Meca e Medina só aceitam peregrinos imunizados contra a covid-19

| 6 Abr 21

mesquita meca, Foto Wikipedia Al Jazeera

Mesquita de Meca. Foto © Wikipedia/Al Jazeera

 

A partir do início do Ramadão (no próximo dia 13 de abril) só peregrinos imunizados contra a covid-19 serão aceites em Meca e na Mesquita do Profeta, em Medina, anunciaram as autoridades sauditas sem precisarem quando tal restrição será levantada.

A condição de imunizado será concedida a todos os peregrinos que apresentem prova de terem recebido duas doses de vacina, de terem recebido a primeira dose há pelo menos duas semanas antes de entrarem na Arábia Saudita ou que já tenham tido covid-19, explicava The Guardian na sua edição de 5 de abril.

Números atualizados sobre a pandemia indicam que mais de 6700 pessoas morreram e 393 mil foram infetadas na Arábia Saudita, um país com uma população superior a 34 milhões que já administrou cinco milhões de doses de vacina.

Em 2021, a maior peregrinação a Meca – o hajj – tem lugar na terceira semana de julho e muito provavelmente decorrerá sob as restrições agora anunciadas. Já no ano passado apenas 10 mil residentes puderam realizar o hajj, o que compara com os 2,5 milhões de peregrinos que o reino saudita acolheu na mesma ocasião em 2019.

 

Inquérito 7M sobre o Sínodo: entre as “baixas expectativas” e a “oportunidade de uma Igreja aberta”

Católicos portugueses pouco entusiasmados?

Inquérito 7M sobre o Sínodo: entre as “baixas expectativas” e a “oportunidade de uma Igreja aberta” novidade

O 7MARGENS entendeu auscultar um conjunto de 63 movimentos e associações católicas, procurando contemplar diversidade de carismas e de setores e mesmo de atitudes perante o futuro. A auscultação decorreu na segunda metade de julho, num momento em que já se conhecia o cronograma e dinâmica do Sínodo.

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados

Líbano tem novo Governo

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados novidade

O novo Governo do Líbano, liderado pelo muçulmano sunita Najib Mikati, obteve nesta segunda-feira, 20 de setembro, o voto de confiança do Parlamento. A nova estrutura de Governo reflete na sua composição a variedade do “mosaico” libanês, nomeadamente do ponto de vista das diversas religiões e confissões religiosas, mas os siro-católicos dizem ter sido marginalizados.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Às vezes, nem o amor consegue salvar-nos

Cinema

Às vezes, nem o amor consegue salvar-nos novidade

Falling, que em Portugal teve o subtítulo Um Homem Só, é a história de um pai (Willis) e de um filho (John) desavindos e (quase) sempre em rota de colisão, quer dizer, de agressão, de constante provocação unilateral da parte do pai, sempre contra tudo e contra todos.

A palavra que falta explicitar no “cuidar da criação”

A palavra que falta explicitar no “cuidar da criação” novidade

No dia 1 de setembro começou o Tempo da Criação para diversas Igrejas Cristãs. Nesse dia, o Papa Francisco, o Patriarca Bartolomeu e o Arcebispo de Canterbury Justin assinaram uma “Mensagem Conjunta para a Protecção da Criação” (não existe – ainda – tradução em português). Talvez tenha passado despercebida, mas vale a pena ler.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This