Fundação AIS alerta

Dois padres raptados em menos de uma semana na Nigéria

| 22 Mai 2024

Padres Oliver Buba e Basil Gbuzuo, raptados na Nigéria.

Os padres Oliver Buba (à esquerda) e Basil Gbuzuo foram vítimas de sequestro na última semana, em diferentes dioceses da Nigéria. Fotos: Direitos reservados

 

Dois padres católicos foram sequestrados na Nigéria, em diferentes dioceses, no espaço de menos de uma semana. O caso mais recente aconteceu esta terça-feira, 21 de maio, quando um grupo de homens armados invadiu a paróquia de Santa Rita, em Bare, na região centro-sul do país, e “revela uma inquietante falta de segurança”, alerta a Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS). Desde o início do ano, foram raptados na Nigéria cinco presbíteros.

O paradeiro do padre Oliver Buba, raptado esta terça-feira, não é conhecido, mas o padre Basil Gbuzuo, sequestrado na passada quinta-feira, 15 de maio, já foi libertado, assim como os restantes três religiosos anteriormente vítimas de sequestro este ano: os padres claretianos Kenneth Kanwa e Jude Nwachukwu, sequestrados em fevereiro, e o padre Tony Mukoro, da diocese de Benin City, sequestrado em março.

“No entanto, apesar de normalmente os sacerdotes raptados acabarem por ser libertados, nem sempre isso acontece. De facto, pelo menos três padres sequestrados ainda estão desaparecidos”, recorda a Fundação AIS. São eles o padre John Bako Shekwolo, desaparecido desde 2019, e os padres Joseph Igweagu e Christopher Ogide, levados em 2022 e sobre os quais não houve mais qualquer informação.

Os sequestros para obtenção de resgates tornaram-se “um crime generalizado” na Nigéria, que, em 2023, liderou a lista de países que registaram casos de padres e religiosos sequestrados, com 28 ocorrências. Têm sido registadas também situações de raptos em massa, especialmente de crianças em idade escolar, alerta a agência Fides.

 

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo”

Na Casa de Oração Santa Rafaela Maria

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo” novidade

Estamos neste mundo, não há dúvida. Mas como nos relacionamos com ele? E qual o nosso papel nele? “Estou neste mundo como num grande templo”, disse Santa Rafaela Maria, fundadora das Escravas do Sagrado Coração de Jesus, em 1905. A frase continua a inspirar as religiosas da congregação e, neste ano em que assinalam o centenário da sua morte, “a mensagem não podia ser mais atual”, garante a irmã Irene Guia ao 7MARGENS. Por isso, foi escolhida para servir de mote a uma tarde de reflexão para a qual todos estão convidados. Será este sábado, às 15 horas, na Casa de Oração Santa Rafaela Maria, em Palmela, e as inscrições ainda estão abertas.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Patriarca de Lisboa convida “todos” para “momento raro” na Igreja

A um mês da ordenação de dois bispos

Patriarca de Lisboa convida “todos” para “momento raro” na Igreja novidade

O patriarca de Lisboa, Rui Valério, escreveu uma carta a convocar “todos – sacerdotes, diáconos, religiosos, religiosas e fiéis leigos” da diocese para estarem presentes naquele que será o “momento raro da ordenação episcopal de dois presbíteros”. A ordenação dos novos bispos auxiliares de Lisboa, Nuno Isidro e Alexandre Palma, está marcada para o próximo dia 21 de julho, às 16 horas, na Igreja de Santa Maria de Belém (Mosteiro dos Jerónimos).

O exemplo de Maria João Sande Lemos

O exemplo de Maria João Sande Lemos novidade

Se há exemplo de ativismo religioso e cívico enquanto impulso permanente em prol da solidariedade, da dignidade humana e das boas causas é o de Maria João Sande Lemos (1938-2024), que há pouco nos deixou. Conheci-a, por razões familiares, antes de nos encontrarmos no então PPD, sempre com o mesmo espírito de entrega total. [Texto de Guilherme d’Oliveira Martins]

“Sempre pensei envelhecer como queria viver”

Modos de envelhecer (19)

“Sempre pensei envelhecer como queria viver” novidade

O 7MARGENS iniciou a publicação de depoimentos de idosos recolhidos por José Pires, psicólogo e sócio fundador da Cooperativa de Solidariedade Social “Os Amigos de Sempre”. Publicamos hoje o décimo nono depoimento do total de vinte e cinco. Informamos que tanto o nome das pessoas como as fotografias que os ilustram são da inteira responsabilidade do 7MARGENS.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This