Inglaterra: Proibição de tocar shofar judaico levantada para líderes das comunidades

| 17 Ago 20

Shofar ritual judaico. Foto © Zachi Evenor/Wikimedia Commons

 

A proibição de soprar instrumentos de vento, tal como os shofar, em locais de culto em toda a Inglaterra – e que vigorava por causa da covid-19 –, foi levantada para os líderes das comunidades, mas não para os fiéis, segundo anunciou o Governo britânico.

Feita de um corno de carneiro, a trombeta é tradicionalmente tocada nas festas judaicas de Rosh Hashanah e de Yom Kippur, que este ano serão assinaladas pelos judeus de todo o mundo entre 19 e 28 de Setembro próximo.

A presidente do Conselho de Deputados do Reino Unido, Marie van der Zyl, expressou a sua gratidão pela mudança, anunciada um mês antes das mais importantes festas do calendário judaico: “Esta será uma notícia bem-vinda em toda a comunidade judaica”, afirmou, citada pelo jornal britânico Jewish News. “No entanto, continuamos a exortar todas as pessoas a observar os regulamentos de saúde para que possamos ter um Ano Novo mais feliz e mais saudável.”

De acordo com a mesma fonte, as novas orientações permitem ainda que haja pequenos grupos de cantores nas cerimónias religiosas, mas os cânticos não devem incluir participação do público e os instrumentos devem ser limpos antes e depois da sua utilização.

 

‘Caminho Minhoto Ribeiro’ reconhecido pelos arcebispos de Braga e Santiago

Em ano Xacobeo

‘Caminho Minhoto Ribeiro’ reconhecido pelos arcebispos de Braga e Santiago novidade

A cidade de Braga foi palco, nesta sexta-feira, 17, da declaração oficial de reconhecimento do Caminho Minhoto Ribeiro por parte dos arcebispos de Braga e de Santiago de Compostela, depois de esse processo ter decorrido já por parte das autarquias do lado português e galego. Na conferência que decorreu em Braga, cidade que é ponto de partida dos dois itinerários que compõem este Caminho, foi igualmente feita a apresentação da investigação documental que fundamenta este novo percurso, a cargo do professor e historiador galego Cástor Pérez Casal.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Só a capacidade de nos maravilharmos sustenta a resistência à crueldade e ao horror

Edgar Morin em entrevista

Só a capacidade de nos maravilharmos sustenta a resistência à crueldade e ao horror novidade

“Se formos capazes de nos maravilhar, extraímos forças para nos revoltarmos contra essas crueldades, esses horrores. Não podemos perder a capacidade de maravilhamento e encantamento” se queremos lutar contra a crise, contra as crises, afirmou Edgar Morin à Rádio Vaticano em entrevista conduzida pela jornalista Hélène Destombes e citada ontem, dia 18 de setembro, pela agência de notícias ZENIT

A votar, a votar!

[Segunda leitura]

A votar, a votar! novidade

“Começa hoje a campanha eleitoral para as eleições autárquicas de 26 de setembro”. Juro que ouvi isto na passada terça-feira, dia 14 de setembro. Assim mesmo, sem tirar nem pôr, na abertura de um noticiário na rádio: “Começa hoje a campanha eleitoral para as eleições autárquicas de 26 de setembro”. Juro.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This