Direitos Humanos

Resposta à perseguição religiosa é “pouca e demasiado tardia”

“Até ao momento, a resposta da comunidade internacional à violência com base na religião e à perseguição religiosa em geral pode ser classificada como pouca e demasiado tardia”, diz Mark Riedemann, director internacional dos Assuntos Públicos e Liberdade Religiosa da Ajuda à Igreja que Sofre (AIS).

Bispo metodista peruano lamenta xenofobia contra venezuelanos

“Enquanto cristãos, somos chamados todos os dias a praticar com generosidade a hospitalidade”, disse o bispo Samuel Aguilar, da Igreja Metodista do Peru, lamentando os casos de xenofobia, discriminação e violência sofridos por milhares de venezuelanos em diferentes países da América Latina.

Bispos do Peru contra colega e a favor de jornalista denunciador de abusos

A Conferência Episcopal Peruana insurgiu-se contra um dos seus bispos, depois de o jornalista Pedro Salinas ter sido condenado na sequência de uma acusação por difamação pessoal, interposta por José Antonio Eguren Anselmi, arcebispo de Piura, no norte do Peru. Em causa, estão as revelações feitas por Salinas e a também jornalista Paola Ugaz, que com ele investigou os escândalos de pedofilia dentro de um proeminente movimento católico,o Sodalício de Vida Cristã, de que o bispo é fundador e tem mais de 20 mil seguidores na América Latina.

O arame farpado com lâminas que comoveu o Papa

O apresentador e jornalista Jordi Évole, da televisão espanhola La Sexta, pega numa pequena caixa redonda transparente e retira de dentro um pedaço de arame farpado, com lâminas a envolvê-lo, retirado dos muros que isola o enclave espanhol de Melilla, em Marrocos. O Papa baixa os olhos e abana a cabeça.

Síria: a crise de refugiados em números

Qual a real dimensão da guerra na Síria? A Ajuda à Igreja que Sofre, instituição católica internacional dependente do Vaticano, produziu um conjunto de infografias sobre a emergência social que se vive no país. O 7MARGENS apresenta a seguir algumas delas, acrescentando alguns dados sobre a dura realidade vívida neste país. 

Apesar de tudo, nascemos hoje mais iguais do que em 1948

O mundo das últimas sete décadas causa realmente arrepios. Mas como seria ele sem a declaração de 1948? Homens e mulheres não nasceriam hoje menos iguais em dignidade e direitos? No dia em que se assinalam os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos,...

Um direito esquecido: a busca da felicidade

Faltam direitos à Declaração Universal dos Direitos Humanos? Faltam. Um deles é o de buscar a felicidade: não o direito à felicidade mas o de a demandar, sem espartilhos nem obstáculos. A ideia apareceu pela primeira vez na Declaração de Direitos do Bom Povo de...

O pecado de crer e rezar

A liberdade de professar uma religião, ou até a de mudar dela, é um dos direitos da Declaração Universal dos Direitos Humanos aprovada há 70 anos – artigo 18. Mas é também um dos menos respeitados, como o lembrou ainda há pouco o caso da paquistanesa condenada à morte...

Perseguidos na própria terra

Migrantes ou em fuga,  milhares de pessoas procuram todos os dias outros países onde possam ser felizes ou sobreviver à fome, à perseguição ou à guerra. São a imagem de um mundo que recusa a homens, mulheres e crianças os direitos mais elementares, da vida ao trabalho, com prejuízo para a felicidade e a paz. 

Para trabalho igual, salário igual? LOL!

Diz a Declaração Universal dos Direitos Humanos que todas as pessoas têm direito ao trabalho e a uma remuneração condigna e igual para trabalho igual. É o que vem no artigo 23. Mas a realidade é outra, deprimente e global.  A confirmar-se o que a Organização...

O azar de nascer mulher

As mulheres são alvo, todos os dias e em todo o mundo, da violação de uma série de direitos – só por serem mulheres. O Banco Mundial fez uma lista de sete dos atropelos.  Um é o direito ao trabalho. Em 104 países, elas enfrentam dificuldades para realizarem...

A vida ainda por um fio

A vida é ainda um dos direitos individuais mais ameaçados no mundo. Apesar dos muitos textos internacionais que dispõem sobre a sua inviolabilidade, como a Declaração Universal dos Direitos Humanos (artigo 3º), o Pacto Internacional dos Direitos Civis e Políticos...

Malditos mensageiros!

“Todo o indivíduo tem direito à liberdade de opinião e de expressão, o que implica o direito de não ser inquietado pelas suas opiniões e o de procurar, receber e difundir, sem consideração de fronteiras, informações e ideias por qualquer meio de expressão”, diz a...

Joaquín Martínez, inocente e condenado à morte

“Fui para o corredor da morte com 25 anos, em 1996. Quando fecharam a porta da minha cela e me vi sozinho, comecei a chorar. Não acreditava em Deus, sentia-me abandonado. Não podia compreender porque é que isto me tinha acontecido.” O relato é de Joaquín Martínez, 46...

“Cozinhar é um modo de amar os outros”

Debate na Mesquita Central de Lisboa realça papel das religiões na promoção de uma alimentação saudável, valorizando o acto de comer e os sistemas tradicionais de produção.  “Cozinhar é um modo de amar os outros” – as palavras de Mia Couto serviram de ingrediente para...

Homossexualidade descriminalizada na Índia

O Supremo Tribunal Indiano descriminalizou quinta-feira, dia 6 de setembro, todos os atos homossexuais. Comentários na imprensa internacional falam de “uma grande vitória para os direitos LGBT” naquela que é a maior democracia do mundo. O padre católico...

Primeira missa depois do incêndio em Notre-Dame é neste sábado; 7M disponibiliza ligação em vídeo

Primeira missa depois do incêndio em Notre-Dame é neste sábado; 7M disponibiliza ligação em vídeo

Dois meses depois de ter sido muito danificada por um incêndio, a catedral de notre-Dame de Paris abrirá de novo as suas portas este sábado e domingo, para a celebração da missa, informou a diocese de Paris em comunicado. “A primeira missa em Notre-Dame será celebrada no fim-de-semana de 15 e 16 de Junho”, lê-se no texto. A celebração de sábado tem lugar às 17h de Lisboa. 

Apoie o 7 Margens

Breves

Portugal é o terceiro país mais pacífico do Mundo

O Índice Global de Paz de 2019, apresentado em Londres, considera Portugal o terceiro país mais pacifico em todo o Mundo, subindo do quarto lugar em que estava classificado no ano transacto e ficando apenas atrás da Islândia e da Nova Zelândia.

Inscreva-se aqui
e receba as nossas notícias

Boas notícias

É notícia 

Entre margens

Nas margens da filosofia – Um Deus que nos desafia

No passado dia 11 de Maio, o 7MARGENS publicou uma entrevista de António Marujo ao cardeal Gianfranco Ravasi. A esta conversa foi dado o título “O problema não é saber se Deus existe: é saber qual Deus”. É um tema que vem de longe e que particularmente nos interpela, não tanto num contexto teológico/metafísico quanto no plano da própria acção humana.

Migração e misericórdia

O 7MARGENS publicou, já lá vão algumas semanas, uma notícia com declarações do cardeal Robert Sarah, que considerava demasiado abstracto e já cansativo o discurso de Francisco sobre estes temas. Várias pessoas, entre muitos apoiantes do Papa, têm levantado a mesma questão. E porque Francisco é exemplo de quem procura sem medo a verdade e tem o dom do diálogo estruturante, devem ser os amigos e apoiantes a escutá-lo criticamente.

A Teologia mata?

A pergunta parecerá eventualmente exagerada mas não deixa de ser pertinente. O que mais não falta por esse desvairado mundo é quem ande a matar o próximo em nome da sua crença religiosa.

Cultura e artes

Frei Agostinho da Cruz, um poeta da liberdade em tempos de Inquisição

“Poeta da liberdade”, que “obriga a pensar o que somos”, viveu em tempos de Inquisição, quando as pessoas com uma visão demasiado autónoma “não eram muito bem vistas”. Uma Antologia Poética de frei Agostinho da Cruz, que morreu há 400 anos, será apresentada esta sexta, 14 de Junho, numa sessão em que Teresa Salgueiro interpretará músicas com poemas do frade arrábido.

Sete Partidas

A Páscoa em Moçambique, um ano antes do ciclone – e como renasce a esperança

Um padre que passou de refugiado a conselheiro geral pode ser a imagem da paixão e morte que atravessou a Beira e que mostra caminhos de Páscoa a abrir-se. Na região de Moçambique destruída há um mês pelo ciclone Idai, a onda de solidariedade está a ultrapassar todas as expectativas e a esperança está a ganhar, outra vez, os corações das populações arrasadas por esta catástrofe.

Visto e Ouvido

"Correio a Nossa Senhora" - espólio guardado no Santuário começou a ser agora disponibilizado aos investigadores

Agenda

Jun
18
Ter
Debate sobre “Mulheres, Igreja e Jornalismo”, com Fausta Speranza @ Instituto Italiano de Cultura
Jun 18@18:30_20:00

Fausta Esperanza é jornalista, da redação internacional do L’Osservatore Roman, jornal oficial da Santa Sé; a moderação do debate é de Lurdes Ferreira; a sessão terá tradução simultânea em italiano e português.

Ver todas as datas

Fale connosco