Estado, Política e Religiões

Judeus da Europa “mais angustiados que nunca” face ao aumento do antissemitismo

Estudo revela

Judeus da Europa “mais angustiados que nunca” face ao aumento do antissemitismo novidade

O mais recente relatório da Agência da União Europeia para os Direitos Fundamentais (FRA) não deixa margem para dúvidas: o antissemitismo cresceu nos últimos cinco anos e disparou para níveis sem precedentes desde o passado mês de outubro, o que faz com que os judeus a residir na Europa temam pela sua segurança e se sintam muitas vezes obrigados a esconder a sua identidade judaica.

Cardeal Américo Aguiar condecorado pelo trabalho à frente da JMJ Lisboa 2023

Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique

Cardeal Américo Aguiar condecorado pelo trabalho à frente da JMJ Lisboa 2023

O cardeal Américo Aguiar foi condecorado pelo Presidente da República com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique pelo seu trabalho à frente da organização da Jornada Mundial da Juventude Lisboa 2023. O agora bispo de Setúbal agradeceu a Marcelo Rebelo de Sousa mas também “a Portugal e aos portugueses”, afirmando que a condecoração “é para todos, todos, todos”

“Guerra justa” em Gaza? Igreja Católica e Israel com respostas contrárias

Conceito em debate

“Guerra justa” em Gaza? Igreja Católica e Israel com respostas contrárias

Uma declaração recente da Comissão Justiça e Paz da Terra Santa, intitulada “Guerra justa?”, critica de forma contundente a operação militar israelita na Faixa de Gaza, acusando-a de ser desproporcional. A resposta da embaixada de Israel junto da Santa Sé não se fez esperar: assegura que o único objetivo da incursão é “acabar com o domínio do Hamas” e impedir ataques terroristas futuros. Mas para o Secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin, não há dúvidas: apesar de o conceito de “guerra justa” estar “em revisão”, não pode mesmo ser aplicado ao que se passa em Gaza.

Já é legal multar ou prender sem-abrigo nos EUA. Líderes cristãos apelam a ajuda em vez de castigos

Deliberação do Supremo Tribunal

Já é legal multar ou prender sem-abrigo nos EUA. Líderes cristãos apelam a ajuda em vez de castigos

O Supremo Tribunal dos Estados Unidos declarou na semana passada que é constitucional punir pessoas em situação de sem-abrigo por dormirem na rua, aplicando-lhes uma multa, e prevendo a possibilidade de pena de prisão em caso de reincidência. A decisão suscitou fortes críticas da parte dos bispos católicos e protestantes, bem como de instituições de solidariedade social, que consideram que o Governo deveria ajudar estas pessoas, em vez de castigá-las, e que desta forma o problema da falta de habitação só irá agudizar-se, não resolver-se.

Padres greco-católicos ucranianos libertados em troca de metropolita russo pró-Cirilo

Um conflito também religioso

Padres greco-católicos ucranianos libertados em troca de metropolita russo pró-Cirilo

Foram libertados os padres redentoristas Hieromonk Ivan Levystky e Bohdan Geleta – detidos em novembro de 2022 pelas tropas russas na região de Donetsk – e, em troca, o metropolita Ionafan (Eletskikh) da Igreja Ortodoxa Ucraniana de Upz, apoiante do Patriarca Cirilo e considerado um dos principais ‘traidores e agentes russos’ na Ucrânia. Vários média referem que esta libertação aconteceu devido a uma intervenção direta do Patriarca de Moscovo, apoiada por um pedido semelhante do Papa às autoridades ucranianas.

Igrejas da Terra Santa denunciam “ataque coordenado” das autoridades israelitas contra os cristãos

Em carta a Netanyahu

Igrejas da Terra Santa denunciam “ataque coordenado” das autoridades israelitas contra os cristãos

Os patriarcas e líderes das Igrejas Cristãs em Jerusalém escreveram uma carta ao primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, lamentando o que consideram ser “um ataque coordenado à presença cristã na Terra Santa”, depois de quatro municípios do país terem tentado aplicar impostos municipais às propriedades das igrejas, contradizendo “séculos” de acordos históricos.

Ortodoxos búlgaros elegem patriarca ‘pró-Moscovo’

Surpresa em Sófia

Ortodoxos búlgaros elegem patriarca ‘pró-Moscovo’

O bispo Daniel Nikolov, até agora metropolita de Vidin, foi eleito como novo Patriarca da Igreja Ortodoxa Búlgara, passando a ser também metropolita de Sofia, a diocese da capital do país. O resultado poderá ter surpreendido muita gente. O novo Patriarca é reconhecidamente um russófilo, que se colocou ao lado de Putin, na guerra da Ucrânia.

Atos antissemitas aumentaram 284% em França

Relatório de 2023

Atos antissemitas aumentaram 284% em França

O antissemitismo e a islamofobia estão a atingir “níveis sem precedentes” em França, alimentados pela guerra entre Israel e o Hamas e pela prevalência das ideias de extrema-direita no debate público, denuncia a Comissão Nacional Consultiva de Direitos Humanos (CNCDH) daquele país, no seu relatório de 2023. De acordo com o documento, publicado esta quinta-feira, 27 de junho, os relatos de atos antissemitas e anti-muçulmanos cresceram no ano passado 284% e 29%, respetivamente.

Nada se perde: um antigo colégio dos Salesianos é o novo centro de acolhimento do Serviço Jesuíta aos Refugiados

Inaugurado em Vendas Novas

Nada se perde: um antigo colégio dos Salesianos é o novo centro de acolhimento do Serviço Jesuíta aos Refugiados

O apelo foi feito pelo Papa Francisco: utilizar os espaços da Igreja Católica devolutos ou sem uso para respostas humanitárias. Os Salesianos e os Jesuítas em Portugal aceitaram o desafio e, do antigo colégio de uns, nasceu o novo centro de acolhimento de emergência para refugiados de outros. Fica em Vendas Novas, tem capacidade para 120 pessoas, e promete ser amigo das famílias, do ambiente, e da comunidade em que se insere.

Bispos católicos de França apelam à fraternidade e justiça, mas não se demarcam da extrema-direita

Com as eleições no horizonte

Bispos católicos de França apelam à fraternidade e justiça, mas não se demarcam da extrema-direita

O conselho permanente dos bispos da Igreja Católica de França considera, num comunicado divulgado esta quinta-feira, 20 de junho, que o resultado das recentes eleições europeias, que deram a vitória à extrema-direita, “é mais um sintoma de uma sociedade ansiosa, dividida e em sofrimento”. Neste contexto, e em vésperas dos atos eleitorais para a Assembleia Nacional, apresentaram uma oração que deverá ser rezada por todas as comunidades nestes próximos dias.

“Precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança”

Tolentino recebeu Prémio Pessoa

“Precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança”

Na cerimónia em que recebeu o Prémio Pessoa 2023 – que decorreu esta quarta-feira, 19 de junho, na Culturgest, em Lisboa – o cardeal Tolentino Mendonça falou daquela que considera ser “talvez a construção mais extraordinária do nosso tempo”: a “ampliação da esperança de vida”. Mas deixou um alerta: “não basta alongar a esperança de vida, precisamos de trabalhar num projeto de sociedade que privilegie a ativação da esperança e a deseje fraternamente repartida, acessível a todos, protagonizada por todos”.

Liga Operária Católica apela aos trabalhadores que se sindicalizem

Reunida em Seminário Internacional

Liga Operária Católica apela aos trabalhadores que se sindicalizem

“Precisamos que os sindicatos sejam mais fortes e tenham mais força nas negociações e apelamos a todos os os trabalhadores a unirem-se em volta das suas associações”. A afirmação é dos representantes da Liga Operária Católica/Movimento de Trabalhadores Cristãos (LOC/MTC), que estiveram reunidos no passado fim de semana no Museu da Central do Caldeirão, em Santarém, para o seu Seminário Internacional.

Guerra e Paz: angústias e compromissos

Um ensaio

Guerra e Paz: angústias e compromissos

Este é um escrito de um cristão angustiado e desorientado, e também com medo, porque acredita que uma guerra devastadora na Europa é de alta probabilidade. Quando se chega a este ponto, é porque a esperança é já pequena. Manda a consciência tentar fazer o possível por evitar a guerra e dar uma oportunidade à paz. — ensaio de Nuno Caiado

Que as máquinas não possam escolher matar o homem que as criou

Papa Francisco ao G7

Que as máquinas não possam escolher matar o homem que as criou

“Nenhuma máquina, em caso algum, deveria ter a possibilidade de optar por tirar a vida a um ser humano”, sublinhou o Papa no seu discurso perante os líderes do G7, reunidos na tarde desta sexta-feira, 14 de junho, na região italiana da Puglia. Naquela que foi a primeira participação de um pontífice neste encontro de líderes das principais potências mundiais, Francisco falou nas oportunidades, mas sobretudo perigos, da inteligência artificial, e deixou o alerta: “está em jogo a própria dignidade humana”.

Lembrar Aristides de Sousa Mendes, “seguir a voz da consciência” e também hoje “salvar vidas”

Comissão Justiça e Paz de Braga

Lembrar Aristides de Sousa Mendes, “seguir a voz da consciência” e também hoje “salvar vidas”

A Comissão Justiça e Paz da Arquidiocese de Braga associa-se à comemoração do Dia da Consciência – que se celebra anualmente a 17 de junho em homenagem a Aristides de Sousa Mendes – através de uma mensagem que assinala a importância de, tal como fez o cônsul de Portugal em Bordéus no século passado, “seguir a voz da consciência” e assim contribuir, no tempo presente, para “salvar vidas”.

Cáritas insta comunidade mundial a apoiar refugiados rohingya

De visita ao Bangladesh

Cáritas insta comunidade mundial a apoiar refugiados rohingya

Um agradecimento ao Governo do Bangladesh pelo apoio prestado aos refugiados rohingya e um apelo à comunidade mundial para que também os auxilie, pois precisam dessa ajuda “mais do que nunca”. Assim se resumem as declarações do secretário-geral da Cáritas International, Alistair Dutton, proferidas após visitar as colónias rohingya naquele país, na semana passada.

Jornalista Zhang Zhan foi libertada pelas autoridades chinesas

Após quatro anos de detenção

Jornalista Zhang Zhan foi libertada pelas autoridades chinesas

Após quatro anos de detenção, a jornalista Zhang Zhan foi libertada pelas autoridades chinesas. Numa mensagem divulgada esta terça-feira, 11 de junho, a Amnistia Internacional apela às autoridades chinesas que garantam que Zhang Zhan seja autorizada a circular livremente e a comunicar com pessoas dentro e fora da China, e ainda que ela e a sua família não fiquem sujeitas a vigilância ou assédio, devendo ter pleno acesso a tratamento médico após a sua experiência traumática.

Quase metade dos católicos franceses votaram na extrema-direita

Eleições europeias

Quase metade dos católicos franceses votaram na extrema-direita

Em França, 42% dos “católicos praticantes” votaram nos partidos de extrema-direita para ocupar os lugares do novo Parlamento Europeu, uma percentagem que mais do que duplicou face aos 18% que haviam sido registados nas eleições europeias anteriores, em 2019. Esta é uma das principais conclusões de um inquérito realizado no passado domingo, 9 de junho, para o La Croix, e divulgado esta segunda-feira pelo jornal francês.

Conselho Mundial de Igrejas apela a cessar-fogo permanente em Gaza e na Ucrânia

"Chocados" com vidas perdidas

Conselho Mundial de Igrejas apela a cessar-fogo permanente em Gaza e na Ucrânia

Um apelo à paz, imediato e permanente, em Gaza e na Ucrânia. É este o propósito de duas mensagens divulgadas nesta terça-feira, 11 de junho, pelo Conselho Mundial de Igrejas (CMI). Este órgão – que representa 352 igrejas protestantes, ortodoxas, anglicanas e evangélicas em todo o mundo – alerta para o elevado nível de destruição e a brutal perda de vidas humanas resultantes destes conflitos armados.

Mais de 11 mil pessoas pedem amnistia de reclusos nas prisões portuguesas

Petição pelos 50 anos de Abril

Mais de 11 mil pessoas pedem amnistia de reclusos nas prisões portuguesas

Uma amnistia de aplicação ampla, de âmbito generalizado e de dimensão significativa. São estas as palavras usadas pelos promotores de uma petição que visa o perdão de penas a alguns reclusos nas prisões portuguesas. Esta reivindicação, encabeçada pela Obra Vicentina de Auxílio aos Reclusos (OVAR) e pela Associação Portuguesa de Apoio ao Recluso (APAR), conta já com mais de 11 mil subscritores, e foi entregue nesta terça-feira, 7 de maio, na presidência da Assembleia da República, em Lisboa.promotores de uma petição que visa o perdão de penas a alguns reclusos nas prisões portuguesas.

“Memória curta está a criar terreno para nova guerra global”, alerta o Papa

80 anos do Desembarque na Normandia

“Memória curta está a criar terreno para nova guerra global”, alerta o Papa

Ainda que o chamado D-Day (Dia do Desembarque na Normandia, em França) seja esta quinta-feira, dia 6, as comemorações do 80º aniversário do acontecimento, que naquela região francesa estão já a mobilizar as atenções, quer através de homenagens e reconstituições, com a presença de altas individualidades políticas e militares, quer de programas especiais nos média. Entretanto, o Papa Francisco pediu que se vá além da recordação e se condene e rejeite a guerra como caminho para a resolução dos conflitos.

Europa, ruralidade, ecologia e religião

7MARGENS/Antena 1

Europa, ruralidade, ecologia e religião

As eleições para o Parlamento Europeu são pretexto para uma conversa sobre o mundo rural tantas vezes esquecido, cidadania, ecologia e ambiente e espiritualidade. Em entrevista ao programa 7MARGENS, da Antena 1, a eurodeputada Isabel Estrada Carvalhais explica o que muitas vezes ignoramos.

Medidas sobre imigração anunciadas por Biden causarão danos humanos consideráveis

Líderes católicos denunciam

Medidas sobre imigração anunciadas por Biden causarão danos humanos consideráveis

Um conjunto de medidas que ignoram a atual lei de asilo dos Estados Unidos da América (EUA) e que causarão danos humanos consideráveis. Este é o entendimento de vários líderes católicos acerca do anúncio feito pelo presidente norte-americano, Joe Biden esta terça-feira, 4, em que comunicou o bloqueio dos pedidos de asilo na fronteira sul do país, procurando dissuadir as travessias ilegais da mesma.

Governo iraniano ordena destruição de terrenos agrícolas de bahá’ís

Repressão continua

Governo iraniano ordena destruição de terrenos agrícolas de bahá’ís

Diversos terrenos agrícolas cujos proprietários são bahá’ís, localizados na aldeia de Ahmadabad, na província iraniana de Mazandaran, perto da fronteira com o Turquemenistão, foram recentemente destruídos por agentes mandatados pelo Governo daquele país. Este é mais um ato de repressão que o executivo iraniano leva a cabo contra a comunidade bahá’í, alerta a Comunidade Internacional Bahá’í

Há menos países a aplicar a pena de morte, mas número de execuções foi o mais elevado em quase uma década

Relatório 2023

Há menos países a aplicar a pena de morte, mas número de execuções foi o mais elevado em quase uma década

A Amnistia Internacional (AI) divulgou na madrugada desta quarta-feira, 29 de maio, o seu relatório anual sobre a aplicação da pena de morte a nível mundial, que mostra que em 2023 “ocorreram 1.153 execuções, o que representa um aumento de mais de 30 por cento em relação a 2022”, sendo que “este valor não tem em conta os milhares de execuções que se crê terem sido realizados na China”. Este “foi o valor mais alto registado” pela organização “desde 2015, ano em que houve 1.634 pessoas executadas”.

“Moçambique ainda cheira a sangue”

Bispo de Tete, Diamantino Antunes

“Moçambique ainda cheira a sangue”

“Quisemos já exorcizar” os fantasmas da guerra, diz Diamantino Guapo Antunes, bispo português de Tete, no norte de Moçambique, em entrevista à TSF. “Eu próprio, quando aqui cheguei, tive medo. Gostaria que já estivesse definitivamente enterrado machado de guerra em Moçambique.” Mas isso não aconteceu, como se tem visto em Cabo Delgado.

O aumento da intimidação católica

O aumento da intimidação católica

A intimidação nos meios católicos está a espalhar-se por todos os Estados Unidos da América. No exemplo mais recente, a organização Word on Fire, do bispo de Minnesota, Robert Barron, ameaçou a revista Commonweal e o teólogo Massimo Faggioli por causa de um ensaio de Faggioli, “Será que o Trumpismo vai poupar o Catolicismo?”

“Política americana sobre Gaza está a tornar Israel mais inseguro”

Testemunho de uma judia-americana que abandonou Biden

“Política americana sobre Gaza está a tornar Israel mais inseguro”

Esta é a história-testemunho da jovem Lily Greenberg Call, uma judia americana que exercia funções na Administração Biden que se tornou há escassos dias a primeira figura de nomeação política a demitir-se de funções, em aberta discordância com a política do governo norte-americano relativamente a Gaza. Em declarações à comunicação social, conta como foi o seu processo interior e sublinha como os valores do judaísmo, em que cresceu, foram vitais para a decisão que tomou.

Cáritas propõe adaptar seminários e igrejas inativas para habitação a preços acessíveis

Em estudo do Observatório da Pobreza

Cáritas propõe adaptar seminários e igrejas inativas para habitação a preços acessíveis

Resolver o problema habitacional dos mais necessitados, em Portugal, deverá passar por fornecer casas “a preços acessíveis ou controlados”, recuperando imóveis degradados, mas ainda habitáveis, como “conventos, igrejas inativas e outros edifícios públicos espalhados pelas cidades”, ou adaptando “seminários e outros edifícios devolutos”. A solução é uma entre as várias apresentadas no mais recente estudo promovido pela Cáritas Portuguesa, no âmbito do seu Observatório da Pobreza e da Fraternidade, apresentado esta quarta-feira, 15 de maio, em Lisboa.

Maio depois de Abril – o impacto da Revolução em Fátima

Reportagem na TVI

Maio depois de Abril – o impacto da Revolução em Fátima

Numa reportagem especial da autoria do jornalista Joaquim Franco e emitida na TVI na noite do dia 13, reveem-se os dias da revolução no santuário de Fátima. Se as consequências na rotina dos crentes foram pouco significativas, as lideranças católicas e os responsáveis do santuário fizeram do local de devoção um púlpito para expor o olhar e as preocupações da Igreja.

“Daqui, da Cova da Iria, apelamos à paz!”

O grito dos bispos

“Daqui, da Cova da Iria, apelamos à paz!”

“Rezemos pela paz no mundo: na Ucrânia, Rússia, na Terra Santa, na África, na América, na Ásia, quantos países precisam e reclamam a paz”, apelou o cardeal Juan José Omella, arcebispo de Barcelona, na homilia da missa conclusiva da peregrinação internacional aniversária, em Fátima, esta segunda-feira, 13 de maio. No final da mesma missa, o bispo de Leiria-Fátima, José Ornelas, tomou a palavra para também pedir a paz, em particular na Ucrânia e na “Terra de Jesus”, e denunciou: é “inconcebível” o que se passa na Faixa de Gaza.

Igrejas cristãs da Alemanha lançam apelo: “Não ao nacionalismo étnico!”

Nas vésperas das eleições europeias

Igrejas cristãs da Alemanha lançam apelo: “Não ao nacionalismo étnico!”

Os líderes das igrejas cristãs na Alemanha assinaram um “apelo ecuménico” dirigido a todos aqueles que estão aptos a votar nas eleições europeias do próximo dia 9 de junho, advertindo “fortemente contra as forças políticas que, no espírito do nacionalismo étnico, rejeitam a coexistência de pessoas de diferentes nacionalidades ou origens”.

Ataques a migrantes no Porto “são uma expressão de ódio, que não podemos aceitar”

Secretariado Diocesano das Migrações

Ataques a migrantes no Porto “são uma expressão de ódio, que não podemos aceitar”

O Secretariado Diocesano do Porto das Migrações e Turismo diz estar “solidário com as vítimas e famílias [dos ataques da passada sexta-feira, 3 de maio], bem como com todas as comunidades estrangeiras presentes na cidade do Porto” e defende a transferência de competências da Agência para a Integração, Migrações e Asilo (AIMA) para o poder local.

Num mundo em guerra, não basta dizer que “todas as religiões são religiões de paz”

Diálogo inter-religioso debatido em Mafra

Num mundo em guerra, não basta dizer que “todas as religiões são religiões de paz”

É inegável: há uma “sombra palpável de medo” e uma “ansiedade generalizada” em Israel e na Palestina, que geram cada vez mais violência. O que fazer? “Mais do que lutar contra o medo, é preciso lidar com esse medo, trabalhar com esse medo, de ambos os lados”, defende Sarah Bernstein, mediadora de conflitos e especialista em diálogo inter-religioso. Natural do Reino Unido e a viver em Jerusalém há mais de dez anos, Sarah não duvida de que as religiões, podem, e devem, ter um papel fundamental nesse trabalho. Mas “têm de ir além de dizer que são todas religiões de paz”, alerta. “Há muito trabalho a fazer e é preciso aprender a fazê-lo em conjunto”.

A resistência dos sindicalistas católicos ao Estado Novo

7MARGENS/Antena 1

A resistência dos sindicalistas católicos ao Estado Novo

Esteve na Base-FUT, na Ação Católica operária e, como jornalista, foi também sindicalista. A propósito do 1º de Maio, Cesário Borga fala da resistência dos sindicalistas cristãos à ditadura e das razões que os moviam; explica o pensamento autogestionário que se desenvolveu nas correntes católicas e as diferenças com várias correntes políticas, ao mesmo tempo que recorda nomes importantes em movimentos como a Liga Operária Católica, a Juventude Operária Católica, a Base-FUT, os Círculos de Cultura Operária e outros.

Os católicos que “salvaram” a Igreja

Redes, episódios e rostos

Os católicos que “salvaram” a Igreja

O empenhamento corajoso de muitos católicos favoreceu a Igreja no pós-25 de Abril, que deve a esses grupos e redes o facto de se ter diluído a conivência ou o silêncio cúmplice de parte da hierarquia com o regime do Estado Novo. Na altura da revolução, era uma Igreja em tensão e erosão aquela que se descobre.

Comissão Nacional Justiça e Paz alerta para extremismos

Na Mensagem sobre o 25 de abril

Comissão Nacional Justiça e Paz alerta para extremismos

A Comissão Nacional Justiça e Paz (CNJP) alertou, em nota enviada às redações, para a persistência de “fenómenos de ausência de liberdade”, nos 50 anos da democracia em Portugal, alertando para o aumento da intolerância. “Das redes sociais ao espaço público, os silos ideológicos em que nos encerramos contribuem para o fechamento ao outro, para o aumento de discursos racistas, xenófobos ou de intolerância, e para o aumento de vozes pedindo políticas de muros”, refere o organismo católico, numa nota intitulada ‘Juntos, construímos os próximos 50 anos de Democracia e Liberdade’.

A Poesia na Rua

A Poesia na Rua

“É preciso ajudar. Ajudar quem gostaria que a poesia estivesse na rua, que a alegria fosse um privilégio de todos. Ajudá-los contra os que lubrificam a máquina do cinismo e do ódio.” – A reflexão de Eduardo Jorge Madureira, na rubrica À Margem desta semana.

Bahá’ís plantam árvores em Lisboa, para que a liberdade religiosa floresça em todo o mundo

Em memória das "dez mulheres de Shiraz"

Bahá’ís plantam árvores em Lisboa, para que a liberdade religiosa floresça em todo o mundo

Quem passar pela pequena zona ajardinada junto ao Centro Nacional Bahá’í, na freguesia lisboeta dos Olivais, vai encontrar dez árvores novas. São jacarandás e ciprestes, mas cada um deles tem nome de mulher e uma missão concreta: mostrar – tal como fizeram as mulheres que lhes deram nome – que a liberdade religiosa é um direito fundamental. Trata-se de uma iniciativa da Junta de Freguesia local, em parceria com a Comunidade Bahá’í, para homenagear as “dez mulheres de Shiraz”, executadas há 40 anos “por se recusarem a renunciar a uma fé que promove os princípios da igualdade de género, unidade, justiça e veracidade”.

Qual foi o crime do “padre vermelho”?

7Margens/Antena 1

Qual foi o crime do “padre vermelho”?

Deputado “vermelho” e autarca, o padre José Martins Júnior foi suspenso durante 44 anos das suas funções na Igreja. Mas insiste em que o seu “crime” foi, depois do 25 de Abril, ajudar as populações. Readmitido em Julho de 2019, Martins Júnior conta, nesta entrevista, como foi suspenso e diz como olha para a política e a Igreja neste momento.

“O aborto nunca pode ser um direito fundamental”, defendem bispos católicos da UE

Em vésperas de votação em Bruxelas

“O aborto nunca pode ser um direito fundamental”, defendem bispos católicos da UE

Com a votação da Resolução sobre a inclusão do direito ao aborto na Carta dos Direitos Fundamentais da União Europeia agendada para esta quinta-feira, 11 de abril, em Bruxelas, a Comissão das Conferências Episcopais da União Europeia (Comece) emitiu um comunicado onde reitera que “o direito à vida é o pilar fundamental de todos os outros direitos humanos” pelo que “o aborto nunca pode ser um direito fundamental”.

Nicarágua: 11 pastores evangélicos condenados a prisão e avultadas multas

Sem provas dos alegados crimes

Nicarágua: 11 pastores evangélicos condenados a prisão e avultadas multas

A justiça da Nicarágua condenou 11 pastores evangélicos ligados à organização norte-americana Mountain Gateway a penas de 12 e 15 anos de prisão, bem como ao pagamento de uma multa de 80 milhões de dólares (cerca de 74 milhões de euros), “por falsas acusações de lavagem de dinheiro”,  denunciou a ADF International, que já apresentou o caso à Comissão Interamericana de Direitos Humanos.

2025 pode mesmo ser o ano em que católicos e ortodoxos passam a celebrar a Páscoa juntos

Patriarca Bartolomeu otimista

2025 pode mesmo ser o ano em que católicos e ortodoxos passam a celebrar a Páscoa juntos

Ao contrário do que é habitual, no próximo ano a Páscoa calha no mesmo dia para católicos (que seguem o calendário gregoriano) e ortodoxos (que usam o calendário juliano). E o Patriarca Ecuménico Bartolomeu, de Constantinopla, acredita que não se trata de uma coincidência, mas sim de um sinal de que, precisamente no ano em que irá assinalar-se o 1700º aniversário do Concílio de Niceia, haverá finalmente acordo para uma data que unifique todos os cristãos na celebração da ressurreição de Jesus.

Jesuítas sobre Gaza: “Não podemos ficar calados!”

Conflito traduz "ferida aberta", diz comunicado

Jesuítas sobre Gaza: “Não podemos ficar calados!”

“Quase seis meses de guerra em Gaza e as armas não se calaram. Nós, os membros da Companhia de Jesus (os Jesuítas), como tantos outros católicos, cristãos, homens e mulheres de todas as religiões e não crentes, recusamo-nos a ficar em silêncio”. Foi desta forma que a Companhia, ao nível global, veio a público, com uma posição tomada na passada sexta-feira, 29 de março, dia em que os cristãos assinalavam a paixão e morte de Jesus.

Restrições governamentais à religião atingem “níveis máximos”

Estudo revela

Restrições governamentais à religião atingem “níveis máximos”

Um trabalho de investigação levado a cabo pela organização Pew Research Center mostra que em 2021 as restrições governamentais à religião atingiram um “novo pico global”, registando a “pontuação mediana global mais alta” em quase 20 anos. Os resultados do estudo foram divulgados este mês de março pela organização sem fins lucrativos sediada em Washington D.C., nos Estados Unidos da América (EUA), que analisa estes dados globais há quase duas décadas.

Proclamar a vida num mundo cheio de “sinais de morte”

Mensagem de Páscoa do bispo de Vila Real

Proclamar a vida num mundo cheio de “sinais de morte”

“Proclamar a vida, renovar a esperança” é o tema da mensagem de Páscoa do bispo de Vila Real, António Augusto Azevedo, na qual o prelado refere que no “mundo se ampliam os sinais de morte, provocada por armas cada vez mais sofisticadas e letais, pela fome e pela doença que afetam populações inteiras, por doenças ou por cataclismos, estes em resultado, no todo ou em parte, de alterações climáticas a que a ação humana não é alheia”.

A política deste tempo de Páscoa

A política deste tempo de Páscoa

A celebração cristã da Páscoa tem a ver com uma nova vida, mas a consciência mundial continua a ser inundada por ideias de morte, onde ela está a ocorrer em consequência da guerra e da fome e de como fazê-la acontecer – pensemos na eutanásia e no aborto. Os políticos podem torcer as mãos sobre a guerra e a fome, mas continuam a pagar as bombas e a prestar ajuda humanitária. Se a vida é preciosa, porque é que é tão difícil fazer o que está certo? [Texto de Phyllis Zagano]

Papa apresenta o judeu Rami e o palestiniano Bassam, dois exemplos de paciência ativa na busca da paz

Audiência geral

Papa apresenta o judeu Rami e o palestiniano Bassam, dois exemplos de paciência ativa na busca da paz

A audiência geral desta quarta-feira, 27, do Papa Francisco, teve na primeira fila dois amigos, um palestiniano e outro israelita, que partilham a dor de terem perdido as respetivas filhas na violência que há muito grassa na região. Ambos integram o Parents Circle Families Forum, um fórum criado em 1995 que reúne famílias de ambos os lados do conflito, afetadas pela morte de descendentes diretos, que procuram pôr em prática a convivência e uma “justiça sustentável”.

Pelas ruas de Jerusalém, 3 mil cristãos celebraram o Domingo de Ramos, mas maioria dos palestinianos ficou de fora

Israel baniu entradas na cidade

Pelas ruas de Jerusalém, 3 mil cristãos celebraram o Domingo de Ramos, mas maioria dos palestinianos ficou de fora

É considerado um dos eventos públicos cristãos mais extraordinários: a procissão de Domingo de Ramos em que milhares percorrem o mesmo trajeto que Jesus terá feito para entrar em Jerusalém e aí celebrar a Páscoa, antes de ser crucificado. E, apesar do conflito Israel-Palestina em curso, voltou a realizar-se este ano. Só que com a participação de muito menos fiéis que o habitual, dado que Israel proibiu a maioria dos cristãos palestinianos na Cisjordânia ocupada de entrar na cidade.

Excesso de ajustes diretos na JMJ, mas metade do investimento fica para o futuro

Auditoria do Tribunal de Contas

Excesso de ajustes diretos na JMJ, mas metade do investimento fica para o futuro

Uma auditoria do Tribunal de Contas concluiu que as Jornadas Mundiais da Juventude que decorreram no ano passado em Lisboa não foram devidamente planeadas, o que levou a que mais de metade dos contratos tivesse sido por ajuste direto. Apesar disso, o relatório, divulgado esta sexta-feira, 22 de março, não aponta quaisquer indícios de infrações financeiras e destaca que metade do investimento vai ter utilizações futuras.

Se queres a guerra, despreza a paz

Se queres a guerra, despreza a paz

“A geração que hoje dirige o Ocidente dá a impressão de ter aprendido pouco ou nada do que a Europa e o mundo viveram na primeira metade do séc. XX, a ponto de começar a ser descabido ou mesmo perigoso procurar caminhos de paz.” A reflexão de Manuel Pinto, no À Margem desta semana.

Igrejas europeias rejeitam manipulação de “valores cristãos” por discursos racistas

Antecipando eleições

Igrejas europeias rejeitam manipulação de “valores cristãos” por discursos racistas

Os responsáveis de quatro organizações representativas de Igrejas na Europa rejeitam a manipulação de “valores cristãos” por discursos racistas, na campanha para as próximas eleições europeias. A mensagem fica expressa numa declaração divulgada esta quarta-feira, 20 de março, assinada pelos representantes da Comissão das Conferências Episcopais da União Europeia (COMECE, Igreja Católica), da Conferência das Igrejas Europeias (CEC), da Assembleia Interparlamentar da Ortodoxia e do movimento ecuménico ‘Together for Europe’ (Juntos pela Europa).

Começa o Ano Novo para os bahá’is, mas muitos estão impedidos de celebrar

Dia de Naw-Ruz

Começa o Ano Novo para os bahá’is, mas muitos estão impedidos de celebrar

“Feliz Ano Novo!” foi uma das frases mais proferidas nesta quarta-feira, 20 de março, no nosso planeta. Não, não é engano, nem brincadeira: é que este é o dia de Naw-Ruz (ou Nowruz), expressão persa que significa “novo dia”. Começou a ser celebrado há mais de três mil anos pelo Zoroastrismo – uma religião monoteísta com origem na antiga Pérsia (atual Irão) – e ainda hoje é assinalado por mais de 300 milhões de pessoas no Médio Oriente, Ásia Central, e não só. Para a comunidade Bahá’i em todo o mundo, trata-se do dia sagrado que assinala o início de cada novo ano. É a festividade mais importante de todas, apesar de muitos não poderem celebrá-la como gostariam.

Proposta de código penal da Arábia Saudita viola direitos humanos

Amnistia Internacional acusa

Proposta de código penal da Arábia Saudita viola direitos humanos

Não restam dúvidas: a proposta daquele que será o primeiro código penal escrito da Arábia Saudita “não cumpre as normas universais de direitos humanos”. A Amnistia Internacional (AI) teve acesso ao esboço do documento e denunciou esta terça-feira, 19 de março, que o texto “consagra as práticas repressivas existentes: penaliza os direitos à liberdade de expressão, de pensamento e de religião e não protege o direito à liberdade de reunião pacífica”.

Cristianismo, marxismo e o valor da liberdade

Um livro, um debate

Cristianismo, marxismo e o valor da liberdade

Pode um católico estar comprometido em estruturas da sua Igreja, e, ao mesmo tempo, ser marxista, pertencer a um partido comunista ou socialista? A pergunta exprime inquietação de jovens católicos portugueses dos idos anos [19]70, acostumados a reunir-se, uns e outros, à procura de respostas e vias mobilizadoras para construção de vida pessoal e coletiva.

Igreja africana contra a espoliação de recursos naturais, causa de sofrimento

Em seminário no Gana

Igreja africana contra a espoliação de recursos naturais, causa de sofrimento

O Simpósio das Conferências Episcopais da África e Madagáscar (SCEAM) denuncia a exploração abusiva da mineração e dos recursos naturais, desde logo por ser a causa de conflitos e de sofrimento. A acusação foi escutada durante um seminário sobre o tema “Conflitos em África no Contexto da Exploração dos Recursos Naturais e Minerais”, que, entre 8 e 10 de Março, em Accra, no Gana, reuniu cerca de quarenta participantes, incluindo bispos, padres e leigos.

Lei da eutanásia “pode ter de voltar ao Parlamento”

Provedora de Justiça requer inconstitucionalidade

Lei da eutanásia “pode ter de voltar ao Parlamento”

Promulgada em 16 de maio do ano passado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e a aguardar regulamentação, a lei da eutanásia “pode ter de voltar ao Parlamento”, admitiu esta quarta-feira, 13 de março, o recém-eleito deputado pela AD e antigo bastonário da Ordem dos Médicos Miguel Guimarães, um dia depois de a provedora de justiça ter requerido ao Tribunal Constitucional a declaração de inconstitucionalidade da mesma.

Papa Francisco reza pelo Haiti

Declarações no Ângelus

Papa Francisco reza pelo Haiti

O Papa alertou hoje, no Vaticano, para a crise política e humana no Haiti, apelando ao fim da violência no país. “Sigo com preocupação e dor a grave crise que atinge o Haiti e os episódios violentos que, nos últimos dias”, disse, desde a janela do apartamento pontifício, após a recitação do Ângelus.

Jesuítas divulgam manifesto para “inspirar os cidadãos neste tempo de eleições”

"Por um país sonhado por todos"

Jesuítas divulgam manifesto para “inspirar os cidadãos neste tempo de eleições”

O Ponto SJ, portal dos Jesuítas em Portugal, acaba de publicar o manifesto “Por um País sonhado para todos”, onde fica expressa “a visão de um Portugal mais justo e coeso, mobilizado, a crescer e com futuro”. O texto resulta da iniciativa Ponto de Cruz que, ao longo das últimas sete semanas, debateu os principais desafios do país à luz da Doutrina Social da Igreja, e tem como objetivo “inspirar os cidadãos neste tempo de eleições”.

Xeque Munir: “Porque ninguém faz nada para travar o bombardeamento em Gaza?”

Acesso a Al Aqsa sem restrições no Ramadão

Xeque Munir: “Porque ninguém faz nada para travar o bombardeamento em Gaza?”

O Ramadão, que se deverá iniciar na noite do próximo domingo, 10 de Março, é um “mês sagrado que cria uma ligação especial do crente com o Criador, que nos faz reflectir o que somos e o que temos”, diz o xeque Munir, imã da Mesquita Central de Lisboa (MCL). Mas este ano o Ramadão terá um sabor amargo, tendo em conta o que está a acontecer na Faixa de Gaza, onde predominam os muçulmanos. Apesar de o Governo israelita ter anunciado que não aplicará restrições especiais aos árabes israelitas muçulmanos para acederem à mesquita de Al-Aqsa, em Jerusalém.

Sem consensos, graças a Deus

Sem consensos, graças a Deus

“O ‘confrontacionismo’ exacerbado que se instalou na vida pública em Portugal começa a mostrar-se tão irredutível como o que singra noutras sociedades ocidentais. O seu maior veneno radica nas minorias que não aceitam derrotas.” A reflexão de Jorge Wemans, no À Margem desta semana.

Cristãos e compromisso cívico

Cristãos e compromisso cívico

A procura em diferentes contextos – familiares, laborais, sociais ou políticos – de opções enquadradas por uma matriz enraizada nos Evangelhos, na Doutrina Social da Igreja, no Sínodo em curso e nos marcantes desafios do Papa Francisco, alertando para o compromisso individual, “Não fiquem no sofá, sejam protagonistas da História”, com óbvio reflexo comunitário, sustentaram esta reflexão, em tempo eleitoral.

Ucrânia: lei polémica sobre organizações religiosas conhece versão mais restritiva

Igreja Ortodoxa Russa será proibida

Ucrânia: lei polémica sobre organizações religiosas conhece versão mais restritiva

Uma comissão parlamentar da Rada, o parlamento da Ucrânia, aprovou nesta terça-feira, 5 de março, por unanimidade, uma nova versão do projeto de lei 8371 que muitos veem como tendo por principal objetivo conduzir ao encerramento da atividade da Igreja Ortodoxa da Ucrânia (IOU), a principal denominação ortodoxa do país, historicamente ligada ao Patriarcado de Moscovo.

“Como cristãos, não podemos demitir-nos da política. Votem, votem, votem!”

O apelo de um grupo de leigos católicos

“Como cristãos, não podemos demitir-nos da política. Votem, votem, votem!”

Há quem lhe chame “manifesto” e tenha querido assinar por baixo, outros reconheceram o seu valor, mas preferiram não se associar por discordarem de um ou mais dos seus pontos-chave. Falamos de “Oito Princípios e um Mandamento – Votar com Discernimento”: um texto que nasceu da reflexão de uma equipa de casais de Nossa Senhora, em Lisboa, que quis “ir mais além” e desafiar também outros cristãos a refletir sobre a importância de votar… e a não se demitirem da política. Ao longo dos últimos dias, esta proposta de reflexão foi divulgada online, partilhada nas redes sociais e distribuída à saída da missa em várias paróquias do patriarcado. E promete não ficar por aqui.

Patriarcado Ortodoxo Romeno cria nova estrutura religiosa em território da Ucrânia

Para complicar uma situação já complexa

Patriarcado Ortodoxo Romeno cria nova estrutura religiosa em território da Ucrânia

O Sínodo do Patriarcado Ortodoxo da Roménia, que se reuniu na última quinta-feira, 29 de fevereiro, decidiu criar uma estrutura religiosa chamada Igreja Ortodoxa Romena na Ucrânia, para enquadrar as comunidades ortodoxas deste país, que se estendem por mais de uma centena de paróquias, situadas sobretudo na zona de Vukovina, na região sudoeste ucraniana.

Mais de 1.000 tibetanos detidos pelas autoridades chinesas após protestos pacíficos

Grupo de Apoio ao Tibete denuncia

Mais de 1.000 tibetanos detidos pelas autoridades chinesas após protestos pacíficos

A polícia chinesa deteve mais de 1.000 pessoas tibetanas, incluindo monges de pelo menos dois mosteiros, na localidade de Dege (Tibete), na sequência da realização de protestos pacíficos contra a construção de uma barragem hidroelétrica, que implicará a destruição de seis mosteiros e obrigará ao realojamento dos moradores de duas aldeias. As detenções aconteceram na semana passada e têm sido denunciadas nos últimos dias por várias organizações de defesa dos direitos humanos, incluindo o Grupo de Apoio ao Tibete-Portugal.

O ressentimento não melhora o país

O ressentimento não melhora o país

“O ressentimento é hoje um sentimento amplamente partilhado. Experimentado por muitos, o ressentimento é também bastante fomentado e instrumentalizado, designadamente pelos que julgam poder obter benefícios políticos ao assanhar emoções – através das redes sociais, sobretudo – e devastar a concórdia cívica.” A reflexão de Eduardo Jorge Madureira, no À Margem desta semana.

Mais dez associações banidas na Nicarágua, quatro delas cristãs

Perseguição continua

Mais dez associações banidas na Nicarágua, quatro delas cristãs

Há apenas dez dias, o Governo da Nicarágua retirava a personalidade jurídica à associação nacional de escutismo e a outras sete instituições de cariz social ou religioso. Agora, mais dez organizações não governamentais (ONG) foram banidas, quatro delas cristãs. O Vatican News fala de “uma espoliação silenciosa, perpetrada de forma sistemática, que está gradualmente a apagar dezenas e dezenas de organizações cristãs e católicas da geografia de associações do país”.

Embaixador da Palestina na Santa Sé pede cessar-fogo para o Ramadão e a Páscoa

Reunido com Gallaguer

Embaixador da Palestina na Santa Sé pede cessar-fogo para o Ramadão e a Páscoa

Com o aproximar do Ramadão (tempo sagrado para os muçulmanos, que este ano se inicia a 11 de março) e da Páscoa cristã (que será celebrada no final do próximo mês), o embaixador palestiniano junto da Santa Sé, Issa Kassissieh, fez esta semana um apelo para que se chegue a um acordo de cessar-fogo antes dos dias mais importantes nos calendários muçulmano e cristão, sublinhando a necessidade de assistência humanitária imediata. 

Padre italiano sofre tentativa de envenenamento após denunciar atividades da máfia

Lixívia no cálice

Padre italiano sofre tentativa de envenenamento após denunciar atividades da máfia

O padre Felice Palamara, pároco em Cessaniti, uma localidade na província italiana de Vibo Valentia (Calábria), terá sido vítima de uma tentativa de envenenamento enquanto celebrava a missa do passado sábado, 24 de fevereiro. Ao aproximar-se do cálice que continha o vinho que deveria beber no momento da comunhão, percebeu, pelo cheiro, que o mesmo continha lixívia. Interrompeu a liturgia e chamou a polícia local, que confirmou através de uma análise laboratorial a presença do produto desinfetante.

Conselho Português de Igrejas Cristãs apela a voto que “salvaguarde conquistas” do 25 de Abril

Rejeitando "discursos políticos autoritários"

Conselho Português de Igrejas Cristãs apela a voto que “salvaguarde conquistas” do 25 de Abril

O Conselho Português de Igrejas Cristãs (COPIC) apela ao voto “de todas e todos” os portugueses nas legislativas de março, e também nas eleições para o parlamento Europeu que irão acontecer em junho, “como forma de participação cívica e de salvaguarda das conquistas e desenvolvimentos alcançados ao longo de 50 anos de democracia”, aludindo assim ao aniversário do 25 de Abril que este ano se assinala.

Seis religiosos, um padre e um professor católicos raptados no Haiti

Igreja particularmente ameaçada

Seis religiosos, um padre e um professor católicos raptados no Haiti

Um padre que acabava de celebrar missa na capela de N. Sra de Fátima, seis Irmãos do Sagrado Coração e um professor leigo que se dirigiam para a escola católica João XXIII, ambas no centro de Porto Príncipe (capital do Haiti), foram raptados na passada sexta-feira por um gangue que está neste momento a exigir à Igreja Católica do Haiti elevados resgates para libertá-los,

O regresso da sombra da escravidão

O regresso da sombra da escravidão

Vivemos um tempo de grande angústia e incerteza. As guerras multiplicam-se e os sinais de intolerância são cada vez mais evidentes. A fim de ser concreta também a nossa Quaresma, o primeiro passo é querer ver a realidade. O direito internacional e a dignidade humana são desprezados. [O texto de Guilherme d’Oliveira Martins]

Corpo de Alexei Navalny já foi entregue à mãe

Nove dias após a sua morte numa prisão russa

Corpo de Alexei Navalny já foi entregue à mãe

O corpo do líder da oposição russa, Alexei Navalny, foi entregue à sua mãe, informou ontem, sábado, Ivan Zhdanov, diretor da Fundação Anti-Corrupção de Navalny e um dos seus principais assessores na sua conta de Telegram. O responsável agradeceu a “todos” os que apelaram às autoridades russas para que devolvessem o corpo de Navalny à sua mãe, citado pela Associated Press.

Líder do Conselho Mundial de Igrejas com líderes políticos e religiosos na Terra Santa para fazer ouvir o apelo a “uma paz justa”

Visita termina esta quinta-feira

Líder do Conselho Mundial de Igrejas com líderes políticos e religiosos na Terra Santa para fazer ouvir o apelo a “uma paz justa”

Ao longo dos últimos seis dias, o secretário-geral do Conselho Mundial de Igrejas (CMI), Jerry Pillay, empenhou-se a 100% naquela que designou de “uma missão especial”. E não é caso para menos. O líder religioso – que representa 352 igrejas protestantes, ortodoxas, anglicanas e evangélicas em todo o mundo – esteve em Israel e na Palestina, numa tentativa de “tornar mais forte” e verdadeiramente audível o apelo que há muito vem fazendo “por uma paz justa” na região.

Vice-presidente da Conferência Episcopal Haitiana ferido em explosão

Violência aumenta em Porto Príncipe

Vice-presidente da Conferência Episcopal Haitiana ferido em explosão

O bispo Pierre-André Dumas, vice-presidente da Conferência Episcopal Haitiana (CEH), ficou ferido na sequência de uma explosão na casa onde se encontrava hospedado durante a sua visita à capital do país, Porto Príncipe. O incidente foi conhecido esta terça-feira, 20, através de uma nota da CEH, mas terá ocorrido já no domingo, altura em que se intensificaram os tumultos protagonizados por gangues que ocupam mais de 80% da cidade .

Cristãos têm “responsabilidade acrescida” nas eleições, dizem bispos portugueses

Nota da CEP

Cristãos têm “responsabilidade acrescida” nas eleições, dizem bispos portugueses

Se é verdade que “escolher quem nos representa no Parlamento é um dever de todos e ninguém deve excluir-se deste momento privilegiado para colaborar na construção do bem comum”, também é verdade que a responsabilidade é “acrescida” no caso dos cristãos, que devem “participar na vida política e na edificação da comunidade” sempre “à luz do Evangelho e da Doutrina Social da Igreja”, defendem os bispos católicos em Portugal.

Bispo de Alepo pede fim das sanções económicas à Síria

Um ano depois do terramoto no país

Bispo de Alepo pede fim das sanções económicas à Síria

No primeiro aniversário do terramoto que atingiu o norte da Síria, o bispo arménio ortodoxo de Alepo, Magar Ashkarian, apelou, através da Fundação AIS, ao fim das sanções económicas impostas ao país, dizendo que a situação está a tornar-se “intolerável” para as famílias. Também o responsável de projectos da AIS para a Síria, Xavier Stephen Bisits, sublinha a urgência da ajuda à comunidade cristã, lembrando que o norte do país, mais afectado pelo sismo, tem “uma das populações civis mais vulneráveis do mundo…”

Igrejas cristãs na Índia preocupadas com inquéritos aos seus missionários

Segundas intenções do Governo?

Igrejas cristãs na Índia preocupadas com inquéritos aos seus missionários

Várias instituições religiosas cristãs do Estado indiano de Madhya Pradesh receberam recentemente questionários das polícias locais solicitando dados pessoais e profissionais dos missionários que as integram. Uma ação semelhante havia sido iniciada em julho de 2023 e interrompida assim que os questionários foram divulgados pela comunicação social. Os responsáveis pelas comunidades falam em “segundas intenções” da parte do Governo e receiam partilhar as informações pedidas.

Sinais de inquietação: a parte que nos cabe

Sinais de inquietação: a parte que nos cabe

Não faltam, nos dias que correm, motivos para as cidadãs e os cidadãos atentos estarem preocupados. Aproximam-se momentos decisivos quanto ao futuro, nomeadamente com as eleições legislativas de 10 de março e, três meses mais tarde, as eleições para o Parlamento Europeu.

Autoridades indianas “estão a destruir casas, empresas e locais de culto muçulmanos”

Amnistia Internacional denuncia

Autoridades indianas “estão a destruir casas, empresas e locais de culto muçulmanos”

Já é conhecida entre os políticos e pelos meios de comunicação social na Índia como “a justiça dos bulldozers” e não podia ser mais “cruel e chocante”: na sequência de protestos por parte dos muçulmanos contra a discriminação de que têm sido alvo no país, as suas propriedades estão a ser demolidas sem qualquer justificação legal pelas autoridades indianas, naquela que é uma “campanha de ódio contra a comunidade minoritária”, denunciou esta semana a Amnistia Internacional (AI). [Texto de Clara Raimundo]

Movimento Acção Ética lança sete perguntas aos candidatos à AR

Em vésperas de eleições

Movimento Acção Ética lança sete perguntas aos candidatos à AR

Preocupado com o facto de a Assembleia da República ter aprovado, nos últimos anos, “várias leis que representam um retrocesso ético e civilizacional”, o Movimento de Acção Ética (MAE) decidiu interpelar os partidos políticos a “esclarecerem os eleitores sobre os respectivos programas em matérias de incidência ética”, convidando os candidatos às Legislativas do próximo dia 10 de março a responder a sete perguntas.

Papa lamenta “terrível aumento” dos ataques contra judeus

Em emotiva carta

Papa lamenta “terrível aumento” dos ataques contra judeus

Numa carta pública dirigida aos seus “irmãos e irmãs judeus em Israel”, o Papa expressou consternação com “o terrível aumento de ataques contra judeus em todo o mundo”, registado na sequência do conflito Israel-Palestina. Divulgada no passado sábado, 3 de fevereiro, depois de ter recebido em audiência privada o embaixador de Israel junto da Santa Sé, a missiva de Francisco responde a um apelo feito em novembro por cerca de 400 rabinos e académicos, para que a Igreja Católica atuasse “como um farol de clareza moral e conceptual no meio de um oceano de desinformação, distorção, e engano”.

Está em curso “um genocídio cristão” na Nigéria, alerta bispo católico

Ataques sucedem-se

Está em curso “um genocídio cristão” na Nigéria, alerta bispo católico

São mais de 86 milhões os cristãos na Nigéria – cerca de metade da população do país – mas o bispo Wilfred Anagbe, que lidera a diocese de Makurdi, acredita que poderão desaparecer completamente nas próximas décadas. Nesta terça-feira, 30, dia em que se soube que novos ataques à comunidade cristã no estado de Plateau deixaram dezenas de mortos, Anagbe estava em Washington DC (EUA) para participar na Cimeira Internacional sobre a Liberdade Religiosa. Num evento paralelo promovido pela Fundação Ajuda à Igreja que Sofre, o bispo disse não ter dúvidas: o que está a acontecer na Nigéria é “um genocídio cristão”.

Índia: Cristãos e muçulmanos pressionados a converter-se ao hinduísmo

Campanha "regresso a casa"

Índia: Cristãos e muçulmanos pressionados a converter-se ao hinduísmo

Um grupo de 251 famílias, duas delas muçulmanas e as restantes católicas, correspondente a cerca de mil pessoas, ter-se-á alegadamente convertido à religião hindu no último fim de semana, no estado de Chhattisgarh, no centro da Índia, noticiou uma organização de grupos pró-hindus. Mas o arcebispo católico da região, Victor Henry Thakur, alerta que a informação pode não corresponder à realidade e que se trata de pressão para atingir os cristãos e as suas instituições.

Consagrado um novo bispo na China, após 70 anos de sede vacante

No âmbito de acordo com Vaticano

Consagrado um novo bispo na China, após 70 anos de sede vacante

Taddeo Wang Yuesheng é o novo novo bispo de Zhengzhou (província de Henan, China), que estava em sede vacante há mais de 70 anos. A nomeação foi feita pelo Papa Francisco a 16 de dezembro, mas só conhecida esta quinta-feira, 25 de janeiro, data em que Yuesheng foi consagrado, avançou o Vatican News, sublinhando que a decisão ocorreu no âmbito do acordo provisório entre a Santa Sé e a República Popular da China.

Extermínio na Faixa de Gaza: não esqueceremos!

Extermínio na Faixa de Gaza: não esqueceremos!

A violência inominável com que as forças armadas israelitas têm levado a cabo o extermínio do povo palestino que habitava Gaza não tem paralelo com qualquer outra guerra contemporânea. A teoria que suporta o genocídio em curso é conhecida e há muito que foi desenvolvida nas altas esferas militares israelitas. Nunca se pensou que pudesse ser levada a cabo. Está a acontecer.

“Padres das favelas” denunciam falta de apoio do novo presidente da Argentina

Em carta aberta

“Padres das favelas” denunciam falta de apoio do novo presidente da Argentina

Os “curas villeros” (em português, “padres das favelas”) – grupo de presbíteros argentinos comprometidos com o trabalho pastoral nas periferias – partilharam, numa carta aberta divulgada na semana passada, a sua “grande preocupação pela atual situação social” da Argentina e pela “pouca perspetiva de um Estado que cuide dos mais fracos”. O novo Presidente do país, Javier Milei, tem sido alvo de críticas por parte deste movimento, que considera que a sua conceção minimalista do papel do Governo na sociedade está a contribuir para agravar a crise.

Número de cristãos perseguidos no mundo é o mais alto em 31 anos: ultrapassa os 365 milhões

Relatório Open Doors 2024

Número de cristãos perseguidos no mundo é o mais alto em 31 anos: ultrapassa os 365 milhões

Mais de 365 milhões de cristãos estão atualmente sujeitos a perseguição. O número, só por si, impressiona. E pode impressionar ainda mais se pensarmos que corresponde a um em cada sete cristãos no mundo inteiro… ou seja: quase 15%. Os dados acabam de ser avançados pela organização americana Open Doors, que divulgou esta semana a sua “World Watch List 2024” (uma lista dos 50 países que mais discriminam os cristãos) e deixou o alerta: em 31 anos de registos de perseguição, a tendência tem sido para aumentar, e este foi um ano recorde.

Bispos católicos e anglicanos pedem apoio para requerentes de asilo na Irlanda

Tristes com manifestações de repúdio

Bispos católicos e anglicanos pedem apoio para requerentes de asilo na Irlanda

Os bispos católicos e anglicanos da Irlanda dizem-se “perturbados” e “tristes” com as fortes manifestações que têm ocorrido em algumas cidades portuárias do país, com o objetivo de impedir o acolhimento de requerentes de asilo. Numa declaração conjunta divulgada esta semana, pedem “calma” e lembram que os migrantes “vêm de situações muito angustiantes” e “merecem qualquer nível de ajuda que possa ser oferecido”, mesmo que isso implique “algum sacrifício” da parte de quem acolhe.

Pastor cristão condenado a 14 anos de prisão na China

Igrejas domésticas perseguidas

Pastor cristão condenado a 14 anos de prisão na China

Um pastor protestante, líder de uma igreja doméstica na China, foi condenado a 14 anos de prisão por alegado envolvimento em “práticas comerciais ilegais” e dinamização de um xie jiao (em português, culto proibido). A notícia, avançada esta quarta-feira, 16, pela UCA News, refere que a esposa do pastor e outros quatro réus ligados àquela igreja enfrentam igualmente penas de prisão, embora com duração mais reduzida.

Governo da Nicarágua desterra para o Vaticano dois bispos e 15 padres

São já três os bispos exilados

Governo da Nicarágua desterra para o Vaticano dois bispos e 15 padres

Numa operação que se repete nos últimos três meses, o regime de Daniel Ortega, da Nicarágua, acaba de desterrar para o Vaticano cerca de dúzia e meia de clérigos católicos, incluindo dois bispos, um dos quais Rolando Álvarez, que se encontravam detidos como prisioneiros políticos. Segundo informações do Vatican News, a Roma chegaram na madrugada deste domingo, além do bispo Álvarez, mais 18 membros da Igreja Católica, incluindo o bispo de Siuna, recentemente detido, 15 padres e dois seminaristas.

Júlio Lancellotti, o padre elogiado pelo Papa que a direita acusa de “lucrar com a miséria”

Brasil

Júlio Lancellotti, o padre elogiado pelo Papa que a direita acusa de “lucrar com a miséria”

Estar ao lado dos mais pobres de São Paulo (Brasil), em particular os sem-abrigo e toxicodendentes da região conhecida como Cracolândia, já tinha valido ao padre Julio Lancellotti muito insultos e até ameaças de morte. Agora, o presbítero de 75 anos está a ser acusado por um vereador da cidade de liderar a “máfia da miséria” e “lucrar com o caos na Cracolândia” e a sua ação poderá ser alvo de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) em fevereiro. Várias instituições e personalidades do país manifestaram já o seu apoio a Lancellotti, alertando que se trata de um caso de “perseguição política”.

Papa pede que os crimes de guerra sejam reconhecidos… e prevenidos

Falando aos embaixadores

Papa pede que os crimes de guerra sejam reconhecidos… e prevenidos

Como não podia deixar de ser, o Papa dedicou o seu discurso ao corpo diplomático acreditado junto da Santa Sé – com quem teve o seu tradicional encontro anual nesta segunda-feira, 8 de janeiro – à paz. “Num momento histórico em que a mesma está cada vez mais ameaçada, fragilizada e parcialmente perdida”, Francisco referiu os inúmeros conflitos em curso no mundo e pediu que os crimes de guerra sejam não só reconhecidos como evitados.

Para acabar com o inferno de Gaza

Para acabar com o inferno de Gaza

Como sair disto? As palavras não são minhas: “O ataque criminoso a Gaza não resolverá o massacre atroz que o Hamas executou.” E a solução para o conflito entre Israel e Palestina, não virá de “políticos corruptos” em Israel ou do Hamas. “Virá de nós, filhos e filhas das duas nações.”

Magnata dos média em Hong Kong declara-se inocente, mas ainda arrisca prisão perpétua

Julgamento começou

Magnata dos média em Hong Kong declara-se inocente, mas ainda arrisca prisão perpétua

O magnata da comunicação social de Hong Kong Jimmy Lai declarou-se inocente esta terça-feira, 2, durante o julgamento de segurança nacional em que foi acusado de “sedição” e “conluio”. As acusações contra Lai – fundador do jornal chinês Apple Daily, encerrado em junho de 2021 após a entrada em vigor da nova lei de segurança nacional – giram em torno das publicações daquele diário, por estas apoiarem protestos pró-democracia e criticarem a liderança de Pequim.

Médicos e juristas católicos pedem “escola livre de imposições ideológicas”

Apelando a veto de Marcelo

Médicos e juristas católicos pedem “escola livre de imposições ideológicas”

As Associações de Médicos e de Juristas Católicos manifestaram esta terça-feira, 2 de janeiro, “a sua viva oposição” ao recém-aprovado projeto de lei relativo à implementação nas escolas do “direito à identidade de género e de expressão de género”, por considerarem que este “defende ideias sem qualquer evidência científica” e que “faz da ideologia de género lei em Portugal”.

Jacques Delors: Mais do que Europa

1925-2023

Jacques Delors: Mais do que Europa

Conheci Jacques Delors antes de se tornar mito. Foi a militância cristã que acompanhei desde os anos setenta. Conheci-o pessoalmente na passagem dos anos noventa para 2000. Falámos então sobre a herança de Emmanuel Mounier, sobre a Educação para o século XXI e sobre questões candentes na construção europeia, que muito o preocupavam, como o alargamento, o défice democrático e a perda na coesão económica e social. Em outubro de 2000, celebrámos na UNESCO em Paris, com Paul Ricoeur e Guy Coq os cinquenta anos do filósofo do “Traité du Caràctere”. (Um texto de Guilherme d’Oliveira Martins)

Uma vida política inspirada pela mensagem cristã

Jacques Delors

Uma vida política inspirada pela mensagem cristã

Ator e testemunha de um século vibrante e dramático, Jacques Delors faleceu esta quarta-feira, 27 de dezembro, no seu apartamento parisiense, com a idade de 98 anos, depois de uma vida intensa, marcada pela construção europeia e pela dimensão social e inspirada pela sua fé cristã.

Bom Natal e Feliz Ano Novo

Bom Natal e Feliz Ano Novo

Hoje como ontem, em muitas latitudes, há guerras escandalosas e guerras que suscitam a indiferença da comunidade internacional. É preciso, como sempre, vozes que ajudem a construir uma paz global. O mundo, a Europa e Portugal têm problemas cuja resolução tarda: “A paz, o pão, habitação, saúde, educação”. Mas o Natal é portador de um convite cuja antítese é a resignação.
Talvez possamos, por isso, continuar a desejar Bom Natal e Feliz Ano Novo.

Nós e os outros: o “grande problema” no inverno do mundo

Nós e os outros: o “grande problema” no inverno do mundo

O grande desafio da educação para a paz passa por olhar o outro, os outros – pessoas, grupos, povos – como enriquecimento, em vez de ameaça; querer conhecer melhor as suas culturas e anseios, em vez de me fechar numa atitude autorreferencial; “escutar com o coração”, como sugeria recentemente o Papa Francisco, em lugar de apenas ouvir; e aprender a fazer caminho com os outros, em vez de à revelia dos outros. Por aí se poderá desatar o nó cego do “grande problema”.

“Deus abraça todo o oceano, abraça todo o planeta”

Arcebispo Peter Chong, das Ilhas Fiji

“Deus abraça todo o oceano, abraça todo o planeta”

“Deus é como o abraço do oceano. Deus abraça todo o oceano, na verdade abraça todo o planeta”, diz o arcebispo Peter Loy Chon, 62 anos, nascido em Namata, nas Ilhas Fiji, e terceiro arcebispo de Suva, no mesmo arquipélago. Bispo desde Junho de 2013, fez o doutoramento na Califórnia (Estados Unidos) e preside neste momento à Federação das Conferências dos Bispos Católicos da Oceânia, que inclui as conferências episcopais da Austrália, Nova Zelândia, Papua-Nova Guiné e Oceânia (Fiji, Samoa e pequenas ilhas). No rescaldo da COP28 sobre o clima, Peter Chong faz, nesta entrevista ao 7MARGENS, um ponto de situação sobre o papel dos cristãos e da Igreja Católica.

“Queremos dizer às igrejas de todo o mundo: infelizmente, o Natal na Palestina é assim”

Presépio com Jesus entre escombros

“Queremos dizer às igrejas de todo o mundo: infelizmente, o Natal na Palestina é assim”

Há pouco mais de dois mil anos, terá sido num estábulo, sob o céu estrelado, pacificamente deitado numa manjedoura, que os pastores encontraram Jesus acabado de nascer. Se fosse hoje, nem estábulo, nem manjedoura, muito menos paz. Apenas destroços da guerra e o perigo iminente de mais um bombardeamento, num conflito que prossegue sem fim à vista. Por isso, na igreja evangélica luterana de Belém, o presépio este ano é diferente: não deixa de haver Menino Jesus, mas não o deitaram sobre a palha, e sim sobre um monte de escombros. E o pano em que o envolveram é um keffiyeh, o lenço preto e branco que representa a resistência palestiniana. 

Em cada dia, dois cristãos são atacados na Índia

Perseguição cresceu com Modi

Em cada dia, dois cristãos são atacados na Índia

A perseguição aos cristãos “aumentou acentuadamente” na Índia com a chegada ao poder do partido pro-hindu de Narendra Modi, alerta a organização de defesa dos direitos humanos United Christian Forum (UCF), com sede em Nova Delhi. Só este ano, foram registados 687 ataques a cristãos (pelo menos dois por dia), um número muito superior aos 147 registados, ao todo, em 2014, ano em que Modi foi eleito primeiro-ministro.

Somos cúmplices da desumanidade

Somos cúmplices da desumanidade

Há uma rusga, uma inspeção, e os jornais enchem-se de títulos entre o sensacionalismo e o déjà vu.  É notícia de abertura em todos os noticiários. De cada vez que tal acontece, existe sempre a esperança de que o assunto seja por fim discutido e levado a sério; que apareçam os comentadores de serviço a analisar o problema; que as diferentes organizações levantem a voz em defesa da humanidade. Pura ilusão. Na verdade, somos todos cúmplices de um crime que se perpetua.

Judeus da Europa “mais angustiados que nunca” face ao aumento do antissemitismo

Estudo revela

Judeus da Europa “mais angustiados que nunca” face ao aumento do antissemitismo novidade

O mais recente relatório da Agência da União Europeia para os Direitos Fundamentais (FRA) não deixa margem para dúvidas: o antissemitismo cresceu nos últimos cinco anos e disparou para níveis sem precedentes desde o passado mês de outubro, o que faz com que os judeus a residir na Europa temam pela sua segurança e se sintam muitas vezes obrigados a esconder a sua identidade judaica.

Fundadora da Comunidade Loyola castigada pelo Vaticano é ministra da comunhão em Braga

Decreto de extinção a marcar passo?

Fundadora da Comunidade Loyola castigada pelo Vaticano é ministra da comunhão em Braga novidade

A pouco mais de três meses de se completar um ano, prazo dado pelo Vaticano para extinguir a Comunidade Loyola, um instituto de religiosas fundado por Ivanka Hosta e pelo padre Marko Rupnik, aparentemente tudo continua como no início, com as casas a funcionar normalmente. No caso da comunidade de Braga, para onde Ivanka foi ‘desterrada’ em meados de 2023, por abusos de poder e espirituais, a “irmã” tem mesmo estado a desenvolver trabalho numa paróquia urbana, incluindo como ministra extraordinária da comunhão, com a aparente cobertura da diocese.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Sobreviventes de abusos acusam bispos de os “revitimizar” no processo de compensações financeiras

Contra a obrigação de repetir denúncias

Sobreviventes de abusos acusam bispos de os “revitimizar” no processo de compensações financeiras novidade

Vários sobreviventes de abusos sexuais no seio da Igreja Católica expressaram, junto da presidência da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), o seu descontentamento quanto ao “método a utilizar para realizar as compensações financeiras”, dado que este obriga todas as vítimas que pretendam obtê-las a repetirem a denúncia que já haviam feito anteriormente.

Cuidar do outro com humanidade

Cuidar do outro com humanidade novidade

A geração nascida em meados do século passado foi ensinada a respeitar os mais velhos, a escutá-los e seguir os seus ensinamentos, dada a sua condição de anciãos e, por tal, sabedores daquilo que é melhor para a família, para cada comunidade e para a sociedade em geral. Era assim que se preparavam as novas gerações para aprenderem a respeitar o outro, os seus pais, irmãos e avós, cuidando deles e uns dos outros, desde a nascença até à morte. [Texto de Caseiro Marques]

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This