Educação / Família

Irene Pimentel: “Não aprendemos com a História” e por isso devemos perceber como chegámos ao Holocausto

Dia em Memória das Vítimas assinala-se nesta sexta, 27

Irene Pimentel: “Não aprendemos com a História” e por isso devemos perceber como chegámos ao Holocausto novidade

“Está mais que provado que a História nos ensina muito pouco!” A frase pode ser desconcertante, ainda para mais vinda de uma historiadora. Neste caso, de Irene Pimentel, premiada investigadora do Instituto de História Contemporânea. Mas, então, valerá a pena continuar a estudá-la e a transmiti-la, particularmente aos mais jovens? Depois do “périplo” que já fez por inúmeras escolas secundárias do país, a propósito do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, que se assinala esta sexta-feira, 27 de janeiro, Irene Pimentel tem a certeza de que sim.

Como ajudar os nossos amigos na Ucrânia? Escrevendo ao primeiro-ministro

#KidsAction4Peace

Como ajudar os nossos amigos na Ucrânia? Escrevendo ao primeiro-ministro

Como ajudar os nossos amigos afetados pela guerra na Ucrânia? A questão estava a preocupar um grupo de crianças portuguesas, italianas e belgas ligadas ao Movimento dos Focolares, até que tiveram uma ideia: convidar outras crianças, em todo o mundo, a escrever uma carta, um poema, ou a fazer um desenho, cujo tema seja a paz, e em seguida enviar para os governantes dos seus países.

Pin It on Pinterest

Share This