Diálogo ecuménico e inter-religioso

Como conciliar o primado do Papa com a unidade dos cristãos? O Vaticano publicou um estudo que tenta responder

Novo documento "O bispo de Roma"

Como conciliar o primado do Papa com a unidade dos cristãos? O Vaticano publicou um estudo que tenta responder

O desafio foi lançado há quase 30 anos por João Paulo II, na encíclica Ut Unum Sint – Sobre o empenho ecuménico: o então pontífice pedia aos líderes e teólogos das várias Igrejas cristãs que se envolvessem num “trabalho paciente e corajoso” sobre a primazia papal. A resposta tardou, mas chegou, e pode ser encontrada no novíssimo documento do Dicastério para a Promoção da Unidade dos Cristãos, intitulado “O bispo de Roma”.

A aldeia com 12 casas, habitantes de 40 confissões religiosas e uma mesa de refeições comum… que todos podem visitar

Em Priscos, Braga

A aldeia com 12 casas, habitantes de 40 confissões religiosas e uma mesa de refeições comum… que todos podem visitar

Quantas vezes se sentaram a uma mesma mesa, partilhando uma refeição comum, pessoas de 40 confissões religiosas diferentes? No mundo inteiro, “terá acontecido duas ou três vezes”… em Portugal, nenhuma. Mas vai acontecer muito em breve, na pequena grande “aldeia” que está a nascer em Priscos, Braga. Chama-se Aldeia das Religiões, vai ter apenas 12 casas (ou melhor, tendas), e durante os dias 20 a 22 de junho será habitada por representantes da quase totalidade de religiões e igrejas existentes no país. As portas dessas casas estarão sempre abertas e todos os visitantes serão bem recebidos, garante ao 7MARGENS o mentor da iniciativa, o padre católico João Torres.

Cada diocese em Portugal deveria ter “uma pessoa responsável pela ecologia integral”

Susana Réfega, do Movimento Laudato Si'

Cada diocese em Portugal deveria ter “uma pessoa responsável pela ecologia integral”

A encíclica Laudato Si’ foi “determinante para o compromisso e envolvimento de muitas organizações”, católicas e não só, no cuidado da Casa Comum. Quem o garante é Susana Réfega, portuguesa que desde janeiro deste ano assumiu o cargo de diretora-executiva do Movimento Laudato Si’ a nível internacional. Mas, apesar de esta encíclica ter sido publicada pelo Papa Francisco há precisamente nove anos (a 24 de maio de 2015), “continua a haver muito trabalho por fazer” e até “algumas resistências à sua mensagem”, mesmo dentro da Igreja, alerta a responsável.

Na ilha de Mindanao, catequistas vão aprender o diálogo inter-religioso

Filipinas

Na ilha de Mindanao, catequistas vão aprender o diálogo inter-religioso

É um projeto inovador em Mindanao, a segunda maior ilha das Filipinas, que tem sido palco de fortes tensões inter-religiosas: um curso destinado a catequistas e outros líderes católicos leigos, que visa prepará-los para “melhor difundir e fortalecer a fé das comunidades católicas”, ao mesmo tempo que “capacita para o diálogo inter-religioso com a população muçulmana da ilha”. A formação, organizada pelo Movimento Silsilah e apoiada pela Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), vai arrancar no próximo mês de junho.

Primazes anglicanos em Roma, unidade e diversidade

Primazes anglicanos em Roma, unidade e diversidade

A reunião dos primazes anglicanos, realizada em Roma, e as suas decisões denotam a preocupação pelo caminhar juntos na unidade, dos anglicanos “desavindos” com Cantuária, bem como pelo seu regresso, assim como o desejo de um fortalecimento das relações da Comunhão Anglicana com a Igreja Católica Romana.

Igrejas cristãs da Alemanha lançam apelo: “Não ao nacionalismo étnico!”

Nas vésperas das eleições europeias

Igrejas cristãs da Alemanha lançam apelo: “Não ao nacionalismo étnico!”

Os líderes das igrejas cristãs na Alemanha assinaram um “apelo ecuménico” dirigido a todos aqueles que estão aptos a votar nas eleições europeias do próximo dia 9 de junho, advertindo “fortemente contra as forças políticas que, no espírito do nacionalismo étnico, rejeitam a coexistência de pessoas de diferentes nacionalidades ou origens”.

Eis os remédios para um mundo doente: “reconciliação e resiliência”, diz o Vaticano aos budistas

Mensagem pela celebração de Vesak

Eis os remédios para um mundo doente: “reconciliação e resiliência”, diz o Vaticano aos budistas

Com o aproximar da celebração de Vesak – o tempo sagrado em que se comemora o nascimento, a iluminação e a morte de Buda, e que este ano será assinalado a 23 de maio -, o Dicastério para o Diálogo Inter-religioso faz questão de manifestar proximidade aos seus “amigos budistas”. Numa mensagem de saudação divulgada esta segunda-feira, 6, o organismo da Igreja Católica reflete sobre a “responsabilidade partilhada” por cristãos e budistas de “promover a paz” e prescreve dois “remédios” para a “cultura de violência” que alastra no mundo: “reconciliação e resiliência”.

Num mundo em guerra, não basta dizer que “todas as religiões são religiões de paz”

Diálogo inter-religioso debatido em Mafra

Num mundo em guerra, não basta dizer que “todas as religiões são religiões de paz”

É inegável: há uma “sombra palpável de medo” e uma “ansiedade generalizada” em Israel e na Palestina, que geram cada vez mais violência. O que fazer? “Mais do que lutar contra o medo, é preciso lidar com esse medo, trabalhar com esse medo, de ambos os lados”, defende Sarah Bernstein, mediadora de conflitos e especialista em diálogo inter-religioso. Natural do Reino Unido e a viver em Jerusalém há mais de dez anos, Sarah não duvida de que as religiões, podem, e devem, ter um papel fundamental nesse trabalho. Mas “têm de ir além de dizer que são todas religiões de paz”, alerta. “Há muito trabalho a fazer e é preciso aprender a fazê-lo em conjunto”.

A humildade do arcebispo

A humildade do arcebispo

Chegou a estender a mão e a cumprimentar, olhos nos olhos, todos os presentes, um a um. É o líder da Igreja Anglicana, mas aqui apresentou-se com um ligeiro “Hi! I’m Justin” — “Olá, sou o Justin!” — deixando cair títulos e questões hierárquicas. [O texto de Margarida Rocha e Melo]

2025 pode mesmo ser o ano em que católicos e ortodoxos passam a celebrar a Páscoa juntos

Patriarca Bartolomeu otimista

2025 pode mesmo ser o ano em que católicos e ortodoxos passam a celebrar a Páscoa juntos

Ao contrário do que é habitual, no próximo ano a Páscoa calha no mesmo dia para católicos (que seguem o calendário gregoriano) e ortodoxos (que usam o calendário juliano). E o Patriarca Ecuménico Bartolomeu, de Constantinopla, acredita que não se trata de uma coincidência, mas sim de um sinal de que, precisamente no ano em que irá assinalar-se o 1700º aniversário do Concílio de Niceia, haverá finalmente acordo para uma data que unifique todos os cristãos na celebração da ressurreição de Jesus.

Descoberto astrolábio raro que revela riqueza da união entre muçulmanos, judeus e cristãos

Em Verona, Itália

Descoberto astrolábio raro que revela riqueza da união entre muçulmanos, judeus e cristãos

Esteve durante décadas num pequeno museu da cidade de Verona e ninguém sabia o que era, nem suspeitava do seu valor. Mas precisamente há um ano, quando fazia uma pesquisa online, a investigadora Federica Gigante foi parar ao site do museu e viu-o numa foto. Percebeu que era especial. Decidiu ir observá-lo ao vivo. O Astrolábio de Verona, como depois o apelidou, é agora o objeto mais importante da coleção e a sua história acaba de ser dada a conhecer ao mundo.

Um encontro inter-religioso para assinalar o Dia Internacional da Mulher

Dia 5 de março, online

Um encontro inter-religioso para assinalar o Dia Internacional da Mulher

A União das Organizações Femininas Católicas (UMOFC), com o apoio do Dicastério para o Diálogo Inter-religioso (DDI), vai celebrar o Dia Internacional da Mulher 2024 com um encontro ecuménico e inter-religioso. A iniciativa está agendada para 5 de março, vai decorrer online, e pretende reunir representantes de diferentes tradições religiosas para refletir sobre “o papel crucial que as mulheres de fé desempenham na construção de uma cultura de paz”.

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém

Via Sacra ecuménica

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém

A guerra em Israel prossegue e o sentimento de insegurança em Jerusalém cresce. Ainda assim, ou talvez por isso mesmo, a tradicional Via Sacra que ali se realiza anualmente por ocasião da segunda semana da Quaresma não foi cancelada. Na passada sexta-feira, 23 de fevereiro, mais de mil crianças e jovens que frequentam as escolas cristãs da cidade, acompanhados de inúmeros familiares e professores, percorreram as ruas de lenços brancos na mão, pedindo a paz para todo o mundo, e em particular para a Terra Santa.

Conselho Português de Igrejas Cristãs apela a voto que “salvaguarde conquistas” do 25 de Abril

Rejeitando "discursos políticos autoritários"

Conselho Português de Igrejas Cristãs apela a voto que “salvaguarde conquistas” do 25 de Abril

O Conselho Português de Igrejas Cristãs (COPIC) apela ao voto “de todas e todos” os portugueses nas legislativas de março, e também nas eleições para o parlamento Europeu que irão acontecer em junho, “como forma de participação cívica e de salvaguarda das conquistas e desenvolvimentos alcançados ao longo de 50 anos de democracia”, aludindo assim ao aniversário do 25 de Abril que este ano se assinala.

Líder do Conselho Mundial de Igrejas com líderes políticos e religiosos na Terra Santa para fazer ouvir o apelo a “uma paz justa”

Visita termina esta quinta-feira

Líder do Conselho Mundial de Igrejas com líderes políticos e religiosos na Terra Santa para fazer ouvir o apelo a “uma paz justa”

Ao longo dos últimos seis dias, o secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), Jerry Pillay, empenhou-se a 100% naquela que designou de “uma missão especial”. E não é caso para menos. O líder religioso – que representa 352 igrejas protestantes, ortodoxas, anglicanas e evangélicas em todo o mundo – esteve em Israel e na Palestina, numa tentativa de “tornar mais forte” e verdadeiramente audível o apelo que há muito vem fazendo “por uma paz justa” na região.

Arcebispo de Cantuária: “A Igreja Católica precisa de ser muito mais aberta ao ministério das mulheres”

Entrevista ao 7MARGENS

Arcebispo de Cantuária: “A Igreja Católica precisa de ser muito mais aberta ao ministério das mulheres”

No final da sua primeira visita a Portugal, Justin Welby deu numa curta entrevista ao 7MARGENS, onde falou desta viagem que tanto o entusiasmou, mas também de outras não tão alegres, porém não menos importantes. E ainda da sua relação com o Papa Francisco, dos desafios que as Igrejas cristãs enfrentam… e das eleições legislativas que se aproximam.

Bispo Pina Cabral: “É muito importante que as religiões se unam para serem arautos da paz”

Igreja Lusitana inicia 100º sínodo

Bispo Pina Cabral: “É muito importante que as religiões se unam para serem arautos da paz”

O diálogo ecuménico e inter-religioso é uma das prioridades da Igreja Lusitana, particularmente neste momento “em que grande parte dos conflitos a nível mundial se fazem em nome de Deus”, afirma o seu responsável, o bispo Jorge Pina Cabral, em declarações ao 7MARGENS na véspera do início do 100º sínodo diocesano desta Igreja.

Papa lamenta “terrível aumento” dos ataques contra judeus

Em emotiva carta

Papa lamenta “terrível aumento” dos ataques contra judeus

Numa carta pública dirigida aos seus “irmãos e irmãs judeus em Israel”, o Papa expressou consternação com “o terrível aumento de ataques contra judeus em todo o mundo”, registado na sequência do conflito Israel-Palestina. Divulgada no passado sábado, 3 de fevereiro, depois de ter recebido em audiência privada o embaixador de Israel junto da Santa Sé, a missiva de Francisco responde a um apelo feito em novembro por cerca de 400 rabinos e académicos, para que a Igreja Católica atuasse “como um farol de clareza moral e conceptual no meio de um oceano de desinformação, distorção, e engano”.

Vamos sentar-nos à mesa com um muçulmano, um cristão e um judeu?

No Dia da Fraternidade Humana

Vamos sentar-nos à mesa com um muçulmano, um cristão e um judeu?

“Num tempo cheio de sombras, inseguros e com medo, parece que só nos restam duas opções: escolher a violência num dos lados da barricada ou optar pela indiferença egoísta”. Será? A associação para o desenvolvimento MEERU | Abrir Caminho acredita que há uma terceira opção: a “do encontro, do diálogo e da amizade entre pessoas, para abrir caminhos para a Paz”. E quer provar isso mesmo já no próximo domingo, 4 de fevereiro – em que se assinala o Dia Internacional da Fraternidade Humana -, sentando à mesma mesa um muçulmano, um cristão e um judeu… E convidando todos os que quiserem a juntar-se também a eles, presencialmente ou online.

Anúncio do Papa

Um ano de orações para preparar o Jubileu

O Papa proclamou este domingo um ano de oração para preparar as celebrações do Jubileu 2025, cuja porta santa vai ser aberta no próximo mês de dezembro. O Jubileu 2025 coincide com os 1700 anos do Concílio de Niceia, que abordou a data da celebração da Páscoa, e terá uma dimensão ecuménica.

Bispos católicos e anglicanos juntos para dar testemunho de unidade

Semana da Unidade dos Cristãos

Bispos católicos e anglicanos juntos para dar testemunho de unidade

O Papa Francisco e o Arcebispo de Cantuária vão enviar em missão bispos das tradições anglicana e católica durante a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos. Esta ação faz parte da cimeira Growing Together, que terá lugar durante a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos, de 22 a 29 de janeiro, em Roma e na Cantuária. Esta cimeira reunirá mais de 50 bispos das tradições anglicana e católica, representando 27 países. Os bispos visitarão locais sagrados, participarão em debates ecuménicos e reflectirão sobre formas de crescerem juntos no testemunho conjunto e na missão a nível mundial.

Bispos católicos e anglicanos pedem apoio para requerentes de asilo na Irlanda

Tristes com manifestações de repúdio

Bispos católicos e anglicanos pedem apoio para requerentes de asilo na Irlanda

Os bispos católicos e anglicanos da Irlanda dizem-se “perturbados” e “tristes” com as fortes manifestações que têm ocorrido em algumas cidades portuárias do país, com o objetivo de impedir o acolhimento de requerentes de asilo. Numa declaração conjunta divulgada esta semana, pedem “calma” e lembram que os migrantes “vêm de situações muito angustiantes” e “merecem qualquer nível de ajuda que possa ser oferecido”, mesmo que isso implique “algum sacrifício” da parte de quem acolhe.

Natal e Ano Novo como êxodo

Natal e Ano Novo como êxodo

Em sociedades complexas, como a portuguesa, a celebração do Natal é marcada pelo consumo e ligação às festas de Fim de Ano e Ano Novo. Existe um certo regresso ao paganismo, que a dogmatização da data do Divino Nascimento quis combater a partir do século terceiro. A actual e generalizada prática social destas festas, não deixa de se ligar a um aspecto fundamental do judaísmo e do cristianismo que é a questão do Êxodo. [Texto de Alberto Teixeira]

É urgente procurar o que nos une

É urgente procurar o que nos une

Enquanto a polarização nos media e redes sociais se torna um negócio, no Grupo de Trabalho para o Diálogo Inter-Religioso (GT-DIR) procuramos o que nos une. Foi com o maior gosto que passei a integrar este grupo, em nome da União Budista Portuguesa. (Margarida Rocha e Melo).

“Ousaremos caminhar juntos?” O desafio aos jovens no Encontro Europeu de Taizé

Até 1 de janeiro, em Liubliana

“Ousaremos caminhar juntos?” O desafio aos jovens no Encontro Europeu de Taizé

Milhares de jovens chegaram esta quinta-feira a Liubliana (Eslovénia), para participar no 46º Encontro Europeu de Taizé. A alegria por estarem ali é grande. E no fim? “Ousaremos partir de novo, com outros, mutuamente enriquecidos, enquanto caminhamos juntos?”, questionou o irmão Matthew, prior da comunidade, na mensagem que servirá de mote para este encontro.

Perto de Alenquer, está a ser preparada uma “festa inter-espiritual” de Natal

Aberta a todos

Perto de Alenquer, está a ser preparada uma “festa inter-espiritual” de Natal

O Santuário e Centro de Retiros Dewachen, na Aldeia Galega da Merceana (Alenquer), vai assinalar o Natal com uma “festa inter-espiritual”. Nesta celebração, que está agendada para o dia 16 de dezembro, praticantes de várias tradições espirituais “apresentarão as suas sabedorias tradicionais e orientarão práticas meditativas que permitirão um melhor conhecimento, teórico-prático, da riqueza, singularidade e convergência” dessas mesmas tradições. Também haverá música, almoço partilhado, a apresentação de um livro e uma mostra de produtos locais.

O que têm os ortodoxos a ensinar à Igreja Católica sobre sinodalidade

Um caminho de aproximação

O que têm os ortodoxos a ensinar à Igreja Católica sobre sinodalidade

Uma das descobertas, nestes tempos de busca de um novo modo de viver a experiência cristã, foi o facto de, nos primeiros séculos do cristianismo, ter existido a prática da sinodalidade, bem documentada no livro dos Atos dos Apóstolos (At., 15), no século I, e nos posteriores. Quem manteve essa prática e a consolidou ao longo do tempo foi a Igreja Ortodoxa, que é uma “comunhão de igrejas autocéfalas”, governadas pelo respetivo bispo e seu sínodo.

Igrejas etíopes unem-se em conselho nacional para promover a paz

Decisão histórica

Igrejas etíopes unem-se em conselho nacional para promover a paz

Face à “terrível situação humanitária” na Etiópia, os líderes das três maiores igrejas do país – a Igreja Ortodoxa Etíope Tewahedo, a Igreja Evangélica Etíope Mekane Yesus e a Igreja Católica Etíope – tomaram a decisão histórica de estabelecer um conselho nacional de igrejas. O compromisso foi assumido na semana passada, num encontro que decorreu no Instituto Ecuménico de Bossey (França) e visa reforçar a cooperação ecuménica na resposta às necessidades humanitárias, na promoção da paz e na defesa dos direitos humanos.

KAICIID reúne líderes religiosos e comunitários para promover paz em Cabo Delgado

Encontro em Pemba

KAICIID reúne líderes religiosos e comunitários para promover paz em Cabo Delgado

O Centro Internacional de Diálogo – KAICIID, com sede em Lisboa, dinamizou no final da semana passada um encontro de “sensibilização inter-religiosa” em Pemba (capital da província de Cabo Delgado, Moçambique), no qual reuniu membros das comunidades locais, líderes religiosos e organizações da sociedade civil. Deste encontro saíram compromissos a curto e longo prazo de promoção do “diálogo entre líderes religiosos e decisores políticos como ferramenta de prevenção de conflitos” naquela região.

Chega a Portugal a “Caná Experience”, um retiro para (quase) todos os casais

2 e 3 dezembro, em Palmela

Chega a Portugal a “Caná Experience”, um retiro para (quase) todos os casais

Podem ser casados, recasados, “só juntos” ou namorados, há muito ou pouco tempo, frequentadores da Igreja ou não. Para participar nesta “Caná Experience” – retiro para casais promovido pela comunidade ecuménica Chemin Neuf, que se realiza pela primeira vez em Portugal nos dias 2 e 3 de dezembro – basta serem “um homem e uma mulher com uma relação estável”. Diz quem já participou que é “uma experiência transformadora”. Para muito melhor.

Vigílias procuram criar um sobressalto a favor do clima

24 novembro, no Porto e em Lisboa

Vigílias procuram criar um sobressalto a favor do clima

Criar na sociedade portuguesa um sobressalto quanto à urgência de agir para salvar o planeta e defender a vida é o objetivo das vigílias que terão lugar ao fim da tarde da próxima sexta-feira, dia 24 de novembro, inspiradas pelos textos do Papa Francisco e com os olhos postos na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP28), que vai decorrer no Dubai entre 30 de novembro e 12 de dezembro.

Um judeu português, construtor de pontes

José Oulman Carp (1943-2023)

Um judeu português, construtor de pontes

“Um judeu português, patriota, que amava imensamente o seu país, homem culto e afetuoso, dedicado à sua comunidade, conciliador, um homem que a ninguém deixava indiferente pela gentileza e elevação no trato.” Assim definiu a Comunidade Israelita de Lisboa a personalidade do seu antigo presidente, José Oulman Carp, que morreu a 5 de Novembro.

Religiões, conflitos e diálogo

Religiões, conflitos e diálogo

Ao ler as opiniões que se vão publicando a respeito da trágica situação que vive hoje a Terra Santa, nota-se nelas a tendência para tomar partido. O cardeal D. Américo Aguiar disse que esse é um grande perigo e parece-me que tem razão. Contrária a essa visão “partidária” é a de quem procura colocar-se no lugar do outro. [A opinião de Pedro Vaz Patto]

TotalEnergies desrespeita milhares de sepulturas para construir maior oleoduto do mundo

ONG inter-religiosa denuncia

TotalEnergies desrespeita milhares de sepulturas para construir maior oleoduto do mundo

São mais de duas mil as sepulturas localizadas ao longo do percurso daquele que se prevê que venha a ser o maior oleoduto do mundo, cruzando o Uganda e a Tanzânia. Com a sua construção, a cargo da petrolífera francesa TotalEnergies, a maioria destes túmulos está a ser destruída, danificada ou relocalizada, “sem qualquer respeito pelos ritos e tradições funerárias locais”, denunciou esta quinta-feira, 9 de novembro, a ONG inter-religiosa GreenFaith.

Presidente iraniano falou com o Papa e ambos concordam: cessar-fogo é urgente

Telefonema pela paz

Presidente iraniano falou com o Papa e ambos concordam: cessar-fogo é urgente

O Papa conversou este domingo, 5 de novembro, com o presidente iraniano, Ebrahim Raisi, depois de este último ter manifestado interesse em que dialogassem sobre o o conflito Israel-Palestina. O telefonema reforçou o sentimento mútuo de que é urgente o cessar-fogo no Médio Oriente, assim como o compromisso da parte de ambos de que farão tudo aquilo que estiver ao seu alcance para conseguir que este se torne realidade.

Nas vésperas da COP28, uma vigília inter-religiosa vai ajudar a salvar o planeta

24 de novembro, em Lisboa

Nas vésperas da COP28, uma vigília inter-religiosa vai ajudar a salvar o planeta

Poderá um pequeno grupo de trabalho paroquial salvar-nos da crise climática? A avaliar pelas ações levadas a cabo pelo grupo Cuidar da Casa Comum em Santa Isabel – nascido há cerca de um ano na paróquia lisboeta com o mesmo nome -, sem dúvida que pode, pelo menos, ajudar… e não é pouco. A próxima iniciativa deste grupo foi apresentada esta quinta-feira aos jornalistas e está agendada para dia 24 de novembro: trata-se de uma vigília de ação e reflexão que pretende reunir o maior número de pessoas possível – católicos, “irmãos de todas as religiões e tradições espirituais” e não crentes –  para “salvar o planeta e defender a vida”.

Comunhão Anglicana: os “Apelos” de Lambeth

Comunhão Anglicana: os “Apelos” de Lambeth

A Conferência de Lambeth, de bispos anglicanos, convocada de dez em dez anos reuniu a última vez em julho de 2022, para analisar dez tópicos, contendo questões sobre a “igreja segura”, relações ecuménicas, ambiente e desenvolvimento sustentável, sob o lema “A Igreja de Deus para o Mundo de Deus – caminhar, ouvir e testemunhar juntos”. (Joaquim Armindo)

Universidade Franciscana abre portas a estudantes judeus vítimas de discriminação

Nos Estados Unidos da América

Universidade Franciscana abre portas a estudantes judeus vítimas de discriminação

Com o intensificar do conflito Israel-Palestina, as universidades nos Estados Unidos da América estão a registar “um aumento muito preocupante no antissemitismo e sérias ameaças contra estudantes judeus”, alerta o padre Dave Pivonka, presidente da Universidade Franciscana de Steubenville. Como resposta, a instituição acaba de anunciar a criação de um processo de transferência acelerado para estudantes judeus em risco de discriminação e violência antissemita.

Ataque a hospital anglicano é “uma perda atroz e devastadora de vidas inocentes”

Arcebispo de Cantuária lamenta

Ataque a hospital anglicano é “uma perda atroz e devastadora de vidas inocentes”

O arcebispo de Cantuária e chefe da Igreja de Inglaterra, Justin Welby, renovou esta quarta-feira, 18 de outubro, .o seu apelo à proteção de civis, depois do ataque a um hospital em Gaza, que terá provocado 500 mortos. “Esta é uma perda atroz e devastadora de vidas inocentes. O Hospital Ahli é gerido pela Igreja Anglicana. Estou de luto com os nossos irmãos e irmãs, por favor rezem por eles”, escreveu Welby.

Parlamento ucraniano pretende ilegalizar igreja ortodoxa pró-Moscovo

Conselho Mundial de Igrejas manifesta preocupação

Parlamento ucraniano pretende ilegalizar igreja ortodoxa pró-Moscovo

Saíram gorados os esforços desenvolvidos ao longo de cerca de um ano pelo Conselho Mundial de Igrejas (CMI) para reunir à mesma mesa as duas principais igrejas ortodoxas da Ucrânia: a mais importante, historicamente ligada ao Patriarcado de Moscovo (IOU-PM), e a autocéfala, mais recente, ligada ao Patriarcado Ecuménico de Constantinopla (IOU-PEC). Entretanto, o Parlamento ucraniano prepara uma lei que pode levar à ilegalização da IOU-PM.

“A religião está intimamente ligada ao centro da identidade da pessoa”

Heiner Bielefeldt, ex-relator da ONU para a Liberdade Religiosa

“A religião está intimamente ligada ao centro da identidade da pessoa”

“A liberdade religiosa pode abrir espaço também em benefício das questões de género. As leis matrimoniais estão intimamente relacionadas com as questões de género”, diz Heiner Bielefeldt, ex-relator da ONU para a Liberdade Religiosa. Nesta entrevista, também afirma que “a religião está intimamente ligada ao núcleo central da identidade da pessoa”. 

Líderes cristãos consternados e unidos no apelo à paz no Médio Oriente

Convite a oração global

Líderes cristãos consternados e unidos no apelo à paz no Médio Oriente

“O mundo parece ter enlouquecido, parece que contamos apenas com a força, com a violência, com o conflito, para resolver problemas que estão aí, reais, e que devem ser resolvidos com métodos bem diferentes.” A frase é do secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, e expressa a sua consternação com a escalada de violência em Israel. Consternação e desejo de paz que são partilhados com inúmeros líderes cristãos, assim como a vontade de que uma solução para o conflito seja encontrada que não envolva morte e destruição.

Um rio de diferenças inundou a Praça de São Pedro com desejos de unidade e paz

“Together” juntou 30 mil no Vaticano

Um rio de diferenças inundou a Praça de São Pedro com desejos de unidade e paz

Refugiados, pessoas vulneráveis, freiras, jovens e participantes no Sínodo católico que na próxima semana se inicia em Roma, abriram um rio em plena Praça de São Pedro, no Vaticano. Na enxurrada provocada pelo rio, a sua água levava desejos de paz e unidade entre toda a família humana, compromissos pelo acolhimento da diversidade, apelos a quebrar fronteiras, desejos do fim das guerras.

Evangélicos pela primeira vez em São Pedro e um jovem português a cantar sozinho

Encontro Together/Juntos

Evangélicos pela primeira vez em São Pedro e um jovem português a cantar sozinho

Vários jovens evangélicos e protestantes, entre pessoas de diferentes proveniências religiosas, estarão pela primeira vez na Praça de São Pedro, no Vaticano, quando na tarde deste sábado umas 20 mil pessoas, sobretudo jovens, se juntarem ao Papa para a vigília de oração ecuménica que irá rezar pelos frutos do sínodo que se inicia formalmente na próxima quarta-feira.

Renovamento Carismático Católico quer “combater a epidemia do isolamento e da solidão”

Assembleia nacional em Fátima

Renovamento Carismático Católico quer “combater a epidemia do isolamento e da solidão”

Não é só a Revolução dos Cravos que está prestes a celebrar o seu 50º aniversário… o Renovamento Carismático Católico (RCC) em Portugal também. Foi precisamente sete meses após o 25 de Abril de 1974 que esta “corrente de graça” vinda dos Estados Unidos da América chegou ao nosso país e que o primeiro grupo de oração português se reuniu em Fátima. Aos poucos, os grupos de oração do RCC multiplicaram-se pelas paróquias e, de acordo com um levantamento feito em 2019, chegaram a ser perto de 300, congregando cerca de seis mil “orantes”. Atualmente, “somos certamente menos, porque a pandemia veio alterar tudo”, assinala o coordenador da equipa de serviço nacional, José Luís Oliveira. Mas muitos voltam a reunir-se agora em Fátima para a sua Assembleia Nacional anual, onde esperam encontrar estratégias para revitalizar o movimento e até acolher “novos irmãos”.

Arcebispo de Manipur apela a intervenção do Governo para acabar com violência

Índia

Arcebispo de Manipur apela a intervenção do Governo para acabar com violência

O arcebispo de Imphal, em Manipur, na Índia, alerta para o facto de continuar a registar-se violência étnica e religiosa na região – particularmente contra os cristãos que ali vivem – e lamenta a falta de intervenção do Governo central liderado pelo primeiro-ministro Narendra Modi. “Se ele disser ‘parem’, sinto que a violência vai parar, mas se ninguém intervier, a situação vai prolongar-se por muitos mais meses”, afirma Dominic Lumon.

Um dia para conhecer a ecologia integral e aprender a pô-la em prática

Encontro da Rede Cuidar da Casa Comum

Um dia para conhecer a ecologia integral e aprender a pô-la em prática

Porque o Planeta é de todos e todos são chamados a cuidar dele, a REDE Cuidar da Casa Comum vai realizar, no próximo dia 30, o encontro nacional “Também Somos Terra”, para o qual convida… todos. O evento terá lugar no Seminário de Leiria e será uma oportunidade para conhecer melhor o conceito de ecologia integral, em particular na vertente da economia social e desenvolvimento comunitário.

Reflexão comum sobre a Confissão de Augsburgo a favor do diálogo ecuménico

Católicos e luteranos propõem

Reflexão comum sobre a Confissão de Augsburgo a favor do diálogo ecuménico

O cardeal Kurt Koch, prefeito do Dicastério para a Promoção da Unidade dos Cristãos, e a reverenda Anne Burghardt, secretária-geral da Federação Luterana Mundial, apelaram no dia 19 de setembro, em Cracóvia (Polónia), a “uma reflexão conjunta sobre a Confissão de Augsburgo” que possa levar católicos e luteranos a dar passos significativos no “caminho que vai do conflito à comunhão”.

O Papa vai a Marselha – não a França – com o foco nos migrantes

44ª Viagem apostólica

O Papa vai a Marselha – não a França – com o foco nos migrantes

Francisco disse-o aos jornalistas, em jeito de piada, quando regressava da Jornada Mundial da Juventude: “Irei a Marselha, mas à França… não!”. Falava a sério. Esta sexta-feira, 22 de setembro, o Papa viaja até Marselha, não para visitar a segunda mais populosa cidade de uma das maiores potências europeias, mas sim porque é ali, naquela localidade portuária, que estão a decorrer os Encontros Mediterrâneos – um festival que reúne 70 jovens de diferentes crenças e 70 líderes religiosos dos países que fazem fronteira com o Mediterrâneo, para refletir sobre uma das suas grandes preocupações: o drama dos migrantes.

Ordens católicas em Roma abrigaram mais de 3.000 judeus durante o Holocausto

Lista redescoberta comprova

Ordens católicas em Roma abrigaram mais de 3.000 judeus durante o Holocausto

O papel das ordens religiosas católicas na proteção de judeus durante a ocupação nazi de Roma já era conhecido, mas a redescoberta de um documento-chave que havia sido considerado perdido vem agora adicionar importantes detalhes à História. Trata-se de uma lista que mostra que, entre setembro de 1943 e junho de 1944, a Igreja abrigou 4.300 pessoas, das quais 3.200 eram judeus.

A mística como não-limite da condição humana, trazida à luz do dia

Simpósio, Congresso, História e Dicionário

A mística como não-limite da condição humana, trazida à luz do dia

É um projecto vasto: um simpósio já no próximo sábado, que inclui a possibilidade de participação via zoom; um congresso em Abril do próximo ano, em Braga; uma História Global da Espiritualidade e da Mística em Portugal, em sete volumes, e um Dicionário Global da Espiritualidade e da Mística, em dois volumes, duas obras a publicar até 2025, idealmente.

Confirmado encontro de líderes religiosos em Abu Dhabi, nas vésperas da COP28

6 e 7 de novembro de 2023

Confirmado encontro de líderes religiosos em Abu Dhabi, nas vésperas da COP28

Uma cimeira global com os líderes religiosos de todo o mundo terá lugar em Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos), de 6 a 7 de novembro, para discutir o papel crucial das comunidades religiosas face às alterações climáticas. A organização deste evento, que antecede a COP 28 no mesmo país, já havia sido avançada pelo Papa, durante uma entrevista no início de agosto, mas na altura Francisco referiu-se a ele como “um encontro para a paz”.

Arcebispo brasileiro dá a comunhão a muçulmano e explica porquê

Gesto polémico

Arcebispo brasileiro dá a comunhão a muçulmano e explica porquê

O arcebispo de Londrina (Brasil), Geremias Steinmetz, deu a comunhão ao xeque Ahmad Saleh Mahairi, fundador da mesquita da mesma cidade, na missa de exéquias do cardeal Geraldo Majella Agnello, arcebispo emérito de São Salvador, que faleceu no passado dia 26 de agosto. O vídeo do momento da comunhão foi partilhado nas redes sociais e tem vindo a suscitar inúmeras dúvidas e críticas, pelo que Steinmetz sentiu necessidade de emitir um comunicado em que cita o Papa Francisco para recordar: “ninguém conquistou um lugar para a última ceia” e é o próprio Jesus quem atrai todos os que vão à missa.

Três eixos-motivos para a inesperada visita do Papa à Mongólia

De 31 de agosto a 4 de setembro

Três eixos-motivos para a inesperada visita do Papa à Mongólia

Quando ainda se digere a sua visita a Portugal para participar na JMJ, o Papa Francisco parte nesta quinta-feira, dia 31, para a Mongólia, onde vai encontrar-se com pouco mais de milhar e meio de fiéis. É a primeira vez que um Papa visita esta ex-república socialista, encravada entre a Rússia e a China, quase nos confins da Ásia. A diplomacia vaticana tem o olhar projetado sobre toda a Rota da Seda, mas pode haver outros motivos de interesse.

O “encontro de amigos” em que o Papa se emocionou

Com líderes de outras religiões

O “encontro de amigos” em que o Papa se emocionou

Assim que chegou à sala da Nunciatura Apostólica onde o aguardavam representantes das diferentes confissões religiosas em Portugal, o Papa deu o mote: “Encontramo-nos aqui como irmãos”. E foi mesmo isso que aconteceu esta sexta-feira, 4 de agosto, assegurou Timóteo Cavaco, Presidente da Aliança Evangélica de Portugal, em conferência de imprensa após o encontro com Francisco: “Saímos todos dali com a sensação de que tínhamos estado num encontro de amigos, fraternal, em torno de valores e princípios comuns”.

Rabino Abraham Skorka elogia cardeal Fernandéz, novo Prefeito para a Doutrina da Fé

Compromisso com o diálogo inter-religioso

Rabino Abraham Skorka elogia cardeal Fernandéz, novo Prefeito para a Doutrina da Fé

O rabino Abraham Skorka, reitor emérito do Seminário Rabínico Latino-Americano de Buenos Aires, assina no National Catholic Reporter de 26 de julho um artigo de opinião em que elogia o contributo do então padre Victor Fernández para o diálogo inter-religioso, afirmando que ele “contribuiu ativamente para o nosso diálogo e estava profundamente empenhado em aprender com os outros”.

Taizé anuncia um novo prior: o irmão Matthew sucede ao irmão Aloïs

Sucessão consuma-se em 3 de Dezembro

Taizé anuncia um novo prior: o irmão Matthew sucede ao irmão Aloïs

Depois de um fundador calvinista suíço e de um sucessor católico alemão, chega a vez de um anglicano inglês: a partir de 3 Dezembro de 2023, o novo prior da comunidade de Taizé (na Borgonha, sudeste de França) será o irmão Matthew, que durante largos anos foi responsável pela formação dos novos irmãos da comunidade ecuménica que reúne monges de diferentes confissões cristãs.

Como é pequeno o homem perante Alá!

Podcast 7 Céus

Como é pequeno o homem perante Alá!

Neste novo episódio do podcast 7 Céus, publicado dois dias após ter sido assinalado o Dia da Liberdade Religiosa e do Diálogo Inter-Religioso (22 de junho), e a três dias de os muçulmanos celebrarem o Dia de Arafah (27 de junho), escutamos uma oração da tradição islâmica, oriunda da Argélia.

“O mundo tem de saber”: mais de metade da população vive em países onde há perseguição religiosa

Relatório da Fundação AIS

“O mundo tem de saber”: mais de metade da população vive em países onde há perseguição religiosa

Em 28 países do mundo, que albergam 4,03 mil milhões de pessoas, existe perseguição religiosa. Ou seja, 51,6% da população do planeta está sujeita a ser perseguida pelo seu próprio Governo, ou assassinada, devido à religião que professa, muitas vezes com pouca ou nenhuma reação da comunidade internacional. A denúncia é feita pela Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), no relatório bi-anual sobre a “Liberdade Religiosa no Mundo”, lançado esta quinta-feira, 22 de junho.

Portugal é um dos países com maior liberdade religiosa no mundo, diz o Parlamento por unanimidade

Dia Nacional com várias iniciativas

Portugal é um dos países com maior liberdade religiosa no mundo, diz o Parlamento por unanimidade

A instituição do Dia Nacional da Liberdade e do Diálogo Inter-Religioso, decidida pela Assembleia da República (AR) em 2019, reflectiu “o chão comum” que todo o país partilha, “enquanto comunidade, quanto a este tema, onde religião rima, cada vez mais, com liberdade e com diálogo”. E esse chão “faz de Portugal um dos países com maior liberdade religiosa no mundo”, diz um voto de saudação ao Dia Nacional aprovado ao início da tarde desta quinta-feira, 22 de Junho, pela unanimidade dos deputados – e que pode ser lido na íntegra na página da AR.

Invasão e devastação da Ucrânia condenadas por mais de cem confissões cristãs

Igrejas Europeias criticam ortodoxos russos

Invasão e devastação da Ucrânia condenadas por mais de cem confissões cristãs

As Igrejas empenhadas em moldar o futuro da Europa devem ser imaginativas e corajosas, confiantes e não arrogantes, ouvindo e não apenas falando, confiantes e não ansiosas, esperançosas e não apenas otimistas”, afirma-se na mensagem final da assembleia da Conferência das Igrejas da Europa (CIE), que terminou esta terça-feira, 20, na capital da Estónia, Talin.

“Ouvimos demasiado a voz das armas, mas também há a voz do diálogo para a paz”

Arcebispo de Bangui em Portugal

“Ouvimos demasiado a voz das armas, mas também há a voz do diálogo para a paz”

Se queremos paz na Ucrânia, é preciso redirecionar as energias, que têm estado focadas apenas num eixo, o do armamento. Quem o diz é o arcebispo de Bangui, Dieudonné Nzapalainga, que tem desempenhado um papel crucial na recuperação da paz no seu próprio país, a República Centro-Africana (RCA). “Ouvimos demasiado a voz das armas, mas também há a voz do diálogo para a paz”, afirmou o cardeal durante a sua participação na terceira edição do Mafra Dialogues, que decorreu esta quinta e sexta-feira, 27 e 28 de abril, no Palácio Nacional de Mafra, subordinado ao tema “Diálogo Inter-religioso e Paz Global”.

Turquia: faltam alimentos, água e cuidados de saúde

Efeitos do sismo

Turquia: faltam alimentos, água e cuidados de saúde

Na Turquia, “há necessidades urgentes relacionadas com a falta de alimentos, água e cuidados de saúde, e muitos dos que prestam assistência imediata ainda estão a trabalhar em circunstâncias extremamente difíceis, na sequência do sismo de elevada magnitude que matou cerca de 45 mil pessoas só neste país, em fevereiro último”.

Evangélicos vão mais ao culto dominical do que antes da pandemia

Fórum sobre Interculturalidade

Evangélicos vão mais ao culto dominical do que antes da pandemia

Em mais de metade das comunidades evangélicas, a assistência às celebrações dominicais cresceu em relação ao período de pré-pandemia – sendo que em outros 17% dos casos a assistência manteve-se inalterada. A conclusão é retirada de um estudo que está a ser realizado pela Aliança Evangélica Portuguesa (AEP), que neste sábado, 15, promove o Fórum Evangélico.

Diocese de Marselha confirma visita do Papa em setembro

Para encontro ecuménico

Diocese de Marselha confirma visita do Papa em setembro

O Vaticano ainda não fez o anúncio oficial, mas a diocese de Marselha acaba de confirmar: o Papa Francisco aceitou o convite do cardeal Jean-Marc Aveline “para viajar a Marselha, onde concluirá os Encontros do Mediterrâneo em 23 de setembro de 2023”. Trata-se de um evento ecuménico que irá reunir naquela cidade francesa mais de cem representantes das Igrejas das cinco margens do Mediterrâneo.

Um maior sentimento de alegria

Páscoa em Taizé

Um maior sentimento de alegria

Um grupo de jovens de Lisboa esteve em Taizé a viver a Semana Santa que termina com este Domingo de Páscoa. Inês Viegas, gestora de desporto e oriunda da paróquia da Venda do Pinheiro, gravou para o 7MARGENS este testemunho sobre a experiência vivida estes dias na pequena aldeia da Borgonha, onde reside a comunidade monástica de monges católicos e de diferentes denominações evangélicas e reformadas.

Museus do Vaticano devolvem fragmentos do Partenon

Acordo Santa Sé - Grécia assinado

Museus do Vaticano devolvem fragmentos do Partenon

Os três fragmentos de mármore do Partenon de Atenas que os museus do Vaticano detêm desde o século XIX serão devolvidos à Grécia esta sexta-feira, dia 8 de março. O acordo entre a Santa Sé e a Grécia foi assinado quinta-feira, 7, após o Papa Francisco ter decidido devolver aquelas peças de grande valor artístico e arqueológico ao local de onde provêm.

Relatório sobre abusos “também nos implica e afeta”, diz bispo da Igreja Lusitana

Desafio e responsabilidade comuns

Relatório sobre abusos “também nos implica e afeta”, diz bispo da Igreja Lusitana

O relatório sobre os abusos sexuais de menores na Igreja Católica “naturalmente que implica também e diz respeito às outras Igrejas cristãs”, defende o bispo da Igreja Lusitana (Comunhão Anlicanas), Jorge Pina Cabral. Na sua homilia de Quarta-feira de Cinzas, o também presidente do Conselho Português de Igrejas Cristãs (COPIC) fez questão de lembrar que a Igreja é “una” e que “este mesmo drama dos abusos sexuais a crianças e adultos vulneráveis existiu e existe na Comunhão Anglicana”.

Um sínodo católico vivido em contexto de religião minoritária

Médio Oriente

Um sínodo católico vivido em contexto de religião minoritária

O compromisso “de viver como uma Igreja sinodal” significa empenhar-se em “aprender da escuta da palavra de Deus e da leitura dos sinais dos tempos” para “renovar a sua missão”. As palavras são do cardeal maronita Mar Beshara Boutros Al-Rahi, na abertura da assembleia da fase continental do Sínodo sobre a sinodalidade, que aconteceu esta segunda-feira, 13, no Líbano.

Começaram as aulas na primeira Faculdade Católica do Amazonas

"Fruto do sínodo"

Começaram as aulas na primeira Faculdade Católica do Amazonas

A Faculdade Católica do Amazonas, projeto lançado em setembro de 2022, deu esta semana início ao seu primeiro ano letivo. A aula inaugural foi dedicada à reflexão sobre o diálogo entre Teologia e Ecologia, e também aos desafios que a região amazónica enfrenta ao nível da educação e da ciência, “em tempos de ataque à democracia”, avança o ADN Celam.

Biden reza pela tolerância entre congressistas

Pequeno-almoço de oração

Biden reza pela tolerância entre congressistas

Perante uma audiência de algumas centenas de pessoas que participaram no pequeno-almoço de oração organizado pelo Congresso americano no Capitol Visitor Center, no dia 2 de fevereiro, o Presidente Biden disse: “Rezo para que comecemos a olhar-nos novamente uns aos outros, a viajar uns com os outros outra vez, a discutirmos sempre como o diabo uns com os outros, mas ainda assim irmos almoçar juntos”.

Morreu Ioannis Zizioulas, um dos maiores teólogos ortodoxos

Aos 92 anos

Morreu Ioannis Zizioulas, um dos maiores teólogos ortodoxos

Ioannis Zizioulas, bispo metropolita ortodoxo de Pérgamo do Patriarcado de Constantinopla e um dos maiores teólogos ortodoxos, morreu em Atenas esta sexta-feira, 2 de fevereiro. Tinha 92 anos e estava internado por ter contraído covid-19. Zizioulas foi um grande promotor do ecumenismo e era muito estimado pelo Papa Francisco, que o chamou a contribuir para a Encíclica Laudato Si’. O metropolita foi um dos que a apresentou, na conferência de imprensa de 18 de junho de 2015.

No regresso do Papa a África, esperam-se encontros “comoventes” e recordes de participação

31 de janeiro a 5 de fevereiro

No regresso do Papa a África, esperam-se encontros “comoventes” e recordes de participação

Não foi a 37ª viagem apostólica de Francisco, como estava previsto, mas vai ser a 40ª: de 31 de janeiro a 5 de fevereiro, o Papa cumprirá o prometido e visitará a República Democrática do Congo e o Sudão do Sul. Entre os muitos compromissos agendados, incluem-se dois encontros que o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni, prevê que sejam “comoventes”: um com vítimas de violência, outro com deslocados internos. E a missa do dia 1 de fevereiro, no aeroporto Kinshasa-Ndolo, é forte candidata ao top dos eventos mais concorridos deste pontificado.

Prior de Taizé: este Sínodo é uma aventura muito bela

Oração ecuménica no Vaticano

Prior de Taizé: este Sínodo é uma aventura muito bela

Acho muito belo que a Igreja Católica inicie um sínodo sem saber qual será o resultado final. É uma aventura; mas a própria Igreja é uma aventura” – disse o irmão Alois, prior de Taizé, na entrevista que deu a quatro jornais europeus sobre a oração ecuménica que decorrerá na Praça de São Pedro na véspera da abertura da primeira assembleia-geral do Sínodo.

Livro “final” de Bento XVI critica “crescente intolerância” ao Cristianismo

Publicado esta sexta-feira

Livro “final” de Bento XVI critica “crescente intolerância” ao Cristianismo

“Este volume, que reúne os textos que eu escrevi no mosteiro Mater Ecclesiae, deve ser publicado após a minha morte”. As palavras são de Bento XVI e surgem no prefácio do livro que contém o seu “trabalho final”, o qual chega esta sexta-feira, 19 de janeiro, às livrarias italianas. Intitulado “O que é o Cristianismo. Quase um testamento espiritual”, o volume reúne 16 textos, cinco deles inéditos no todo ou em parte, onde se destaca a reflexão sobre o diálogo islâmico-cristão e a preocupação com “a crescente intolerância” ao cristianismo nas sociedades contemporâneas.

Os ucranianos cantaram e a unidade entre cristãos até parece ser mais fácil

Encontro de Taizé em Rostock

Os ucranianos cantaram e a unidade entre cristãos até parece ser mais fácil

Mário Reis nunca tinha ouvido um aplauso tão longo em toda a sua vida, em nenhum dos concertos aos quais foi até hoje, em nenhuma das peças de teatro às quais assistiu, nem tão-pouco no final de algum discurso que tenha escutado. No dia em que ouviu esse aplauso, ou melhor, nessa noite, Mário não estava em nenhum espetáculo ou conferência inspiradora: estava numa oração ecuménica, mais propriamente no Encontro Europeu de Taizé, que decorreu de 28 de dezembro a 1 de janeiro na cidade de Rostock, numa das regiões mais secularizadas da Alemanha.

Semana pela Unidade dos cristãos propõe: “Aprende a fazer o bem, procura a justiça”

Oitavário de Oração entre 18 e 25

Semana pela Unidade dos cristãos propõe: “Aprende a fazer o bem, procura a justiça”

“De quem são as vozes que não estão a ser ouvidas nas nossas comunidades? Quem não está representado na mesa? Porquê? Que igrejas e comunidades estão faltando nos nossos diálogos, na nossa acção comum e na nossa oração pela unidade dos cristãos? Enquanto oramos juntos durante esta Semana de Oração, o que estamos dispostos a fazer com essas vozes ausentes?”

Retomada peregrinação ao local do batismo de Jesus

Jordânia

Retomada peregrinação ao local do batismo de Jesus

Assinala-se nesta sexta-feira, 13 de janeiro, na Jordânia, o 23º Dia Anual e Nacional de Peregrinação ao Local do Batismo de Jesus Cristo, que culmina com uma missa solene na igreja da mesma invocação, presidida pelo patriarca latino de Jerusalém, Pierbattista Pizzaballa.

O Natal Ortodoxo numa noite escura

Um canto ucraniano em português

O Natal Ortodoxo numa noite escura

Nesta sexta-feira e sábado, 24 e 25 de Dezembro no calendário juliano, a maior parte das comunidades cristãs ortodoxas celebra o Natal. Para assinalar o facto de este ser um tempo celebrado na tragédia da guerra, que leva o sofrimento e a morte a tantas famílias da Ucrânia e da Rússia, o 7MARGENS publica aqui um canto de Natal ortodoxo ucraniano, na tradução portuguesa de Catarina Leiroz, cantado por Tiago Barcelos.

“Comecemos por fazer crescer a unidade visível dos cristãos”, pede irmão Aloïs, de Taizé

Mensagem para 2023

“Comecemos por fazer crescer a unidade visível dos cristãos”, pede irmão Aloïs, de Taizé

Reconhecendo que “estamos a passar por um período de intensa polarização e agravamento das divisões nas nossas sociedades e, às vezes, até nas igrejas e famílias”, o irmão Alois, prior da comunidade ecuménica de Taizé, apela a que caminhemos, particularmente os cristãos, “juntos com os outros”, em direção à “fraternidade universal”. 

Natal solidário em Pemba

Bens para deslocados

Natal solidário em Pemba

A Comunidade de São José da paróquia de São Paulo e a Associação Kuendeleya promoveram, em Pemba, Moçambique, no sábado, dia 17, uma acção de solidariedade para com os deslocados que fogem dos ataques terroristas. O apoio traduziu-se na entrega de cabazes com produtos alimentares, vestuário, cobertas e material escolar.

Não há cerveja no Mundial do Qatar… mas há bagels casher

Iniciativa de dois rabinos

Não há cerveja no Mundial do Qatar… mas há bagels casher

A proibição da venda de bebidas alcoólicas nos recintos desportivos do Qatar tem gerado polémica, e chegou a temer-se que a comida casher (preparada de acordo com as leis judaicas) também tivesse sido banida. No entanto, graças a dois rabinos fãs de bagels e à Qatar Airways (que disponibilizou um espaço para a cozinha), os adeptos de futebol que sejam judeus praticantes não passarão fome durante o Mundial.

A Santa Sé, Arábia Saudita, Espanha e Áustria juntam-se. E daí podem sair ideias para a inclusão

Fórum do KAICIID para o Diálogo Político

A Santa Sé, Arábia Saudita, Espanha e Áustria juntam-se. E daí podem sair ideias para a inclusão

No palco, vêem-se as bandeiras de quatro estados: Arábia Saudita e Vaticano, Espanha e Áustria. No auditório, estão mais de 120 pessoas de 30 países europeus, entre líderes de sete religiões diferentes, membros de organizações de apoio a migrantes ou refugiados, responsáveis de instituições de solidariedade de diferentes âmbitos, técnicos sociais ligados a autarquias… Convocados por uma organização inter-governamental, debateram durante dois dias em Castelldefels (Barcelona) o modo de reforçar as parcerias para o diálogo na perspectiva da inclusão social nas cidades.

Líderes religiosos pedem perdão pelos “pecados climáticos”

Cerimónia reúne várias religiões em Londres

Líderes religiosos pedem perdão pelos “pecados climáticos”

O arcebispo emérito de Canterbury, Rowan Williams, e vários outros representantes das religiões cristã, judaica, muçulmana, hindu, budista e sikh subiram hoje, dia 13 de novembro, a Colina do Parlamento (Norte de Londres) como forma de afirmarem a necessidade de “pedir perdão pelos pecados climáticos” e a esperança de que a COP27 termine adotando medidas concretas de “ação em favor do planeta”.

“As-salamu alaikum” [a paz esteja convosco], assim como duas armas: oração e fraternidade

Papa Francisco no Bahrein

“As-salamu alaikum” [a paz esteja convosco], assim como duas armas: oração e fraternidade

Foram três os momentos em que Francisco teve oportunidade de discursar esta sexta-feira, 4, na sua viagem apostólica ao Bahrein. Os locais e as audiências mudaram, mas a mensagem foi a mesma: Deus é fonte de paz, e os líderes religiosos, na sua diversidade, devem usar duas “armas” comuns para promovê-la: a oração e a fraternidade, tornando-se assim “verdadeiramente pessoas de paz”.

Rabino reformista recebe a mais alta condecoração da Santa Sé

Por ter aproximado católicos e judeus

Rabino reformista recebe a mais alta condecoração da Santa Sé

A. James Rudin, um importante rabino e educador reformista, que durante largos anos esteve à frente dos assuntos inter-religiosos do Comité Judaico Americano, receberá a mais alta condecoração que a Santa Sé atribui, de Comendador da Ordem Equestre de São Gregório Magno, pelo trabalho que desenvolveu na promoção das relações católico-judaicas, noticiou esta quinta-feira, 3, o Jewish News.

Papa insiste em verdadeiro compromisso pela paz, ambiente e defesa dos direitos humanos

Viagem ao Bahrein

Papa insiste em verdadeiro compromisso pela paz, ambiente e defesa dos direitos humanos

Já começou aquela que promete ser “uma viagem interessante”, e da qual podem surgir “boas notícias”. As palavras são do Papa aos jornalistas que o acompanharam no voo de cinco horas até ao Bahrein. À chegada, e apesar do problema no joelho, Francisco não descansou. Empenhado em tornar a sua previsão realidade, aproveitou aquele que foi o primeiro discurso da sua 39ª viagem apostólica para lançar um forte apelo ao fim da guerra, ao cuidado com a casa comum, à abolição da pena de morte, e ainda à defesa da liberdade religiosa e da igualdade para todos.

Francisco no encontro inter-religioso no Coliseu: “A nossa oração tornou-se um grito”

Apelo de Roma pela Paz

Francisco no encontro inter-religioso no Coliseu: “A nossa oração tornou-se um grito”

Porque hoje a paz é gravemente violada, ferida e espezinhada, “a nossa oração tornou-se um ‘grito’”, afirmou o Papa Francisco na oração final do ato de culto realizado no Coliseu, no encerramento do encontro convocado pela Comunidade de Santos Egídio em que participaram três chefes de Estado e alguns dos mais altos representantes das várias religiões. Estes assinaram o “Apelo de Roma pela Paz”, em que se lê: “As religiões são e devem continuar a ser uma grande fonte de paz. A paz é sagrada, a guerra nunca pode ser sagrada!”.

Macron visita mesquita de Paris e defende lei contra o islamismo radical

A poucos dias do encontro com Papa

Macron visita mesquita de Paris e defende lei contra o islamismo radical

O Presidente francês Emmanuel Macron visitou a Grande Mesquita de Paris na passada quarta-feira, 19, data em se cumpriam 100 anos sobre a colocação da primeira pedra do templo que apelidou de farol para o “Islão de França”.  A poucos dias do seu encontro com o Papa Francisco, agendado para 24 de outubro, Macron fez questão de defender a chamada lei do separatismo, aprovada há pouco mais de um ano e que, apesar de criticada por muitos muçulmanos, é vista pelo líder político como uma norma jurídica que “oferece salvaguardas” contra o islamismo radical.

Representante do Conselho Mundial de Igrejas foi à Rússia pedir paz

Depois da assembleia na Alemanha

Representante do Conselho Mundial de Igrejas foi à Rússia pedir paz

O secretário-geral interino do Conselho Mundial das Igrejas (CMI), Ioan Sauca, deslocou-se esta semana a Moscovo para “construir pontes de paz”. A visita incluiu um encontro com o patriarca Cirilo e outros representantes daquela que é a maior Igreja a fazer parte do órgão ecuménico, e onde foram apresentadas as conclusões da XI Assembleia Geral do Conselho Mundial de Igrejas que ocorreu em Karlsruhe, na Alemanha, no início de setembro, em particular a declaração aprovada sobre a guerra na Ucrânia.

Grande mesquita de Colónia autorizada a fazer ouvir chamamento à oração

Alemanha

Grande mesquita de Colónia autorizada a fazer ouvir chamamento à oração

O chamamento à oração da Grande Mesquita de Colónia, que constitui o maior templo muçulmano na Alemanha, fez-se ouvir pela primeira vez na cidade na passada sexta-feira, 14. Líderes religiosos e municipais chegaram a acordo para que a autorização fosse finalmente emitida, depois de várias mesquitas do país terem já obtido também essa permissão.

Cardeal Tolentino: “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário” e estendê-lo a todos

Congresso Missionário

Cardeal Tolentino: “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário” e estendê-lo a todos

O cardeal José Tolentino Mendonça, prefeito do Dicastério para a Cultura e Educação, defendeu, no Congresso Missionário, a reconstrução do “pacto comunitário”, no pós-pandemia, propondo à sociedade o “horizonte da totalidade”. “Precisamos de reabilitar o pacto comunitário, o pacto da fraternidade, e de estendê-lo universalmente.”

Documento da Fraternidade Humana no centro de congresso missionário

Lisboa, sexta e sábado

Documento da Fraternidade Humana no centro de congresso missionário

O Documento de Abu Dhabi sobre a Fraternidade Humana, assinado em Fevereiro de 2019 pelo Papa Francisco e o Grande Imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, e a encíclica Fratelli Tutti, serão a base dos debates do Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras que nesta sexta e sábado, 14 e 15 de Outubro, decorre no Auditório Cardeal Medeiros da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa, o Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras.

Papa une-se a oração inter-religiosa pela paz no Coliseu de Roma

Após encontro com Macron

Papa une-se a oração inter-religiosa pela paz no Coliseu de Roma

O Vaticano confirmou esta terça-feira,11, que o Papa Francisco irá reunir-se diversos líderes religiosos e políticos para uma oração pela paz, no próximo dia 25 de outubro, no Coliseu de Roma. Esta oração será o ato final de um encontro internacional organizado pela Comunidade de Sant’Egídio, que vai já na sua 36º edição, e que este ano será subordinado ao tema “O grito da paz. Religiões e culturas em diálogo”.

Concerto de taças tibetanas e feira gastronómica na Semana da Harmonia

Odivelas promove até dia 15

Concerto de taças tibetanas e feira gastronómica na Semana da Harmonia

Um concerto de taças tibetanas na noite desta terça-feira, 11 de Outubro (20h30) e outro “Concerto pela paz” na quarta-feira com o ensemble de câmara Nova Orquestra Sinfónica. Estas são duas das iniciativas previstas no programa da Semana da Harmonia Inter-Religiosa e do Diálogo Inter-Cultural, promovida pela Câmara Municipal de Odivelas e que decorre em vários espaços deste município e de concelhos limítrofes até ao próximo sábado, 15.

Francisco reforçará diálogo com o islão no Bahrein

Divulgado programa da viagem

Francisco reforçará diálogo com o islão no Bahrein

A participação no Fórum do Bahrein para o Diálogo, um encontro com os membros do Conselho Muçulmano de Anciãos, e uma oração ecuménica pela paz constituem alguns dos pontos altos previstos para aquela que será a 39ª viagem apostólica do Papa. De 3 a 6 de novembro, Francisco estará no Bahrein, depois de ter dito “sim” ao convite do rei Hamad bin Isa al-Khalifa, e será o primeiro Papa a visitar esta nação do Golfo, onde 70% da população se assume como muçulmana, dando assim mais um passo para reforçar o diálogo com o Islão.

Responsáveis religiosos contra desalojamento de comunidade mapuche

Argentina

Responsáveis religiosos contra desalojamento de comunidade mapuche

Os líderes de diferentes Igrejas cristãs de Bariloche (cidade na região da Patagónia Argentina) apelaram esta quarta-feira, 5, à busca de vias de diálogo e de paz, depois de no dia anterior as forças policiais federais terem iniciado uma operação de desalojamento de uma comunidade indígena mapuche, recorrendo ao uso de gás lacrimogéneo e balas de borracha, e que resultou na detenção de pelo menos dez pessoas, entre elas uma mulher grávida e cinco menores.

Como podem a fé e a amizade salvar o planeta? O documentário “A Carta” responde

Estreia no YouTube

Como podem a fé e a amizade salvar o planeta? O documentário “A Carta” responde

Estreia esta terça-feira, 4 de outubro, o documentário “The letter. A message for our earth” (em português, “A Carta. Uma mensagem para o nosso planeta”), que apresenta quatro protagonistas (um refugiado climático do Senegal, uma ativista adolescente da Índia, cientistas do Havaí e um indígena da Amazónia brasileira), em diálogo com o Papa Francisco. A estreia mundial decorre no Vaticano, por ocasião da festa de São Francisco de Assis, pelas 10h30 (hora de Portugal continental), no canal do Vatican News no YouTube.

Cáritas encerra atividades na Argélia

A pedido das autoridades

Cáritas encerra atividades na Argélia

A Igreja Católica da Argélia anunciou o encerramento, a partir de 1 de outubro, de todas as atividades e obras de caridade implementadas pela Cáritas Argélia, O encerramento “completo e definitivo” foi comunicado através de uma declaração assinada pelo arcebispo emérito de Argel, Paul Desfarges, onde se refere que “a medida drástica é tomada em cumprimento do pedido das autoridades públicas argelinas”, avança o Vatican News.

Patriarca Sako defende fusão entre as Igrejas Caldeia e Assíria do Oriente

Uma questão de "sobrevivência"

Patriarca Sako defende fusão entre as Igrejas Caldeia e Assíria do Oriente

O patriarca caldeu Louis Raphael I Sako defende que não há nenhum elemento que possa “impedir” a “fusão” entre a Igreja Caldeia e a Igreja Assíria do Oriente sob a comum denominação comum de “Igreja do Oriente”. Numa mensagem intitulada “unidade e pluralidade da Igreja”, relançou o objetivo da unidade entre as diferentes denominações cristãs para proteger e “garantir a sua própria sobrevivência” no Médio Oriente, avançou esta terça-feira a Asia News.

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Encontro em Buckingham

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Carlos III disse perante mais de 30 líderes religiosos da Grã-Bretanha que se assume como “um cristão anglicano comprometido”. Mas aquele que é o novo Governador Supremo da Igreja de Inglaterra sublinhou também que “o soberano tem um dever adicional” de “proteger a diversidade do país”, incluindo “o espaço para a própria fé, e a sua prática através das religiões, culturas, tradições e crenças”.   

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

Último dia de congresso com o Papa

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

O pluralismo religioso é uma “expressão da sabedoria da vontade de Deus na Criação”, reconheceram perto de 100 representantes das várias religiões do mundo inteiro, ao assinar a Declaração Final do Congresso de Líderes Religiosos, o qual terminou esta quinta–feira, 15 de setembro, em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão). O documento sublinha que a liberdade religiosa é um direito concreto e que o diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, necessário e sem retorno. Mas é preciso que todos o façam juntos, lembrou o Papa.

Programa “A Fé dos Homens” celebrou 25 anos de emissão na RTP2

Um projeto inter-religioso

Programa “A Fé dos Homens” celebrou 25 anos de emissão na RTP2

O programa A Fé dos Homens celebrou esta quinta-feira, 15 de setembro, o seu 25º aniversário. Transmitido na RTP2 de segunda a sexta-feira desde 1997, e marcando presença também na rádio Antena 1 a partir de 2009, o projeto consolidou-se “como um espaço para conhecer as diferentes comunidades e tradições religiosas, fomentando o diálogo inter-religioso” em Portugal, assinalou a Comissão do Tempo de Emissão das Confissões Religiosas em nota enviada ao 7MARGENS.

Começou “um novo movimento global para a paz”?

Congresso de líderes religiosos no Cazaquistão

Começou “um novo movimento global para a paz”?

O apelo foi lançado pelo presidente cazaque, Kassym-Jomart Tokayev, na intervenção inaugural do VII Congresso de Líderes de Religiões Mundiais e Tradicionais: “precisamos todos de um novo movimento global para a paz”, afirmou. E, a avaliar pelos discursos que se seguiram, foi bem recebido. No evento, que esta quarta e quinta-feira reúne em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão mais de uma centena de delegações de 50 países, e inclui a participação do Papa Francisco, do grande imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, do rabino-chefe sefardita de Israel, Yitzhak Yosef, e do responsável pelo Departamento das Relações Externas do Patriarcado de Moscovo, metropolita António, a palavra “paz” tem sido, de longe, uma das mais repetidas.

Papa no Cazaquistão, entre a Rússia, a China e a “loucura” da guerra na Ucrânia

Patriarca Cirilo ausente

Papa no Cazaquistão, entre a Rússia, a China e a “loucura” da guerra na Ucrânia

O Papa chegou esta quarta-feira ao Cazaquistão “no decurso da louca e trágica guerra originada pela invasão da Ucrânia, enquanto outros confrontos e ameaças de conflito colocam em risco os nossos tempos”. No seu primeiro discurso proferido na viagem, dirigido às autoridades, representantes da sociedade civil e corpo diplomático, o Papa Francisco afirmou: “Venho para amplificar o clamor de tantos que imploram a paz, caminho de desenvolvimento essencial para o nosso mundo globalizado”.

As igrejas e a Shoah – exposição até 2023

Em Paris

As igrejas e a Shoah – exposição até 2023

A atitude dos cristãos e das igrejas, em especial a Católica, nos anos negros do Holocausto judaico, é o tema de uma exposição que se pode ver em Paris até fevereiro do próximo ano, por iniciativa da organização Mémorial de la Shoah. Intitulada Pela graça de Deus: as...

Congresso Missionário vai colocar o diálogo inter-religioso em prática

Dias 14 e 15 de outubro, em Lisboa

Congresso Missionário vai colocar o diálogo inter-religioso em prática

Representantes do Islamismo, Judaísmo, Cristianismo, Hinduísmo e Budismo estarão reunidos no Congresso Missionário Fraternidade sem Fronteiras, agendado para os dias 14 e 15 de outubro, no Auditório Cardeal Medeiros, da Universidade Católica Portuguesa, em Lisboa. O objetivo é colocar o diálogo intercultural e inter-religioso em prática, e todos os interessados poderão participar, inscrevendo-se na modalidade presencial ou online, de forma gratuita.

Isabel II, a rainha que salvou Deus

1926-2022

Isabel II, a rainha que salvou Deus

“Deus me ajude a cumprir o meu voto”, disse Isabel no dia em que jurou dedicar a sua vida ao serviço da nação, ainda como princesa, com apenas 21 anos. Seis anos depois, a sua coroação e unção com óleo sagrado na Abadia de Westminster, em Londres (onde dentro de dez dias terão lugar as suas cerimónias fúnebres), selava a estreita ligação entre a monarquia e a religião. 

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Viagem ao Cazaquistão

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Menos de 1% dos 19 milhões de habitantes do Cazaquistão são católicos, mas nem por isso o entusiasmo com a visita do Papa Francisco ao país, que terá lugar nos próximos dias 13 a 15 de setembro, é pequeno. Numa conferência online promovida esta quarta-feira, 7, pela Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), José Luis Mumbiela (bispo na diocese de Amaty, a maior cidade do Cazaquistão) assegurou que para a população esta viagem é “uma grande festa” já que o Papa “é muito querido”.

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

“Dolorosa” Ucrânia na assembleia do CMI

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

Podem um minuto de silêncio e um canto ajudar na busca da unidade entre os cristãos? O irmão Aloïs, prior da comunidade ecuménica e monástica de Taizé (França), surpreendeu os mais de quatro mil delegados da assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) ao propor, na manhã desta quarta-feira, 7 de Setembro, que os dois últimos minutos da sua intervenção fossem divididos entre o silêncio e um canto de louvor.

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

As assembleias ecuménicas e as crises mundiais

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

Como restaurar a comunhão entre cidadãos e entre Igrejas cristãs dilaceradas pela guerra? Em 1948, quando se realizou a primeira assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), como três quartos de século depois, na 11ª assembleia da organização, a realidade com que se confrontam as 352 igrejas protestantes, ortodoxas e anglicanas que constituem o CMI são muito semelhantes.

Presidente alemão critica Igreja Russa no início de assembleia ecuménica mundial

Invasão da Ucrânia em causa

Presidente alemão critica Igreja Russa no início de assembleia ecuménica mundial

O secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas deseja que a 11ª assembleia da organização seja “um novo começo” que traga “esperança e reconciliação entre os povos”. Mas o Presidente alemão criticou fortemente a liderança da Igreja Ortodoxa Russa em relação à invasão da Ucrânia. O seu discurso teve uma reacção imediata dos delegados do Patriarcado de Moscovo.

Sínodo, agora, é em Roma… que aqui já acabou

Sínodo, agora, é em Roma… que aqui já acabou novidade

Em que vai, afinal, desembocar o esforço reformador do atual Papa, sobretudo com o processo sinodal que lançou em 2021? Que se pode esperar daquela que já foi considerada a maior auscultação de pessoas alguma vez feita à escala do planeta? – A reflexão de Manuel Pinto, para ler no À Margem desta semana

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Nada se perde: um antigo colégio dos Salesianos é o novo centro de acolhimento do Serviço Jesuíta aos Refugiados

Inaugurado em Vendas Novas

Nada se perde: um antigo colégio dos Salesianos é o novo centro de acolhimento do Serviço Jesuíta aos Refugiados novidade

O apelo foi feito pelo Papa Francisco: utilizar os espaços da Igreja Católica devolutos ou sem uso para respostas humanitárias. Os Salesianos e os Jesuítas em Portugal aceitaram o desafio e, do antigo colégio de uns, nasceu o novo centro de acolhimento de emergência para refugiados de outros. Fica em Vendas Novas, tem capacidade para 120 pessoas, e promete ser amigo das famílias, do ambiente, e da comunidade em que se insere.

Bispos católicos de França apelam à fraternidade e justiça, mas não se demarcam da extrema-direita

Com as eleições no horizonte

Bispos católicos de França apelam à fraternidade e justiça, mas não se demarcam da extrema-direita novidade

O conselho permanente dos bispos da Igreja Católica de França considera, num comunicado divulgado esta quinta-feira, 20 de junho, que o resultado das recentes eleições europeias, que deram a vitória à extrema-direita, “é mais um sintoma de uma sociedade ansiosa, dividida e em sofrimento”. Neste contexto, e em vésperas dos atos eleitorais para a Assembleia Nacional, apresentaram uma oração que deverá ser rezada por todas as comunidades nestes próximos dias.

“Precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança”

Tolentino recebeu Prémio Pessoa

“Precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança” novidade

Na cerimónia em que recebeu o Prémio Pessoa 2023 – que decorreu esta quarta-feira, 19 de junho, na Culturgest, em Lisboa – o cardeal Tolentino Mendonça falou daquela que considera ser “talvez a construção mais extraordinária do nosso tempo”: a “ampliação da esperança de vida”. Mas deixou um alerta: “não basta alongar a esperança de vida, precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança e a deseje fraternamente repartida, acessível a todos, protagonizada por todos”.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This