Eduardo Lourenço, “o mais reputado pensador português da actualidade”, é Prémio Árvore da Vida, da Igreja Católica

| 4 Abr 20

O ensaísta Eduardo Lourenço foi distinguido com o Prémio Árvore da Vida-Padre Manuel Antunes 2020, atribuído pelo Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura, da Igreja Católica, para destacar um percurso ou obra que, além de atingirem elevado nível de conhecimento ou criatividade estética, reflectem o humanismo e a experiência cristã.

“Numa atenção compreensiva e crítica aos problemas culturais e sociais emergentes no mundo contemporâneo e numa renovadora mitografia do ser lusíada, desde há meio século Eduardo Lourenço constituiu-se no mais reputado pensador português da atualidade», destaca a justificação do júri, que atribuiu o Prémio por unanimidade.

“Foi para mim uma grande surpresa. Já não estou em idade para receber prémios, mas tive uma grande satisfação e honra, não tanto por mim, mas pela grande admiração que tenho pelo Padre Manuel Antunes, velho amigo que sempre cultivou a exigência crítica e deixou-nos uma obra notável a que volto sempre com grande proveito”, afirmou Eduardo Lourenço à Renascença, depois de ter tido conhecimento da notícia.

Os jurados destacam que Eduardo Lourenço “nunca renegou os princípios e os ditames do humanismo cristão”, mantendo-se “fiel aos seus fundamentos antropológicos, axiológicos e éticos, bem como à consequente ‘obrigação de suportar a liberdade humana’ em todos os domínios”.

«Tão oposto às panaceias ideológicas, prontas a cativarem ou alienarem a liberdade da vontade intelectual, quanto avesso à desolação do “niilismo spiritual” e à demissão das doutrinas relativistas, Eduardo Lourenço sustentou sempre, com desassombro e brilho, que a sua demanda de Conhecimento se queria coerente com o horizonte da “vivência mesma da Verdade”», acentua a declaração.

De acordo com o júri, Eduardo Lourenço obedeceu “’por temperamento e por formação espiritual’, à ‘única motivação radical’” que “finalmente é como decisão de ordem ‘religiosa’ e mesmo ‘mística’ […] que melhor se compreenderá”, relata a notícia do SNPC, que acrescenta alguns dados biográficos e da obra do premiado, bem como das distinções que já recebeu, além de recordar os anteriores escolhidos com o Prémio Árvore da Vida.

Artigos relacionados

Pin It on Pinterest

Share This