Casos em investigação

Dois padres suspeitos de abuso sexual de menores na diocese de Viseu

| 13 Out 21

bispo viseu antonio luciano foto dr

O bispo de Viseu, António Luciano, suspendeu preventivamente um dos suspeitos. Foto: Direitos Reservados.

 

Dois padres da diocese de Viseu estão a ser investigados por suspeita de abuso sexual de menores. Um deles terá enviado mensagens de teor sexual a um adolescente e foi suspenso preventivamente pelo bispo da diocese, António Luciano. O outro processo está em fase de instrução e não foram revelados quaisquer pormenores sobre o mesmo, avançou esta quarta-feira, 13 de outubro, a Rádio Renascença.

De acordo com o responsável pela Comissão Diocesana de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis de Viseu, Luís Manuel Coimbra Pereira, a denúncia do primeiro caso foi feita em abril deste ano. “A comissão tomou as diligências de prova que entendeu, reuniu os elementos e produziu um relatório final que fez chegar às entidades competentes, nomeadamente ao Ministério Público e às instituições que dentro da Igreja tratam das questões no foro canónico”, explicou à Renascença.

Para além deste caso, há outros a ser investigados pela comissão, mas apenas mais um tem processo aberto. “Algumas denúncias, porque não conseguimos sequer identificar as vítimas, estão em suspenso. Relativamente à outra denúncia, conseguimos identificar a vítima e o eventual visado, mas ainda estamos em fase de instrução do próprio processo”, revelou o responsável.

 

Nós somos porque eles foram. E nós seremos nos que vierem a ser.

Nós somos porque eles foram. E nós seremos nos que vierem a ser. novidade

A homenagem aos que perderam as suas vidas nesta pandemia é uma forma de reconhecermos que não foram só os seus dias que foram precoce e abruptamente reduzidos, mas também que todos nós, os sobreviventes, perdemos neles um património imenso e insubstituível. Só não o perderemos totalmente se procurarmos valorizá-lo, de formas mais ou menos simbólicas como é o caso da Jornada da Memória e da Esperança deste fim-de-semana, mas também na reflexão sobre as nossas próprias vidas e as das gerações que nos sucederão.

Parlamento aprovou voto de solidariedade com vítimas da pandemia e iniciativa cidadã

Jornada da Memória e da Esperança

Parlamento aprovou voto de solidariedade com vítimas da pandemia e iniciativa cidadã novidade

A Assembleia da República (AR) manifestou o seu apreço pela Jornada de Memória e Esperança, que decorre neste fim-de-semana em todo o país, através de um voto de solidariedade com as vítimas de covid-19 e com as pessoas afectadas pela pandemia, bem como com todos os que ajudaram no seu combate, com destaque para os profissionais de saúde.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This