Distrito de Vila Real

Fórum mobiliza 30 personalidades pela erradicação da pobreza

| 19 Mai 2024

pobreza mendigo foto direitos reservados

Com o desígnio de erradicar a pobreza, o grupo nasceu de uma iniciativa da Rede Europeia Anti Pobreza. Foto: Direitos reservados.

“Promover a reflexão e o debate sobre o problema social da pobreza e da exclusão social” é o principal objetivo do Fórum Cidadania Pela Erradicação da Pobreza, que envolve cerca de 30 cidadãos de diferentes áreas de atividade – professores universitários e de outros níveis de ensino, assistentes sociais, empresários, técnicos e dirigentes associativos – dois ex-deputados (Luís Ramos, do PSD, e António Martinho, do PS) e o embaixador Seixas da Costa.

Sob o desígnio de erradicar a pobreza, o grupo, nascido de uma iniciativa da Rede Europeia Anti Pobreza (EAPN) que possui uma equipa dinamizadora no distrito de Vila Real, “resulta de uma interação voluntária entre pessoas e entidades, que convoca e envolve a sociedade”, está empenhado na “construção de uma sociedade com mais garantia de direitos e de igualdade de oportunidades”.

Em Vila Real, de acordo com Artur Cristóvão, antigo docente e ex-vice-reitor da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), o fórum distrital, “com uma natureza autónoma, independente e voluntária, enquadra-se num contexto de partilha de informação, conhecimento, ideias e de mobilização para a ação e inovação social na base da reflexão e análise das necessidades no âmbito da problemática da pobreza e exclusão social”.

“Sendo a pobreza um fenómeno estrutural, complexo e multidisciplinar, o exercício de reflexividade, mediação institucional e lobby implicará envolver no Fórum distrital várias áreas científicas, disciplinares, técnicas, institucionais e profissionais”, acrescenta.

No último ano, o fórum realizou um conjunto de debates temáticos, em diferentes concelhos, “com o objetivo de chamar a atenção para a pobreza no distrito”. Foram tratados os temas “pobreza energética”, “envelhecimento”, “saúde e pobreza”, “rendimento suficiente”, “educação e pobreza” e “migrações e cidadania”.

Núcleo Distrital de Vila Real do Fórum foi constituído em fevereiro de 2023. Foto DR

Núcleo Distrital de Vila Real do Fórum foi constituído em fevereiro de 2023. Foto: Direitos reservados.

Em 2024, pretende continuar a envolver todos os que atuam nas áreas da saúde, educação e ação social. Brevemente, a 29 de maio, na UTAD, levará a cabo um seminário sobre “Pobreza e território – evocando os 50 anos do 25 de abril e refletindo sobre o futuro” e um conjunto de debates sobre os temas: “Rendimento laboral e pobreza”, “Habitação social e colaborativa”, “Novas respostas sociais para o envelhecimento”, “Alimentação, saúde e pobreza”, “Retrato da pobreza no Norte e em Vila Real”. O mote fundamental do Fórum continua a ser “a vontade de promover a reflexão e o debate sobre o problema social da pobreza e da exclusão social”.

 

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo”

Na Casa de Oração Santa Rafaela Maria

Uma tarde para aprender a “estar neste mundo como num grande templo” novidade

Estamos neste mundo, não há dúvida. Mas como nos relacionamos com ele? E qual o nosso papel nele? “Estou neste mundo como num grande templo”, disse Santa Rafaela Maria, fundadora das Escravas do Sagrado Coração de Jesus, em 1905. A frase continua a inspirar as religiosas da congregação e, neste ano em que assinalam o centenário da sua morte, “a mensagem não podia ser mais atual”, garante a irmã Irene Guia ao 7MARGENS. Por isso, foi escolhida para servir de mote a uma tarde de reflexão para a qual todos estão convidados. Será este sábado, às 15 horas, na Casa de Oração Santa Rafaela Maria, em Palmela, e as inscrições ainda estão abertas.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Patriarca de Lisboa convida “todos” para “momento raro” na Igreja

A um mês da ordenação de dois bispos

Patriarca de Lisboa convida “todos” para “momento raro” na Igreja novidade

O patriarca de Lisboa, Rui Valério, escreveu uma carta a convocar “todos – sacerdotes, diáconos, religiosos, religiosas e fiéis leigos” da diocese para estarem presentes naquele que será o “momento raro da ordenação episcopal de dois presbíteros”. A ordenação dos novos bispos auxiliares de Lisboa, Nuno Isidro e Alexandre Palma, está marcada para o próximo dia 21 de julho, às 16 horas, na Igreja de Santa Maria de Belém (Mosteiro dos Jerónimos).

O exemplo de Maria João Sande Lemos

O exemplo de Maria João Sande Lemos novidade

Se há exemplo de ativismo religioso e cívico enquanto impulso permanente em prol da solidariedade, da dignidade humana e das boas causas é o de Maria João Sande Lemos (1938-2024), que há pouco nos deixou. Conheci-a, por razões familiares, antes de nos encontrarmos no então PPD, sempre com o mesmo espírito de entrega total. [Texto de Guilherme d’Oliveira Martins]

“Sempre pensei envelhecer como queria viver”

Modos de envelhecer (19)

“Sempre pensei envelhecer como queria viver” novidade

O 7MARGENS iniciou a publicação de depoimentos de idosos recolhidos por José Pires, psicólogo e sócio fundador da Cooperativa de Solidariedade Social “Os Amigos de Sempre”. Publicamos hoje o décimo nono depoimento do total de vinte e cinco. Informamos que tanto o nome das pessoas como as fotografias que os ilustram são da inteira responsabilidade do 7MARGENS.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This