Os confins da fenomenologia

Emmanuel Falque na Universidade de Coimbra

| 25 Mai 2022

Reflectir sobre os confins da fenomenologia a partir do projecto filosófico de Emmanuel Falque é o propósito da Jornada Internacional de Estudos Filosóficos, “O im-pensável: Nos confins da fenomenalidade”, que decorrerá quinta-feira, dia 26 de Maio, na Universidade de Coimbra (FLUC – Sala Vítor Matos), das 14.00 às 19.00. O filósofo francês intervirá no encerramento da iniciativa.

Para interrogar os limites da própria fenomenologia, na descrição de determinados fenómenos-limite, e a posição falquiana mais recente (Hors phénomène), haverá uma mesa redonda, intitulada “Variações em torno do im-pensável: Filosofia, Hermenêutica e Estética”, que procurará ser um eco dialógico em torno do impensável no campo fenomenológico, e para além dele, no cruzamento entre os diversos âmbitos do questionamento filosófico. A mesa redonda contará com a presença de João Paulo Costa, Luís António Umbelino, Maria Luísa Portocarrero e Gonçalo Marcelo.

A Jornada de Estudos Filosóficos terminará com uma prelecção conjunta de Emmanuel Falque-Sabine Fos-Falque (autora e psicanalista), em torno do conceito operativo “corps épandu“, de Emmanuel Falque, nos limiares da filosofia e da psicanálise.

A entrada é livre e dispensa inscrição prévia.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

"Nada cristãs"

Ministro russo repudia declarações do Papa

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, descreveu como “nada cristãs” as afirmações do Papa Francisco nas quais denunciou a “crueldade russa”, especialmente a dos chechenos, em relação aos ucranianos. Lavrov falava durante uma conferência de imprensa, esta quinta-feira, 1 de dezembro, e referia-se à entrevista que Francisco deu recentemente à revista America – The Jesuit Review.

À espera

[Os dias da semana]

À espera novidade

Quase todos se apresentam voltados para o sítio onde estão Maria e José, que têm, mais por perto, a companhia de um burro e de uma vaca. Todos esperam. Ao centro, a manjedoura em que, em breve, será colocado o recém-nascido. É tempo agora de preparar a sua chegada, esse imenso acontecimento, afinal de todas as horas.

Bispo Carlos Azevedo passa da Cultura para as Ciências Históricas

Novo cargo no Vaticano

Bispo Carlos Azevedo passa da Cultura para as Ciências Históricas novidade

O bispo português Carlos Azevedo foi nomeado neste sábado para o lugar de delegado (“número dois”) do Comité Pontifício para as Ciências Históricas, deixando o cargo equivalente que desempenhava no Dicastério para a Cultura e a Educação, da Santa Sé, que há poucas semanas passou a ser dirigido pelo também português cardeal José Tolentino Mendonça.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This