Israel pode receber 250 mil novos imigrantes nos próximos cinco anos

| 24 Ago 20

Um relatório da Agência Judaica calcula que possam entrar 250 mil novos imigrantes em Israel nos próximos cinco anos. O documento diz que cerca de 8.500 imigrantes chegaram a Israel vindos de dezenas de países durante o primeiro semestre de 2020, metade dos que chegaram durante o mesmo período em 2019. A diminuição deve-se provavelmente à pandemia. Ao mesmo tempo, houve 90 mil a querer informações sobre formas de emigrar e foram abertos cerca de 25 mil novos processos – além de 10 mil a 14 mil judeus à espera de emigrar da Etiópia para Israel. Ler mais aqui (em inglês).

 

A roseira que defende a vinha: ainda a eutanásia

A roseira que defende a vinha: ainda a eutanásia novidade

Há tempos, numa visita a uma adega nacional conhecida, em turismo, ouvi uma curiosa explicação da nossa guia que me relembrou imediatamente da vida de fé e das questões dos tempos modernos. Dizia-nos a guia que é hábito encontrar roseiras ao redor das vinhas como salvaguarda: quando os vitivinicultores encontravam algum tipo de doença nas roseiras, algum fungo, sabiam que era hora de proteger a vinha, de a tratar, porque a doença estava próxima.

Um caderno para imprimir e usar

Sínodo 2021-23

Um caderno para imprimir e usar novidade

Depois de ter promovido a realização de dois inquéritos sobre o sínodo católico 2021-23, o 7MARGENS decidiu reunir o conjunto de textos publicados a esse propósito num caderno que permita uma visão abrangente e uma utilização autónoma do conjunto. A partir de agora, esse caderno está disponível em ligação própria.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Esta é a Igreja que eu amo!

Esta é a Igreja que eu amo! novidade

Fui um dos que, convictamente e pelo amor que tenho à Igreja Católica, subscrevi a carta que 276 católicas e católicos dirigiram ao episcopado português para que, em consonância e decididamente, tomassem “a iniciativa de organizar uma investigação independente sobre os crimes de abuso sexual na Igreja”.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This