Quatro anos refém no Mali

Freira colombiana libertada saudada pelo Papa

| 10 Out 21

 

Papa Francisco abençoa Ir. Glória Argori, freira colombiana que esteve sequestrada. Foto © Vatican Media

 

O Papa cumprimentou neste domingo, 10, no Vaticano, a religiosa colombiana Gloria Cecilia Narvaez Argori, que foi recentemente libertada após um sequestro no Mali, que durou quatro anos, desde 2017.

O encontro deu-se de manhã, noticiou a Ecclesia, antes da missa de abertura do Sínodo da Igreja Católica que se concluirá com a assembleia de bispos em Outubro de 2023.

A fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) referiu entretanto que a libertação de Glória Argoti, após quatro anos de cativeiro, foi recebida com festejos e “muita alegria” na Colômbia.

“É com uma enorme alegria que posso comunicar desde a Colômbia desde a cidade de Pasto, a libertação da minha querida irmã Glória Cecília”, disse o irmão Edgar, destacando o papel dos jornalistas, bem como as orações e a mobilização de pessoas em todo o mundo, incluindo Portugal, para que chegasse ao fim o cativeiro da religiosa franciscana.

Ao longo dos mais de quatro anos de cativeiro, a irmã Glória conseguiu comunicar com a família enviando algumas cartas através da Cruz Vermelha Internacional.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

“A longa viagem começa por um passo”, recriemos…

“A longa viagem começa por um passo”, recriemos… novidade

Inicio o meu quarto ano de uma escrita a que não estava habituada, a crónica jornalística. Nos primeiros três anos escrevi sobre a interculturalidade. Falei sobre o modo como podemos, por hipótese, colocar as culturas moçambicanas e portuguesa a dialogarem. Noutras vezes, inclui a cultura judaica, no diálogo com essas culturas. De um modo geral, tenho-me questionado sobre a cultura, nas suas diferentes manifestações: literatura, costumes, comportamentos sociais, práticas culturais, modos de ser, de estar e de fazer.

O Sínodo dos Bispos não é o sínodo da Igreja

O Sínodo dos Bispos não é o sínodo da Igreja novidade

Está a Igreja Católica Romana a caminhar para mais um Sínodo dos Bispos, a acontecer em 2023, e para isso toda uma máquina funciona no sentido da obtenção de mais diretivas ao serviço do Evangelho. Vamos lá lembrar o que está a acontecer: já não é a primeira vez que se realiza um Sínodo dos Bispos para refletir sobre algumas questões colocadas, sem que, no entanto, se sintam alterações substantivas ao funcionamento da Igreja, dando vitalidade ao seu caminhar.

Fale connosco

Dar voz ao silêncio

Contactos da Comissão Independente

https://darvozaosilencio.org/

E-mail: geral@darvozaosilencio.org

Telefone: (+351) 91 711 00 00

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This