Igreja Católica

Bispo polaco acusado de encobrir pedofilia substituído rapidamente pelo Papa novidade

É uma atitude fora do comum no Vaticano: substituir um bispo no próprio dia em que celebra os 75 anos (a idade a partir da qual pode retirar-se, devendo apresentar o pedido de resignação).  Mas parece que o Papa não quis esperar nem mais um dia para afastar o arcebispo polaco de Gdansk, Sławoj Leszek Głódź, acusado de encobrir inúmeros casos de abuso sexual dentro da Igreja. Nesta quinta-feira, 13 de agosto, dia em que Głódź assinalava o seu 75º aniversário, a Santa Sé comunicou que Francisco tinha aceite a sua resignação e nomeado um administrador temporário para a diocese.

Papa discursa na assembleia geral da ONU em setembro novidade

O Papa Francisco participará na abertura da assembleia geral das Nações Unidas (ONU), que decorrerá de 15 a 30 de setembro de 2020, avançou o jornal católico espanhol Alfa y Ómega. Pela primeira vez em 75 anos, por causa da pandemia de covid-19, os líderes mundiais não irão reunir-se fisicamente em Nova Iorque para esta assembleia, estando previsto que gravem antecipadamente as suas mensagens. Assim fará também Francisco.

“Se não cuidarmos uns dos outros, não podemos curar o mundo”, a segunda lição do Papa sobre a pandemia

Tal como prometera na semana passada, o Papa aproveitou mais uma audiência-geral das quartas-feiras para refletir sobre a pandemia de covid-19 e as respostas possíveis à luz do cristianismo. Nesta quarta-feira, 12 de agosto, sublinhou que “se não cuidarmos uns dos outros, a começar pelos últimos, os mais afetados, incluindo a criação, não podemos curar o mundo” e chamou “heróis” aos que arriscam as suas vidas para cuidar dos doentes.

“Os assassinatos têm de parar!”, exigem bispos da Nigéria

O presidente da Conferência Episcopal Nigeriana, Augustine Akubese, divulgou um comunicado em que apela aos políticos do país, pedindo-lhes que não instrumentalizem as mortes que têm vindo a suceder-se na sequência dos contínuos ataques terroristas na região norte da Nigéria. Face à crescente insegurança, o arcebispo de Benin City defende que “deveria haver uma única resposta da parte de todos: os assassinatos têm de parar”.

Assassinado reitor do Seminário Romero, em El Salvador

O padre Ricardo Cortez, reitor do Seminário Santo Óscar Arnulfo Romero e pároco da povoação de San Francisco Chinamequita, em El Salvador, foi assassinado na passada sexta-feira, 7 de agosto. A diocese de Zacatelouca, à qual pertencia, emitiu um comunicado onde pede a investigação do crime, que considera “inexplicável” e “execrável”, avança o Vatican News.

Pedro Casaldáliga (1928-2020): profeta, bispo, poeta, estrelas nascidas em muitas mãos

Um dos seus poemas fala da revolução já estalada, um outro das estrelas nascidas em muitas mãos. Pedro Casaldáliga, bispo católico brasileiro, expoente da teologia da libertação, ameaçado de morte sucessivas vezes, alvo de um atentado, morreu neste sábado aos 92 anos. Profeta, defensor dos povos indígenas e de uma Igreja mais despojada, foi coerente com o que defendia até ao fim…

Abusos sexuais na Igreja: Vítimas no Chile pedem indemnização de 1,3 milhões e um novo escândalo no Quebeque

As vítimas dos crimes de abuso sexual cometidos pelos padres da diocese de Valparaíso, no Chile, exigem ao bispado regional mais de 1,3 milhões de euros em indemnizações. Numa ação interposta esta quarta-feira, 5 de agosto, a diocese é acusada de ter atuado de forma negligente. No dia seguinte, era tornada pública a autorização do Supremo Tribunal de Justiça do Québec a uma ação coletiva interposta por 330 ex-residentes no orfanato Mont d’Youville, gerido pelas Missionárias da Caridade. As religiosas são acusadas da prática de abusos psicológicos, físicos e sexuais ao longo de sete décadas.

Manuel Cargaleiro oferece painel de azulejos a paróquia de Lisboa

Foi como “escrever uma oração” ou fazer “o ramo mais bonito para Deus”. Assim definiu o pintor e ceramista Manuel Cargaleiro o seu mais recente trabalho: um painel de azulejos, que ofereceu à Paróquia de São Tomás de Aquino, em Lisboa. A cerimónia de inauguração e bênção decorreu esta segunda-feira e contou com a presença do autor, avança o Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.

Papa lança ciclo de reflexões sobre como responder à crise “à luz da Igreja”

O Papa Francisco quer ajudar a “curar o mundo” e construir “o futuro de que precisamos”. Por isso decidiu iniciar na última quarta-feira, 5 de agosto, ao retomar as suas audiências-gerais após a tradicional pausa de verão, um ciclo de reflexões sobre a pandemia e as respostas que podem ser dadas à crise, “à luz do Evangelho, das virtudes teologais e dos princípios da doutrina social da Igreja”.

75 anos de Hiroshima: “Água, quero água.” E o relógio do padre Arrupe parou para sempre nas 8h15  

A tragédia de Hiroshima, de que neste dia 6 de Agosto de 2020 se assinala o 75º aniversário (e de Nagasaqui, três dias depois), foi vivida na primeira pessoa pelo padre Pedro Arrupe, que viria a ser geral dos jesuítas. O seu relógio parou na hora da explosão. “Não é uma recordação, é uma vivência perpétua fora da história, que não acontece sem o seu tiquetaque. O ponteiro parou e Hiroshima deteve-se, cravada no nosso espírito”, escreveria ele.

75 anos da bomba atómica: Nuclear não é “fantasma do passado”, alertam bispos católicos e protestantes

Já passaram 75 anos sobre os bombardeamentos atómicos nas cidades japonesas de Hiroshima e Nagasaki, ocorridos a 6 e 9 de agosto de 1945, mas “a guerra nuclear e o uso de armas semelhantes como dissuasão não são fantasmas do passado”, evidenciam a Comissão Episcopal Alemã para a Justiça e a Paz e o Conselho das Igrejas Ecuménicas na Alemanha num comunicado conjunto. Também no Japão, nos EUA, e um pouco por todo o mundo, os responsáveis pelas Igrejas revelam receios face às ameaças de destruição e apelam à abolição definitiva do armamento nuclear.

Líbano: O que acontece quando explode a capital de uma nação que já estava à beira do colapso?

“Apocalíptico” será talvez o melhor adjetivo para definir o cenário que se vive atualmente em Beirute. Num país que já se encontrava devastado pela pior crise financeira de sempre desde a guerra civil de 1975-1990, exacerbada pela pandemia de coronavírus, as duas grandes explosões que arrasaram parte da capital libanesa esta terça-feira, 4 de agosto, foram um duro golpe. Os relatos que chegam das organizações católicas e de ajuda humanitária no terreno são unânimes: a crise é tão profunda, que neste momento estão a trabalhar “não para combater a pobreza, mas para salvar vidas”.

Nicarágua: Ataque à catedral de Manágua reflete “ódio à Igreja Católica”

A catedral metropolitana de Manágua, na Nicarágua, foi atingida na passada sexta-feira, 31 de julho, por um engenho explosivo que incendiou a Capela do Sangue de Cristo e destruiu um crucifixo com mais de 300 anos que ali era venerado. A arquidiocese de Manágua já reagiu, considerando que este ato vem somar-se a uma série de episódios que “refletem o ódio à Igreja Católica”. Este foi o 24º ataque sofrido pela Igreja da Nicarágua nos últimos 20 meses.

Sopas do Espírito Santo dão a volta ao mundo em novos selos de correio

Um “teatro”, um bodo e uma coroa para a circulação de âmbito nacional; foliões, um “balho” e uma pomba para a Europa; e uma bênção do bodo, as sopas e uma rosquilha de massa sovada para o resto do mundo. O culto do Paráclito, ou seja, “aquele que ajuda, conforta, anima, protege, intercede” está desde a última quinta-feira, 30 de Julho, representado numa emissão filatélica dos Correios de Portugal, dedicada às festas do “Senhor Espírito Santo”, como é habitualmente designada nos Açores a terceira pessoa da Santíssima Trindade cristã.

Na festa muçulmana do sacrifício, católicos apelam à unidade

“Amados irmãos muçulmanos”, assim se dirigiu o patriarca caldeu, Louis Raphael Sako, a todos os cidadãos de fé islâmica no Iraque, que na tarde de quinta-feira, 30 de julho, iniciaram as celebrações de Eid al Adha, a festa do sacrifício. No mesmo dia, também os bispos católicos franceses dirigiam uma carta a todos os muçulmanos, apelando a uma cada vez maior fraternidade e solidariedade entre as diferentes religiões.

Núncio de França convoca “mulheres apóstolas” para reunião, depois de uma delas receber ameaças de morte

O núncio de França convocou esta semana para uma reunião as sete “mulheres apóstolas” que no passado dia 22 de julho entregaram as suas candidaturas a cargos reservados aos homens na Igreja Católica. A primeira a ser contactada pelo representante do Papa, Celestino Migliore, foi a teóloga francesa Sylvaine Landrivon, que horas antes tinha recebido uma carta anónima com ameaças de morte.

Cardeal critica relação de “submissão e domínio” dos homens sobre as mulheres na Igreja

O cardeal brasileiro João Braz de Aviz, prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica do Vaticano, criticou o que considera a relação de “submissão e domínio” que os homens frequentemente têm sobre as mulheres na Igreja Católica, e sublinhou a necessidade de uma renovação mais profunda da vida religiosa em toda a linha.

Radiografia dos abusos sexuais actualizada no Chile

A Rede de Sobreviventes de Abusos Eclesiásticos, do Chile, actualizou o mapa de denúncias contra padres, religiosas e funcionários ligados à Igreja Católica, por abuso sexual, de poder e consciência. Esta nova versão acrescenta 41 novas denúncias.

Projeto do Papa na Ucrânia ajudou um milhão de pessoas

Chegou ao fim o projeto “Papa da Ucrânia”, lançado em 2016 naquele país, depois de um investimento de 15 milhões de euros, que permitiu ajudar a melhorar a qualidade de vida a um milhão de pessoas. Aquecimento, medicação, roupas, alimentos, artigos de higiene e apoio psicossocial foram algumas das ajudas prestadas à população ucraniana nos últimos quatro anos.

“O grande sonho da Economia de Francisco é uma transformação na sociedade” – um debate dos Focolares em vídeo, nesta quinta, 30

“O grande sonho d’A Economia de Francisco é uma transformação na sociedade, uma transformação no modo como vemos o mundo.” A afirmação é do economista Ricardo Zózimo, num debate pré-gravado sobre a economia social no contexto da pandemia da covid-19, que na noite desta quinta-feira, 30 de Julho, às 21h30, será transmitido no canal do Movimento dos Focolares no YouTube.

Vaticano e diocese de Hong Kong vítimas de ataques informáticos da China

Numa altura em que aumentam as especulações sobre a renovação do acordo provisório entre a Santa Sé e a China, que expira em setembro, a organização não governamental norte-americana Redorded Future descobriu que o Vaticano e a diocese de Hong Kong terão sido alvo de ataques informáticos por parte de hackers chineses.

Texto da Santa Sé sobre paróquias mina o Caminho Sinodal da Alemanha mas também o do Papa, criticam bispos alemães

Interferência, frustração, um texto que faz mais mal do que bem, travão. Na Alemanha, entre algumas vozes a favor, as críticas à instrução sobre as paróquias, do Vaticano, não pouparam nas palavras: vários bispos e responsáveis leigos sentiram o texto como visando precisamente as experiências que estão a ser tentadas no país, de modo a tentar estancar a hemorragia de crentes.

Bispos brasileiros acusam Bolsonaro de “incompetência”, “totalitarismo” e “obscurantismo”

Um grupo de 152 bispos brasileiros assinou uma carta contendo inúmeras críticas ao governo de Jair Bolsonaro. A publicação do texto estava prevista para o passado dia 22 de julho, mas foi suspensa pela conferência episcopal do Brasil para que o seu conteúdo fosse revisto. Na versão original, à qual o jornal brasileiro Folha de São Paulo teve acesso, os representantes católicos acusam o atual governo de “incompetência” e “incapacidade” para enfrentar a crise, e de agir contra a democracia, aproximando-se do “totalitarismo” e apelando a “ideias obscurantistas”.

Supremo Tribunal do México em vias de despenalizar aborto em todo o país

O Supremo Tribunal de Justiça mexicano discute esta quarta-feira, 29 julho, uma proposta para a despenalização do aborto até à 12ª semana de gestação no estado de Vera Cruz, mas que poderá vir a ser transposta para os restantes estados do país. A conferência episcopal mexicana e inúmeras instituições pró-vida já se manifestaram contra.

Tráfico de pessoas: Vaticano manifesta indignação e pede leis que protejam os mais vulneráveis

A Santa Sé participou na 20ª Conferência da Aliança contra o Tráfico de Pessoas, que decorreu na semana passada em Viena (Áustria), onde manifestou indignação face à discrepância entre o elevado número de vítimas e o reduzido número de traficantes condenados e defendeu a criação de um sistema legislativo que garanta “que os direitos das vítimas não sejam violados”, oferecendo-lhes “toda a assistência necessária”, noticiou o Vatican News.

Uma sinodalidade portuguesa?

José Ornelas, bispo de Setúbal e, agora, presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), será um dos três bispos portugueses em maior consonância com a abertura do bispo de Roma, Francisco. Outros dois serão o de Leiria-Fátima, D. António Marto, e D. José Tolentino Mendonça, o que se poderá traduzir numa maior abertura da Igreja Católica Romana à sinodalidade que “não é inimiga, antes pelo contrário, da unidade”.

China reconhece terceiro bispo católico em pouco mais de um mês, mas perseguições continuam

O bispo Paulo Ma Cunguo, da diocese de Shouzhou (no norte da província de Shanxi), é o terceiro bispo clandestino a ser reconhecido pelas autoridades chinesas no espaço de pouco mais de um mês e o sexto a integrar a Associação Patriótica Católica chinesa desde o acordo assinado em 2018 entre a China e o Vaticano. Ainda este mês, deverá ter lugar em Roma uma nova ronda de conversações entre as autoridades de ambos os estados, com o objetivo de atualizar o acordo. Mas de diversas regiões da China continuam a chegar relatos de perseguições contra os cristãos.

Ex-núncio do Vaticano julgado em novembro e nova denúncia contra ex-cardeal McCarrick

O ex-núncio do Vaticano em França, Luigi Ventura, é acusado de agressão sexual por pelo menos quatro homens e irá a julgamento no próximo dia 10 de novembro, em Paris, avançou a AFP esta quinta-feira, 23 de julho. Nos EUA, o ex-cardeal e arcebispo emérito de Washington, expulso no ano passado por pedofilia, é agora alvo de novas acusações pelo presumível abuso de menores numa casa de praia, onde também outros religiosos praticariam o mesmo crime.

Sete mulheres candidatam-se a cargos reservados aos homens na Igreja Católica

Diácono, padre, bispo, núncio apostólico… todas estas funções essenciais na hierarquia da Igreja Católica estão reservadas aos homens, mas em França houve sete mulheres que decidiram desafiar as regras e candidatar-se a elas. Pertencem ao coletivo “Toutes Apôtres!” (“Todos Apóstolos!”, em português) e escolheram simbolicamente o dia de Santa Madalena, considerada a “13ª apóstola”, assinalado a 22 de julho, para entregar as suas candidaturas na nunciatura francesa, em Paris.

Rádios e imprensa de inspiração cristã no “estado de fecho iminente”

A Associação de Rádios de Inspiração Cristã (ARIC) e a Associação de Imprensa de Inspiração Cristã (AIC) manifestaram a sua preocupação com a difícil situação financeira em que se encontram as rádios e publicações que representam, muitas delas em risco de fechar, e apelam ao Governo para que as medidas de emergência para os media, anunciadas em abril, avancem o mais rapidamente possível.

Expulsão de iraquianos dos EUA é “desumana e imoral”, acusa Patriarcado Caldeu   

O Patriarcado Caldeu acusa o governo norte-americano de estar a proceder a uma deportação “desumana e imoral” de iraquianos que residem nos EUA, forçando-os muitas vezes a separar-se das suas famílias ou a levarem consigo para o Iraque filhos que nasceram nos Estados Unidos e não falam árabe, expondo toda a família a um elevado risco de isolamento social e de falta de meios de subsistência.

Igrejas renovam apelo à abolição da energia nuclear

A poucos dias do 75º aniversário dos ataques de Hiroshima e Nagasaki, o Conselho Mundial de Igrejas lançou esta segunda-feira, 20 de julho, um novo apelo “por um mundo livre de armas nucleares”. Também os bispos do Japão renovaram o seu apelo, reeditando um livro, agora com tradução em inglês e disponível para download online, no qual apresentam os motivos teológicos e éticos de sua oposição convicta ao uso da energia nuclear como fonte de energia.

Álvaro, o jovem peregrino de Santiago a quem o Papa escreveu

Álvaro tem 15 anos, é o sétimo de dez irmãos e, apesar de ter nascido com uma deficiência intelectual, define-se como um jovem “com capacidades que nem imaginas”. Se alguma dúvida houvesse em relação a isso, dissipou-se há pouco mais de uma semana, quando cumpriu um dos seus grandes objetivos: peregrinar a pé até Santiago de Compostela. Entre os objetivos que estão ainda por cumprir, inclui-se um jantar com o Papa. Agora não será talvez a melhor altura para esse tipo de encontros, mas, em alternativa, Francisco enviou-lhe uma carta.

Vaticano nega ter interferido na exumação de Franco

O Vaticano desmentiu esta terça-feira, 21 de julho, o primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, depois de este ter afirmado em entrevista a um jornal italiano que a Igreja Católica interferiu na exumação e trasladação do corpo do antigo ditador Francisco Franco.

Itália acolhe 10 refugiados, Reino Unido recusa entrada a 200

Depois de longos meses de espera, devido à pandemia de covid-19, dez refugiados que se encontravam no campo de Moria (na ilha de Lesbos, Grécia) chegaram na semana passada a Roma. Foram os primeiros após a reabertura de um dos corredores humanitários italianos. Enquanto isso, no Reino Unido, o número de migrantes que entraram no país através do Canal da Mancha bateu recordes: 180 em apenas um dia. Mas outros 200 foram intercetados e forçados a voltar para os campos improvisados no norte de França.

Venezuela “a desmoronar-se” entre a fome e o coronavírus, com 96% das pessoas em situação de pobreza

A Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) divulgou esta terça-feira o relato do bispo de San Carlos, na Venezuela, sobre a situação que se vive atualmente no país. Para Polito Rodriguez Méndez, cuja diocese fica a cerca de 250 quilómetros a sudoeste da capital Caracas, não restam dúvidas: “o país está a desmoronar-se” e precisa urgentemente de ajuda humanitária internacional. “Caso contrário, não temos outra alternativa: ou morremos do coronavírus ou morremos de fome”, afirma.

Morreu o dominicano frei Mateus Peres, teólogo moral e exímio pregador

O frade dominicano Mateus Peres, especialista em Teologia Moral e que integrou uma geração de católicos marcada por preocupações sociais, políticas e de aprofundamento teológico, morreu na noite de domingo para segunda-feira, 20 de Julho, no Hospital de Santa Maria, em Lisboa. Tinha 87 anos e era um exímio teólogo moral e pregador, fazendo jus ao nome da Ordem dos Pregadores a que pertencia.

Mudanças na nunciatura da Santa Sé em Lisboa por causa da JMJ

O colombiano Mauricio Rueda Beltz, que há quatro anos era responsável pelas viagens internacionais do Papa, será o novo conselheiro da nunciatura apostólica (embaixada) da Santa Sé em Lisboa, a partir de final de Agosto. A notícia veio este sábado, 18 de Julho, no Avvenire, diário da Conferência Episcopal Italiana, confirmando assim uma das hipóteses que tinha sido antecipada há dias pelo Il Sismografo, conforme o 7MARGENS noticiara.

Cáritas Internacional reforça apelos ao cessar fogo global e ao perdão da dívida dos países pobres

A Cáritas Internacional apresentou esta quinta-feira o seu relatório anual relativo a 2019, tendo apelado ao cessar-fogo global e ao perdão da dívida dos países mais pobres como a única via para “salvar as vidas de milhões de pessoas”, reforçando assim os apelos já feitos pelo secretário-geral das Nações Unidas, o português António Guterres, e pelo Papa.

EUA: Bispos católicos contra Trump por negar asilo a refugiados

O episcopado norte-americano considera que as novas regras propostas pelo Departamento de Segurança Nacional e de Justiça do país, que eliminam a possibilidade de oferecer asilo a pessoas em fuga de situações de violência doméstica ou da perseguição de grupos armados, são ilegais e terão “consequências devastadoras”.

Núncio apostólico em Portugal de saída ou com conselheiro?

O arcebispo italiano Ivo Scapolo, nomeado núncio apostólico (embaixador da Santa Sé) para Portugal em agosto de 2019, poderá estar em vias de deixar o cargo, noticiou esta quarta-feira o Il Sismografo. Scapolo, acusado de ter sido um dos principais encobridores dos abusos sexuais na Igreja do Chile, onde estava antes de ser transferido para Portugal, deverá ser substituído pelo monsenhor Mauricio Rueda Beltz, atual organizador das viagens papais.

Rede de abusos sexuais denunciada na Igreja Católica no Perú

Uma investigação jornalística do jornal peruano La República denunciou esta semana a existência de uma rede de abusos sexuais de menores e adolescentes perpetrados por diversos padres do país, com o encobrimento e negligência de vários bispos, entre eles o presidente da Conferência Episcopal Peruana (CEP) e do Conselho Episcopal Latinoamericano (Celam).

Cardeal Rosa Chavéz fala sobre opção pelos pobres e evoca 45 anos da nomeação de D. Manuel Martins para bispo de Setúbal

Será um vídeo-debate para “fazer memória, demonstrar gratidão e rasgar novos caminhos” aquele que acontecerá via internet nesta quinta-feira, 16 de Julho, com a participação do cardeal Gregório Rosa Chávez, bispo auxiliar emérito de San Salvador (El Salvador) e que evocará os 45 anos da nomeação de D. Manuel Martins como primeiro bispo de Setúbal – que se completam precisamente nesse dia.

Cáritas e Fundação S. João de Deus lançam campanhas para combater pobreza e exclusão em Portugal

A Cáritas Portuguesa lançou esta terça-feira, 14 de julho, uma campanha de solidariedade para angariar fundos que permitam reforçar o seu programa de assistência socioeconómica a nível nacional e para o qual tem recebido cada vez mais solicitações. Face ao número crescente de pessoas em situação de pobreza, também a Fundação São João de Deus (FSJD), habitualmente mais dedicada à área da saúde mental, avançou esta segunda-feira com uma campanha de fundos para apoiar diversas comunidades através da entrega de cabazes alimentares e de higiene.

Leigo nomeado líder pastoral de paróquia alemã

Pela primeira vez, foi atribuída a um leigo a gestão pastoral de uma paróquia, por decisão da diocese de Münster, na Alemanha. A medida, aplicada à paróquia de St. Georg en Saerbeck, surge na sequência da saída do pároco anterior e da impossibilidade de o substituir, devido ao reduzido número de padres, avança o jornal ABC.

Ennio Morricone na liturgia católica em Portugal

Embora músico semi-profissional – pertencia então à Equipa Diocesana de Música do Porto, presidida pelo padre doutor Ferreira dos Santos – desconhecia por completo, em 1971, quem era Ennio Morricone: sabia apenas que era o autor de uma balada cantada por Joan Baez, que ele compusera para o filme Sacco e Vanzetti (1971). Não me lembro como me chegou às mãos um vinil com essa música. Também não tinha visto o filme e não sabia nada dos seus protagonistas que hoje sei tratar-se de dois anarquistas de origem italiana condenados à cadeira eléctrica nos Estados Unidos, em 1927, por alegadamente terem assassinado dois homens…

Um exercício lento e sólido de teologia bíblica

No deserto pleno de ruídos em que vivemos – de notícias e conferências, de estradas engarrafadas e redes sociais saturadas –, é possível ver surgirem vozes de pensamento, de sabedoria sobre o que nos rodeia e nos habita. As páginas deste livro constituem uma dessas vozes. Cabe-nos escutá-la.

Bolsonaro veta obrigação do governo de assegurar água potável e ajuda hospitalar a indígenas durante a pandemia

O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, vetou esta quarta-feira, 8 de julho, um projeto de lei aprovado pela câmara de deputados e pelo senado federal, que previa medidas de apoio urgentes para os povos indígenas durante a pandemia. Entre estas medidas, incluíam-se a obrigação de o governo assegurar “acesso a água potável” e garantir “a oferta emergencial de camas hospitalares e de terapia intensiva” a estas populações. O Conselho Indigenista Missionário (CIMI) expressou o seu “repúdio” pelo “preconceito, o ódio e a violência do atual governo em relação aos povos indígenas” e um grupo de ONGs já levou o tema às Nações Unidas.

Igreja Católica pede anulação da “lei do terror” nas Filipinas

É suposto ser uma lei anti-terrorismo, mas já lhe chamam a “lei do terror”. A nova legislação em vigor nas Filipinas desde sábado, 4 de julho, admite penas até prisão perpétua para quem incite a atos considerados terroristas e prevê a detenção de suspeitos de terrorismo sem mandado, nem compensações em caso de engano. As críticas e manifestações contra a lei promulgada pelo presidente Rodrigo Duterte têm-se multiplicado nos últimos dias e inúmeros advogados, líderes religiosos e representantes da sociedade civil entraram esta semana com um recurso junto do Supremo Tribunal para solicitar a sua anulação.

Aquilino e Bartolomeu dos Mártires: o “pai dos pobres e mártir sem desejos”

Aquilino Ribeiro, escritor de prosa escorreita, pujante, honrou a dignidade da língua portuguesa à altura de outros antigos prosadores de grande qualidade. Irmanado com a Natureza beirã: aves, árvores, animais e homens. Espirituoso e de fina ironia, é bem o Mestre da nossa Língua. Em “Dom Frei Bertolameu” faz uma espécie de hagiografia do arcebispo de Braga, D. Frei Bartolomeu dos Mártires (1514-1590), canonizado pelo Papa Francisco a 6 de Julho de 2019.

Moçambique: AIS lança campanha de emergência para ajudar cristãos de Cabo Delgado

“O que aconteceu em 2014 no Iraque está a repetir-se agora em Moçambique. Pessoas decapitadas, igrejas e comunidades religiosas atacadas e vandalizadas, aldeias destruídas. (…) Cabo Delgado está sob ataque”, alerta a Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS), que em resposta aos “inúmeros pedidos de socorro” que tem recebido lançou esta quarta-feira, 8 de julho, uma campanha de oração e de ajuda de emergência para a Igreja local.

“Não queremos que vivam aqui cristãos.” Cresce a violência contra as minorias religiosas no Paquistão

“Todas as pessoas que moram nesta rua são muçulmanas e não querem que vivam aqui cristãos”, foi com estas palavras que a família de Nadeem Joseph foi recebida ao mudar-se para um bairro de Peshawar, uma das principais cidades do Paquistão, no início de junho. Três semanas depois, um dos vizinhos assassinou-o. Os bispos católicos do país pedem proteção para esta família e alertam para o aumento da discriminação das minorias religiosas no país, apelando ao governo que faça cumprir a constituição.

Burkina Faso: “Crise esquecida” coloca 2,2 milhões de pessoas em risco de morrer à fome

Nos próximos meses, no Burkina Faso, 2,2 milhões de pessoas estarão em situação de carestia extrema, o que significa que poderão morrer à fome. O número é três vezes superior ao registado em 2019, alertou esta segunda-feira, 6 de julho, o diretor da Cáritas naquele país, padre Constantin Sere. O responsável fala de uma “crise esquecida” pelo resto do mundo e apela urgentemente à ajuda internacional, numa altura em que se aproxima a estação das chuvas torrenciais naquela região.

Nova lei em Hong Kong: as duras críticas dos cardeais e o estranho silêncio do Papa

O cardeal Charles Maung Bo, presidente da Federação de Conferências Episcopais Asiáticas (FABC), e o cardeal Joseph Zen, bispo emérito de Hong Kong, teceram duras críticas à nova lei de segurança nacional aprovada por Pequim para aquela região, considerando que constitui uma enorme ameaça à liberdade de expressão e religião. O Papa Francisco terá também planeado abordar este tema na sua alocução após a oração do Angelus no passado domingo, 5 de julho, mas por algum motivo desistiu de o fazer.

Mais de 100 bispos exigem legislação para acabar com “abusos das empresas”

Um grupo de mais de 100 bispos de vários países, incluindo Portugal, assinou uma petição dirigida à presidência do Conselho da União Europeia, denunciando as violações aos direitos humanos praticadas no contexto do comércio internacional, em particular durante a pandemia, e pedindo a criação de leis que impeçam as empresas de explorar os trabalhadores.

Papa assinala sete anos da viagem a Lampedusa com missa especial online

O Papa Francisco celebra esta quarta-feira, 8 de julho, o sétimo aniversário daquela que foi a primeira (e talvez mais icónica) viagem do seu pontificado: a visita à ilha de Lampedusa. A data é assinalada com uma eucaristia presidida por Francisco na Casa Santa Marta, a qual terá início às 10 horas de Lisboa, e será transmitida online através dos meios de comunicação do Vaticano.

Padre do Opus Dei condenado por abusos sexuais

O Vaticano condenou por abusos sexuais o padre espanhol Manuel Cociña y Abella, pertencente ao Opus Dei, avançou este sábado, 4 de julho, o jornal Religión Digital. O religioso, de 72 anos, considerado uma figura proeminente dentro da prelatura, terá abusado de vários estudantes que viveram em residências universitárias da Obra, em diversas cidades espanholas, ao longo dos últimos 30 anos.

Papa apoia resolução de cessar fogo da ONU e pede que esta seja “eficaz e rápida”

O Papa manifestou este domingo, 5 de julho, o seu total apoio à resolução adotada pelo Conselho de Segurança da ONU de um cessar-fogo global pelo período de 90 dias, tendo em vista facilitar a luta contra a pandemia de covid-19. Francisco pediu que a decisão seja implementada de forma rápida e eficaz e que este seja o início do caminho em direção à paz no mundo, avançou o Vatican News.

Um “grito de esperança” de redes cristãs em favor da Palestina

Intitula-se “Grito de Esperança” e pretende ser um apelo urgente de redes e grupos cristãos, para que se ponha fim à actual situação dos palestinianos. Assinada pelo patriarca latino emérito de Jerusalém, Michel Sabbah, e pelo coordenador geral da rede Kairos Global pela Justiça, a petição apela à subscrição de todos os interessados, em apoio dos direitos do povo palestiniano, da justiça e da autodeterminação.

Teologia bela, à escuta do Humano

Pensar a fé, a vivência e o exercício do espírito evangélico nos dias comuns, é a tarefa da teologia, mais do que enunciar e provar fórmulas doutrinárias. Tal exercício pede atenção, humildade e escuta dos rumores divinos na vida humana, no que de mais belo e também de mais dramático acontece na comunidade dos crentes e de toda a humanidade.

O poder tende a corromper e o poder absoluto corrompe absolutamente

Presumir a virtude do sujeito que detém o poder é, para além de naïf, algo injusto. Expor qualquer pessoa à possibilidade do poder sem limites (ainda que entendido como serviço) é deixá-la desamparada nas múltiplas decisões que tem de tomar com repercussões não só em si mesma, mas igualmente em terceiros. E também, obviamente, muito mais vulnerável para ceder a pressões, incluindo as da sua própria fragilidade.

Yves Congar, uma viva fonte de inspiração

O dominicano Yves Congar foi um dos maiores teólogos do século XX e continua a ser o eclesiólogo incontornável pela grande viragem que provocou nas abordagens da história e da vida da Igreja. Muito lutou e sofreu por publicar as suas investigações que punham em causa tabus, doutrinas e apologéticas que sufocavam a revisão teológica da sua história e impediam as reformas de que precisava para se abrir às outras Igrejas cristãs, ao universo das outras religiões e ao mundo contemporâneo.

“Não há como voltar atrás”: pandemia fortalece luta das mulheres por um papel mais relevante na Igreja

Durante o período de confinamento, viram-se privadas das missas, e isso só fez crescer nelas a convicção de que poderiam tê-las celebrado sem um padre: dez religiosas alemãs tornaram pública, esta quinta-feira, a sua reivindicação de poderem celebrar eucaristias, e estão cada vez mais acompanhadas nesta luta por um papel relevante da mulher dentro da Igreja Católica. Em França, vão-se somando os apoios à recente candidatura de Anne Soupa a bispa. Nos EUA, sugere-se que o Papa só está à espera que haja mais pressão nesse sentido por parte dos leigos. Na Alemanha, o famoso monge beneditino Anselm Grün assegura que é uma questão de tempo até que o sacerdócio feminino se torne realidade.

Asteroide batizado com nome de astrónomo jesuíta do Vaticano

O asteroide, designado 119248 Corbally, tem cerca de um quilómetro e meio de diâmetro e foi descoberto a 10 de setembro de 2001 por Roy Tucker, engenheiro recentemente reformado, que trabalhou na construção e manutenção dos telescópios usados pelo padre jesuíta.

Peregrinações em tempo de pandemia: Caminho de Santiago com novas regras, Lourdes só através do ecrã

Reabriu esta quarta-feira, 1 de julho, a Catedral de Santiago de Compostela, e com ela o centro de acolhimento ao peregrino, bem como alguns dos albergues do Caminho, mas a pandemia obrigou à implementação de regras especiais para aqueles que queiram percorrer os itinerários até Santiago. Em Lourdes, continuam suspensas todas as peregrinações, mas o Santuário, que reabriu parcialmente, está a preparar para o dia 16 de julho uma “e-peregrinação” global que prevê a participação de “milhões de pessoas de todos os continentes”.

Esperança de renovação

Em entrevista recente a um jornal o novo presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) disse claramente ao que vinha, sem rodeios, o que alimenta alguma esperança de renovação no catolicismo português.

A audiência inédita de Paulo VI que abalou o Estado Novo

A 1 de julho de 1970, o Papa Paulo VI recebeu três líderes dos movimentos de libertação das então colónias portuguesas: Amílcar Cabral, do PAIGC; Agostinho Neto, do MPLA; e Marcelino dos Santos, um dos elementos da troika que dirigia a Frelimo, após o assassinato de Eduardo Mondlane em 1969. O acontecimento reabriu feridas nas relações diplomáticas entre Portugal e a Santa Sé. A gestão da crise e a minimização dos estragos causados na imagem de um regime político que se afirmava como defensor da Igreja Católica não foram suficientes para apagar a perceção de que a estratégia e a doutrina da Santa Sé em relação a África divergiam da política colonial portuguesa.

Nova lei de segurança para Hong Kong criticada por activistas de direitos humanos, mas há um cardeal que não vê problemas

Nove da manhã de 30 de Junho de 2020 em Pequim. Em 15 minutos, por unanimidade, os 162 membros do comité permanente do Congresso Nacional Popular da China aprovaram a nova lei de segurança do território, entre muitas críticas de organizações de direitos humanos e com opiniões diferentes expressas por membros da hierarquia católica da cidade.

“Número dramático de pessoas deixam a Igreja” na Alemanha, Papa incentiva mudanças

Um relatório divulgado na passada sexta-feira, 26 de junho, pela Conferência Episcopal Alemã revela que, em 2019, cerca de 270 mil alemães abandonaram a Igreja Católica, um número que cresceu 26% em relação ao ano anterior. Recebido no dia seguinte pelo Papa Francisco, o representante dos bispos do país, Georg Bätzing, não escondeu a sua preocupação. Na audiência privada, o bispo de Limburgo falou ao Papa do caminho sinodal que está a ser empreendido pela Igreja na Alemanha e o Papa encorajou a continuação do processo de reforma.

Novo directório do Vaticano para a catequese recusa ideologia de género, mas admite “complexidade” e “não julga pessoas”

Um texto que recusa a ideologia de género, considerada uma construção social, embora admita a “complexidade de situações” e afirme que a Igreja “não julga pessoas”; que incentiva a pastoral dos migrantes e o trabalho a favor do meio ambiente; e que favorece o uso das novas tecnologias com uma linguagem em que convirjam a palavra escrita, o som e as imagens. Estas são algumas das linhas principais do novo Directório para a Catequese, o terceiro documento do género em 50 anos, que sublinha o impacto das novas tecnologias e da globalização na transmissão da fé.

Comunhão na mão e reverência pelo divino

Comungar obrigatoriamente na mão obrigar-nos-á a cuidar mais da reverência interior em relação ao sacramento, a termos mais atenção ao gesto, à própria limpeza das mãos. Levar-nos-á talvez a fazer mais atos de reparação e de louvor, por aqueles (às vezes nós) mais desatentos ou rotinizados. Mas não fará de nós mais ou menos pecadores do que éramos comungando na boca.

Que Igreja na Cidade?

Sempre vivi em cidades e entusiasma-me a vida citadina. Umas mais pequenas, outras mais cosmopolitas, metrópoles… cidades a habitar. Como pároco numa cidade, desde o início se foi percebendo a tensão entre território e pertença, entre centro e periferia, entre identidade e fronteiras. Há dois anos, organizámos as primeiras Jornadas interparoquiais de Pastoral da Cidade para dar luz a um caminho novo que se impõe.

Vaticano pede aos media que dêem “notícias justas e precisas” sobre as questões religiosas

A delegação da Santa Sé pediu aos media que não se escondam “atrás da liberdade de expressão como justificação para a discriminação, hostilidade ou violência contra uma religião ou seus membros”. O apelo foi feito durante uma reunião sobre a liberdade de expressão, dinamizada pela Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), que decorreu esta terça-feira em Estrasburgo.

Universidade Católica inicia Ano da Laudato Si’ com compromisso de contribuir para “mundo mais inclusivo e responsável”

A Universidade Católica Portuguesa (UCP) foi uma das instituições a aderir ao “Ano da Laudato Si’”, desafio proposto pelo Papa Francisco para assinalar o quinto aniversário da encíclica. A iniciativa arrancou esta terça-feira, com o compromisso assumido pela reitora da instituição, Isabel Capeloa Gil, de participar “na construção de um mundo melhor, mais inclusivo, mais responsável”.

Exército e presidente turcos agem como “terroristas” contra cristãos curdos, acusam bispos

Aviões turcos bombardearam na noite de sábado para domingo, 21 de junho, a região de Zakho, uma cidade do Curdistão iraquiano na fronteira com a Turquia, conhecida por ser o local onde as comunidades cristãs caldeia, síria e assíria têm as suas raízes. Os ataques, que visam atacar as bases do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) em território iraquiano, provocaram a morte de pelo menos cinco civis e deixaram centenas sem casa. Os responsáveis da Igreja Caldeia acusam o exército turco e o presidente do país, Recep Erdogan, de agirem como “terroristas”.

Morreu João de Almeida, renovador da arquitectura religiosa em Portugal

Em Maio de 2015, manifestava-se, em entrevista ao Expresso um homem “cem por cento contente com a vida”. O arquitecto e pintor João de Almeida, fundador do Movimento de Renovação da Arte Religiosa (MRAR) morreu na segunda-feira, em Lisboa, aos 92 anos. O seu funeral e cremação será esta quarta, 24 de Junho, às 17h, no cemitério do Alto de São João.

Fátima: 24 casos de covid, foco “circunscrito” ao coro do santuário

O Santuário de Fátima confirmou nesta terça-feira, 23 de Junho, a existência de um total de 24 casos positivos de covid-19, entre os 334 trabalhadores e colaboradores sujeitos a testes. “Todos os casos têm ligação ao coro do Santuário e os colaboradores da instituição não têm qualquer contacto com os peregrinos”.

A que nos inspira a encíclica Laudato Si’? Vaticano sugere 200 medidas práticas

“E nós, o que devemos fazer?”, era a questão que, para muitos, surgia na conclusão da leitura da encíclica Laudato Si’, sobre cuja publicação acaba de se passar o quinto aniversário. Para assinalar a data, diversas entidades do Vaticano trabalharam em conjunto e divulgaram na passada quinta-feira, 18 de Junho, um documento com as respostas: trata-se de um manual com mais de 200 recomendações práticas que pretendem que a encíclica ecológica e social do Papa Francisco saia do papel e se transforme em ações concretas.

Igreja pede “prioridade máxima” para o desarmamento nuclear

Numa altura que se receia que as negociações entre Rússia e Estados Unidos para estender o prazo do seu acordo de limitação de armas nucleares não sejam bem sucedidas, os bispos norte-americanos e europeus assumem que o cenário de uma guerra nuclear pode não estar assim tão distante. Numa declaração conjunta, os representantes da Igreja Católica pediram esta segunda-feira que seja dada “prioridade máxima” ao controle de armas e desarmamento nuclear, e deixaram o alerta: “o nosso mundo permanece em grave perigo”.

Leigos e mulheres à frente de paróquias: Igreja Católica alemã ensaia novos modelos de liderança

A diocese de Münster, uma das maiores da Alemanha, acaba de apresentar um documento sobre o tema “Liderança e responsabilidade na Igreja”. Trata-se de uma brochura destinada a provocar debate e reflexão a todos os níveis diocesanos. Apresentam-se vários modelos de liderança para as comunidades paroquiais, como alternativas ao modelo tradicional de um padre/pároco por paróquia.

Santuário de Fátima comunica 16 casos de covid-19 no coro do santuário

O Santuário de Fátima informou neste domingo, ao início da tarde, que há 16 casos de trabalhadores da instituição que tiveram resultado positivo ao teste de covid-19. Os responsáveis do santuário foram informados na sexta-feira de que havia um funcionário infectado. “De imediato foi dada indicação de isolamento profilático para todas as pessoas que tinham contactado diretamente com ele” e decidido realizar testes a todos os trabalhadores e membros do coro.

Presidente da CEP admite debate sobre celibato obrigatório e ordenação de mulheres

O novo presidente da Conferência Episcopal Portuguesa diz que “não veria mal” a possibilidade de haver padres casados na Igreja Católica de rito latino – já que eles existem no rito oriental. Em entrevista ao Público, neste domingo, o também bispo de Setúbal, D. José Ornelas, afirma: “Não vejo mal nisso. Agora a discussão não se deve colocar porque temos pouco padres; deve incidir naquilo que é o sacerdócio e no que ele significa para a Igreja como um dos ministérios fundamentais.”

França: 3.000 crianças vítimas de abusos sexuais na Igreja desde 1950

Ao longo das últimas sete décadas, em França, pelo menos 3.000 crianças foram vítimas de abusos sexuais no seio da Igreja Católica: uma média de mais de 40 casos por ano. Os crimes terão sido perpetrados por cerca de 1.500 religiosos, denunciou esta semana o presidente da Comissão Independente sobre o Abuso Sexual na Igreja (Ciase, na sigla francesa), o jurista Jean-Marc Sauvé.

A Trindade como reflexo da proximidade de Deus

François Varillon, sj, terá questionado, durante uma conferência, o que mudaria na nossa vida se Deus fosse uma só pessoa em vez de três. A pergunta é extremamente pertinente. Será que a nossa fé seria a mesma? A relação interior que cada um tem com Deus seria igual? Será que nos relacionamos com Deus como nas suas três pessoas? Estas e outras perguntas ficam a ecoar em nós perante esta pergunta provocadora.

Tornar o catolicismo português mais franciscano, a tarefa do bispo Ornelas na CEP (análise)

No dia 16 de Junho, 28 bispos elegeram os novos titulares dos órgãos da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), escolhendo o bispo de Setúbal, José Ornelas, como presidente. Até hoje, a CEP não foi muito capaz liderar dinamismos significativos de renovação da Igreja Católica em Portugal. Podem eleições como estas mudar alguma coisa? Podem, mas para tal será preciso reunir a vontade colectiva dos bispos.

Uma história simples: os irmãos Ratzinger

A desconcertante e inesperada notícia da viagem a Munique de Bento XVI [quinta-feira, 18 de junho] para acompanhar os últimos momentos do seu irmão George, na sua premente urgência, é de uma comoção quase épica e, certamente, muito poética.

A favor do argumento ontológico – evidência do Absoluto

A convicção que tenho de que a existência ou as existências particulares implicam inevitavelmente uma Existência Primeira necessariamente existente (Absoluta, Infinita, Eterna) não resulta apenas de derivação lógica por regressão dos efeitos às causas, do múltiplo ao uno. Isso seria muito pouco e ficar-se-ia pelo meramente esquemático. É mais do que isso: é uma forma de argumento ontológico.

Quebeque: Bispos aplaudem proposta de não prescrição dos crimes de abuso sexual

A ministra da Justiça do Quebeque, Sonia LeBel, apresentou recentemente um projeto de lei para alterar o código civil daquela província canadiana, de forma a garantir que as ações interpostas por crimes de abuso sexual e violência doméstica não prescrevam. A proposta conta com o apoio de todos os partidos, bem como da Assembleia dos Bispos Católicos do Quebeque.

Freiras, padres e bispos viram “rappers” para apoiar luta contra a covid-19

O Youtube está a ser “invadido” por dezenas de vídeos de músicas rap interpretadas por seminaristas, freiras, padres e até bispos polacos. Em conjunto ou a solo, os religiosos aderiram ao desafio “Hot16Challenge2”, lançado na Polónia por um grupo de artistas de rap, com o objetivo de angariar fundos para a aquisição de equipamento médico e enfrentar a pandemia de covid-19.

Freiras francesas gravam sete mil horas de canto gregoriano

É provavelmente o maior projeto de gravação de música de sempre: as 42 irmãs beneditinas da Abadia de Notre-Dame de Fidélité de Jouques, em Aix-en-Provence, no sul de França, estão a registar todo o repertório de canto gregoriano existente. Serão três anos de gravações, que darão origem a cerca de sete mil horas de música, a qual ficará disponível para escuta numa plataforma online.

Tolentino Mendonça vence Prémio Europeu Helena Vaz da Silva 2020

O cardeal José Tolentino Mendonça venceu a edição deste ano do Prémio Europeu Helena Vaz da Silva para a Divulgação do Património Cultural, por aquilo que o júri considerou o seu contributo excepcional na “divulgação da cultura e dos valores europeus”, anunciou no sábado, 13 de Junho, o Centro Nacional de Cultura (CNC), uma das entidades promotoras do galardão.

Diáconos não são “sacerdotes de segunda”

Ser diácono significa, como Filipe, o mártir Estevão ou Francisco de Assis – este que nunca quis ser ordenado presbítero –, partilhar a liberdade de Jesus com a Humanidade. Esta no seu todo, estrangulada por quem não respeita a dignidade humana, mas, também não respeita seres vivos, que no seu conjunto são chamados abióticos.

Estátua do padre António Vieira vandalizada em Lisboa já foi limpa pela Câmara

A estátua do padre António Vieira colocada no Largo Trindade Coelho (junto à Igreja de São Roque), em Lisboa, foi vandalizada com mensagens supostamente anti-colonialistas, esquecendo que o jesuíta do século XVII defendeu os povos indígenas e lutou contra a escravatura. A obra apareceu com a palavra “descoloniza” escrita no pedestal e corações vermelhos pintados no peito de crianças indígenas e no rosto do padre António Vieira.

Grupo de teólogos pede ao Vaticano que revogue excomunhão de Lutero

Caso a resposta da Igreja Católica seja positiva, tratar-se-á de um gesto histórico para o ecumenismo: o desafio ao Vaticano para que revogue a excomunhão de Lutero partiu do Grupo de Discussão Ecuménica de Altenberg, uma comunidade de teólogos que se dirigiu também à Federação Luterana Mundial para que retire a declaração de “Anticristo” que Lutero fez a Leão X, o papa que o excomungou.

Barco-hospital Papa Francisco ajuda comunidades isoladas ao longo do Amazonas

O Vaticano reforçou o apoio financeiro ao Barco-Hospital Papa Francisco, a única ajuda com que as comunidades ribeirinhas do oeste do Pará, no Brasil, têm podido contar nas últimas semanas. Isoladas devido à pandemia de coronavírus, muitas famílias não têm como adquirir comida e medicamentos. O hospital fluvial, que tem estado a realizar exames médicos e a distribuir sacos de alimentos e kits de higiene ao longo do Rio Amazonas, irá em breve visitar as comunidades indígenas perto da fronteira com o Suriname.

De Itália, cratera do vulcão covid, desafios e alertas

A covid ainda anda por aí à solta. E lança os tentáculos em direcções complicadas, tentando fazer das suas nas favelas do Rio e S. Paulo, nos musseques de Luanda e Maputo, nos slums de Nairobi e Kampala, nas periferias das megalópoles indianas,… lá, onde parece fácil chegar o fogo e não haver bombeiro que o apague! Rezemos para que tal não aconteça, para bem de todos.

Novo ataque em Moçambique deixa Macomia “totalmente destruída”

A zona urbana de Macomia (província de Cabo Delgado, norte de Moçambique) foi “totalmente destruída”, com “a maioria das infraestruturas do Estado danificadas e a zona comercial reduzida a cinzas”. Essa é, pelo menos, a descrição da irmã Blanca Nubia Castaño, das Carmelitas Teresas de São José, quando a comunidade de irmãs regressou à localidade, após alguns dias refugiadas noutra casa religiosa.

VatiVision: nasceu a “Netflix católica” com a benção do Vaticano

Foi lançada esta segunda-feira uma nova plataforma on demand inspirada na Netflix que disponibiliza séries, filmes, documentários e conteúdos “de caráter cultural, artístico e religioso inspirados na mensagem cristã”. Chama-se VatiVision, nasceu de uma iniciativa de duas empresas privadas italianas, e conta com aprovação do Vaticano.

Cáritas Portuguesa sem meios para ajudar além da alimentação

“Estamos sem meios para podermos valer a necessidades que vão para além da alimentação”. O alerta é do presidente da Cáritas Portuguesa, Eugénio Fonseca, que explica que a instituição se viu privada de contributos devido à crise sanitária e que os pedidos de ajuda cresceram 40% face ao ano anterior. O responsável apela ao governo que complemente o Programa de Estabilização Económica e Social com medidas adicionais “no sentido da recuperação económica exclusiva”.

Bispos espanhóis propõem unir “salário familiar” ao rendimento mínimo vital

O secretário geral da conferência episcopal espanhola, Luis Argüello, propôs esta sexta-feira ao governo que, juntamente com o salário mínimo vital, aprovado em abril para as famílias mais pobres, institua o “salário familiar”. Durante uma conferência de imprensa, o bispo auxiliar de Valladolid recordou que esta medida foi proposta há 40 anos por João Paulo II, e pediu que os migrantes em situação administrativa irregular possam também aceder a estas prestações.

O domingo do mistério de Deus

Há cada vez mais teólogos de renome a lastimar um domingo dedicado ao esforço da razão para «explicar» o mistério de Deus que a liturgia cristã celebra neste domingo, 7 de Junho, com o nome de Domingo da Santíssima Trindade… O “mistério de um só Deus” foi substituído por uma “trindade de mistérios”: o de Deus criador, pai e mãe em plenitude; o de um ser humano que se deixou penetrar por Deus sem entraves da sua liberdade, conhecimento e vontade; o da actuação perene de Deus na história humana.

Alemanha: Mulheres querem permissão para pregar nas eucaristias

A Comunidade Católica das Mulheres (KFD) da diocese de Münster, na Alemanha, enviou uma carta ao seu bispo, Felix Genn, pedindo-lhe que aprove a pregação por parte de leigos nas eucaristias, o que permitiria às mulheres assumir essa função, até agora exercida exclusivamente por diáconos e padres.

Escuteiros angariaram 66 toneladas de alimentos para o Banco Alimentar Contra a Fome

O Corpo Nacional de Escutas (CNE), através dos agrupamentos de escuteiros espalhados por todo o país, reuniu um total de 66 toneladas de alimentos para apoiar o Banco Alimentar Contra a Fome, instituição que este ano se viu impossibilitada de realizar a sua habitual campanha nos supermercados devido à pandemia de covid-19, e à qual têm chegado cada vez mais pedidos de ajuda.

Bispo de El Paso ajoelha-se em protesto contra o racismo, Papa telefona-lhe em sinal de apoio

Na passada segunda-feira, no meio do parque mais importante da cidade de El Paso (Texas), segurando um cartaz que dizia “Black Lives Matter” (As vidas negras importam) e uma rosa branca, e acompanhado por vários padres da diocese, o bispo Mark Seitz ajoelhou-se para rezar em memória de George Floyd. O momento durou 8 minutos e 46 segundos, precisamente o tempo que o agente policial teve o seu joelho a pressionar o pescoço de Floyd, impedindo-o de respirar. As imagens correram o mundo. Esta quarta-feira de manhã, Seitz recebeu um telefonema do Papa, que também as tinha visto, e fez questão de lhe agradecer pelo gesto e manifestar o seu apoio.

Novo projeto da Universidade Católica quer ajudar instituições a proteger crianças e jovens

O dia foi escolhido a dedo: esta segunda-feira, 1 de junho, Dia Mundial da Criança, era anunciado oficialmente o lançamento do novo projeto do Centro de Estudos dos Povos e Culturas de Expressão Portuguesa (CEPCEP) da Universidade Católica Portuguesa. Chama-se “Cuidar – Por uma cultura de proteção e bom-trato de crianças e jovens”, e irá prestar apoio às instituições da Igreja, e não só, na implementação de sistemas de proteção de menores.

Religiões de regresso aos lugares de culto, patriarca pede mudança na relação com natureza e entre a humanidade

Neste fim-de-semana de 30 e 31 de Maio, os locais de culto religioso voltaram a abrir para celebrações comunitárias e públicas. Líderes cristãos, muçulmanos e hindus coincidem em alguns diagnósticos: há ou haverá mudanças na relação dos crentes com o espaço religioso, terá de haver maior preocupação com os que estão a sofrer os efeitos laterais da pandemia, as pessoas valorizam mais a importância da comunidade e reconhecem o valor da natureza.

Igreja Católica contesta alteração da lei de biotecnologia na Noruega

Um comité de especialistas da diocese de Oslo acusa a alteração à lei da biotecnologia, aprovada na semana passada pelo parlamento norueguês de “abolir os direitos das crianças” e “abrir caminho à eugenia”, dando a possibilidade de, mediante testes pré-natais precoces, fazer abortos nos casos em que o feto apresente patologias ou seja de um sexo diferente do desejado pelos futuros pais.

Enzo Bianchi, um verdadeiro cristão (Opinião)

Quem conhece o Enzo Bianchi, quem já se refletiu naqueles olhos terríveis de fogo, como são os olhos de um homem “que viu Deus”, sabe do seu caráter enérgico, por vezes tempestuoso, firme, de quem não tem tempo a perder e que por isso urge falar sempre com parresía, isto é, com franqueza, com verdade. Enzo habitou-nos a isso, habituou os monges e as monjas de Bose a isso. O exercício da autoridade, a gestão do governo e o clima fraterno da Comunidade sempre tiveram a sua marca, esta marca.

Vem Espírito Santo e renova a face da Igreja

Em abril de 2013, nas Jornadas de Teologia da Caridade, subordinadas ao Tema “A força evangelizadora da caridade”, promovidas pela Cáritas Espanhola, em Salamanca, conheci, ao tempo, o arcebispo de Tânger, Santiago Agrelo Martínez. Fiquei fascinado pela profundidade do seu pensamento, pela simplicidade no trato e pela suas coragem e clarividência pastorais.

Cardeal Marto: Governo não impôs nada à Igreja

Não houve qualquer imposição das autoridades à hierarquia católica no sentido de limitar ou adiar as celebrações comunitárias. A afirmação é do cardeal António Marto, bispo de Leiria-Fátima, que admite as “saudades” que tem de celebrar em assembleia, mas recusa a ideia de a liberdade religiosa ter sido posta em causa. O Papa Francisco colocou acima de tudo o imperativo moral de salvar vidas, e a suspensão pública das celebrações deu testemunho de “um acto evangélico de amor ao próximo”, diz, numa entrevista ao PontoSJ, portal dos jesuítas portugueses.

Suécia: Católicos e Luteranos unidos em primeiro retiro ecuménico online

O bispo católico de Estocolmo e a bispa luterana de Uppsala organizaram um retiro espiritual ecuménico onde poderão participar fiéis de ambas as igrejas. O encontro decorrerá online e tem como objetivo que católicos e luteranos “rezem juntos e mergulhem numa dimensão espiritual num momento que é de stress e preocupação”. De acordo com o Vatican News, a iniciativa de Anders Arborelius e Karin Johannesson (referida pelo portal do Vaticano como “episcopisa”) é “inédita”.

Igreja organiza seminários virtuais sobre proteção de menores

“Por uma Igreja mais segura” é o lema de uma série de webinars dedicados à proteção de menores que se inicia esta sexta-feira, 29 de maio, no site da Pontifícia Universidade Gregoriana. Organizados pela Conferência Internacional de Salvaguarda, os encontros virtuais dirigem-se a todos os profissionais da Igreja ou de instituições a ela ligadas e pretendem ser um contributo para o reforço das boas práticas na área da proteção de menores, em todo o mundo.

Este sábado, católicos rezam terço com o Papa para enfrentar a pandemia

O Papa Francisco vai rezar o terço este sábado, 29 de maio, pelas 16h30 (hora de Portugal), a partir da gruta de Lourdes, nos jardins do Vaticano, e a ele estarão unidos santuários marianos de todo o mundo. A oração global, que tem como principal intenção “invocar a intercessão da Virgem para o fim da pandemia”, poderá ser seguida através do Facebook e do Youtube, e contará com comentários em português, anunciou o Vatican News.

Guterres manifesta “profundo reconhecimento” ao Papa Francisco

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, expressou, numa entrevista exclusiva aos meios de comunicação do Vaticano, o seu “profundo reconhecimento ao Papa Francisco” pelo apoio dado ao apelo de cessar-fogo global, mas confessou que, apesar de ter recebido também o apoio de inúmeros governos, instituições, outros líderes religiosos, e até de grupos armados, “a desconfiança continua a ser grande e é difícil traduzir estes compromissos em ações que façam a diferença”.

Teóloga francesa “candidata-se” a arcebispo de Lyon

A teóloga e biblista francesa Anne Soupa anunciou esta semana na sua conta de Twitter que irá “candidatar-se” para suceder ao cardeal Barbarin como arcebispo de Lyon, num gesto inédito e provocatório que pretende reivindicar um papel mais relevante para as mulheres na Igreja Católica.

Papa Francisco afasta fundador da comunidade monástica de Bose

O fundador da Comunidade de Bose, Enzo Bianchi, e outros três membros da mesma comunidade, terão de abandonar o mosteiro, cessando todas as suas funções, segundo estabelece um decreto assinado pelo secretário de estado da Santa Sé, Pietro Parolin, e aprovado pelo Papa Francisco. A decisão foi anunciada pelo Vatican News e surge na sequência de queixas apresentadas por outros elementos da comunidade e de uma visita apostólica.

Conferências de Maio virtuais do CRC: a tragédia descarnada e a igreja vazia, visível na rua

A pandemia obrigou a Igreja e os crentes a sair à rua, através dos centros sociais e outras instituições, deixando vazios os lugares de culto, mas assumindo a sua missão. A ideia é defendida por frei Fabrizio Bordin, franciscano, num de dois debates gravados em vídeo que este ano substituem as tradicionais Conferências de Maio do Centro de Reflexão Cristã (CRC), de Lisboa.

“O adeus dos monges da Cartuxa” recebe Prémio de Jornalismo Dom Manuel Falcão

“Nas mãos, colocam-lhe um terço. Sob o corpo, uma tábua. Desce à terra e nesta é posta uma cruz de ferro, sem identificação. No claustro do Mosteiro de Scala Coeli, às portas de Évora, o ritual repetiu-se 120 vezes entre os séculos XVII a XIX; houve seis defuntos no século XX e duas cruzes foram acrescentadas nesta era. As últimas.” É desta forma que começa a reportagem “Cartuxa: o adeus dos peregrinos do silêncio, que venceu o Prémio de Jornalismo Dom Manuel Falcão.

Semana “Laudato Si'” (8): Opor ecologia e economia está totalmente ultrapassado

Colocar hoje, em oposição, ecologia e economia está totalmente ultrapassado, considera a ministra francesa da Transição Ecológica, Élisabeth Borne, a propósito dos efeitos sociais, económicos e ambientais da pandemia de covid-19. Numa entrevista ao jornal La Croix, a ministra diz que, ao contrário do que sucedeu com a crise económico-financeira de 2008, há tecnologias verdes mais maduras para que possam ser apoiadas pelos estados.

Rádios católicas assumem papel “absolutamente essencial” em África

Não têm televisão, nem acesso a jornais ou revistas, e muito menos Internet, até porque muitas vezes também não têm luz: há uma parte substancial da população africana para quem o único meio de comunicação social disponível é a rádio. É através das estações de rádio, na sua maioria apoiadas por instituições católicas, que mensagens de prevenção, aulas, missas, catequeses ou peças de teatro chegam a inúmeras comunidades rurais. E se o papel das rádios locais em África já era determinante antes da pandemia de covid-19, agora tornou-se “absolutamente essencial”.

Papa Francisco: as “histórias boas” dão-nos “força para prosseguirmos juntos”

“Para não nos perdermos, penso que precisamos de respirar a verdade das histórias boas: histórias que edifiquem, e não as que destruam; histórias que ajudem a reencontrar as raízes e a força para prosseguirmos juntos”. Começa assim a mensagem do Papa para o  Dia Mundial das Comunicações Sociais, que a Igreja Católica assinala a 24 de maio, mas que Francisco publicou a 24 de janeiro, dia da memória de São Francisco de Sales, padroeiro dos jornalistas, e em que parecia já adivinhar a importância que as “histórias boas” teriam nos meses seguintes.

Suíça: Mulher leiga nomeada como delegada episcopal

A diocese de Lausana-Genebra-Friburgo, na Suíça, terá uma mulher leiga como delegada episcopal, um cargo que, na Igreja Católica, tem sido quase exclusivamente ocupado por padres. Marianne Pohl-Henzen foi nomeada pelo bispo Charles Morerod e assumirá funções em agosto, ficando responsável por gerir diversas entidades eclesiais e respetivos recursos humanos na parte alemã de Friburgo (uma das cinco vigararias daquela diocese).

Adolfo Nicolás (1936-2020): O imitador de Charlot que chegou a geral dos jesuítas

Quando foi escolhido para responsável dos jesuítas no Japão, o padre Adolfo Nicolás decidiu ir viver num bairro pobre. Nas Filipinas fez o mesmo. Os que o conheciam dizem que era um excelente conversador e grande imitador de Chaplin. Espanhol, esteve quatro décadas no Japão até ser escolhido, em 2008, como o 30º geral dos jesuítas. O padre Arturo Sosa, que lhe sucedeu no cargo, recorda-o como um “homem sábio, humilde e livre, dedicado ao serviço total e generoso”.

Semana Laudato Si’ (5) – Um manual de sobrevivência, um grito silencioso e um exercício para a reconstrução

Se as questões ecológicas a todos dizem respeito – das instâncias políticas ao cidadão comum – os cristãos, precisamente porque vinculados no modelo de serviço d’Aquele que os congrega, devem assumir as exigências que decorrem da actual fragilidade do planeta como incumbência da sua missão no mundo: um mandato de cuidado pelos bens e pelos outros em vista à promoção do desenvolvimento sustentável, do bem comum e da qualidade de vida de todos.

Bispo indiano renuncia ao cargo para se tornar eremita

Pela primeira vez na história da Igreja Católica da Índia, um bispo irá renunciar à sua posição e optar por uma vida contemplativa, semelhante à levada pelos eremitas no antigo Egito. Jacob Muricken, bispo auxiliar da diocese de Pala, já endereçou uma carta ao Vaticano a pedir permissão para resignar ao seu cargo a partir de 2023 e está a aguardar aprovação.

Diocese de Braga recebeu duas denúncias de abusos sexuais de menores e bispos polacos pedem ao Vaticano que investigue acusações

A Comissão de Proteção de Crianças, Jovens e Pessoas Vulneráveis da Arquidiocese de Braga revelou esta terça-feira ter recebido, desde a sua criação em outubro do ano passado, duas queixas de abusos sexuais de menores praticados por padres daquela diocese. Ambos os crimes terão sido cometidos há mais de 30 anos, encontrando-se por isso prescritos e não tendo sido denunciados às autoridades. A revelação surgiu na sequência de uma investigação do Jornal de Notícias, que apurou que, entre as 20 dioceses portuguesas, seis ainda não criaram esta comissão, apesar das orientações do Papa e da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) nesse sentido.

Igreja faz apelo urgente para evitar tragédia na Amazónia

A Rede Eclesial Pan-Amazónica (Repam) apelou esta segunda-feira a uma ação mundial concertada e urgente “a fim de evitar uma grande tragédia humanitária e ambiental” na Amazónia. Num comunicado assinado pelo cardeal brasileiro Cláudio Hummes e divulgado através do site da organização,  todos são convocados a unir esforços em defesa daquela região, cada vez mais afetada, não só pela pandemia de covid-19, mas também pelo “aumento descontrolado da violência” e pela “devastação do território”.

Aldo Moro, o Professor

Quarenta e dois anos depois do assassinato de Aldo Moro, a RTP2 exibiu o filme-documentário Aldo Moro, o Professor, que pode ainda ser visto na RTP Play, proporcionando assim uma boa oportunidade para conhecer um dos mais prestigiados políticos italianos e europeus do século XX. Baseado num livro homónimo da autoria do jornalista Giorgio Balzoni, aluno de Moro, o filme-documentário, que tem a realização de Francesco Miccichè, reconstitui os derradeiros dias de vida de um professor afectuoso e estimulante e de um político tolerante e livre.

Presentes para Karol Wojtyla-João Paulo II no centenário do seu nascimento

Era para ser um aniversário com pompa e circunstância. Leia-se: com inúmeras peregrinações e missas em catedrais cheias de fiéis. A pandemia veio alterar os planos para celebrar o centenário do nascimento de Karol Wojtyla, que viria a ser o Papa João Paulo II, nascido faz precisamente 100 anos nesta segunda-feira, 18 de Maio, conforme se evoca no perfil biográfico publicado no 7MARGENS.

João Paulo II nasceu há 100 anos: o Papa dos paradoxos

Sensível e duro, polaco e homem universal, actor e homem de convicções. Uma voz forte, ordem e disciplina à medida, a ruptura do protocolo e as saídas do Vaticano, grandes capacidades de comunicador, viajante aclamado, “superstar” na capa da Time. Na noite em que foi eleito, João Paulo II chegou à varanda de São Pedro e, em vez de colocar as mãos no peito como os antecessores, colocou-as sobre o balcão. Um gesto premonitório, que vale “por uma vida”. Aqui se traça o perfil biográfico de Karol Wojtyla, nascido a 18 de Maio de 1920 – faz agora 100 anos – e que, em 1978, seria eleito como Papa, adoptando o nome de João Paulo II.

António Marto: comunhão sacramental estava “banalizada”

O bispo de Leiria-Fátima considera que suspensão das missas com a presença de fiéis permitiu à Igreja redescobrir a “dimensão espiritual profunda” do sacramento da comunhão. Numa entrevista conjunta à Rádio Renascença e Agência Ecclesia, António Marto assumiu que esta é uma das lições que a Igreja deve aprender com a pandemia.

Cardeal Marto alerta em Fátima contra “pandemia mais dolorosa da extensão da pobreza”

A pandemia que o mundo está a atravessar, “com a longa interrupção da vida normal, traz terríveis consequências económicas, sociais e laborais”, está já “a gerar uma outra pandemia mais dolorosa, a da extensão da pobreza, da fome e da exclusão social, agravada pela cultura da indiferença e do individualismo”, afirmou na manhã deste dia 13 de Maio, em Fátima, o cardeal António Marto.

Missa diária do Papa deixa de ser transmitida a 19 de maio

A eucaristia que o Papa Francisco irá celebrar na próxima segunda-feira será a última de uma série que, ao longo de mais de dois meses, chegou à casa de milhões de pessoas em todo o mundo, todos as manhãs. Com o retomar das missas abertas à presença de fiéis em Itália, Francisco decidiu interromper a transmissão ao vivo da eucaristia que celebra diariamente na Casa de Santa Marta, anunciou esta terça-feira o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni.