Ennio Morricone: O compositor que nos ensinou a “sonhar, emocionar e reflectir”

| 7 Jul 20

Ennio Morricone. Foto: Direitos reservados

 

Na sequência de uma queda em casa, que lhe provocou a ruptura do fémur, o maestro e compositor italiano Ennio Morricone morreu esta segunda-feira em Roma, na unidade de saúde onde estava hospitalizado. Tinha 91 anos. O primeiro-ministro, Giuseppe Conte, evocou com “infinito reconhecimento” o “génio artístico” do compositor, que fez o público “sonhar, emocionar, refletir, escrevendo acordes memoráveis que permanecerão indeléveis na história da música e do cinema”.

“Estou afectuosamente próximo da mulher Maria e da família ao recordar o maestro Ennio Morricone: confio-o a Deus para que o acolha na harmonia celeste, entregando-lhe, talvez, a tarefa de algumas partituras a fazer executar aos coros angélicos”, escreveu entretanto, na sua página no Twitter, o presidente do Conselho Pontifício da Cultura, cardeal Gianfranco Ravasi. E o Presidente da República de Itália, Sergio Mattarella, comentou que Ennio Morricone foi um artista “genial”, “ao mesmo tempo refinado e popular”.

Entre as mais de 500 autorias de bandas sonoras de filmes e produções televisivas que lhe são creditadas, podem destacar-se as músicas para os filmes A Missão, Por um Punhado de Dólares, O Bom, o Mau e o Vilão, Era Uma Vez na América e Cinema Paraíso.

 

O maestro trabalhou também com a cantora portuguesa Dulce Pontes para o álbum Focus, que deu origem a um conjunto de concertos realizado em 2017 em várias cidades europeias. A 6 de Maio do ano passado, Morricone deu um concerto em Lisboa, que contou também com a participação de Dulce Pontes, além da orquestra Roma Sinfonietta e do Coro Talin.

Nesse espectáculo, integrado na digressão The Final Concerts (Útlimos Concertos), o compositor fez um percurso temático através de muitas das suas obras mais conhecidas: epopeia história (temas de Os Intocáveis, A Tenda Vermelha, Ata-me) “Era uma vez na América” (temas do filme com o mesmo título, de Por um Punhado de Dólares e de O Bom, o Mau e o Vilão), cinema social (A Batalha de Argel, Sacco e Vanzetti, Afirma Pereira) e terminando com várias peças de A Missão (Gabriel’s Oboe, Fall e On earth as i tis in heaven).

Através do amigo e advogado Giorgio Assumma, ficou a saber-se que Morricone  conservou até ao último momento plena lucidez e grande dignidade” e que morreu “com o conforto da fé”. A nota acrescentava: “Despediu-se da sua amada mulher, Maria, que o acompanhou com dedicação em cada instante da sua vida humana e profissional e esteve ao seu lado até ao último suspiro, agradeceu aos filhos e netos pelo amor e cuidado que lhe deram, dedicou uma comovida lembrança ao seu público, de cujo afetuoso apoio extraiu sempre a força da sua criatividade.”

Morricone foi distinguido em 2019 com a medalha de ouro do pontificado, atribuída por Francisco, quatro anos depois de, em 2015, o compositor ter dedicado uma missa ao Papa. Mas já tinha ganho um Óscar honorário em 2007 e, em 2016, arrecadaria uma nova estatueta de Holywood com a banda sonora do filme Os oito odiados, de Quentin Tarantino.

A última das muitas condecorações recebidas pelo autor de várias peças de inspiração cristã remonta a 5 de Junho deste ano, quando foi distinguido com o prémio Princesa das Astúrias das Artes, que partilhou com o compositor norte-americano John Williams.

O funeral de Ennio Morricone decorrerá de forma privada, “em respeito ao sentimento de humildade que sempre inspirou os actos da sua existência”, refere a nota enviada à imprensa.

[related_posts_by_tax format=”thumbnails” image_size=”medium” posts_per_page=”3″ title=”Artigos relacionados” exclude_terms=”49,193,194″]

Ximenes Belo saiu dos salesianos em carro da embaixada e tem sanções do Vaticano desde há dois anos

Nobel da Paz não lhe será retirado

Ximenes Belo saiu dos salesianos em carro da embaixada e tem sanções do Vaticano desde há dois anos

Mal se soube da notícia das acusações de abusos sexuais contra o bispo Ximenes Belo, a embaixada timorense em Portugal enviou um carro à casa dos Salesianos das Oficinas de São José (Campo de Ourique, Lisboa), para levar o bispo para lugar desconhecido.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

Índia

Carnataca é o décimo Estado a aprovar lei anticonversão

O Estado de Carnataca, no sudoeste da Índia, tornou-se, no passado dia 15 de setembro, o décimo estado daquele país a adotar leis anticonversão no âmbito das quais cristãos e muçulmanos e outras minorias têm sido alvo de duras perseguições, noticiou nesta sexta-feira, 23, o Vatican News, portal de notícias do Vaticano.

Neste sábado, em Lisboa

“Famílias naturais” em convívio contra a ideologia de género

Prometem uma “tarde de convívio e proximidade”, um concerto, diversão e “múltiplas actividades para crianças e adultos: o “Encontro da Família no Parque” decorre esta tarde de sábado, 24 de Setembro, no Parque Eduardo VII (Lisboa), a partir das 15h45, e “pretende demonstrar um apoio incondicional à família natural e pela defesa das crianças”.

Gratuito e universal

Documentário sobre a Laudato Si’ é lançado a 4 de outubro

O filme A Carta (The Letter) será lançado no YouTube Originals no dia 4 de outubro, anunciou, hoje, 21 de setembro, o Movimento Laudato Si’. O documentário relata a história da encíclica Laudato Si’, recolhe depoimentos de vários ativistas do clima e defensores da sustentabilidade do planeta e tem como estrela principal o próprio Papa Francisco.

Inscreva-se aqui
e receba as nossas notícias

Boas notícias

Apoio escolar a crianças de Cabo Delgado

Cristãos e muçulmanos juntos

Apoio escolar a crianças de Cabo Delgado

A tragédia que ocorre na província moçambicana de Cabo Delgado em consequência de ataques de insurgentes que se reivindicam do jihadismo obriga, constantemente, a rever o número de mortos e de deslocados. Mas também impõe que se olhe com muita atenção para o trabalho de apoio aos que se apresentam numa situação mais vulnerável

É notícia

Entre margens

Fraternidade sem fronteiras

Fraternidade sem fronteiras novidade

A fraternidade é imprescindível na vida e na missão. No Congresso sobre o tema, a realizar nos dias 14 e 15 de Outubro, em Lisboa, queremos reflectir sobre a construção da fraternidade na sociedade, na política, na economia, na missão, no diálogo entre as religiões e na reconstrução da esperança.

Elogio do objector e do refractário, a leste como a oeste

Elogio do objector e do refractário, a leste como a oeste

Esta é a guerra que encerra o ciclo das guerras “profissionais”. Os custos da guerra e o seu preço de sangue estão novamente a ser cobrados aos povos. Não nos iludamos com os discursos high-tech, venham eles da boca de Putin ou da dos porta-vozes do Pentágono: os dispositivos guerreiros são feitos para destruir pessoas reais em cada vez maior número.

Devoção Pública

Devoção Pública

Para os adultos, não faltam ofertas de “espiritualidade”, que parece ser um produto personalizável, como tantos outros do mercado, que pode responder às necessidades e aos buracos na agenda de cada um. Será, hoje em dia, daquelas palavras que carrega em si significados múltiplos, e até contraditórios, que vão desde um descubra-se a si mesmo até à descoberta do totalmente Outro.

Cultura e artes

Ruy Cinatti, o senhor da chuva em Timor

Livro ilustrado

Ruy Cinatti, o senhor da chuva em Timor

Ruy Cinatti (1915-1986) Senhor da Chuva é o título do livro que evoca a figura do poeta e antropólogo que dedicou vários anos da sua vida a Timor. Da autoria de Mara Bernardes de Sá e com ilustrações de Bosco Alves, o livro foi agora lançado pela Plural Editores e conta com prefácio do padre Peter Stilwell.

Jesuítas: evangelização, ciência e globalização

Exposição até domingo, em Coimbra

Jesuítas: evangelização, ciência e globalização

Podemos olhar para um azulejo e ver nele a ilustração ou, mesmo, uma página de um livro. O conjunto de azulejos que ainda se podem ver, até ao próximo domingo, 25 de Setembro, na exposição A Companhia de Jesus – Evangelização e Ciência (Museu Nacional de Machado de Castro, Coimbra) é isso mesmo que traduz, ilustrando operações de geometria ou matemática, ou conceitos de astronomia, por exemplo.

Sete Partidas

Vigília

Vigília

Cai a noite. Esta noite é em Berlim. As noites são agora aqui, mas já foram em Coimbra, no Porto, em Lisboa. E estas noites acontecem em todo o mundo, disso tenho a certeza. O que faz um(a) médico(a) passar a noite à volta de um doente que sabe que, após uma primeira avaliação, é quase certo que não vai sobreviver? É quase certo.

Aquele que habita os céus sorri

Agenda

[ai1ec view=”agenda” events_limit=”3″]

Ver todas as datas

Parceiros

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This