Estado, Política e Religiões

Irmã Elis Santos: “São mais de 500 anos a sobreviver, e nós queremos existir”

Indígena do povo Mura em entrevista

Irmã Elis Santos: “São mais de 500 anos a sobreviver, e nós queremos existir” novidade

Aos 35 anos, Elis Santos, religiosa da Divina Providência, é uma das vozes mais ativas no Brasil na luta pelos direitos dos povos indígenas. Descendente do povo Mura e mestre em Antropologia Social, a irmã Elis falou ao 7MARGENS durante o encontro d’A Economia de Francisco, que decorreu na semana passada em Assis, e lamentou que no seu país continue a prevalecer “uma economia que mata”. 

Cristãos iranianos unem-se às manifestações contra a “ditadura religiosa”

Caso Mahsa Amini

Cristãos iranianos unem-se às manifestações contra a “ditadura religiosa”

Os cristãos iranianos juntaram-se aos protestos na sequência da morte de Mahsa Amini, a jovem de 22 anos detida e torturada pela polícia dos costumes iraniana por “usar roupas inadequadas”. Numa declaração assinada por diversas entidades cristãs, anunciam que “se unem à batalha pela verdade e pela justiça em relação à morte de Mahsa Amini”, a quem foi retirada a vida “apenas porque pensava diferente”.

Daniel Ortega acusa Igreja de ser “assassina” e “ditatorial”

Nicarágua

Daniel Ortega acusa Igreja de ser “assassina” e “ditatorial”

Depois de diversas ações que indiciam perseguição à Igreja Católica (da expulsão do núncio apostólico em Manágua à detenção de diversos padres e bispos, passando pelo silenciamento de vários média católicos), o Presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, veio agora a público acusar a Igreja de não ser verdadeiramente cristã, e os padres de serem “um bando de assassinos”.

Alma de pobres (I)

Alma de pobres (I)

Reli neste Verão a novela – e voltei a ver o filme – As Sandálias do Pescador, de Morris West. Farei mais referência ao filme, porque muitas mais pessoas viram o filme e nem tantas leram o livro. Continua a surpreender-me a actualidade do seu argumento e as semelhanças com o momento que estamos a viver no mundo.

Bispos italianos pedem a novo governo que acolha os migrantes

Cardeal Zuppi assina comunicado

Bispos italianos pedem a novo governo que acolha os migrantes

O presidente da Conferência Episcopal Italiana (CEI), cardeal Matteo Zuppi, apelou aos vencedores das eleições legislativas no país, vistos como hostis a grande parte da agenda social do Papa, que exerçam o seu mandato como uma “alta responsabilidade, ao serviço de todos, começando pelos mais débeis”, nomeadamente os migrantes. Numa declaração publicada esta terça-feira, 27, no site da CEI, o também arcebispo de Bolonha fez questão de assegurar que a própria Igreja continuará a defender o bem comum com “severidade”.

Cáritas encerra atividades na Argélia

A pedido das autoridades

Cáritas encerra atividades na Argélia

A Igreja Católica da Argélia anunciou o encerramento, a partir de 1 de outubro, de todas as atividades e obras de caridade implementadas pela Cáritas Argélia, O encerramento “completo e definitivo” foi comunicado através de uma declaração assinada pelo arcebispo emérito de Argel, Paul Desfarges, onde se refere que “a medida drástica é tomada em cumprimento do pedido das autoridades públicas argelinas”, avança o Vatican News.

Irlanda do Norte: mais católicos do que protestantes

Censo de 2021

Irlanda do Norte: mais católicos do que protestantes

Pela primeira vez desde que há 101 anos foi criada, a Irlanda do Norte conta com mais católicos do que protestantes. A maioria que se diz católica ou de formação católica não chega aos 45,7 por cento, mas supera os 43,5 por cento que se reconhece como protestante, revelam os dados preliminares do censo de 2021 divulgados pela Northern Ireland Statistics and Research Agency a 22 de setembro.

Carnataca é o décimo Estado a aprovar lei anticonversão

Índia

Carnataca é o décimo Estado a aprovar lei anticonversão

O Estado de Carnataca, no sudoeste da Índia, tornou-se, no passado dia 15 de setembro, o décimo estado daquele país a adotar leis anticonversão no âmbito das quais cristãos e muçulmanos e outras minorias têm sido alvo de duras perseguições, noticiou nesta sexta-feira, 23, o Vatican News, portal de notícias do Vaticano.

Como o Brasil destruiu a Marcha para Jesus

Como o Brasil destruiu a Marcha para Jesus

Afastada do espírito original, a Marcha para Jesus no Brasil transformou-se em palanque para disputa política, para atacar adversários e para promoção pessoal. Portanto, reduziu-se agora a uma marcha sem Jesus uma vez que Ele não é cabo eleitoral de ninguém.

Julgamento do cardeal Zen adiado, por entre críticas ao Papa

Hong Kong

Julgamento do cardeal Zen adiado, por entre críticas ao Papa

Estava previsto para segunda-feira, 19, o julgamento do cardeal Joseph Zen e mais alguns colaboradores, mas o tribunal de Hong Kong passou a primeira sessão para esta quarta-feira, 21 – embora ainda não haja confirmação oficial da data. O motivo deveu-se ao facto de um dos juízes ter testado positivo ao coronavírus, segundo a agência católica de informação Asia News.

Camarões: Uma igreja católica queimada, seis religiosos e dois leigos raptados

Bispos "chocados"

Camarões: Uma igreja católica queimada, seis religiosos e dois leigos raptados

Cinco padres, uma religiosa e dois leigos foram raptados por homens armados na diocese de Manfé (no sudoeste dos Camarões, perto da fronteira com a Nigéria), onde foi também queimada a igreja católica de Santa Maria de Nchang, noticiou este domingo 18, o Vatican News. Os bispos da província eclesiástica de Bamenda dizem-se chocados com este ato sem precedentes e pedem a libertação imediata das vítimas.

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Encontro em Buckingham

“Tenho o dever pessoal de proteger a diversidade”, disse Carlos aos líderes religiosos

Carlos III disse perante mais de 30 líderes religiosos da Grã-Bretanha que se assume como “um cristão anglicano comprometido”. Mas aquele que é o novo Governador Supremo da Igreja de Inglaterra sublinhou também que “o soberano tem um dever adicional” de “proteger a diversidade do país”, incluindo “o espaço para a própria fé, e a sua prática através das religiões, culturas, tradições e crenças”.   

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

Último dia de congresso com o Papa

Diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, e sem retorno

O pluralismo religioso é uma “expressão da sabedoria da vontade de Deus na Criação”, reconheceram perto de 100 representantes das várias religiões do mundo inteiro, ao assinar a Declaração Final do Congresso de Líderes Religiosos, o qual terminou esta quinta–feira, 15 de setembro, em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão). O documento sublinha que a liberdade religiosa é um direito concreto e que o diálogo inter-religioso é um caminho urgente, insubstituível, necessário e sem retorno. Mas é preciso que todos o façam juntos, lembrou o Papa.

Começou “um novo movimento global para a paz”?

Congresso de líderes religiosos no Cazaquistão

Começou “um novo movimento global para a paz”?

O apelo foi lançado pelo presidente cazaque, Kassym-Jomart Tokayev, na intervenção inaugural do VII Congresso de Líderes de Religiões Mundiais e Tradicionais: “precisamos todos de um novo movimento global para a paz”, afirmou. E, a avaliar pelos discursos que se seguiram, foi bem recebido. No evento, que esta quarta e quinta-feira reúne em Nur-Sultan (capital do Cazaquistão mais de uma centena de delegações de 50 países, e inclui a participação do Papa Francisco, do grande imã de Al-Azhar, Ahmad Al-Tayyeb, do rabino-chefe sefardita de Israel, Yitzhak Yosef, e do responsável pelo Departamento das Relações Externas do Patriarcado de Moscovo, metropolita António, a palavra “paz” tem sido, de longe, uma das mais repetidas.

Atenção ao conflito de Cabo Delgado e uma estratégia para o afrontar

Bispo de Pemba ao 7M

Atenção ao conflito de Cabo Delgado e uma estratégia para o afrontar

Preocupado com o agravamento da violência na província de Cabo Delgado, no Norte de Moçambique, em consequência dos ataques mortais de um grupo de insurgentes conotado com jihadistas, António Juliasse Ferreira Sandramo, bispo da diocese de Pemba (que coincide com a referida província), considera que a situação não se resolverá se apenas for tratada como um assunto do foro militar.

Isabel II, a rainha que salvou Deus

1926-2022

Isabel II, a rainha que salvou Deus

“Deus me ajude a cumprir o meu voto”, disse Isabel no dia em que jurou dedicar a sua vida ao serviço da nação, ainda como princesa, com apenas 21 anos. Seis anos depois, a sua coroação e unção com óleo sagrado na Abadia de Westminster, em Londres (onde dentro de dez dias terão lugar as suas cerimónias fúnebres), selava a estreita ligação entre a monarquia e a religião. 

Netflix acusada de violar “valores e princípios islâmicos”

Estados árabes do Golfo

Netflix acusada de violar “valores e princípios islâmicos”

Os estados árabes do Golfo exigiram à plataforma de streaming Netflix que remova todo o conteúdo considerado violador dos “valores e princípios sociais islâmicos”, noticiou esta semana a BBC News. Várias séries e filmes disponibilizados recentemente, incluindo alguns destinados a crianças, estarão a infringir os regulamentos, alertaram os órgãos de vigilância dos media do Conselho de Cooperação Saudita e do Golfo.

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Viagem ao Cazaquistão

Papa esperado com alegria e esperança no país onde menos de 1% são católicos

Menos de 1% dos 19 milhões de habitantes do Cazaquistão são católicos, mas nem por isso o entusiasmo com a visita do Papa Francisco ao país, que terá lugar nos próximos dias 13 a 15 de setembro, é pequeno. Numa conferência online promovida esta quarta-feira, 7, pela Fundação Pontifícia Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), José Luis Mumbiela (bispo na diocese de Amaty, a maior cidade do Cazaquistão) assegurou que para a população esta viagem é “uma grande festa” já que o Papa “é muito querido”.

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

“Dolorosa” Ucrânia na assembleia do CMI

“Silêncio, cantemos!” Os cristãos à procura da unidade no meio de muitas tensões

Podem um minuto de silêncio e um canto ajudar na busca da unidade entre os cristãos? O irmão Aloïs, prior da comunidade ecuménica e monástica de Taizé (França), surpreendeu os mais de quatro mil delegados da assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI) ao propor, na manhã desta quarta-feira, 7 de Setembro, que os dois últimos minutos da sua intervenção fossem divididos entre o silêncio e um canto de louvor.

Religiosa italiana assassinada em ataque a missão comboniana

Moçambique

Religiosa italiana assassinada em ataque a missão comboniana

A missão comboniana de Chipene, na fronteira com a província de Cabo Delgado, em Moçambique, foi alvo de um ataque na noite desta terça-feira, 6. Um grupo armado não identificado pegou fogo às instalações onde dormiam e trabalhavam os religiosos, e assassinou a tiro uma irmã italiana. Outras duas missionárias combonianas e dois padres fidei donum terão conseguido fugir e estão até ao momento incontactáveis.

Nova vaga de ataques terroristas atinge Cabo Delgado

Incêndios e decapitações

Nova vaga de ataques terroristas atinge Cabo Delgado

Uma série de ataques terroristas atingiu a província de Cabo Delgado, em Moçambique, nas últimas semanas, denunciou o Denis Hurley Peace Institute, órgão associado da Conferência dos Bispos Católicos da África Austral. De acordo com informações daquela organização, veiculadas pelo jornal Crux esta terça-feira, 6, pelo menos 70 casas e um camião que transportava milho foram incendiados na vila de Nacuale e várias pessoas foram decapitadas no final de agosto.

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

As assembleias ecuménicas e as crises mundiais

Dos despojos da guerra em 1948 ao confronto violento em 2022

Como restaurar a comunhão entre cidadãos e entre Igrejas cristãs dilaceradas pela guerra? Em 1948, quando se realizou a primeira assembleia do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), como três quartos de século depois, na 11ª assembleia da organização, a realidade com que se confrontam as 352 igrejas protestantes, ortodoxas e anglicanas que constituem o CMI são muito semelhantes.

Parolin admite renovação de acordo com China

Em entrevista à TV italiana

Parolin admite renovação de acordo com China

O cardeal Pietro Parolin, secretário de Estado do Vaticano, revelou que uma delegação da Santa Sé irá visitar novamente a China, tendo como objetivo a eventual renovação do acordo provisório, assinado em 2018 por ambas as partes e renovado em 2020, para a nomeação conjunta de bispos para o país. A garantia foi dada numa entrevista à RAI, emissora pública italiana.

Uma Guerra Mundial “em peças soltas” – a oportunidade de um livro

Papa Francisco

Uma Guerra Mundial “em peças soltas” – a oportunidade de um livro

A expressão de uma guerra “em peças soltas” é usada pelo Papa Francisco no prefácio do seu recente livro Contra a Guerra.[1] Constituem-no um conjunto de textos provenientes de diferentes acções decorridas no ano de 2022 – bem como em datas anteriores – onde se debruçou criticamente sobre este tema. Em todos esses escritos está presente aquilo a que o Papa designa como “cultura da solicitude,” [2] uma atitude que contrasta com a situação que hoje diariamente vivemos, onde a possibilidade de guerra mundial é uma constante.

Mais de 80 personalidades portuguesas pedem ao governo da Nicarágua que respeite a liberdade religiosa

Em carta aberta

Mais de 80 personalidades portuguesas pedem ao governo da Nicarágua que respeite a liberdade religiosa

Um grupo de 85 personalidades portuguesas, das mais diversas áreas de atuação, enviou esta segunda-feira, 29, uma carta aberta ao cônsul honorário da Nicarágua em Lisboa, onde apela ao governo daquele país para que “faça um caminho para o retorno rápido à democracia plena, ao estado de Direito, ao respeito pelos direitos humanos, e à liberdade nas suas várias expressões, incluindo a de expressão e religiosa”.

Guerra da Ucrânia é “sacrílega” porque destrói as vidas humanas

Francisco clarifica posições

Guerra da Ucrânia é “sacrílega” porque destrói as vidas humanas

O Papa Francisco quis clarificar, de uma vez por todas, a sua posição relativamente à guerra desencadeada pela Rússia ao invadir a Ucrânia, em fevereiro passado. Num comunicado, difundido pela Santa Sé na manhã desta terça-feira, 30, sublinha-se que a “guerra em larga escala na Ucrânia” foi “iniciada pela Federação Russa” e que as intervenções do Papa “são claras e inequívocas, ao condená-la como moralmente injusta, inaceitável, bárbara, sem sentido, repugnante e sacrílega”.

Clero acusa regime sandinista de causar “agitação e desordem”

Nicarágua

Clero acusa regime sandinista de causar “agitação e desordem”

A “dor e preocupação” expressa pelo Papa neste domingo, 21, sobre a situação da Igreja Católica na Nicarágua, e o apelo que fez ao diálogo entre o Governo e os responsáveis eclesiásticos, não teve, para já, efeitos visíveis, que não seja a polémica que as declarações desencadearam nas redes sociais. O clima parece pouco propício ao diálogo.

Papa apela ao diálogo para pacificação da Nicarágua

"Preocupação e tristeza"

Papa apela ao diálogo para pacificação da Nicarágua

O Papa veio manifestar a sua “preocupação e tristeza” pela situação que se vive na Nicarágua, depois de a polícia ter invadido a cúria episcopal de Matagalpa, no nortedo país, e ter prendido o bispo Rolando Alvarez, vários padres e alguns leigos. Francisco disse acompanhar “de perto com preocupação e tristeza a situação”. 

Talibãs governam Afeganistão “sem respeito pelos direitos humanos”

Um ano depois

Talibãs governam Afeganistão “sem respeito pelos direitos humanos”

Há um ano, o mundo ficava em choque com as imagens que acompanhavam a saída das tropas da NATO do Afeganistão. Os receios de toda aquela população que fugia para o aeroporto a tentar apanhar um avião que os levasse para fora do país parecem ser bem fundados, segundo o relatório “O governo talibã: Um ano de violência, impunidade e falsas promessas”, publicado hoje pela Amnistia Internacional.

Judeus do Partido Trabalhista atacam política de Israel

Reino Unido

Judeus do Partido Trabalhista atacam política de Israel

Glyn Secker, secretário da Jewish Voice For Labor – uma organização que reúne judeus membros do Partido Trabalhista ­–, lançou um violento ataque aos “judeus que colocam Israel no centro da sua identidade” e classificou o sionismo como “uma obscenidade” ao discursar no dia 10 diante de Downing Street, durante um protesto contra os ataques de Israel na faixa de Gaza.

Diálogo entre Papa e Cirilo “muito difícil”

Guerra da Ucrânia

Diálogo entre Papa e Cirilo “muito difícil”

O diálogo entre o Papa e o patriarca Cirilo está cada vez mais difícil, admitiu o secretário de Estado da Santa Sé, Pietro Parolin. Previsto para o passado mês de junho, e a realizar-se em Jerusalém, Parolin garante que o encontro entre Francisco e Cirilo “foi suspenso porque não se chegou a um entendimento”, descreveu em entrevista.

Bispo detido diz que é preciso “responder ao ódio com amor”

Nicarágua

Bispo detido diz que é preciso “responder ao ódio com amor”

“Temos que responder ao ódio com amor, ao desespero com esperança e ao medo com a força e a coragem que nos foi dada pelo Cristo glorioso e ressuscitado”, diz o bispo de Matagalpa, Rolando José Álvarez, num vídeo realizado dentro do edifício-sede da diocese que se encontra cercado por forças policiais desde o dia 4 de agosto.

Jornalistas condenados à morte vivem “inferno na prisão”

Iémen

Jornalistas condenados à morte vivem “inferno na prisão”

Quatro jornalistas iemenitas condenados à morte estão a viver um “inferno” na prisão, de acordo com a descrição da organização de defesa da liberdade de imprensa, Repórteres Sem Fronteiras. Apelando à sua libertação imediata, para que possam receber tratamento médico, a RSF condena ainda o tratamento cruel a que têm estado sujeitos.

“Por um futuro de crianças salvas pela vossa dura partilha”

Comissão Independente divulga apelos

“Por um futuro de crianças salvas pela vossa dura partilha”

Atores, médicos, jornalistas, magistrados, artistas… São ao todo 23 as personalidades da sociedade civil que apelam aos que tenham sido vítimas, em criança, de abusos sexuais no seio da Igreja Católica para que deem “voz ao seu silêncio”. As frases, conselhos, pedidos e reflexões partiram de um convite da Comissão Independente (CI) para o Estudo de Abusos Sexuais de Crianças na Igreja Católica Portuguesa e foram partilhadas pelo coordenador da mesma, Pedro Stecht, em nota enviada esta quinta-feira, 4, aos meios de comunicação.

Cirilo deve deixar de ser patriarca, defende líder ortodoxo ucraniano

Acusado de heresia

Cirilo deve deixar de ser patriarca, defende líder ortodoxo ucraniano

O patriarca Cirilo, líder da Igreja Ortodoxa Russa, “é um mestre da heresia, devido ao apoio que tem dado à invasão da Ucrânia” e deve ser privado do cargo que ocupa. A tomada de posição vem do Metropolita Epifânio, líder da Igreja Ortodoxa da Ucrânia (independente) e surge numa carta que dirigiu recentemente ao patriarca ecuménico Bartolomeu, primus inter pares (o primeiro entre iguais) dos líderes cristãos ortodoxos, sediado em Istanbul, Turquia.

Bahá’is vítimas de repressão violenta

Irão

Bahá’is vítimas de repressão violenta

A polícia e outras forças iranianas revistaram no último domingo pelo menos 52 casas e empresas pertencentes a membros da espiritualidade bahá’i, fazendo inúmeras prisões em todo o país, noticiou a Agência Asian News esta quarta-feira, 3 de agosto.

Igreja polaca destrói arquivos relativos a abusos sexuais

Comissão antiabusos reclama

Igreja polaca destrói arquivos relativos a abusos sexuais

A Igreja Católica  tem destruído os arquivos relativos aos casos de pedofilia por parte do clero que já foram reportados ao Vaticano, e o núncio apostólico em Varsóvia não responde aos pedidos de disponibilização desses mesmos arquivos, denunciou a comissão estatal para a investigação dos abusos sexuais infantis da Polónia, durante a apresentação do seu relatório anual, que decorreu esta quarta-feira, 3 de agosto.

Seis rádios católicas encerradas na Nicarágua

Perseguição à Igreja intensifica-se

Seis rádios católicas encerradas na Nicarágua

As autoridades da Nicarágua ordenaram o encerramento de seis estações de rádio pertencentes à Igreja Católica e cercaram uma delas com a polícia de choque, avançou o Religion News Service esta terça-feira, 2. O bispo Rolando Álvarez, da diocese de Matagalpa, considera que a medida é “uma injustiça” e instou o Governo a provar a legalidade da mesma.

Marcelo junta organizadores da JMJ para pôr os pontos nos ii

Visita ao local na 5ª feira

Marcelo junta organizadores da JMJ para pôr os pontos nos ii

O Presidente da República promove esta quinta-feira, 4 de agosto, uma visita das várias entidades responsáveis pela organização da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) ao local onde decorrerá a vigília e a missa final com o Papa. O objectivo de Marcelo Rebelo de Sousa é sanar os problemas suscitados nos últimos dias pela Câmara de Lisboa, relativos às questões financeiras, soube o 7MARGENS.

Estado de emergência prolongado em Myanmar

Católicos vivem aterrorizados

Estado de emergência prolongado em Myanmar

A junta militar no poder em Myanmar prolongou por mais seis meses o estado de emergência no país. A decisão foi comunicada esta segunda-feira, 1 e agosto, num discurso dirigido à nação e publicado no Global New Light of Myanmar, enquanto a Union of Catholic Asian News (UCA News) divulgava a notícia de que os habitantes das aldeias católicas vivem cada vez mais aterrorizados na sequência dos ataques aéreos de que foram alvo nas últimas semanas.

Alguns eventos da JMJ em risco de sair de Lisboa

Cãmara Municipal recuou nos apoios

Alguns eventos da JMJ em risco de sair de Lisboa

A Câmara Municipal de Lisboa não assinou ainda o memorando de entendimento que preparou já no passado mês de abril, e onde definia a distribuição de trabalho, despesas e locais relativos às diversas iniciativas no programa da Jornada Mundial da Juventude, que irá realizar-se em Portugal de 1 a 6 de agosto. Com os prazos cada vez mais apertados, a organização confessa-se apreensiva e começa a pensar em locais alternativos para os eventos, de Vila Franca de Xira a Cascais, avança o jornal Expresso desta sexta-feira, 29.

Israel tenta impedir Rússia de liquidar Agência Judaica

Em Moscovo

Israel tenta impedir Rússia de liquidar Agência Judaica

Advogados da Agência Judaica – a instituição que organiza em todo o mundo a imigração judaica para Israel – foram ouvidos no dia 28 de julho num tribunal de Moscovo para contestar a decisão do Ministério da Justiça de proceder à liquidação de todos os ativos da agência no país.

Violência contra cristãos cresce no Burkina Faso

Fundação AIS

Violência contra cristãos cresce no Burkina Faso

Cinco paróquias no Burkina Faso encerraram por completo as suas atividades, de ameaças de novos ataques por grupos extremistas, na Diocese de Fada N’Gourma, situada na região oriental deste país da África ocidental. E o seminário de San Kisito teve de ser transferido para a capital regional, por razões de segurança.

Não é ilegal fazer reféns?

Não é ilegal fazer reféns?

A esperança tem andado nas bocas do mundo, mas em tom menor. Cada vez mais como que se grita: dêem-nos razões para não perder a esperança! O Sínodo e o problema global da Ucrânia são dois exemplos de como vivemos um tempo que abala as convicções.

JRS elogia nova Lei de Estrangeiros

Regulamentação da detenção preocupa

JRS elogia nova Lei de Estrangeiros

O Serviço Jesuita de Apoio aos Refugiados, JRS Portugal,  considera “positiva a criação de vias legais e seguras para as pessoas se deslocarem e fixarem em Portugal, a desburocratização e o claro sentido de diminuição do tempo de espera relativo aos processos do SEF” que surgiram no âmbito da nova Lei de Estrangeiros.

Junta militar executa quatro prisioneiros

Myanmar

Junta militar executa quatro prisioneiros

  A junta militar de Myanmar executou quatro presos políticos, incluindo Phyo Zeya Thaw, rapper e ex-deputado eleito pelo partido de Aung San Suu Kyi, e o proeminente ativista da democracia Kyaw Min Yu, conhecido como Jimmy. As execuções, as primeiras desde há 30...

Onda de assassinatos e escassez de alimentos “insuportável e severa” na Nigéria

Bispo católico denuncia

Onda de assassinatos e escassez de alimentos “insuportável e severa” na Nigéria

O “brutal assassinato” do padre John Mark Cheitnum é apenas um dos exemplos mais recentes da enorme violência que está a atingir a Igreja Católica da Nigéria. Só no estado de Benué, e apenas nos dois últimos meses, pelo menos 68 cristãos foram mortos e muitos outros sequestrados ou forçados a abandonar a região. Estes dados fazem parte de um relatório enviado à Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) pelo Bispo de Makurdi, Wilfred Anagbe e foram divulgados pela organização esta sexta-feira, 22 de julho.

Conselho de Ética critica projetos de “morte medicamente assistida”

Propostas do PS, BE e PAN

Conselho de Ética critica projetos de “morte medicamente assistida”

O Conselho Nacional de Ética para as Ciências da Vida (CNECV) considera que os projetos de lei apresentados pelo Bloco de Esquerda, Partido Socialista e PAN – Pessoas, Animais e Natureza,  que regulam as condições em que a morte medicamente assistida não é punível e alteram o Código Penal “alargam sem qualquer fundamento o âmbito da morte medicamente assistida através da mera exigência de doença grave e incurável ou mesmo apenas grave ou incurável, não respeitando o princípio da proporcionalidade”.

Presidente moçambicano escolhe antigo dirigente da Renamo para embaixador na Santa Sé

ONU considera nomeação "histórica"

Presidente moçambicano escolhe antigo dirigente da Renamo para embaixador na Santa Sé

O Presidente moçambicano acaba de nomear Raul Domingos, antigo dirigente da Resistência Nacional Moçambicana (Renamo), embaixador extraordinário e plenipotenciário na Santa Sé. O representante pessoal do secretário-geral da ONU para o processo de paz em Moçambique, Mirko Manzoni, considerou esta quarta-feira, 20 de julho, a nomeação “histórica”, visto tratar-se da primeira vez que um opositor ocupa um cargo do género.

Guerra ou Paz

Guerra ou Paz

Quem deseja a guerra? Estou certa de que todos os seres vivos e em particular os seres humanos escolhem a paz. Só se formos loucos empenhados num desejo de poder que ultrapassa tudo e todos é que não o faremos.

Não às extravagâncias, sim à frugalidade

Católicos chineses

Não às extravagâncias, sim à frugalidade

“A Igreja Católica pede a cada católico que se inspire no espírito fraterno de Jesus e compartilhe tudo o que tem com os pobres e os fracos”, declarou o padre chinês Li Jingxi, vice-reitor executivo do seminário e moderador do encontro de reflexão sobre cuidar da casa comum a partir da Laudato si’.

Tempos sombrios: um apelo à responsabilidade e à precaução

Tempos sombrios: um apelo à responsabilidade e à precaução

A formulação “tempos sombrios” que dá o título a este texto, remete para o livro da filósofa Hannah Arendt, Homens em Tempos Sombrios, sobre as biografias de homens e de mulheres que viveram na primeira metade do século XX, contemporâneos do totalitarismo em ambas as suas formas: nazismo e estalinismo.

Presidente vai apresentar a demissão

Sri Lanka

Presidente vai apresentar a demissão

O Presidente do Sri Lanka, Gotabaya Rajapaksa, anunciou que se demitiria no próximo dia 13 de julho depois da sua residência oficial ter sido invadida a 9 de julho por uma multidão protestando contra a crise económica e social e a corrupção galopante.

Oração foi chave para demissão de Sajid Javid

Reino Unido

Oração foi chave para demissão de Sajid Javid

Sajid Javid, ex-ministro da Saúde do Reino Unido e atual candidato à liderança do Partido Conservador, confessou, em entrevista a The Telegraph, que decidiu renunciar ao cargo no governo de Boris Johnson depois de ouvir a pregação do pastor Les Isaacs durante a Oração Parlamentar da Manhã.

Papa pede propostas para desenvolver o potencial dos migrantes

Novo vídeo

Papa pede propostas para desenvolver o potencial dos migrantes

Como podemos promover o desenvolvimento do potencial dos migrantes e refugiados? Esta é a questão colocada pelo Papa Francisco no vídeo divulgado esta semana pelo Dicastério para a Promoção do Desenvolvimento Humano Integral, por ocasião do  aniversário da visita do Papa Francisco a Lampedusa e tendo em vista o 108º Dia Mundial do Migrante e do Refugiado, que será celebrado a 25 de setembro de 2022.

Bispo anglicano quer regresso do apoio a famílias numerosas

Proposta de Lei na Câmara dos Lordes

Bispo anglicano quer regresso do apoio a famílias numerosas

A Câmara dos Lordes debateu hoje, sexta-feira, dia 8 de julho, em segunda leitura, a proposta de Lei submetida pelo bispo de Durham, Paul Butler, para que o terceiro e subsequentes filhos das famílias pobres voltem a ser fator de aumento dos subsídios sociais que estas recebem. A proposta recebeu o apoio público do bispo católico de Northampton, David Oakley, noticiou o Crux Now.

O reino da dispersão

O reino da dispersão

Que fácil é o caminho que leva à dispersão e ao alheamento nos tempos de hoje. Somos sistematicamente distraídos com questões menores e reflexões superficiais, para não falar da facilidade com que nos deixamos engolir pelas solicitações de toda a parte. Não damos tempo à oração e à proximidade com Deus e isso leva-nos à dispersão. Só com paciência e procura conseguimos ouvir a Sua voz e deixar que o Espírito nos guie.

Regime sandinista expulsa Missionárias da Caridade

Nicarágua

Regime sandinista expulsa Missionárias da Caridade

Antes das 8h00 de quarta-feira, 6 de julho, as 15 freiras da ordem Missionárias da Caridade fundada por Madre Teresa de Calcutá e instalada há 40 anos na Nicarágua foram obrigadas a deixar a sua casa em Manágua e escoltadas pelas autoridades de imigração até à fronteira de Peñas Blancas com a Costa Rica.

Sinais de apaziguamento no conflito social no Equador

Papa pede diálogo

Sinais de apaziguamento no conflito social no Equador

Cerca de um ano depois de empossado, o presidente do Equador, Guillermo Lasso, tem vindo a enfrentar uma onda de contestação nas ruas das principais cidades do país, que culminou, nos últimos dias, com a abertura de processo de impeachment no Parlamento, onde detém a maioria. Já morreram seis pessoas e duas centenas ficaram feridas nos recontros entre as forças da ordem e os manifestantes.

Quatro em cada cinco americanos acreditam em Deus

Sondagem Gallup

Quatro em cada cinco americanos acreditam em Deus

A grande maioria (81%) dos adultos dos EUA acredita em Deus, mas em 2017 eram 87 por cento os que responderam “sim” a esta pergunta, conclui um estudo divulgado no dia 17 de junho pela empresa de sondagens Gallup. Entre 1944 e 2011, mais de 90 por cento dos americanos acreditavam em Deus.

Nigéria: “Sete dos meus padres foram raptados”

Denúncia do bispo de Kaduna

Nigéria: “Sete dos meus padres foram raptados”

O arcebispo nigeriano de Kaduna denunciou o falhanço do governo do país no combate à violência e à corrupção, exemplificando com o facto de a Igreja estar também no centro de uma onda de sequestros violentos. “Nos últimos três anos, sete dos meus padres foram raptados, dois foram mortos e um está em cativeiro há três anos e dois meses.” 

No Punjab, limpar esgotos deixa de ser tarefa das minorias

Decisão do governo local

No Punjab, limpar esgotos deixa de ser tarefa das minorias

O governo provincial do Punjab, no Paquistão, emitiu uma notificação oficial proibindo que nos anúncios oficiais de trabalho seja feita alguma referência exigindo que, para determinadas funções, mais humilhantes, como a limpezas das ruas ou dos esgotos, apenas possam candidatar-se indivíduos pertencentes à religião cristã ou a outras minorias religiosas no país.

Metodistas contra “apartheid” imposto por Israel

Nova Inglaterra

Metodistas contra “apartheid” imposto por Israel

A conferência anual da Igreja Metodista Unida da Nova Inglaterra (EUA) condenou, numa resolução aprovada no sábado 11 de junho, “o sistema de apartheid institucionalizado pelo governo israelita na Terra Santa” e pediu “ao governo dos EUA para condicionar o financiamento a Israel ao compromisso de desmantelar o seu sistema de apartheid e reconhecer todos os direitos devidos aos palestinos”.

Estilhaços da invasão russa da Ucrânia também atingem Igreja Ortodoxa

Hilário afastado

Estilhaços da invasão russa da Ucrânia também atingem Igreja Ortodoxa

A invasão da Ucrânia pelas tropas de Putin, além dos desenvolvimentos militares propriamente ditos, continua a provocar ondas de choque no campo ortodoxo. O motivo continua a ser o apoio aberto dado pelo Patriarca Cirilo, de Moscovo, à guerra desencadeada pelo Presidente russo. Nos últimos dias, o Sínodo da Igreja Ortodoxa Russa (IOR) decidiu, através de um decreto de Cirilo, exonerar o metropolita Hilário, seu número 2 e por muitos apontado como eventual sucessor, do importante cargo de responsável pelo Departamento de Relações Externas da IOR e de membro permanente do Sínodo da mesma Igreja.

Lusodescendentes católicos são alvo de “atrocidades” e “genocídio” na Birmânia

Associação denuncia

Lusodescendentes católicos são alvo de “atrocidades” e “genocídio” na Birmânia

A Associação Internacional de Lusodescendentes (AILD) alerta para o “genocídio” e as “atrocidades” de que estão a ser alvo milhares de lusodescendentes católicos na Birmânia (conhecidos como bayingyis). Desde o início do ano, já houve pelo menos três ataques armados a aldeias onde estas comunidades residem, provocando a destruição de centenas de habitações e pelo menos quatro mortos.

Myanmar: oposição armada contesta plano de ajuda

Decidido pela ASEAN

Myanmar: oposição armada contesta plano de ajuda

Grupos armados étnicos de regiões predominantemente cristãs de Myanmar rejeitaram um plano da ASEAN para canalizar a assistência humanitária através da junta militar que governa de forma musculada a antiga Birmânia. Temem que o apoio humanitário não chegue às comunidades necessitadas.

Bispo impedido de entrar na Cúria da sua diocese, na Nicarágua

Pressões para calar Igreja

Bispo impedido de entrar na Cúria da sua diocese, na Nicarágua

O bispo de Matagalpa, Nicarágua, Rolando Alvarez, que se tinha refugiado numa paróquia dos arredores de Manágua, no dia 19 de maio, devido a perseguição de forças policiais e que, nos dias seguintes, foi impedido de entrar na Cúria da sua diocese, reatou já a atividade pastoral normal. O bispo conseguiu sair na última segunda-feira, 23, para a sua diocese na parte noroeste do país, mas deparou com a sede da Cúria diocesana bloqueada, pelo que foi obrigado a alojar-se no seminário local.

Ninguém pega de caras no “lobby” das armas

Estados Unidos

Ninguém pega de caras no “lobby” das armas

O tiroteio que resultou no assassinato a sangue frio de 19 crianças pequenas e duas professoras numa escola do ensino básico da cidade de Uvalde (Texas, Estados Unidos da América), nesta terça-feira, 24, é sem dúvida devastador. Mas a frequência deste tipo de matanças, mais ou menos mortíferas, corre o risco de comover e se banalizar.

“A grande substituição”

[Os dias da semana]

“A grande substituição”

Outras teorias da conspiração não têm um balanço igualmente inócuo para apresentar. Uma delas defende que estamos perante uma “grande substituição”; não ornitológica, mas humana. No Ocidente, sustentam, a raça branca, cristã, está a ser substituída por asiáticos, hispânicos, negros ou muçulmanos e judeus. A ideia é velha.

Carta de frei Timothy à família dominicana na Ucrânia

Guerra

Carta de frei Timothy à família dominicana na Ucrânia

O antigo mestre geral da Ordem dos Pregadores, o inglês Timothy Radcliffe, escreveu aos seus confrades na Ucrânia por causa da guerra. A carta recorda a passagem de Radcliffe pelo país e sublinha o papel dos que estão no meio do sofrimento a manifestar sinais de bem, procurando ver o sentido mais profundo dessa presença. Leia a carta na íntegra.

Bispos e Governo timorense renovam acordo de cooperação

20 anos de independência

Bispos e Governo timorense renovam acordo de cooperação

O primeiro-ministro de Timor-Leste, Taur Matan Ruak, e o presidente da Conferência Episcopal Timorense (CET), o bispo Norberto do Amaral, de Maliana, renovaram um acordo de cooperação que alarga uma cláusula da Concordata entre o país de maioria católica e o Vaticano e que atribui à Igreja Católica a gestão de 15 milhões de dólares (cerca de 14 milhões, 171 mil euros).

Santuário católico vandalizado na Índia

Tensão entre religiões

Santuário católico vandalizado na Índia

As tensões interreligiosas na Índia voltaram a conhecer novos episódios, depois da vandalização por desconhecidos de estátuas de Maria, do Menino Jesus e do Sagrado Coração de Jesus num santuário no estado de Andhra Pradesh, causando “choque entre os católicos locais”. Um articulista ataca o ódio incentivado por “fascistas” contra as minorias cristãs e muçulmanas.

O Cristianismo na guerra de armas e de ideias

Exclusivo 7M: um ensaio de Tomáš Halík

O Cristianismo na guerra de armas e de ideias

Este ano, as palavras proféticas do Papa Francisco tornaram-se realidade: “Vivemos não uma época de mudanças, mas uma mudança de época.” Há muito que o Papa Francisco fala do nosso tempo como sendo uma “Terceira Guerra Mundial fragmentada”. Neste momento, até o porta-voz de Putin diz que a III Guerra Mundial começou, e talvez seja a sua única afirmação verdadeira. Ganha forma um novo mapa geopolítico do mundo, uma nova ordem mundial, surge um novo clima moral nas relações internacionais, políticas, económicas e culturais. Deparamos com a necessidade de adotar um novo e mais simples estilo de vida. Começa um novo capítulo da História.

Repressão contra uigures não para

China

Repressão contra uigures não para

O município de Konasheher, no centro da região uigur chinesa (Xinjiang), detém, segundo um levantamento da Associated Press (AP), a maior taxa de prisão conhecida no mundo: mais de 10.000 uigures (um em cada 25 habitantes) estão presos, acusados pelos tribunais chineses de atos de terrorismo.

Novo ataque a aldeia católica na Birmânia

Milhares em fuga

Novo ataque a aldeia católica na Birmânia

Os militares atacaram, uma vez mais, a aldeia católica histórica de Chan Thar, situada no centro da Birmânia (Mianmar), no passado dia 7 de maio, noticiou esta terça-feira a UCA News. Pelo menos 20 casas foram queimadas durante a incursão militar e milhares de pessoas fugiram para áreas seguras nas proximidades. 

Cardeal Zen, bispo emérito de Hong Kong, detido pela polícia

Repressão cria dilema ao Vaticano

Cardeal Zen, bispo emérito de Hong Kong, detido pela polícia

O cardeal Joseph Zen, bispo emérito de Hong Kong, de 90 anos e um grande defensor do movimento pró-democracia, foi preso pelas autoridades de Hong Kong na terça-feira, 10 de maio, acusado de “conluio com forças estrangeiras”, noticiou a Reuters. Zen foi solto sob fiança no dia seguinte, por volta das 23h locais, como relatado por jornalistas de Hong Kong, que publicaram nas redes sociais fotos em que o bispo aparecia já no exterior da esquadra de polícia de Wan Chai, avançou o Vatican News.

Religiões defendem finanças responsáveis pelo clima

Apelo conjunto

Religiões defendem finanças responsáveis pelo clima

O Conselho Mundial de Igrejas, o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, o Conselho Muçulmano de Anciãos e o Conselho de Rabinos de Nova Iorque (EUA) assinaram um apelo conjunto histórico sobre “Finanças Responsáveis ​​pelo Clima — Um imperativo moral e responsabilidade para todas as crianças e o mundo vivo”.

Dez padres da Igreja Clandestina detidos este ano

China

Dez padres da Igreja Clandestina detidos este ano

Pelo menos dez padres, pertencentes à chamada Igreja Clandestina, foram detidos pelas autoridades na província chinesa de Boading desde o início deste ano. Segundo a Asia News, citada esta sexta-feira, 6, pela Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), quatro destes padres “foram presos entre 29 e 30 de Abril, levantando temores de mais prisões entre os membros do clero”.

A guerra da Ucrânia

A guerra da Ucrânia

Nas minhas cogitações tenho perguntado a mim mesmo porque é que o caminho do conflito enveredou apenas para a guerra e não para o caminho da persuasão. Se a Rússia quer anexar a Ucrânia, porque é que não tenta o acordo possível em vez da aniquilação?

“Enviar armas é resposta fraca para acabar com a guerra”

Parolin, a Europa e a invasão

“Enviar armas é resposta fraca para acabar com a guerra”

Na “tremenda guerra” na Ucrânia, limitar-se às armas, como tem feito a Europa (e os Estados Unidos), é uma resposta fraca, afirmou esta sexta-feira, 29, o cardeal Pietro Parolin, secretário de Estado do Vaticano. “Sim, as armas são uma resposta fraca, não uma resposta forte”, enfatizou o cardeal, explicando deste modo o seu ponto de vista: “Uma resposta contundente é uma resposta que empreende – tentando envolver todos – iniciativas de acordo com o esquema de paz, ou seja, iniciativas para parar os combates, chegar a uma solução negociada, pensar qual será o futuro possível da convivência no nosso Velho Continente”.

Muçulmanos ucranianos lutam contra exército russo

Minoria religiosa

Muçulmanos ucranianos lutam contra exército russo

São uma ínfima minoria, mas diz o imã Murad Suleimanov da mesquita do Centro Cultural Islâmico de Lviv (Ucrânia): “Nós [muçulmanos] fazemos parte deste país” e, por isso “devemos fazer algo”. Esse “algo” tem consistido em resistir à ocupação russa e participar no esforço de guerra. Mesmo se, na Rússia, os responsáveis oficiais das comunidades muçulmanas apoiam Putin.

Protestantes franceses apelam à liberdade de culto

França pós-Presidenciais

Protestantes franceses apelam à liberdade de culto

Diante de uma sociedade dividida, as igrejas protestantes na França pedem ao novo Governo do Presidente Emmanuel Macron que “atue em prol da paz e preserve a liberdade de culto, de consciência e de expressão de todos”. A posição foi divulgada pelo Conselho Nacional dos Evangélicos da França (CNEF), que representa 70 por cento das igrejas protestantes no país e mais de 30 denominações evangélicas diferentes.

Colóquio online propõe reflexão sobre “A Igreja e o 25 de Abril”

Iniciativa bracarense

Colóquio online propõe reflexão sobre “A Igreja e o 25 de Abril”

No quadro das comemorações da Revolução dos Cravos, decorre nesta quinta-feira, 28 de abril, em Braga, um colóquio sobre o tema genérico “A Igreja e o 25 de Abril”. Na iniciativa intervêm a Prof. Isabel Allegro de Magalhães (“Uma Igreja política: mas à margem do Evangelho e do Vaticano II”), Frei José Nunes (“A Igreja: travão ou promotora do 25 de Abril?”), e o jornalista Jorge Cruz (“A dimensão comunicacional do padre Mário de Oliveira (1937-2022)”).  A moderação da sessão cabe ao Prof. Moisés de Lemos Martins, diretor do Museu Virtual da Lusofonia (MVL).

Sociedades fechadas, autocracia e modelos de perfeição

Sociedades fechadas, autocracia e modelos de perfeição

Há muito em comum entre todos os sistemas (políticos e religiosos) que se baseiam numa qualquer ideia de perfeição, julgando-se donos de toda a verdade e mandatados para a expansão, mesmo que seja à custa da vida dos outros. A invasão da Ucrânia pela Rússia dá-nos matéria de sobra para a análise do padrão do autoritarismo, que alia a visão unilateral do mundo à manutenção da sociedade fechada, justificando assim os massacres e todas as formas de opressão.

O ângulo morto da invasão

O ângulo morto da invasão

Escrever sobre o momento atual não é fácil. Há palavras envenenadas, kits carregados até à exaustão de chavões reveladores de uma cegueira ideológica incompreensível, ignorante e/ou perversa, de uma arrogância cultural, mesmo quando, aparentemente se querem fazer análises complexas.

“Fome em massa” provocada deliberadamente no Tigré

Etiópia

“Fome em massa” provocada deliberadamente no Tigré

Centenas de milhares de habitantes da região do Tigré (Etiópia) estão a morrer à fome, denunciou esta quarta-feira, 20, a Agência Fides. Desde o início da suposta trégua humanitária, a 24 de março, o governo permitiu a entrada de apenas um comboio de ajuda humanitária na região, o primeiro desde meados de dezembro de 2021.

Cristãos presos na Índia por celebrar a Quinta-Feira Santa

Liberdade religiosa

Cristãos presos na Índia por celebrar a Quinta-Feira Santa

A polícia do estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia, prendeu pelo menos 36 cristãos que celebravam a Quinta-Feira Santa na sua igreja evangélica, após um grupo de nacionalistas hindus radicais ter cercado o edifício e trancado as portas, acusando-os de estarem a converter hindus ao cristianismo, noticiou esta quarta-feira, 20, a UCA News.

Extrema-direita queima Alcorão

Manifestações violentas na Suécia

A Semana Santa na Suécia ficou marcada por várias manifestações e confrontos violentos entre a polícia e manifestantes, em virtude dos comícios promovidos pelo partido de extrema direita Stram Kurs, cujo líder, Rasmus Paludan, queimou uma cópia do Corão na rua, numa zona fortemente habitada pela população muçulmana.

Evangélicos no poder: “pureza” ou escondimento?

Evangélicos no poder: “pureza” ou escondimento?

Maria Angélica Martins parte da História para lembrar que os evangélicos não são tão “irmãos em Cristo” como fazem crer; historicamente existem incontáveis conflitos e disputas teológicas internas. E traz o caso de Milton Ribeiro, ex-ministro da Educação, no Brasil, que não foi o único calvinista a assumir uma pasta do governo Bolsonaro.

A paz (e o 7MARGENS) na Academia das Ciências de Lisboa

Ciclo de Conferências

A paz (e o 7MARGENS) na Academia das Ciências de Lisboa

Tolerância, solidariedade e paz é o título genérico de um ciclo de conferências da Academia das Ciências de Lisboa (ACL), que decorre até ao próximo dia 26 e que nesta segunda-feira, 11, terá António Marujo, do 7MARGENS, como interveniente, a falar sobre o pensamento do Papa Francisco, com o título Solidariedade e paz: utopias para hoje.

Resistência não violenta em tempos de guerra?

Resistência não violenta em tempos de guerra?

Poderá parecer descabido, ou simplesmente utópico, falar de resistência civil, isto é, de formas não violentas de resistência e combate a um poder ilegítimo e opressor, no momento em que assistimos à guerra da Ucrânia, em que é nítida a existência de uma potência agressora e de um povo que se defende militarmente com bravura. Mas disso se tem falado em diálogos entre representantes de várias comissões Justiça e Paz europeias, sem se alcançar ainda pleno consenso.

O Líbano “está em colapso”

Diretora da AIS denuncia

O Líbano “está em colapso”

“O país está como que completamente destruído, em colapso. É o falhanço do Estado nos seus pilares essenciais. As pessoas já não conseguem pagar as suas despesas, as suas dívidas”, afirma a diretora da Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AI) em Portugal, Catarina Martins de Bettencourt, após uma visita de quatro dias ao Líbano, numa nota enviada ao 7MARGENS esta sexta-feira 8 de abril.

Pin It on Pinterest

Share This