisso. Publicamos agora um texto de Adriano Moreira, professor universitário jubilado e antigo líder do CDS. O texto corresponde a uma intervenção feita em 2018 mas que o autor considera uma síntese do seu pensamento nesta área.

Supremo rejeita petição para controlar missionários cristãos

Índia

Supremo rejeita petição para controlar missionários cristãos

Grupos nacionalistas hindus têm vindo a acusar cada vez com maior frequência missionários cristãos de “ilegalmente” seduzirem e converterem hindus pobres e analfabetos ao cristianismo. O Supremo Tribunal acusou movimento de “estar a perturbar a harmonia com este tipo de petições” e rejeitou o pedido.

Guerra faz crescer crispação entre Patriarcas

Igreja Ortodoxa

Guerra faz crescer crispação entre Patriarcas

No encontro que manteve com o Presidente da Polónia, Andrzej Duda, o Patriarca Ecuménico de Constantinopla Bartolomeu I (Igreja Ortodoxa) aprofundou o fosso que o separa do Patriarca de Moscovo, Cirilo, ao classificar a guerra contra a Ucrânia como “injustificada e injustificável agressão”  segundo relata o Orthodox Times de dia 28 de março.

Uma cátedra para o diálogo científico entre judeus e cristãos

Isaac Abravanel – Damião de Góis

Uma cátedra para o diálogo científico entre judeus e cristãos

Privilegiar o diálogo científico e inter-religioso entre as tradições judaica e cristã, “ainda insuficientemente praticado em Portugal e em muitos sectores de nível internacional” é o objectivo principal da Cátedra de Estudos Bíblicos Judaicos e Cristãos Isaac Abravanel – Damião de Góis, que nesta terça-feira, 29 de Março, será apresentada na Universidade Católica Portuguesa (UCP), em Lisboa.

Igrejas da Hungria e Roménia mobilizadas para ajudar os refugiados ucranianos

Terceira onda de fuga do país

Igrejas da Hungria e Roménia mobilizadas para ajudar os refugiados ucranianos

As igrejas locais da Hungria e da Roménia estão na linha da frente para ajudar os refugiados ucranianos, afirmaram o Conselho Ecuménico das Igrejas e a Aliança ACT (que congrega cerca de uma centena e meia de igrejas e organizações afiliadas de 120 países empenhadas em fornecer ajuda humanitária a pessoas carenciadas), numa conferência de imprensa realizada no dia 22 de março, após uma viagem recente à Hungria, Roménia e Ucrânia.

Francisco rejeita “guerra santa” e pede apoio de Cirilo

Reunidos em vídeoconferência

Francisco rejeita “guerra santa” e pede apoio de Cirilo

O Papa Francisco e o patriarca ortodoxo russo Cirilo estiveram reunidos pela primeira vez desde o início da guerra na Ucrânia. No encontro, que decorreu ao início da tarde desta quarta-feira, 16 de março, por videoconferência, o responsável da Igreja Católica rejeitou qualquer justificação para a agressão militar por parte da Rússia, afirmando que não se pode falar de “guerra santa”. “As guerras são sempre injustas. Porque quem paga é o povo de Deus”, sublinhou.

O míssil que esburacou a casa do bispo

Ucrânia

O míssil que esburacou a casa do bispo

Terça-feira passada, 1 de Março, em Kharkiv, uma das cidades ucranianas que está a ser mais atacada, um míssil atingiu a casa do bispo católico romano, Pavlo Honcharuk, abrindo um buraco no telhado. Ninguém ficou ferido. “Assim, nós também recebemos um destes ‘presentes’”, diz o bispo num pequeno vídeo enviado à fundação pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS).

Conselho Mundial acolhe novas igrejas-membros

Ecumenismo

Conselho Mundial acolhe novas igrejas-membros

  O Conselho Mundial de Igrejas (CMI) tem agora 352 igrejas-membros em 120 países depois de o comité central da organização ter aceitado a candidatura de dois novos membros: a Primeira Missão da Igreja Africana (Nigéria) e a Missão de Fé Apostólica da África do...

Bispos pedem reconciliação e fim da violência depois de 200 mortes na Nigéria

Vários ataques no Nordeste do país

Bispos pedem reconciliação e fim da violência depois de 200 mortes na Nigéria

O último episódio de violência na Nigéria, com contornos políticos, económicos e religiosos, descreve-se ainda com dados inconclusivos, mas calcula-se que, pelo menos, duas centenas de pessoas perderam a vida na primeira semana de Janeiro no estado de Zamfara, Nigéria, após vários ataques de grupos de homens armados a uma dezena de aldeias. Há bispos católicos a sugerir caminhos concretos para pôr fim à violência no país, um dos que registam violações graves da liberdade religiosa. 

Na Terra Santa o ecumenismo é uma realidade

Semana da unidade dos cristãos

Na Terra Santa o ecumenismo é uma realidade

A Terra Santa “é o lugar onde as comunidades cristãs estão mais próximas da unidade”, afirmou Francesco Patton, padre franciscano responsável pelos locais santos da Palestina. “Na Terra Santa falamos menos sobre a teoria do ecumenismo e praticamos mais a unidade” – salientou Patton a propósito da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, que decorre entre 18 e 25 de janeiro.

Não ao arame farpado do ódio: o grito do Papa num discurso “fora da caixa”

Não ao arame farpado do ódio: o grito do Papa num discurso “fora da caixa”

Ao partir de Chipre, este sábado, 4, rumo à Grécia, o Papa Francisco deixa uma sementeira rica de desafios e imprevisível quanto aos frutos. Do segundo dia da visita fica a denúncia dos novos “campos de concentração” de migrantes e o grito contra o arame farpado do ódio. Indo das palavras aos atos, com ele levará 50 refugiados que o acompanharão para Roma.

Papa faz viagem escaldante e talvez leve afegãos para Roma

Francisco no Chipre e Grécia

Papa faz viagem escaldante e talvez leve afegãos para Roma

“A Europa não pode ignorar o Mediterrâneo”, diz o Papa, que inicia nesta quinta-feira uma viagem para recordar a convivência inter-religiosa que Chipre já viveu e a osmose entre o pensamento grego e o cristianismo. Mas Francisco atravessará terreno escaldante, tensões políticas e tragédias humanitárias ao rubro: a última capital do mundo partida ao meio, Grécia e Turquia zangadas, refugiados, migrações, diálogo com os ortodoxos, convivência com os muçulmanos…

Ramos-Horta apela à adoção da Declaração de Abu Dhabi

Timor-Leste

Ramos-Horta apela à adoção da Declaração de Abu Dhabi

José Ramos-Horta vai insistir junto do Presidente e do Governo de Timor-Leste para que o país adote a Declaração de Abu Dhabi assinada pelo Papa Francisco e pelo Grande Imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, sobre a Fraternidade Humana em Prol da Paz Mundial e da Convivência Comum, noticiou esta sexta, 26 de novembro, a UCA News, citando a Tatoli, a agência noticiosa de Timor-Leste.

Bispos europeus querem que UE lidere combate pelo clima

Carta do cardeal Hollerich

Bispos europeus querem que UE lidere combate pelo clima

A Comissão dos Episcopados Católicos da União Europeia (Comece) considera, numa mensagem a propósito da COP26, que se inicia neste domingo, 31, em Glasgow (Escócia), que os Estados-membros da UE devem assumir a liderança global no combate às alterações climáticas. “Limitar o aquecimento global a 1,5 graus centígrados é um profundo imperativo moral”, escreve o presidente da estrutura dos bispos católicos dos países da UE, cardeal Jean-Claude Hollerich.

Timor-Leste: nasce associação para o turismo religioso

Iniciativa interconfessional

Timor-Leste: nasce associação para o turismo religioso

Acaba de nascer a Associação de Turismo Religioso de Timor-Leste (ATRTL), num ato realizado na última terça-feira, dia 11, na catedral da Imaculada Conceição, em Díli. O lançamento da iniciativa, que envolve todas as religiões do país, ocorreu no aniversário da data da visita do Papa João Paulo II àquele território, quando este se encontrava ainda ocupado pelo poder indonésio. O processo da sua criação, que decorria desde 2018, envolve as confissões católica (maioritária), protestante, muçulmana, hindu e confucionista.

Líderes religiosos assinam apelo conjunto para travar alterações climáticas

COP26

Líderes religiosos assinam apelo conjunto para travar alterações climáticas

Diversos líderes religiosos mundiais, incluindo o Papa Francisco, vão assinar no Vaticano um apelo conjunto para travar as alterações climáticas, anunciou esta sexta-feira, 1 de outubro, a sala de imprensa da Santa Sé. O gesto acontecerá no dia 4 de outubro, durante o encontro “Fé e Ciência: Rumo à COP 26”, refere a agência Ecclesia. A sessão, na manhã de segunda-feira, coincide com a festa litúrgica de São Francisco de Assis.

Taizé dinamiza vigília para jovens em Glasgow

Cimeira do Clima

Taizé dinamiza vigília para jovens em Glasgow

A Comunidade de Taizé foi convidada pelo Comité Coordenador da COP26 das Igrejas de Glasgow para preparar e liderar uma vigília para estudantes e jovens em Glasgow durante a Cimeira do Clima. Mais de sete mil pessoas passaram por Taizé, desde junho, semana após semana, apesar do contexto da pandemia que se vive.

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados

Líbano tem novo Governo

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados

O novo Governo do Líbano, liderado pelo muçulmano sunita Najib Mikati, obteve nesta segunda-feira, 20 de setembro, o voto de confiança do Parlamento. A nova estrutura de Governo reflete na sua composição a variedade do “mosaico” libanês, nomeadamente do ponto de vista das diversas religiões e confissões religiosas, mas os siro-católicos dizem ter sido marginalizados.

Taizé: lugar para ser

Taizé: lugar para ser

Paz. É o que sentimos em Taizé. O espírito de grupo, as orações e até as refeições revelam a verdadeira essência deste lugar. Lugar que é mais que lugar: é templo, é família, é casa. 

Comunidades religiosas são “vitais na luta contra a covid-19”

A visão do diretor-geral da OMS

Comunidades religiosas são “vitais na luta contra a covid-19”

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, destacou o importante papel que as comunidades religiosas têm desempenhado na luta contra a pandemia de covid-19. O responsável falava durante um encontro em Genebra, que reuniu na passada segunda-feira, 30, diversos representantes religiosos, ministros, embaixadores, e organizações não governamentais.

Mesquita e Catedral de Jacarta unidas por um túnel, em sinal de paz e tolerância

Indonésia

Mesquita e Catedral de Jacarta unidas por um túnel, em sinal de paz e tolerância

A partir do mês de setembro, a Mesquita Istiqlal e a Catedral de Nossa Senhora da Assunção, em Jacarta, terão a uni-las um túnel subterrâneo. Situados a apenas 200 metros de distância um do outro, os dois locais de culto passarão a estar efetivamente ligados, constituindo “um símbolo das boas relações entre diferentes comunidades religiosas”, afirmou o vice-presidente do país, Kiai Hajj Ma’ruf Amin, citado pela Asia News.

Novo capelão-chefe da Universidade de Harvard é ateu

Eleito por unanimidade

Novo capelão-chefe da Universidade de Harvard é ateu

Chama-se Greg Epstein, tem 44 anos e é o primeiro ateu escolhido para presidente dos capelães da Universidade de Harvard, a instituição de ensino superior mais antiga dos Estados Unidos, fundada em 1636 com o objetivo de dar formação ao clero protestante. De acordo com o jornal The New York Times, que avançou a notícia esta quinta-feira, 27, a eleição de Epstein é o reflexo de uma “tendência alargada” de jovens que “se identificam cada vez mais como espirituais, mas sem afiliação religiosa”.

Cristãos devem unir-se na oração e na ação para cuidar da casa comum

Igrejas europeias em declaração conjunta

Cristãos devem unir-se na oração e na ação para cuidar da casa comum

O convite destina-se a “todos os cristãos nas Igrejas da Europa, paróquias, comunidades eclesiais e todas as pessoas de boa vontade” e foi publicado esta sexta-feira, 27, pelo Conselho das Conferências Episcopais da Europa (CCEE) e pela Conferência das Igrejas Europeias (CEC):  que todos celebrem o “Tempo da Criação” e cuidem da “Casa Comum” com “espírito ecuménico, unidos na oração e na ação”.

Rabis contra acórdão do Tribunal de Justiça da União Europeia

Liberdade e símbolos religiosos

Rabis contra acórdão do Tribunal de Justiça da União Europeia

O acórdão do Tribunal de Justiça da União Europeia que permite aos empregadores proibir, em certas circunstâncias, os trabalhadores de usarem roupas ou símbolos religiosos no trabalho “é um retrocesso em relação às liberdades religiosas”, disse o rabino Pinchas Goldschmidt, presidente da Conferência de Rabinos Europeus, à Agência Telegráfica Judaica, na passada sexta-feira, 20 de agosto.

Dimas de Almeida (1937-2021): Protestante livre, apaixonado pela Bíblia e “católico”

Um perfil biográfico

Dimas de Almeida (1937-2021): Protestante livre, apaixonado pela Bíblia e “católico”

A PIDE entrou-lhe um dia em casa mas não levou o livro “mais perigoso” que ele lá tinha: a Bíblia. Dimas de Almeida, que morreu no passado dia 11, tinha no texto sagrado dos judeus e cristãos uma das suas marcas indeléveis. Personalidade livre, que buscava incessantemente o rigor, deixou marcas indeléveis nas pessoas que com ele se cruzaram e foi um dos rostos marcantes do diálogo ecuménico com católicos, nas últimas décadas. Um antigo aluno fala de alguém que fazia um “trabalho de relojoaria” na exigência que colocava a si mesmo e aos outros.

Taizé marca recomeço com encontro de amizade islamo-cristão

Verão na comunidade com regresso de jovens

Taizé marca recomeço com encontro de amizade islamo-cristão

“Era importante mostrar que a amizade entre muçulmanos e cristãos não só era possível, mas que já estava a ser vivida em muitos lugares do mundo.” Foi com esta convicção, definida pelo irmão Jean-Jacques, de Taizé, que a comunidade monástica ecuménica organizou o quarto encontro de amizade entre jovens cristãos e muçulmanos, marcando deste modo o recomeço dos encontros internacionais em Taizé.

Patriarcas e bispos católicos promovem Dia da Paz para o Médio Oriente

“Um sinal poderoso”

Patriarcas e bispos católicos promovem Dia da Paz para o Médio Oriente

O Conselho dos Patriarcas e Bispos Católicos do Médio Oriente promove neste domingo, 27 de Junho, um Dia da Paz para a região. A iniciativa será sobretudo simbólica e litúrgica: cada bispo celebra a missa na sua diocese, consagrando o Médio Oriente; como gesto colectivo, o patriarca latino de Jerusalém, Pierbattista Pizzaballa, abençoará um ícone da Sagrada Família, na Igreja da Anunciação de Nazaré.

Religiões também querem comemorar 50 anos do 25 de Abril

20 anos da Lei da Liberdade Religiosa

Religiões também querem comemorar 50 anos do 25 de Abril

Ao comemorar os 20 anos da Lei de Liberdade Religiosa, de que o próprio foi o impulsionador político, José Vera Jardim abriu o livro das reclamações a apresentar ao Governo. Diante da ministra da Presidência, o responsável disse o que falta fazer para concretizar melhor a lei. As religiões, que fazem um balanço muito positivo da aplicação do diploma legal, querem que também elas “possam contribuir para a preparação e celebração dos 50 anos do 25 de Abril”.

Luteranos elegem pela primeira vez uma mulher como secretária-geral

Federação Mundial

Luteranos elegem pela primeira vez uma mulher como secretária-geral

Pela primeira vez a estrutura mundial dos Luteranos terá como secretária-geral uma mulher, Anne Burghardt, 45 anos, teóloga estoniana. Ultimamente, Burghard tem desempenhado as funções de diretora para o desenvolvimento no Instituto de Teologia da Igreja Evangélica Luterana da Estónia e de consultora para as relações internacionais e ecuménicas daquela Igreja. Além disso, foi coordenadora para as celebrações do 500º aniversário da Reforma e tem integrado o conselho da Conferência das Igrejas Europeias.

A rua proibida de Vera Jardim que levou à Lei da Liberdade Religiosa

50 anos do Copic

A rua proibida de Vera Jardim que levou à Lei da Liberdade Religiosa

Uma rua proibida de onde nasce uma lei da liberdade religiosa; diferentes igrejas protestantes que celebram 50 anos de diálogo ecuménico e se unem agora a duas organizações ambientais e a outras confissões cristãs para promover a defesa da casa comum. E um Presidente da República e um antigo ministro a elogiarem estes percursos. O Conselho Português de Igrejas Cristãs assinalou 50 anos e fez a festa.

Pentecostes lembra mãos curadoras

Mensagem do Conselho Mundial de Igrejas

Pentecostes lembra mãos curadoras

“A visão do Pentecostes continua a iluminar-nos e a reacender o Evangelho para toda a criação – nós testemunhamo-lo nas mãos curadoras daqueles que cuidam de todos os aflitos e afetados pela pandemia. Vemos isso no fogo que queima por justiça social, económica e climática nos corações das comunidades eclesiásticas em todo o mundo. Sentimos isso na necessidade premente das mulheres, jovens e velhas, de uma nova terra, como previu o profeta Joel.” A afirmação consta da mensagem dos presidentes do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) para o tempo de Pentecostes, festa litúrgica que as igrejas cristãs assinalam no próximo domingo, 23 de maio.

Nova presidente da Igreja Evangélica Alemã tem 25 anos

Nova presidente da Igreja Evangélica Alemã tem 25 anos

    Tem apenas 25 anos a nova presidente do Sínodo da Igreja Evangélica da Alemanha, que acaba de ser eleita por este órgão. Na história da Igreja Evangélica, é a pessoa mais jovem a ocupar o cargo. A nova presidente, Anna-Nicole Heinrich, é investigadora de...

UE: Cipriota Christos Stylianidis velará pela liberdade religiosa

UE: Cipriota Christos Stylianidis velará pela liberdade religiosa

“Agradeço profundamente ao Colégio de Comissários da Comissão Europeia pela minha nomeação como Enviado Especial para a promoção da liberdade de religião ou crença fora da União Europeia”. Foi assim que o político cipriota Christos Stylianidis reagiu à escolha do seu nome para dar continuidade a uma função que tinha sido interrompida em 2019 e que alguns entendiam não ser imprescindível.

Papa Francisco aprovou canonização de Carlos de Foucauld, santo entre os tuaregues

Papa Francisco aprovou canonização de Carlos de Foucauld, santo entre os tuaregues

O Papa Francisco decidiu nesta segunda-feira, 3 de Maio, aprovar a canonização do francês Carlos de Foucauld, inspirador dos Irmãozinhos e Irmãzinhas de Jesus, que viveu como eremita no deserto argelino, entre tuaregues, e acabaria assassinado. Na cerimónia da sua beatificação, em 13 de novembro de 2005 (presidida pelo cardeal português José Saraiva Martins, então prefeito da Congregação para as Causas dos Santos), uma delegação tuaregue fez-se representar na Basílica de São Pedro, no Vaticano.

Arcebispo de Colombo contra clima de desconfiança entre religiões

Arcebispo de Colombo contra clima de desconfiança entre religiões

Os atentados do Domingo de Páscoa de 2019 que fizeram 269 mortos e mais de 500 feridos em três igrejas e três hotéis de luxo do Sri Lanka “revelaram-nos a doença que está crescendo” no país, a doença “da desconfiança entre raças e entre religiões” e a “necessidade de todos nos unirmos”, declarou o arcebispo de Colombo, cardeal Malcom Ranjith.

Vaticano saúda muçulmanos no Ramadão

Vaticano saúda muçulmanos no Ramadão

O Conselho Pontifício para o Diálogo Inter-religioso, da Santa Sé, enviou uma mensagem aos muçulmanos de todo o mundo, por ocasião do início do Ramadão, convidando todos os crentes a serem “construtores e reparadores” da esperança.

Hans Küng, um gigante da teologia ecuménica

Hans Küng, um gigante da teologia ecuménica

Mas será que a Igreja Católica Romana ainda se pode salvar? Sim, pensava Hans Küng, desde que ela reconheça estar doente e que o vírus da obsessão pelo poder que nela se introduziu progressivamente ao longo dos séculos e causou os cismas com o Oriente em 1054 e com a Europa Central e do Norte 1517, seja combatido com determinação.

Arcebispos de Cantuária e de Westminster criticam corte na ajuda humanitária

Arcebispos de Cantuária e de Westminster criticam corte na ajuda humanitária

É uma tomada de posição conjunta muito pouco frequente: o arcebispo de Cantuária e primaz da Igreja Anglicana, Justin Welby, e o cardeal Vincent Nichols, arcebispo de Westminster e presidente da Conferência Episcopal [católica] de Inglaterra e Gales, publicaram na edição de 6 de abril do Evening Standard uma carta aberta em que criticam asperamente a decisão do Governo do primeiro-ministro Boris Johnson de suspender a ajuda humanitária a vários países.

Ir. Aloïs, de Taizé: “Sozinhos não podemos acreditar, só juntos podemos ouvir o inacreditável”

Ir. Aloïs, de Taizé: “Sozinhos não podemos acreditar, só juntos podemos ouvir o inacreditável”

Numa altura em que o “mundo atravessa a provação de tanto sofrimento e quando a bela esperança humana é tantas vezes abalada” é “ainda mais importante rezar juntos, sentirmo-nos em comunhão, próximos uns dos outros, em amizade”, afirmou o irmão Aloïs, de Taizé, na sua meditação para a Páscoa 2021. “Sozinhos não podemos acreditar, é inimaginável. Mas juntos podemos ouvir o inacreditável, que Maria [de Magdala] e depois os apóstolos anunciaram no dia de Páscoa: Cristo está vivo!”

Meditações de Taizé na Semana Santa: Um tempo vazio, um intervalo num teatro

Meditações de Taizé na Semana Santa: Um tempo vazio, um intervalo num teatro

O Sábado Santo do calendário cristão, o dia que antecede o Domingo de Páscoa, é um “tempo vazio”, mesmo na narrativa bíblica: não há relatos deste “dia de luto e de interiorização”, mas ele é um dia “com muitas coisas a dizer-nos”, diz o irmão András, de Taizé, na meditação que a comunidade ecuménica de monges propõe para esta Semana.

Bíblia completa traduzida em 66 novas línguas em 2020. E vão 704!

Bíblia completa traduzida em 66 novas línguas em 2020. E vão 704!

A pandemia foi fecunda para as traduções da Bíblia em novos idiomas, ainda que uma tradução seja um trabalho longo e aturado. Segundo a publicação Evangelicals.info, ao iniciar-se o corrente ano, chegava a 704 o número de línguas em que estava disponível o livro sagrado dos cristãos e dos judeus, mas também dos muçulmanos, mais 66 do que um ano antes.

Meditação de Taizé para o Domingo de Ramos: entrar de jumento, um símbolo de paz

Meditação de Taizé para o Domingo de Ramos: entrar de jumento, um símbolo de paz

Os irmãos de Taizé, que vivem normalmente do seu trabalho, estão neste momento a diversificar actividades; começaram a produzir bolachas, chás e outros produtos artesanais, uma vez que o acolhimento na aldeia tem estado muito reduzido, em virtude da pandemia. Alguns deles têm mesmo feito trabalhos agrícolas e outros na região. Os produtos para venda estão disponíveis na loja virtual em https://shop.taize.fr/

Diretor da OMS: A fé reduz o medo e o estigma e é “fonte de apoio”

Diretor da OMS: A fé reduz o medo e o estigma e é “fonte de apoio”

“Em tempos de crise, a fé é uma fonte de apoio, consolo e orientação para milhares de milhões de pessoas, particularmente para muitos daqueles que estão em situações mais vulneráveis”, declarou o diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS). Tedros Adhanom Gebreyesus falava na abertura de um webinar promovido pelo Conselho Mundial de Igrejas, introdutório da semana de oração ecuménica pelas vítimas da covid-19, que decorrerá de 22 a 27 de março.

Oração pelo clima teve lugar em todo o mundo

Oração pelo clima teve lugar em todo o mundo

“Uma liderança climática guiada pela compaixão, pelo amor e pela justiça” é o lema da oração inter-religiosa e global pelo clima convocada pela GreenFaith International que decorreu ao longo desta quinta-feira, 11 de março, com diversas manifestações em vários países do mundo.

Francisco e o diálogo com o islão: “São decisões tomadas em oração. Não são caprichos.” (E o Líbano à vista…)

Francisco e o diálogo com o islão: “São decisões tomadas em oração. Não são caprichos.” (E o Líbano à vista…)

O Presidente Biden saudou a “visita histórica” do Papa ao Iraque, que foi “um símbolo de esperança para o mundo inteiro.” Francisco, no regresso a Roma, criticou quem o acusa de raiar a heresia com a aproximação ao islão, disse que pensa numa viagem ao Líbano e confirmou que irá à Hungria – “não ao país, mas à missa” de conclusão do congresso eucarístico…

Francisco no Iraque, dia 2: O “regresso a casa” em Ur, e o terrorismo e violência como traições da religião

Francisco no Iraque, dia 2: O “regresso a casa” em Ur, e o terrorismo e violência como traições da religião

“Deus é misericordioso e a ofensa mais blasfema é profanar o seu nome odiando o irmão. Hostilidade, extremismo e violência não nascem dum ânimo religioso: são traições da religião. E nós, crentes, não podemos ficar calados, quando o terrorismo abusa da religião.” O segundo dia do Papa no Iraque incluiu um encontro histórico e um discurso que pode já ler-se como o mais importante de Francisco – até agora – nesta viagem.

“Calem-se as armas!” Dignidade, justiça, fraternidade e direitos, os caminhos do Papa no primeiro dia no Iraque

“Calem-se as armas!” Dignidade, justiça, fraternidade e direitos, os caminhos do Papa no primeiro dia no Iraque

Os dois discursos iniciais de Francisco em terras do Iraque marcaram o dia da sua chegada: apelos dramáticos aos políticos para que se ponha fim à violência, se pacifique a sociedade, e se permita uma vida digna para todos; e pedidos aos responsáveis católicos de que sejam exemplo de serviço, respeito e unidade nas diferenças. E não faltou um tapete das Mil e Uma Noites num dos discursos…

Paz, esperança e diálogo inter-religioso na viagem histórica do Papa ao Iraque, “berço da civilização” e “terra abençoada e ferida”

Paz, esperança e diálogo inter-religioso na viagem histórica do Papa ao Iraque, “berço da civilização” e “terra abençoada e ferida”

A viagem do Papa ao Iraque que se inicia esta sexta-feira, 5, é histórica por várias razões: é a primeira de um líder católico ao país e à “terra de Abraão”, é a primeira de Francisco depois do início da pandemia, inclui o primeiro encontro com um líder muçulmano xiita e a primeira celebração num rito caldeu. E é, sem dúvida, a mais perigosa em termos de segurança. Ou, corrigindo, uma das mais interessantes…

Assembleia do Conselho Mundial irá debater papel das Igrejas em tempo de pandemia

Assembleia do Conselho Mundial irá debater papel das Igrejas em tempo de pandemia

“As igrejas necessitam agora encontrar juntas, num movimento ecuménico renovado pelo bem do mundo, uma voz mais pública para falar de uma esperança (…) que leve a construir um mundo melhor que o mundo tão profundamente modelado pelo materialismo, o individualismo e o consumismo, um mundo onde se repartam os recursos, se abordem as desigualdades e se estabeleça uma nova dignidade entre nós e connosco.”

Uma Quaresma para mudar a forma de pensar e cuidar dos mais fracos, propõem os cristãos da Amazónia e o Papa

Uma Quaresma para mudar a forma de pensar e cuidar dos mais fracos, propõem os cristãos da Amazónia e o Papa

É preciso mudar a nossa forma de pensar e de agir em relação à nossa ‘casa comum’ e em relação a todos os seus habitantes, especialmente os que mais sofrem do abuso do poder político e económico.” É desta forma que o padre jesuíta brasileiro Adelson Araújo dos Santos, aponta o horizonte para a reflexão dos cristãos neste tempo de Quaresma, iniciado nesta Quarta-Feira de Cinzas, 18 de Fevereiro.

Prémio para a mãe de uma vítima de terrorismo e Guterres, que se juntam ao Papa e Al-Tayyeb no primeiro Dia da Fraternidade Humana

Prémio para a mãe de uma vítima de terrorismo e Guterres, que se juntam ao Papa e Al-Tayyeb no primeiro Dia da Fraternidade Humana

O Papa Francisco referiu o seu contentamento por “ver as nações do mundo inteiro unidas” na celebração do primeiro Dia Internacional da Fraternidade Humana, “que visa promover o diálogo inter-religioso e intercultural”. A data será assinalada ao início da tarde desta quinta-feira, 4 de Fevereiro, com um encontro virtual que juntará o Papa, António Guterres, o xeque Ahmad Al-Tayyeb, e outras personalidades

Uma árabe nascida em Israel é a nova presidente dos Focolares

Uma árabe nascida em Israel é a nova presidente dos Focolares

Margaret Karram, 58 anos, árabe nascida em Haifa (Norte de Israel), católica e licenciada em Judaísmo pela Universidade Hebraica de Los Ángeles (Estados Unidos), é a nova presidente do Movimiento dos Focolares. Karram foi eleita no domingo, 31 de Janeiro, na assembleia geral que decorre numa plataforma virtual, e o seu nome foi ratificado na segunda-feira.

Cristãos devem progredir “nos caminhos da unidade”, o apelo da semana de oração pela unidade

Cristãos devem progredir “nos caminhos da unidade”, o apelo da semana de oração pela unidade

Os cristãos devem progredir “nos caminhos da unidade”, pediram os bispos Manuel Felício, responsável da diocese católica de Viseu, e Sifredo Teixeira, da Igreja Metodista. O bispo de Viseu e representante do Departamento de Ecumenismo da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) disse que “este momento altamente significativo” é vivido “em tempos difíceis”, mas nas dificuldades “os cristãos querem ficar cada vez mais unidos”.

Semana pela Unidade dos Cristãos: Aplicação disponibiliza orações em árabe

Semana pela Unidade dos Cristãos: Aplicação disponibiliza orações em árabe

Pela primeira vez, os cristãos de língua árabe podem acompanhar as orações e meditações bíblicas da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos (que se assinala entre 18 e 25 de janeiro) no seu próprio idioma, graças à tradução assegurada pelo Conselho Mundial de Igrejas (CMI), em parceria com o Conselho de Igrejas do Médio Oriente (MECC) e a aplicação bíblica You Version – The Bible App.

“Fratelli tutti” em russo, por iniciativa de muçulmanos

“Fratelli tutti” em russo, por iniciativa de muçulmanos

A tradução em língua russa da última encíclica do Papa Francisco, Fratelli Tutti, acaba de ser publicada, segundo noticia o Vatican News. A surpresa é ela ter sido feita e editada por instituições muçulmanas e ter surgido antes mesmo da tradução que estava a ser preparada pela Igreja Católica na Rússia.

Uma receita religiosa q.b.

Uma receita religiosa q.b.

Do mesmo modo que os cinco dedos, embora unidos numa mesma mão, não são iguais, é preciso reconhecer que as religiões monoteístas, em particular o cristianismo e o islão, têm verdades, defendem doutrinas e sustentam-se em princípios irreconciliáveis entre si. E o ponto principal de discórdia é a afirmação cristã de que Deus se fez homem em Jesus – tão próprio da celebração desta época do ano – que a fé islâmica rejeita totalmente.

Nações Unidas proclamam 4 de fevereiro como Dia Internacional da Fraternidade Humana

Nações Unidas proclamam 4 de fevereiro como Dia Internacional da Fraternidade Humana

A Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) aprovou por unanimidade uma resolução que proclama o dia 4 de fevereiro como “Dia Internacional da Fraternidade Humana”. A iniciativa, que partiu dos Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Egito e Arábia Saudita, é sinal do reconhecimento internacional do “Documento sobre a Fraternidade Humana em Prol da Paz Mundial e da Convivência Comum”, assinado pelo Papa Francisco e pelo Grande Imã de Al Azhar, Al Sharif, Ahmad Al Tayyeb, precisamente a 4 de fevereiro de 2019.  A data será celebrada já a partir de 2021.

Arcebispo de Cantuária: Cristo veio ao mundo para trazer a cura

Arcebispo de Cantuária: Cristo veio ao mundo para trazer a cura

Justin Welby, arcebispo de Cantuária e líder espiritual da Comunhão Anglicana, divulgou a sua mensagem ecuménica do Natal de 2020, centrando-se na pandemia global que atravessamos e no “sofrimento” que, “de uma forma generalizada”, provocou “muitos milhares de mortes e uma crise económica em todo o mundo.”

Ídolo

Ídolo

Não sei quem escreveu o livro do Levítico, e gostava de saber, para lhe deitar as culpas retroactivas do fundamentalismo que se abateu sobre vastas áreas da Europa no século XVI, e que levou simpáticos cristãos a destruir inúmeros objectos de arte sacra porque viam neles uma blasfémia.

Só cardeal Sarah não separa do islão o ataque em Nice, condenado por todos os líderes religiosos

Só cardeal Sarah não separa do islão o ataque em Nice, condenado por todos os líderes religiosos

As reações ao atentado ocorrido esta quinta-feira, 29, na basílica de Notre-Dame, em Nice, foram praticamente unânimes entre líderes religiosos e políticos. Católicos, protestantes, muçulmanos… Foram muitos os que condenaram publicamente os “atos bárbaros” que deixaram três mortos e vários feridos, e que fizeram questão de sublinhar que o terrorismo é contrário a todas as religiões, apelando ao perdão e à paz. Fora do grupo ficou o cardeal Robert Sarah, prefeito da Congregação para o Culto Divino, que apelidou o islamismo de “fanatismo monstruoso”.

Papa em encontro inter-religioso pela Paz promovido por Sant’Egídio

Papa em encontro inter-religioso pela Paz promovido por Sant’Egídio

O Papa Francisco e vários outros líderes religiosos participam, neste terça-feira, 20, num encontro inter-religioso de oração pela paz no espírito de Assis, promovido pela Comunidade de Sant’Egídio, em Roma. Sob o lema “Ninguém se salva sozinho – Paz e Fraternidade”, o encontro prevê diversos tempos de oração em diferentes locais de Roma, consoante o credo de cada pessoa, informa o Vatican News.

Religiões querem ser parceiras do G20

Religiões querem ser parceiras do G20

Chegou o momento de reconhecer formalmente o Fórum Inter-Religioso do G20 como uma plataforma oficial nas futuras cimeiras do G20. A recomendação é uma das conclusões do Fórum que reuniu representantes de diversas religiões antecedendo a reunião dos líderes políticos, prevista para 21 e 22 de Novembro, que será conduzida pelo rei Salman Al-Saoud, da Arábia Saudita.

“Todos irmãos”: a encíclica de Francisco sobre a fraternidade será assinada dia 3 de outubro em Assis

“Todos irmãos”: a encíclica de Francisco sobre a fraternidade será assinada dia 3 de outubro em Assis

O nome não deixa margem para dúvidas: “Fratelli tutti” (ou “Todos irmãos”), é uma carta do Papa aos fiéis sobre a fraternidade. Trata-se da sua terceira encíclica (depois da publicação de “Lumen Fidei”, em 2013, e “Laudato Si’”, em 2015), e Francisco decidiu assiná-la na cidade de Assis, no próximo dia 3 de outubro, precisamente a véspera da festa de São Francisco, que nasceu na pequena cidade italiana.

Hagya Sophia de novo mesquita: o olhar de quatro muçulmanos portugueses

Hagya Sophia de novo mesquita: o olhar de quatro muçulmanos portugueses

Antes uma igreja que um museu, um centro de diálogo inter-religioso de excelência, ou mesmo a possibilidade de cristãos e muçulmanos poderem utilizar o espaço para rezar, mesmo que em sítios separados. Quatro muçulmanos portugueses respondem com estas possibilidades a um curto inquérito do 7MARGENS sobre o modo como olham para a reconversão de Hagya Sophia em mesquita.

Erdogan convidou o Papa, mas a primeira oração muçulmana em Hagia Sofia arrisca-se a ser uma arma política

Erdogan convidou o Papa, mas a primeira oração muçulmana em Hagia Sofia arrisca-se a ser uma arma política

Um padre jesuíta diz que é “hipócrita” dizer que os cristãos perdem uma igreja; bispos católicos e ortodoxos insistem na ideia d e um lugar de culto misto ou de iniciativas inter-religiosas; a Presidente grega pede ajuda ao Papa; Erdogan fala no renascimento islâmico, de Bukhara ao Al-Andalus. A decisão política do Presidente turco em reconverter a antiga basílica de Santa Sabedoria em mesquita é contestada por muitos, mas, apesar dos apelos de última hora, a primeira oração muçulmana depois da decisão acontecerá mesmo nesta sexta, 24. O ponto de situação sobre a polémica, na véspera do acontecimento. 

Santa Sofia vai voltar a ser mesquita. UNESCO teme perda de “valor universal” do monumento

Santa Sofia vai voltar a ser mesquita. UNESCO teme perda de “valor universal” do monumento

O supremo tribunal turco reverteu esta sexta-feira, 10 de julho, uma decisão judicial de 1934 que tinha convertido a Basílica de Santa Sofia num museu, e o presidente Recep Tayip Erdogan já informou que vai transformá-la numa mesquita. A Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) teme que o “valor universal” do monumento possa ser alterado.

Igreja e mesquita construídas lado a lado no Egito, em sinal de unidade

Igreja e mesquita construídas lado a lado no Egito, em sinal de unidade

Uma igreja e uma mesquita estão a ser construídas lado a lado, sem nenhuma barreira entre os dois lugares de culto, no bairro de Moqattam, no noroeste do Cairo. O projeto é a concretização do sonho do ex-deputado Nabil Luke al-Babawi, que ficou conhecido pelas suas iniciativas destinadas a promover a harmonia nacional e a convivência entre os diferentes setores da sociedade egípcia.

Grupo de teólogos pede ao Vaticano que revogue excomunhão de Lutero

Grupo de teólogos pede ao Vaticano que revogue excomunhão de Lutero

Caso a resposta da Igreja Católica seja positiva, tratar-se-á de um gesto histórico para o ecumenismo: o desafio ao Vaticano para que revogue a excomunhão de Lutero partiu do Grupo de Discussão Ecuménica de Altenberg, uma comunidade de teólogos que se dirigiu também à Federação Luterana Mundial para que retire a declaração de “Anticristo” que Lutero fez a Leão X, o papa que o excomungou.

Taizé reabre as portas aos jovens, mas com novas regras

Taizé reabre as portas aos jovens, mas com novas regras

A comunidade de Taizé reabriu esta terça-feira as portas para acolher jovens dos 18 aos 28 anos que ali queiram passar um ou mais dias. Participar nas orações da comunidade e ajudar nas várias tarefas do dia-a-dia voltou a ser possível, mas “todos os que vêm a Taizé têm que aceitar respeitar as medidas de distância física, bem como as regras de higiene”, avançam os irmãos em comunicado.

Enzo Bianchi, um verdadeiro cristão (Opinião)

Enzo Bianchi, um verdadeiro cristão (Opinião)

Quem conhece o Enzo Bianchi, quem já se refletiu naqueles olhos terríveis de fogo, como são os olhos de um homem “que viu Deus”, sabe do seu caráter enérgico, por vezes tempestuoso, firme, de quem não tem tempo a perder e que por isso urge falar sempre com parresía, isto é, com franqueza, com verdade. Enzo habitou-nos a isso, habituou os monges e as monjas de Bose a isso. O exercício da autoridade, a gestão do governo e o clima fraterno da Comunidade sempre tiveram a sua marca, esta marca.

Suécia: Católicos e Luteranos unidos em primeiro retiro ecuménico online

Suécia: Católicos e Luteranos unidos em primeiro retiro ecuménico online

O bispo católico de Estocolmo e a bispa luterana de Uppsala organizaram um retiro espiritual ecuménico onde poderão participar fiéis de ambas as igrejas. O encontro decorrerá online e tem como objetivo que católicos e luteranos “rezem juntos e mergulhem numa dimensão espiritual num momento que é de stress e preocupação”. De acordo com o Vatican News, a iniciativa de Anders Arborelius e Karin Johannesson (referida pelo portal do Vaticano como “episcopisa”) é “inédita”.

Pin It on Pinterest

Share This