Educação / Família

Joaquim Azevedo: “A escola chama abandono ao que é um processo de exclusão”

Entrevista exclusiva

Joaquim Azevedo: “A escola chama abandono ao que é um processo de exclusão”

Sem papas na língua e sem esmorecimento, Joaquim Azevedo acaba de publicar um livro (Modo de produção da exclusão escolar – olhar a escola a partir dos excluídos) que tem tanto de desafiante como de provocatório. Nesta entrevista exclusiva ao 7MARGENS, o investigador e professor jubilado da Universidade Católica, antigo governante e protagonista do ensino profissional, explica como funcionam os mecanismos de exclusão, mas também dá chaves para encontrar caminhos de saída … as quais serão aprofundadas num segundo volume que, desde já, anuncia.

A escola produz humilhação e exclusão

Novo livro de Joaquim Azevedo

A escola produz humilhação e exclusão

É esta sexta-feira, 5 de julho, posto à venda um livro com potencial para suscitar debate e polémica em torno do alegado papel que as instituições escolares desempenham na exclusão e abandono de alunos ditos “problemáticos”. É seu autor o investigador Joaquim Azevedo, professor jubilado da Universidade Católica Portuguesa.

Violência cresce no Haiti: a cada minuto, uma criança deslocada

UNICEF alerta

Violência cresce no Haiti: a cada minuto, uma criança deslocada

O número de crianças deslocadas no Haiti cresceu 60% desde março, tendo ultrapassado as 300 mil (cerca de metade do total de deslocados), uma taxa que corresponde a uma criança deslocada por cada minuto que passa. Os números constam do mais recente relatório da UNICEF e mostram que 90% da população do país caribenho vive na pobreza, com três milhões de crianças a precisar de ajuda humanitária urgente.

Angola ganha nova biblioteca graças a grupo de benfeitores

Com dez mil livros

Angola ganha nova biblioteca graças a grupo de benfeitores

Uma biblioteca com dez mil livros e capacidade para mil leitores vai ser construída este ano, na província do Cuanza-Norte, em Angola, graças à generosidade de um grupo de académicos naturais daquela região. João Diogo Gaspar, governador da província, sublinhou que a nova biblioteca irá dar resposta à densidade populacional e à expansão do ensino, que conta agora com duas instituições de nível superior.

Felizes os meninos de mais de 100 países – incluindo Portugal – que participam na Jornada Mundial das Crianças

Este fim de semana, em Roma

Felizes os meninos de mais de 100 países – incluindo Portugal – que participam na Jornada Mundial das Crianças

Foi há pouco mais de cinco meses que, para surpresa de todos, o Papa anunciou a realização da I Jornada Mundial das Crianças. E talvez nem ele imaginasse que, neste curto espaço de tempo, tantos grupos e famílias conseguissem mobilizar-se para participar na iniciativa, que decorre já este fim de semana de 25 e 26 de maio, em Roma. Entre eles, estão alguns portugueses.

O mundo precisa

O mundo precisa

O mundo precisa, digo eu, de pessoas felizes para que possam dar o melhor de si mesmas aos outros. O mundo precisa de gente grande que não se empoleira em deslumbrados holofotes, mas constrói o próprio mérito na forma como, concretamente, dá e se dá. O mundo precisa de humanos que queiram, com lealdade e algum altruísmo, o bem de cada outro. – A reflexão da psicóloga Margarida Cordo, para ler no 7MARGENS.

Francisco pede “formação integral e contínua” para todos os religiosos

O Vídeo do Papa

Francisco pede “formação integral e contínua” para todos os religiosos

Reconhecendo que “cada vocação é um ‘diamante bruto’ que deve ser polido, trabalhado, que deve ser moldado em todas as suas faces”, o Papa Francisco pede, na edição de maio d’O Vídeo do Papa, que “rezemos para que os religiosos, as religiosas e os seminaristas cresçam no seu caminho vocacional através de uma formação humana, pastoral, espiritual e comunitária, que os leve a serem testemunhas credíveis do Evangelho”.

Convento das Capuchas: “Cem anos depois, aqui estamos… a ver as maravilhas multiplicar-se”

Comprado pela Madre Luiza Andaluz, em 1924

Convento das Capuchas: “Cem anos depois, aqui estamos… a ver as maravilhas multiplicar-se”

Um século volvido sobre a compra do edifício do Convento das Capuchas, em Santarém, por Luiza Andaluz (fundadora da congregação das Servas de Nossa Senhora de Fátima) para ali acolher cerca de cem raparigas que haviam sofrido a pneumónica de 1918 ou que por causa dela tinham ficado órfãs… o que mudou? O 7MARGENS foi descobrir.

O que faz falta é ler poesia, malta!

[O papel das estórias]

O que faz falta é ler poesia, malta!

“Quem disse que Abril é um mês?” A pergunta fá-la Nuno Higino no título de um dos 25 poemas que preenchem o seu mais recente livro, abril. E a resposta que apetece dar, ao lê-los, corre o risco de soar a cliché, mas cá vai: Abril é muito mais do que um mês – Abril é poesia.

Sexo e Género: o debate é possível!

Um livro de Juan Maria Uriarte

Sexo e Género: o debate é possível!

As tomadas de posição em torno da questão do género, com um vocabulário crescentemente hostil e guerreiro – tendente a criar um contexto de pânico moral, não cessam de se fazer ouvir no espaço público. Pode, por isso, espantar que um bispo católico, Juan Maria Uriarte, aos 90 anos, se aventure na publicação de um livro sobre esta temática.

Para grandes males do mundo… pequenos livros

[O papel das estórias]

Para grandes males do mundo… pequenos livros

Imagino que estejam curiosos sobre este livro, mas não pensem que vou já abri-lo e falar-vos da história e das ilustrações. Desculpem os mais ansiosos, mas primeiro tenho de me deter sobre um pormenor da capa. Que é um pormenor importante, ou melhor: é um “pormaior”. E desculpem também este trocadilho batido, mas é que, no canto superior esquerdo, há um autocolante redondinho onde está escrito assim: “Os direitos de autor revertem a favor da associação Médicos do Mundo”. Estou perdoada, certo? Só queria que soubessem que este livro, mesmo antes de ser lido, já está a contribuir para tornar o mundo num lugar melhor.

Igreja Católica pretende “desescolarizar a catequese”

Para responder à realidade atual

Igreja Católica pretende “desescolarizar a catequese”

A catequese deve ser cada vez mais um processo de educação da fé em comunidade, de ensino não apenas da doutrina, em contexto de sala, mas também de abertura à vida, envolvendo as crianças e jovens nas atividades da Igreja, defende o padre Márcio Martins, responsável diocesano pela catequese em Vila Real. E estes são os objetivos do novo itinerário catequético proposto pela Conferência Episcopal Portuguesa.

Na diocese de Wau há uma equipa de futebol feminino que joga com as cores de Portugal

Aprender a união no Sudão do Sul em guerra

Na diocese de Wau há uma equipa de futebol feminino que joga com as cores de Portugal

Os equipamentos foram oferecidos pela Federação Portuguesa de Futebol. As raparigas treinam todas as semanas. Jogar à bola, na Diocese de Wau, serve para aprender a união, a fraternidade e até o amor. Para a “treinadora”, a irmã Beta Almendra, isso é o mais importante num país como o Sudão do Sul, marcado pela violência e a guerra…

Mais de 61 mil crianças obrigadas a fugir em Cabo Delgado

Em apenas dois meses

Mais de 61 mil crianças obrigadas a fugir em Cabo Delgado

Mais de 61 mil crianças foram obrigadas a fugir das suas casas em vários distritos da província de Cabo Delgado (Moçambique) devido à onda de violência que tem assolado a região nos últimos dois meses.  Este é o maior número de crianças forçadas a abandonar as suas casas, em tão pouco tempo, alerta a organização internacional Save the Children, apelando ao fim imediato deste conflito para que as crianças possam viver uma vida pacífica e regressar à escola.

Há vida na escola

[Segunda leitura]

Há vida na escola

A iniciativa chama-se “Votar claro”, belo nome, cheio de interpretações possíveis (“Votar? Claro!, “Votar claro…”, “Votar, claro.”). Já nasceu há dois anos mas, tanto quanto sei, só se concretizou plenamente por estes dias, com o beneplácito do Ministério da Educação. Vale a pena ouvir a reportagem que sobre o tema fez há dias a Antena Um e que tão bem ilustra os méritos da (e a satisfação generalizada com a) iniciativa. [Texto Joaquim Fidalgo]

Mata-me, mãe

Mata-me, mãe

Tiago adorava a adrenalina de ser atropelado pelas ondas espumosas dos mares de bandeira vermelha. Poucos entenderão isto, à excepção dos surfistas. Como explicar a alguém a sensação de ser totalmente abalroado para um lugar centrífugo e sem ar, no qual os segundos parecem anos onde os pontos cardeais se invalidam? Como explicar a alguém que o limiar da morte é o lugar mais vital dos amantes de adrenalina, essa droga que brota das entranhas? É ao espreitar a morte que se descobre a vida.

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém

Via Sacra ecuménica

Mais de 1.000 jovens cristãos caminharam pela paz nas ruas de Jerusalém

A guerra em Israel prossegue e o sentimento de insegurança em Jerusalém cresce. Ainda assim, ou talvez por isso mesmo, a tradicional Via Sacra que ali se realiza anualmente por ocasião da segunda semana da Quaresma não foi cancelada. Na passada sexta-feira, 23 de fevereiro, mais de mil crianças e jovens que frequentam as escolas cristãs da cidade, acompanhados de inúmeros familiares e professores, percorreram as ruas de lenços brancos na mão, pedindo a paz para todo o mundo, e em particular para a Terra Santa.

Estão prontos os primeiros recursos do novo itinerário catequético em Portugal

Entregues aos bispos

Estão prontos os primeiros recursos do novo itinerário catequético em Portugal

Os bispos portugueses acabam de receber os primeiros recursos criados no âmbito do novo “Itinerário de Iniciação à Vida Cristã das Crianças e dos Adolescentes com as Famílias”, que procuram transformar a catequese numa “preparação alargada e menos ligada ao percurso escolar das crianças, adolescentes e jovens”, avança a Ecclesia esta quarta-feira, 21 de fevereiro.

Sol sem Fronteiras vai às escolas para ensinar literacia financeira

Sessões gratuitas

Sol sem Fronteiras vai às escolas para ensinar literacia financeira

Estão de regresso as sessões de literacia financeira para crianças e jovens, promovidas pela Sol sem Fronteiras, ONGD ligada aos Missionários Espiritanos, em parceria com o Oney Bank. Destinadas a turmas a partir do 3º ano até ao secundário, as sessões podem ser presencias (em escolas na região da grande Lisboa e Vale do Tejo) e em modo online no resto do país.

Movimento Acção Ética lança sete perguntas aos candidatos à AR

Em vésperas de eleições

Movimento Acção Ética lança sete perguntas aos candidatos à AR

Preocupado com o facto de a Assembleia da República ter aprovado, nos últimos anos, “várias leis que representam um retrocesso ético e civilizacional”, o Movimento de Acção Ética (MAE) decidiu interpelar os partidos políticos a “esclarecerem os eleitores sobre os respectivos programas em matérias de incidência ética”, convidando os candidatos às Legislativas do próximo dia 10 de março a responder a sete perguntas.

Exposição dá a conhecer conflito de Cabo Delgado aos alunos de Braga

"SALAMA! SALAMA!"

Exposição dá a conhecer conflito de Cabo Delgado aos alunos de Braga

É uma exposição que é também uma viagem. E o seu destino é a Missão de Santa Cecília de Ocua, na diocese de Pemba (que corresponde territorialmente à província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique). Intitulada “‘SALAMA! SALAMA!’ (que significa “olá” em macua, a principal língua nativa da região), esta mostra irá passar por todas as escolas secundárias de Braga ao longo das próximas semanas e pretende “sensibilizar os alunos para a missão e para a interculturalidade”.

“A catequese é muito mais do que o ensino de regras ou fórmulas”, mostra nova formação para catequistas

200 participantes na Terceira

“A catequese é muito mais do que o ensino de regras ou fórmulas”, mostra nova formação para catequistas

Cerca de duas centenas de catequistas realizaram, durante a semana que passou, no seminário de Angra (ilha Terceira), a formação “Ser Catequista”, que corresponde à primeira etapa do novo plano de formação para a catequese em Portugal. A ação visou mostrar que “a catequese é muito mais do que o ensino de regras ou fórmulas”, mas sobretudo “fazer caminho com as crianças” e também com as famílias.

Vaticano lança curso de Ecologia Integral online e em inglês

Da Laudato si' à Laudate Deum

Vaticano lança curso de Ecologia Integral online e em inglês

As universidades pontifícias uniram-se ao Movimento Laudato Si’ para lançar o novo Diploma Conjunto em Ecologia Integral, um curso online e em inglês, composto por seis módulos de 90 minutos cada que serão realizados de janeiro a junho de 2024, e que pretende ser “uma resposta ao desafio sem precedentes que o planeta enfrenta”. No final, os participantes serão oficialmente Animadores Laudato si’.

Um curso para que a Doutrina Social da Igreja deixe de ser um “segredo bem guardado”

Orientado por Enrique Lluch Frechina

Um curso para que a Doutrina Social da Igreja deixe de ser um “segredo bem guardado”

João Paulo II escreveu que o ensino da Doutrina Social da Igreja faz parte da sua “missão evangelizadora”, no entanto… esta continua a ser o seu “segredo mais bem guardado”. Quem o diz é Enrique Lluch Frechina, licenciado em Teologia e doutor em Ciências Económicas, que irá orientar o próximo curso do Centro de Espiritualidade Redentorista (CER), intitulado “Uma Introdução à Doutrina Social da Igreja”. A formação, que não exige preparação prévia e é gratuita, arranca já na próxima segunda-feira, 22 de janeiro, e vai decorrer online.

Jovens músicos de favela do Rio recebem bênção do Papa e atuam em Lisboa

Orquestra Maré do Amanhã

Jovens músicos de favela do Rio recebem bênção do Papa e atuam em Lisboa

Estrearam-se em Portugal, com várias apresentações pelo país, durante a Jornada Mundial da Juventude e o sucesso foi tal que já têm data marcada para regressar: os jovens músicos da Orquestra Maré do Amanhã (projeto social implementado numa das mais violentas favelas do Rio de Janeiro, Brasil) vão dar um grande concerto no Teatro Tivoli, em Lisboa, no próximo dia 2 de fevereiro, às 19 horas. Antes disso, irão tocar para o Papa, durante uma audiência exclusiva em que receberão a sua bênção.

Vale a pena viver no sofrimento? Um encontro em Fátima pode ajudar a responder

Pelos 40 anos da "Salvifici Doloris"

Vale a pena viver no sofrimento? Um encontro em Fátima pode ajudar a responder

Na data em que irão cumprir-se 40 anos da publicação da carta apostólica Salvifici Doloris  – sobre O Sentido Cristão do Sofrimento Humano – escrita pelo Papa João Paulo II, o Serviço Pastoral a Pessoas com Deficiência propõe um encontro para juntar “pessoas sãs, doentes, com e sem deficiência, seja ela qual for” e descobrir se “ainda vale a pena sorrir e dizer ‘sim’ à vida”, mesmo quando esta implica sofrimento.

Os 13 países onde as crianças mais precisam de ajuda em 2024

UNICEF apela à solidariedade

Os 13 países onde as crianças mais precisam de ajuda em 2024

Do Haiti à Palestina, passando pelo Sudão, pelo Afeganistão ou por Myanmar, chegamos a 2024 com “um número sem precedentes de pessoas a precisar de ajuda”, em particular crianças, assinala a UNICEF – Fundo da ONU para a Infância, nesta terça-feira, 2 de janeiro. A instituição diz ter “capacidade de levar ajuda às crianças em risco e necessitadas”, mas alerta que “a situação de fundos é sombria”, e apresenta a lista das 13 “crises que precisam de mais financiamento para o ano novo”.

Médicos e juristas católicos pedem “escola livre de imposições ideológicas”

Apelando a veto de Marcelo

Médicos e juristas católicos pedem “escola livre de imposições ideológicas”

As Associações de Médicos e de Juristas Católicos manifestaram esta terça-feira, 2 de janeiro, “a sua viva oposição” ao recém-aprovado projeto de lei relativo à implementação nas escolas do “direito à identidade de género e de expressão de género”, por considerarem que este “defende ideias sem qualquer evidência científica” e que “faz da ideologia de género lei em Portugal”.

Centro de educação inclusiva em Moçambique precisa de impressora braille… e todos podem ajudar

Campanha de "crowdfunding"

Centro de educação inclusiva em Moçambique precisa de impressora braille… e todos podem ajudar

Na zona sul de Moçambique, o Centro de Recursos de Educação Inclusiva Eduardo Mondlane (CREI) é o único em que crianças com e sem deficiência aprendem na mesma sala. Mas, entre os estudantes que o frequentam, há alguns com deficiência visual que não conseguem completar o seu percurso escolar por falta de recursos, nomeadamente por não existir uma impressora braille. A Fundação Fé e Cooperação (FEC), parceira do centro, percebeu que essa é uma necessidade urgente e acaba de lançar uma campanha de crowdfunding para angariar o dinheiro necessário à aquisição e manutenção da impressora.

Na hora de votar, nem todos são iguais

Estudo no Reino Unido

Na hora de votar, nem todos são iguais

Todos os cidadãos são iguais na hora de votar. No Reino Unido, não – conclui um estudo do Institute for Public Policy Research (IPPR). A riqueza, a propriedade, o grau de instrução, a idade e a etnia marcam profundamente a relação dos cidadãos com a política em geral e induzem comportamentos muito diferentes não apenas na escolha dos partidos, mas na própria relação com as eleições.

A freira que quer mobilizar 100 mil religiosas na luta contra o tráfico humano

Irmã Seli Thomas

A freira que quer mobilizar 100 mil religiosas na luta contra o tráfico humano

“Mais de 100 mil religiosas estão na Índia. (…) Se todas trabalhássemos juntas no combate ao tráfico através do nosso próprio ministério, poderíamos salvar muitas vidas”. O apelo foi lançado pela irmã Seli Thomas (religiosa indiana das Irmãs Catequistas de Maria Imaculada Auxiliadora), durante o encontro da AMRAT – Talitha Kum, aliança internacional de religiosas contra o tráfico, que decorreu no passado fim de semana na Índia.

Chega a Portugal a “Caná Experience”, um retiro para (quase) todos os casais

2 e 3 dezembro, em Palmela

Chega a Portugal a “Caná Experience”, um retiro para (quase) todos os casais

Podem ser casados, recasados, “só juntos” ou namorados, há muito ou pouco tempo, frequentadores da Igreja ou não. Para participar nesta “Caná Experience” – retiro para casais promovido pela comunidade ecuménica Chemin Neuf, que se realiza pela primeira vez em Portugal nos dias 2 e 3 de dezembro – basta serem “um homem e uma mulher com uma relação estável”. Diz quem já participou que é “uma experiência transformadora”. Para muito melhor.

Um curso sobre perdão e pecado… Pode ser? Sim, e até é online e grátis

De 20 novembro a 7 dezembro

Um curso sobre perdão e pecado… Pode ser? Sim, e até é online e grátis

“E se nos faltasse ainda perceber que no princípio era o Perdão? Ou seja, que o Perdão não vem depois do pecado mas o precede?” As perguntas são lançadas pelo Centro de Espiritualidade Redentorista (CER) e deixam entrever aquilo de que vai tratar o seu próximo curso. “Falemos da ‘Confissão’, pode ser? – sobre Perdão, pecado e Graça” é o título desta formação que arranca já na próxima segunda-feira, 20 de novembro, será totalmente online e conduzida pelo missionário redentorista Rui Santiago. As inscrições estão abertas e são gratuitas.

O que preocupa as crianças e jovens em Portugal? A UNICEF quer saber

Inquérito online

O que preocupa as crianças e jovens em Portugal? A UNICEF quer saber

Porque “todas as crianças têm direito a ser ouvidas quando os adultos tomam decisões que as afetam e de ver as suas opiniões tidas em consideração”, a UNICEF Portugal leva a cabo, pela segunda vez, a iniciativa “Tenho voto na matéria”. Trata-se de uma consulta pública dirigida a crianças e jovens de todo o país, com idades compreendidas entre os 10 e os 17 anos, para que estes expressem o que mais os preocupa e proponham soluções para tornar as comunidades em que vivem “mais seguras e sustentáveis”.

Transmissão intergeracional da pobreza não está a diminuir

Estudo “Portugal e o Elevador Social”

Transmissão intergeracional da pobreza não está a diminuir

Os adultos que nasceram em famílias monoparentais ou em famílias numerosas têm uma probabilidade significativamente superior à média de viver na pobreza, contrariando o ditado popular de que “no nascer (e no morrer) somos todos iguais”. A conclusão consta de um estudo intitulado “Portugal e o Elevador Social: Nascer pobre é uma fatalidade?”, há dias divulgado em Lisboa.

Humanizar a partir da educação integral

Humanizar a partir da educação integral

Neste artigo procurarei enunciar algumas ideias muito gerais acerca do que considero ser necessário para a humanização do Humano do ponto de vista da educação integral. Ou seja, para essa tarefa sempre inacabada de elevar o Humano à sua verdadeira dignidade, na liberdade e pela liberdade.

Dia Internacional da Paz com meditação, música e “muito boa energia”

Universidade de Lisboa

Dia Internacional da Paz com meditação, música e “muito boa energia”

Para celebrar o Dia Internacional da Paz e ajudar os estudantes universitários a “inspirar-se para o ano letivo” que agora se inicia, o Núcleo de Meditação e o Clube da Paz Interior da Associação Académica da Universidade de Lisboa (AAUL) dinamizam na tarde desta quinta-feira, 21 de setembro, no edifício Caleidoscópio (onde está sediada a AAUL), o evento Novos Começos. Haverá “yoga, música ao vivo, meditação, partilhas e muito boa energia” – assegura o cartaz – e a entrada é gratuita.

298 alunas foram de abaya para a escola, 67 recusaram tirá-la e voltaram para casa

França

298 alunas foram de abaya para a escola, 67 recusaram tirá-la e voltaram para casa

Apesar da recente lei que proíbe o uso de abayas nas escolas francesas, houve 298 raparigas que as levaram vestidas para as aulas nesta segunda-feira, 4 de setembro, dia em que teve início o ano escolar naquele país para os alunos do ensino secundário. Destas jovens, 67 recusaram-se, após “diálogo e pedagogia”, a retirar o longo vestido e “foram para casa”, avança o canal televisivo TF1.

Um Papa na sua faceta de pedagogo

Scholas Ocurrentes, em Cascais

Um Papa na sua faceta de pedagogo

O Papa Francisco chegou ao final da manhã desta quinta-feira ao espaço-sede do projeto Scholas Ocurrentes (“escolas de vizinhos”), depois de ter seguido, ao longo de mais de três quilómetros, um mural pintado que é um exemplo e resultado da filosofia pedagógica de inclusão e capacitação por ele adotada.

Catequese abandona “lógica mais escolar” e desafia famílias a serem “parte ativa”

Encontro de responsáveis em Fátima

Catequese abandona “lógica mais escolar” e desafia famílias a serem “parte ativa”

“Gradualmente, toda a catequese vai mudar” e os responsáveis diocesanos pelo setor estiveram esta sexta-feira reunidos em Fátima para conhecer melhor algumas dessas transformações. De acordo com Pedro Quintans, porta-voz do Secretariado Nacional da Educação Cristã (SNEC), para os adolescentes as mudanças serão já visíveis em setembro, altura em que vão “poder analisar e refletir, fazer memória, daquilo que foi a JMJ de Lisboa para a Igreja em Portugal e para cada um”.

Indulgência plenária para quem visitar idosos sozinhos

Dia Mundial dos Avós

Indulgência plenária para quem visitar idosos sozinhos

Quem participar nas celebrações litúrgicas do Dia Mundial dos Avós (que se assinala a 23 de julho) e visitar um idoso “necessitado ou em dificuldade” – presencialmente ou por via digital – irá obter indulgência plenária, anunciou o Vaticano esta quarta-feira, 5 de julho, através da publicação de um decreto da Penitenciária Apostólica.

“Está quase tudo por fazer ao nível do estudo das religiões em Portugal”

Colóquio reúne investigadores em Lisboa

“Está quase tudo por fazer ao nível do estudo das religiões em Portugal”

A forma como a espiritualidade e a religiosidade têm sido vividas em Portugal é “um mundo” e a maior parte desse mundo está ainda por descobrir. Quem o diz é Marina Pignatelli, professora e investigadora na área da Antropologia das Religiões e uma das organizadoras do Colóquio ReliMM – A Religião nas Múltiplas Modernidades, que esta quinta e sexta-feira, 22 e 23 de junho, irá reunir em Lisboa alguns dos (poucos) que se dedicam a estudar estas áreas no nosso país.

Mal Viver/Viver Mal – O amor nos seus labirintos

Cinema

Mal Viver/Viver Mal – O amor nos seus labirintos

Cada um dos filmes do díptico é diferente (vale a pena notar a maneira diferente de filmar), e até será possível ver um sem o outro, mas ficaria um retrato muito incompleto e muitas coisas não explicitadas. Mal Viver é mais pesado, Viver Mal é mais divertido, amargamente divertido, porque igualmente cruel.

Jornada de Filosofia da Religião vai refletir sobre “o imperativo da reconciliação e da reparação”

3 de junho, na Católica Braga

Jornada de Filosofia da Religião vai refletir sobre “o imperativo da reconciliação e da reparação”

Em contexto de guerra na Europa e de crise dos abusos na Igreja, qual a resposta da religião? “Reparação e reconciliação” podem ser a chave e servirão de mote à IV Jornada de Filosofia da Religião, agendada para o próximo sábado, 3 de junho, no Centro Regional de Braga da Universidade Católica Portuguesa (UCP). O evento levará ao Campus Camões renomados conferencistas, com destaque para o filósofo e ensaísta catalão Josep Maria Esquirol.

Alice Vieira: “Devia haver uma disciplina de Religião obrigatória”

Jornalista e escritora em entrevista

Alice Vieira: “Devia haver uma disciplina de Religião obrigatória”

Em entrevista ao 7MARGENS, a jornalista e escritora Alice Vieira recordou a sua descoberta da religião (já no liceu e sem que os pais, ateus, suspeitassem), a primeira Bíblia que recebeu (do homem com quem viria a casar), o primeiro presépio que fez (quando já tinham filhos) e a sua conversão ao catolicismo (cuja responsabilidade atribui a um grande amigo de quem sente muitas saudades: o cardeal Tolentino Mendonça). Esta quinta-feira, 25 de maio, e nos próximos dias 27 e 28, estará a dar autógrafos na Feira do Livro de Lisboa.

É preciso “revalorizar” os professores e “repensar” os modelos de escola

Comissão Justiça e Paz apela

É preciso “revalorizar” os professores e “repensar” os modelos de escola

“Não há tempo a perder”, alerta a Comissão Nacional Justiça e Paz (CNJP) numa nota divulgada esta segunda-feira, 22 de maio. “É preciso revalorizar ‘exteriormente’ e socialmente” os professores e “repensar seriamente modelos de escola e formatos didáticos e pedagógicos”, defende o organismo de leigos católicos ligado à Conferência Episcopal Portuguesa.

Amnistia Internacional oferece curso sobre o direito à liberdade

Pelo aniversário do 25 de Abril

Amnistia Internacional oferece curso sobre o direito à liberdade

“Compreender os direitos humanos é o primeiro passo para os saber usufruir, reivindicar e proteger.” Foi com esta consciência que a equipa da Amnistia Internacional criou o curso “Protege a Liberdade”, disponibilizado na semana em que se celebra o 25 de Abril, em formato e-learning, em regime de autogestão, com a duração de 3 horas. A inscrição é gratuita e pode ser feita no sítio da organização.

Bispos nórdicos criticam movimento LGBT e reafirmam ensinamentos da Igreja sobre sexualidade

Em carta pastoral

Bispos nórdicos criticam movimento LGBT e reafirmam ensinamentos da Igreja sobre sexualidade

A Conferência Episcopal Nórdica publicou uma carta pastoral em que expressa preocupação com a propagação do movimento LGBT que, segundo os bispos nórdicos, “propõe uma visão da natureza humana que se abstrai da integridade encarnada da pessoa, como se o género físico fosse algo acidental”, e transmite essa visão às crianças como uma verdade comprovada.

Campanhas pelas mulheres do Irão e estudantes afegãs

Apelos da AI e da FAL

Campanhas pelas mulheres do Irão e estudantes afegãs

“A morte de Masha Amini inspirou uma onda de solidariedade com manifestações por todo o Irão e ao redor do mundo”, aponta a Amnistia, que lança campanha para “garantir um futuro com liberdade para todas”. Por sua vez, a Federação Académica de Lisboa apela à criação de um “estatuto de estudante do ensino superior para refugiadas”.

“Um dia para dar ferramentas aos jovens”, no meio de uma “realidade dura”

Iniciativa 3 Milhões de Nós

“Um dia para dar ferramentas aos jovens”, no meio de uma “realidade dura”

A Aula Magna, em Lisboa, recebe este sábado, 4 de março, a terceira edição do 3 Milhões de Nós. Organizado pela associação CincoMaisDois, ligada à Família Missionária Católica Verbum Dei, trata-se de um dia de palestras e debates dirigidos a todos os jovens, crentes e não crentes, que este ano tem como principal objetivo dar-lhes ferramentas para lidar com a realidade particularmente desafiante em que se inserem, depois de uma pandemia e num contexto de guerra na Europa.

Uma Universidade Católica para quê? Para quem?

Uma Universidade Católica para quê? Para quem?

Em 2019 o Papa Francisco apresentou aos cristãos (e ao mundo) aquilo que apelidou de “Pacto Educativo Global”. É à luz desse Pacto, infelizmente pouco divulgado, que vou refletir sobre questões de fundo quanto à orientação da Universidade Católica Portuguesa (UCP). Escrevo sobretudo sobre a sua Faculdade de Medicina. (Opinião de Teresa Vasconcelos)

Uma tese para conhecer melhor a História do Cristianismo

Estudos da Religião

Uma tese para conhecer melhor a História do Cristianismo

A apresentação de uma tese de doutoramento, no âmbito dos Estudos da Religião, com o título Igreja e Império na Cronografia de Teófanes Confessor: A interpretação da História no tempo da crise iconoclasta, provocará certamente um misto de estranheza e admiração. Quem, em Portugal, se dedica ao estudo da história do Império Romano do Oriente, normalmente referido como Império Bizantino?

Começaram as aulas na primeira Faculdade Católica do Amazonas

"Fruto do sínodo"

Começaram as aulas na primeira Faculdade Católica do Amazonas

A Faculdade Católica do Amazonas, projeto lançado em setembro de 2022, deu esta semana início ao seu primeiro ano letivo. A aula inaugural foi dedicada à reflexão sobre o diálogo entre Teologia e Ecologia, e também aos desafios que a região amazónica enfrenta ao nível da educação e da ciência, “em tempos de ataque à democracia”, avança o ADN Celam.

Irene Pimentel: “Não aprendemos com a História” e por isso devemos perceber como chegámos ao Holocausto

Dia em Memória das Vítimas

Irene Pimentel: “Não aprendemos com a História” e por isso devemos perceber como chegámos ao Holocausto

“Está mais que provado que a História nos ensina muito pouco!” A frase é da historiadora Irene Pimentel. Valerá então a pena continuar a estudá-la e a transmiti-la, particularmente aos mais jovens? A Prémio Pessoa responde, a propósito do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, que se assinala neste 27 de janeiro.

Como ajudar os nossos amigos na Ucrânia? Escrevendo ao primeiro-ministro

#KidsAction4Peace

Como ajudar os nossos amigos na Ucrânia? Escrevendo ao primeiro-ministro

Como ajudar os nossos amigos afetados pela guerra na Ucrânia? A questão estava a preocupar um grupo de crianças portuguesas, italianas e belgas ligadas ao Movimento dos Focolares, até que tiveram uma ideia: convidar outras crianças, em todo o mundo, a escrever uma carta, um poema, ou a fazer um desenho, cujo tema seja a paz, e em seguida enviar para os governantes dos seus países.

Adultos. Com A grande, sff. (II)

Adultos. Com A grande, sff. (II)

O primeiro propósito deste texto está cumprido: citar os Capitão Fausto. Não garanto que cumpra o segundo, ou seja, perceber como olhamos hoje para a idade adulta no chamado Ocidente.

Desobediência

Desobediência

Recentemente fui desafiada a algo que não esperava. Provavelmente deveria começar a ensinar a minha filha a prevaricar, disse-me o meu pai. Foi a palavra escolhida. O sentido era o de rebeldia, de desobediência. Eu fiquei a pensar.

Como árvores desfolhadas

Como árvores desfolhadas

Um dia destes, alguém chamou a minha atenção para as duas árvores defronte à minha casa. Duas árvores da mesma natureza; mas enquanto uma delas estava coberta de folhas, a outra estava desfolhada.

O mundo da violência na Escola

Recreio, de Laura Wandel

O mundo da violência na Escola

Quando este texto for publicado, o mais provável é já não ser possível ir ver este filme a uma sala de cinema. Mas será certamente possível e provável tropeçar nele numa qualquer outra tela. Se assim acontecer, não deixem de ver Recreio, de Laura Wandel. E até me parece que vale a pena dá-lo a ver nas escolas.

Reconhecimento

Reconhecimento

Acredito que o reconhecimento deveria ocupar um lugar mais cimeiro na pirâmide das emoções e dos sentimentos. Os certificados, as medalhas, os prémios, etc, são objetos tangíveis, certamente específicos de determinados momentos e contextos. Mas a sensação de reconhecimento pode chegar de muitas outras formas mais ou menos subtis. Com um e-mail, uma nota de agradecimento, um presente, uma palavra que seja.

Crianças sem voz

Crianças sem voz

As recentes notícias sobre a criança de Setúbal, de 3 anos de idade, usada como arma de arremesso em virtude de desentendimentos entre a mãe e uma pseudo-ama, trouxe novamente a questão da violência sobre as crianças para a agenda pública.

Bispo anglicano quer regresso do apoio a famílias numerosas

Proposta de Lei na Câmara dos Lordes

Bispo anglicano quer regresso do apoio a famílias numerosas

A Câmara dos Lordes debateu hoje, sexta-feira, dia 8 de julho, em segunda leitura, a proposta de Lei submetida pelo bispo de Durham, Paul Butler, para que o terceiro e subsequentes filhos das famílias pobres voltem a ser fator de aumento dos subsídios sociais que estas recebem. A proposta recebeu o apoio público do bispo católico de Northampton, David Oakley, noticiou o Crux Now.

Padre suspeito de partilhar obscenidades em rede social afastado do Colégio S. Tomás

Lisboa

Padre suspeito de partilhar obscenidades em rede social afastado do Colégio S. Tomás

O padre Duarte Andrade e Sousa, do Patriarcado de Lisboa, não entrará mais no Colégio S. Tomás da Quinta das Conchas, em Lisboa, um estabelecimento de ensino de inspiração católica. Em causa, soube o 7MARGENS, está o facto de os pais de alguns estudantes terem descoberto imagens obscenas (incluindo vídeos) nos telemóveis dos filhos, num grupo de WhatsApp que aquele padre mantinha com alunos do colégio. De acordo com a reitora da escola, Isabel Almeida e Brito, em declarações esta tarde ao 7MARGENS, foi o próprio que assumiu os factos e disse que deixaria de aparecer no S. Tomás. 

Saúde mental dos jovens: a urgência de um novo paradigma

Saúde mental dos jovens: a urgência de um novo paradigma

A saúde mental dos jovens tem-se vindo a tornar, aos poucos, num tema com particular relevância nas reflexões da sociedade hodierna, ainda que se verifique que estas possam, muitas das vezes, não resultar em concretizações visíveis e materializar em soluções para os problemas que afetam os membros desta mesma sociedade. A verdade é que, apesar de todos os esforços por parte dos profissionais de saúde e também das pessoas, toda a temática é, ainda, envolvida por uma “bolha de estigmas”, o que a transforma numa temática-tabu.

O Papa não quer as mães a passar a ferro as camisas dos filhos

Encontro Mundial das Famílias

O Papa não quer as mães a passar a ferro as camisas dos filhos

“Há tantos jovens que não têm coragem de se casar. E, por vezes, algumas mães dizem-me: ‘faça qualquer coisa, fale com o meu filho que tem 37 anos e não se casa…’ ‘Mas minha senhora, não lhe passe a ferro as camisas, mande-o embora, faça-o sair do ninho’.” A afirmação foi feita pelo Papa Francisco, na Praça de São Pedro, perante casais de mais de 120 países, reunidos na missa de encerramento do X Encontro Mundial das Famílias.

Uma equipa de casais: “A melhor herança para as novas gerações”

Contributos para o Sínodo (4)

Uma equipa de casais: “A melhor herança para as novas gerações”

Se tantos milhões de cristãos agirem respondendo aos apelos do Evangelho e do Papa Francisco, “certamente o nosso mundo será uma melhor herança para as novas gerações”. Esta é uma das ideias do contributo de um grupo de casais da zona de Cascais para a maior auscultação alguma vez feita à escala planetária, lançada pelo Papa Francisco, para preparar a assembleia do Sínodo dos Bispos de 2023.

Notícia que não devia ser notícia

[Segunda leitura]

Notícia que não devia ser notícia

“Quero que as pessoas conheçam o meu ‘eu’ real”, desabafou. O que pressupõe que, se não dissesse nada, o seu ‘eu’ real continuaria desconhecido. Porquê? Porque, não dizendo nada, as pessoas continuariam a pensar (como à partida pensam de todos os homens de todo o mundo…) que ele era heterossexual. Tão simples como isso. E tão problemático como isso, claro.”

Casamento infantil quase duplicou em Cabo Delgado

Save the Children alerta

Casamento infantil quase duplicou em Cabo Delgado

As taxas de casamento precoce aumentaram substancialmente no primeiro trimestre deste ano entre as crianças da região de Cabo Delgado (Moçambique), alertou esta semana a organização internacional Save the Children. O aumento está diretamente relacionado com a pobreza provocada pelo conflito que assola a região desde 2017 e que deixa muitos pais perante “a escolha devastadora” de ter de “deixar os filhos casar para aliviar a carga da família”, explica a instituição.

Jesuítas refletem sobre as “famílias do século XXI”

Porto

Jesuítas refletem sobre as “famílias do século XXI”

“As famílias do século XXI: perspetivas e desafios” é o tema do Fórum das Famílias, organizado pelo centro universitário dos Jesuítas no Porto (Centro de Reflexão e Encontro Universitário – Inácio de Loyola), e que decorre este sábado, 14 de maio, na Universidade Católica Portuguesa, no Porto. A iniciativa inclui conversas com especialistas de várias áreas, desde a psicologia ao direito, passando pela comunicação, bem como testemunhos de famílias.

Procura-me e me acharás

Procura-me e me acharás

A brincadeira das “escondidas” que prevalece de geração em geração lembra-me das muitas conversas que tenho tido com pais. Sejam eles quem forem, muitos pais portugueses vivem a mesma angústia em seu interior: a falta de tempo para estarem com os seus filhos. 

A escola renascida em Qaraqosh, depois da destruição

Iraque

A escola renascida em Qaraqosh, depois da destruição

Domingo, dia 1 de Maio, passou a ser um marco na vida da comunidade cristã de Qaraqosh, na Planície de Nínive (Iraque). Depois da destruição causada na cidade pelos jihadistas do Daesh, o autodenominado Estado Islâmico, as Irmãs Dominicanas de Santa Catarina de Siena conseguiram que a sua escola abrisse oficialmente as portas para a comunidade.

Autorretrato

Autorretrato

Não é bonito dizer que tenho um familiar favorito, mas tal como Picasso fez na sua época áurea, vou quebrar os estereótipos e dizer que o meu bisavô é a melhor pessoa que alguma vez conheci.

Educação inclusiva em Portugal: “melhorias históricas”, mas ainda muito a fazer

Relatório de avaliação da OCDE

Educação inclusiva em Portugal: “melhorias históricas”, mas ainda muito a fazer

O sistema educativo português conheceu, nos últimos 25 anos, “melhorias históricas” no que toca ao acesso e concretização da inclusão na educação, ainda que persistam diferenças importantes nos resultados das aprendizagem e bem-estar dos alunos com origens em grupos sociais desfavorecidos e/ou diversos. A conclusão é de uma avaliação da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) sobre a política e as práticas de educação inclusiva, realizada no âmbito do seu projeto “Strength through Diversity”, cujo relatório, intitulado Review of Inclusive Education in Portugal, acaba de ser publicado.

217 minutos de espanto, comoção e nostalgia

Cinema

217 minutos de espanto, comoção e nostalgia

Pois bem, quem tiver duzentos e dezassete minutos para gastar, faça o favor de sentar-se e olhar este filme. De facto, não se trata propriamente de um filme – não é ficção, é um documentário filmado numa escola real, com este professor e estes alunos e tudo o que anda à volta de um ano escolar.

Memórias divertidas de uma escola do antigamente

[Nas margens da filosofia]

Memórias divertidas de uma escola do antigamente

Comecei a minha carreira de professora a ensinar na mesma escola que frequentei e que nessa altura se chamava liceu[1]. Continuo a morar no bairro dessa escola. O nome da mesma está escrito no passeio, em letras azuis que se destacam no empedrado branco. No seu exterior o edifício mantém-se igual e embora nele não entre há muitos anos presumo que no interior haja poucas alterações.

A educação na campanha eleitoral

A educação na campanha eleitoral

Durante os trinta debates nas televisões o tema da educação nunca esteve sobre a mesa. Será porque não é importante? Todos responderão que não, pois a educação é reconhecidamente importante em qualquer sociedade, sobretudo as mais desiguais. Será porque não se debateu nenhuma estratégia para o país? Também não, pois, apesar de pouco, ainda houve aqui e ali tempo para debater a justiça, a economia, a fiscalidade, o emprego e as remunerações.

Prrriiiuuu!… Cartão branco!

[Segunda leitura]

Prrriiiuuu!… Cartão branco!

Li esta história no jornal O Minho e também na página de Facebook do SC Vianense. Gostei muito, até porque não conhecia a coisa, nunca tinha ouvido falar do tal cartão branco, nunca o tinha visto em qualquer competição desportiva. E fui à procura de mais.

Novo capelão-chefe da Universidade de Harvard é ateu

Eleito por unanimidade

Novo capelão-chefe da Universidade de Harvard é ateu

Chama-se Greg Epstein, tem 44 anos e é o primeiro ateu escolhido para presidente dos capelães da Universidade de Harvard, a instituição de ensino superior mais antiga dos Estados Unidos, fundada em 1636 com o objetivo de dar formação ao clero protestante. De acordo com o jornal The New York Times, que avançou a notícia esta quinta-feira, 27, a eleição de Epstein é o reflexo de uma “tendência alargada” de jovens que “se identificam cada vez mais como espirituais, mas sem afiliação religiosa”.

Re-significar a vida

Re-significar a vida

A conclusão do percurso académico é, na vida de qualquer jovem, um momento de especial significado e simbolismo. É um olhar para o trajeto percorrido e sentir a nostalgia das etapas que foram particularmente significativas para o momento presente, mas é, sobretudo, olhar para o futuro, lugar de tantos sonhos e de tantas expectativas.

Uma universidade católica para breve em Timor

Bispo de Díli já pediu

Uma universidade católica para breve em Timor

Uma universidade católica pode nascer dentro de poucos meses – três a seis – se o Ministério do Ensino Superior, Ciência e Cultura (MESCC) der luz verde ao pedido apresentado pelo Instituto Religioso Católico, da arquidiocese de Díli. Essa é, pelo menos, a garantia dada por um funcionário governamental citado pelo Vatican News nesta quarta-feira, 21 de Julho.

Fazermo-nos crianças

Fazermo-nos crianças

Neste tempo de férias entre dois anos letivos é tempo de fazer balanço, de reler o vivido e de sonhar o ano que vem… Olhando para este ano, um ano que não foi fácil para ninguém, com sucessivos confinamentos e de adaptação constante às regras sanitárias, agradeço as pessoas a quem me entrego numa boa parte da minha missão: as crianças.

“Mãe, pai, tirei um 20!”

[Segunda leitura]

“Mãe, pai, tirei um 20!”

Há um colégio no Porto que é barra no ensino da Educação Física. Sabia-se já há tempos e recordou-se por estes dias, pelas notícias. Há dois anos, nenhum dos alunos do 10º ano desse colégio teve menos de 18 valores a Educação Física. Grandes ginastas… Mas ainda os houve mais grandes, por assim dizer: metade desses alunos concluiu a disciplina com nada menos que 20 valores

FEC envolve mais de 4 mil alunos nos seus projetos educativos em Moçambique

Dia Internacional da Criança Africana

FEC envolve mais de 4 mil alunos nos seus projetos educativos em Moçambique

A Fundação Fé e Cooperação divulgou esta quarta-feira, 16, data em que se assinalou o Dia Internacional da Criança Africana, alguns dos resultados alcançados pelos projetos educativos que tem vindo a desenvolver em Moçambique, particularmente na província do Niassa. Ao todo, 4.667 crianças foram já abrangidas pelas diferentes iniciativas desta ONG católica portuguesa, 491 agentes educativos participaram nas ações de formação e 56 escolas foram envolvidas.

China: Governo permite até 3 filhos por casal, mas muitos jovens não querem ser pais

Crise demográfica

China: Governo permite até 3 filhos por casal, mas muitos jovens não querem ser pais

A República Popular da China anunciou, no início desta semana, que os casais passam a poder ter até três filhos. Esta é uma resposta do Politburo do Partido Comunista Chinês aos resultados do último recenseamento da população, os quais apontam para um cenário de desaceleração demográfica que coloca em risco os planos de crescimento económico e de base para o recrutamento militar no país. 

Recuperar sorrisos com acesso à educação e ao emprego

Recuperar sorrisos com acesso à educação e ao emprego

A Associação Santa Teresa de Jesus – Dignidade e Desenvolvimento lançou uma campanha para superar situações de vulnerabilidade e promover o acesso à educação das crianças e ao emprego das famílias moradoras na Quinta Fonsecas e Calçada, em Lisboa. 

O toque e o cuidado na Semana da Vida da Igreja Católica

O toque e o cuidado na Semana da Vida da Igreja Católica

“A vida que nos toca, a vida que sempre cuidamos” é o tema genérico da Semana da Vida que a Igreja Católica promove desde este domingo, 9, até ao próximo, dia 16 de Maio. A iniciativa, organizada pelo Departamento Nacional de Pastoral Familiar (DNPF), pretende abranger diferentes temas em cada um dos dias da semana: cuidado da casa comum (nesta segunda, 10), a vida que nasce (terça, 11), a educação e o futuro das novas gerações (quarta, 12), os jovens (quinta, 13), os idosos (sexta, 14) e a família (sábado, 15).

Carta de uma mãe ao mundo

Carta de uma mãe ao mundo

Diz-se muito que os filhos servem para ensinar aos pais o amor incondicional. Acredito em parte. Realmente, os filhos vêm para que consigamos perceber a quantidade de amor que somos capazes de suportar cá dentro. O problema é que crescemos pouco treinados para lidar com essa expansão; e são poucos, aqueles que se entregam à real contemplação da natureza do amadurecimento do ser.

O regresso à escola má

O regresso à escola má

Custa-me imenso falar de educação. A sério. Dói-me. Magoa fundo. O mal que temos tratado a educação escolar nas últimas décadas. Colectivamente. Geração após geração. Incomoda-me a forma como é delegada para planos secundários perante a suposta urgência de temas tão mais mediáticos e populares. Quando nada me parece mais urgente.

Escola: prisão ou libertação?

Escola: prisão ou libertação?

Evitar o doutrinamento das crianças dá trabalho. Por um lado, necessitam de uma espécie de “catecismo elementar”, onde tudo venha explicado e estruturado de acordo com o seu desenvolvimento. Por outro lado, esta cultura inicial e maneira peculiar de olhar o mundo não podem ser prisão: pouco a pouco, de acordo com o ritmo da criança, virá a escolha de um trabalho personalizado e criativo.

Precisamos de nos ouvir (41) – Dina Pinto: Rostos que não vemos, ecos que não ouvimos

Precisamos de nos ouvir (41) – Dina Pinto: Rostos que não vemos, ecos que não ouvimos

Olhamos ao nosso redor e nem sempre compreendemos que, embora nos cruzemos com rostos que não vemos e com ecos que não ouvimos, há em cada pessoa uma essência verdadeiramente extraordinária. A máscara como mediação, através da qual um Eu olha para o mistério de outro Eu, faz ressoar a verdadeira essência da vida em sociedade: por detrás de cada máscara, há um rosto a ser cuidado mas, ao mesmo tempo, uma grande batalha a ser vencida.

Precisamos de nos ouvir (37) – Paulo Melo: Memória de meu Pai

Precisamos de nos ouvir (37) – Paulo Melo: Memória de meu Pai

O meu Pai era assim. Evitava as festas e encontros de sociedade, criava cumplicidades com aqueles, familiares ou amigos, de quem gostava. Cultivava uma indolência que não era necessariamente estéril e que, para mim, foi, neste segundo confinamento, motivo de reflexão e edificação. Num tempo em que a produtividade, a performance, o reconhecimento público são valores socialmente dominantes, reconheço no jeito de viver do meu Pai, com defeitos e manias, um desafio a reavaliar o que realmente conta na vida.

Precisamos de nos ouvir (28) – Francisca Pimentel: A vida conjunta passou a ser intensa

Precisamos de nos ouvir (28) – Francisca Pimentel: A vida conjunta passou a ser intensa

Numa família a vida conjunta passou a ser intensa. É muito tempo juntos, são muitas necessidades, algumas exigências, birras e bastantes gargalhadas.

Estes tempos na cidade são duros, stressantes, solitários e muito, muito, sufocantes. No campo, existe uma leveza, o ar puro, a possibilidade de acompanhar as transformações da natureza, o simples abrir a porta e poder sair sabendo que não estamos a infringir a lei, nem a desrespeitar nenhuma regra; simplesmente é um privilégio que temos e estamos a usufruir dele ao máximo.

168 milhões de crianças sem aulas há um ano

168 milhões de crianças sem aulas há um ano

A Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) estima que mais de 168 milhões de crianças em todo o mundo perderam um inteiro ano escolar devido ao encerramento continuado das suas escolas e que cerca de 214 milhões ficaram sem mais de três quartos do tempo letivo desde o início da pandemia.

Segunda leitura – Quem dá o pão…

Segunda leitura – Quem dá o pão…

A reportagem era sobre as saudades da escola, sobre a falta que ela fazia. Melhor: sobre a falta que dela se sentia. Que não é exatamente a mesma coisa, mas adiante… Claro que sim, claro que sentiam a falta, meninas e meninos a uma só voz, e de quê?, pois de tudo, de estar com os amigos, de aprender muitas coisas novas, de estar com os amigos, de jogar e brincar no recreio, de estar com os amigos outra vez…

#NamorarSemViolência: campanha nas redes sociais

#NamorarSemViolência: campanha nas redes sociais

São preocupantes os indicadores sobre as situações de violência no namoro em Portugal. Segundo dados de um inquérito recente da associação UMAR, 58% de jovens até ao 12.º ano referem já ter sofrido alguma forma de violência e 67% dos jovens consideram como natural algum dos comportamentos de violência, em contexto de namoro.

Holanda: próximo Governo pode pôr fim à adoção internacional de crianças

Holanda: próximo Governo pode pôr fim à adoção internacional de crianças

A Holanda suspendeu a adoção de crianças estrangeiras depois de um relatório solicitado pelo ministro da Justiça sobre as práticas realizadas durante 30 anos (1967-1997) ter revelado inúmeros abusos neste domínio. Os abusos vão desde a falsificação de documentos e a corrupção das autoridades locais e de funcionários diplomáticos até à compra e ao rapto de crianças.

Nos inícios da contraceção: artificial “versus” natural (Ensaio)

Nos inícios da contraceção: artificial “versus” natural (Ensaio)

Há 90 anos, a 31 de dezembro de 1930, o Papa Pio XI publicou uma encíclica que deu e dá origem a muita controvérsia. É a Castii Connubii, “sobre o matrimónio cristão”. O pretexto foi a celebração dos 50 anos da encíclica de Leão XIII, Arcanum Divinæ Sapientiæ, de 10 de fevereiro de 1880, cujo objetivo fundamental era a crescente introdução do divórcio na legislação dos Estados.

Colégio católico denuncia jovem monitor, entretanto detido por abuso de menores

Colégio católico denuncia jovem monitor, entretanto detido por abuso de menores

Um monitor do Colégio Marista de Carcavelos, de 18 anos, foi preso por abusos sexuais a menores. A Polícia Judiciária deteve o suspeito na segunda-feira, dia 14, já na posse de provas consistentes e com dez vítimas sinalizadas – sete naquele colégio da congregação católica e outras três numa outra escola privada em Cascais, onde o homem tinha trabalhado antes.

Espanha: Milhares protestam contra nova lei da educação “laicista”

Espanha: Milhares protestam contra nova lei da educação “laicista”

Milhares de carros encheram as ruas de diversas cidades espanholas este domingo, 22 de novembro, para protestar contra a nova lei da educação, que passou na passada quinta-feira no Congresso espanhol por apenas um voto. A manifestação foi organizada pela plataforma Más Plurales, que considera que a lei aprovada “desvaloriza o ensino da disciplina de Religião na escola” e constitui uma “agressão à liberdade de consciência, a favor da imposição de uma ideologia laicista imprópria de um Estado não confessional”, conforme pode ler-se no seu manifesto.

Ignorância útil

Ignorância útil

A disciplina de Cidadania e Desenvolvimento está nas escolas portuguesas desde 2018. No entanto, foi há cerca de dois meses que se levantou uma grande polémica em relação à obrigatoriedade da mesma, colocando em causa o papel do Estado na educação de matérias da responsabilidade educativa das famílias, tais como a Educação para os Direitos Humanos, a Educação Rodoviária, a Educação para a Igualdade de Género, a Educação Financeira, entre outras. 

Catequese em tempos de pandemia: desafios, estratégias e uma renovação que “já fazia falta há muito tempo”

Catequese em tempos de pandemia: desafios, estratégias e uma renovação que “já fazia falta há muito tempo”

Há paróquias em que a catequese começou mais cedo do que o habitual, outras onde não arrancará antes de janeiro. Numas, houve primeiras comunhões logo em setembro, noutras foi preciso procurar espaços alternativos para acolher as crianças em segurança. O 7MARGENS falou com as coordenadoras da catequese de quatro comunidades, de norte a sul do país, e descobriu realidades e estratégias diferentes para enfrentar estes tempos de pandemia. O que as une? A vontade de continuar “em caminho” e a capacidade de se reinventarem para que isso seja possível. Isso e muitas máscaras, tapetes desinfetantes e álcool-gel, é claro.

Declarações do Papa sobre homossexuais “não afetam a doutrina da Igreja”, dizem bispos portugueses

Declarações do Papa sobre homossexuais “não afetam a doutrina da Igreja”, dizem bispos portugueses

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) considera que as declarações do Papa sobre a proteção legal a uniões de pessoas do mesmo sexo “não afetam a doutrina da Igreja” sobre o matrimónio. Em nota enviada à agência Ecclesia esta quarta-feira, 22, os bispos portugueses sublinham que as afirmações de Francisco contidas no novo documentário “Francesco” já eram conhecidas anteriormente e “revelam a atenção constante do Papa às necessidades reais da vida concreta das pessoas”.

Como os mais novos desenham o regresso às aulas

Como os mais novos desenham o regresso às aulas

Têm medo que os colegas fiquem doentes e acham que os professores são astronautas quando agora os veem de máscara. “Não sabemos quando é que estão a sorrir”, lamenta Júlia Coelho (9 anos). A distância das mesas, a separação dos irmãos nos recreios, as setas no chão, os frascos de álcool-gel e até o ecrã da televisão com os números da covid-19 aparecem desenhados.

Religiosas criam rede mundial para promover reintegração de crianças institucionalizadas em famílias

Religiosas criam rede mundial para promover reintegração de crianças institucionalizadas em famílias

Chama-se Catholic Care for Children International (CCCI) e é o mais recente projeto da União Internacional das Superioras Gerais (UISG). O objetivo é ajudar as instituições religiosas em todo o mundo, em particular aquelas que acolhem crianças, a oferecer-lhes os melhores cuidados possíveis, entre os quais a possibilidade de crescerem numa família segura ou num ambiente familiar.

A trama invisível da cidadania e o valor de educar

A trama invisível da cidadania e o valor de educar

“Em Ersília, para estabelecer as relações que governam a vida na cidade, os habitantes estendem fios entre as esquinas das casas, brancos ou pretos ou cinzentos ou pretos e brancos, conforme assinalem relações de parentesco, permuta, autoridade, representação. Quando os fios são tantos que já não se pode passar pelo meio deles, os habitantes vão-se embora: as casas são desmontadas; só restam os fios e os suportes dos fios.”

Católicos escrevem carta aberta aos bispos, “envergonhados” pela colagem a manifesto sobre Cidadania

Católicos escrevem carta aberta aos bispos, “envergonhados” pela colagem a manifesto sobre Cidadania

Um grupo de 22 católicos de diferentes proveniências e gerações escreveu uma “carta aberta” ao patriarca de Lisboa e ao bispo de Aveiro, manifestando-se envergonhados pelo facto de ambos terem dado o seu nome ao manifesto “em defesa das liberdades de educação”, divulgado no início do mês e assinado por uma centena de personalidades, já noticiado pelo 7MARGENS.

Regresso às aulas em escolas religiosas: um tempo que pode ser “fantástico”, na confiança comum e contra o medo

Regresso às aulas em escolas religiosas: um tempo que pode ser “fantástico”, na confiança comum e contra o medo

Como se prepara uma escola para regressar à presença física? E se essa escola tiver uma matriz religiosa? Pode ser um “tempo fantástico para descobrir o que é essencial”. Todos, professores, pais e alunos “sentem que estamos no mesmo barco, uma espécie de consolo e de esperança”. É preciso “encontrar um equilíbrio com valores como a responsabilidade e o cuidado com o outro”, vividos na confiança em Deus e sem medo.

Pandemia provoca “a maior emergência educativa da história”

Pandemia provoca “a maior emergência educativa da história”

Dois terços das crianças pobres não tiveram qualquer contacto com os seus professores durante o confinamento e oito em cada dez dizem ter aprendido “pouco ou nada” desde o encerramento das escolas. Os dados são revelados no relatório “Protect a Generation” (em português, Proteger uma Geração), divulgado esta quinta-feira pela organização de defesa dos direitos das crianças Save the Children, e tem por base um inquérito realizado a 25 mil crianças e adultos em 37 países onde a instituição desenvolve programas de ajuda.

Uma obra que fazia falta

Uma obra que fazia falta

Dois anos após a sua publicação, a exortação Amoris laetitia permanece como um dos documentos mais significativos do magistério de Papa Francisco. A “redução” da mensagem da exortação à questão sobre o acesso de católicos divorciados à comunhão eucarística (ainda que uma questão profundamente vital) contribuiu de certo modo para a criação de um ambiente de polémica em torno ao documento, distraindo o público daquele que seria o seu contributo mais fundamental.

Alegria e Misericórdia: as revoluções de Francisco

Alegria e Misericórdia: as revoluções de Francisco

Inflexão na doutrina e mudança nas práticas pastorais são os dois temas mais polémicos associados à exortação apostólica Amoris Laetitia que o Papa Francisco publicou há quatro anos e meio. Mas os especialistas reunidos por Miguel Almeida, sj, no livro Alegria e Misericórdia – A teologia do Papa Francisco para as famílias mostram que as revoluções operadas por Francisco na exortação não se limitam àqueles dois aspetos. E estas são para a Igreja desafios tão grandes ou maiores do que aqueles.

A educação não é confinável!

A educação não é confinável!

Da noite para o dia, na sequência da pandemia, do confinamento obrigatório e do encerramento das escolas, estas e os professores foram capazes de responder eficazmente à nova situação, embora de modos muito diversos. Uns mais facilmente, outros com mais dificuldades. As atividades letivas puderam prosseguir, as famílias receberam a escola e os professores em suas casas e os alunos (a grande maioria) tiveram diariamente propostas de trabalho escolar (por vezes até demasiadas e desconexas).

Santuário de São João Paulo II, nos EUA, vai tapar obras de arte de Rupnik

Para "dar prioridade às vítimas"

Santuário de São João Paulo II, nos EUA, vai tapar obras de arte de Rupnik novidade

Os Cavaleiros de Colombo, maior organização leiga católica do mundo, anunciaram esta quinta-feira,11 de julho, que irão cobrir os mosaicos da autoria do padre Marko Rupnik, acusado de abusos sexuais e de poder, que decoram as duas capelas do Santuário Nacional de São João Paulo II, em Washington, e a capela da sede da organização em New Haven, Connecticut (EUA). A decisão, inédita na Igreja, surge uma semana depois de o bispo de Lourdes ter admitido considerar que os mosaicos do padre e artista esloveno que decoram o santuário mariano francês acabarão por ter de ser retirados.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

“E tu, falas com Jesus?”

“E tu, falas com Jesus?” novidade

Em matéria de teologia, tendo a sentir-me mais próxima do meu neto X, 6 anos, do que da minha neta F, de 4. Ambos vivem com os pais e uma irmã mais nova em Londres. Conto dois episódios, para perceberem onde quero chegar. Um dia, à hora de deitar, o X contou à mãe que estava “desapontado” com o seu dia. Porquê? Porque não encontrara o cromo do Viktor Gyokeres, jogador do Sporting, um dos seus ídolos do futebol; procurou por todo o lado, desaparecera. Até pedira “a Jesus” para o cromo aparecer, mas não resultou. [Texto de Ana Nunes de Almeida]

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This