Patriarcado de Lisboa

Morreu o padre António Pedro Boto de Oliveira

| 6 Jan 22

António Boto de Oliveira: “A manjedoura mistura-se em amor com a cruz”, escreveu na sua última mensagem aos amigos. Foto © Ecclesia.

Na sua página na rede social Facebook, escreveu no dia de Natal, às 10h da manhã: “O Natal na cidade visto de uma janela do IPO [Instituto Português de Oncologia]. Não há árvore de Natal, não há comidas boas mas há um presépio em que a manjedoura se mistura em amor com a cruz.” Foi a última mensagem deixada pelo padre António Pedro Boto de Oliveira, pároco de duas paróquias no centro de Lisboa e responsável durante vários anos por serviços culturais no Patriarcado de Lisboa.

Boto de Oliveira foi a enterrar nesta quinta-feira, dia 6, depois de ter morrido, na véspera, no Instituto Português de Oncologia de Lisboa. Completaria 51 anos no dia 5 de Fevereiro.

Pároco de Santa Catarina e Mercês, António Boto de Oliveira foi ordenado no dia 29 de junho de 1996, no Mosteiro dos Jerónimos, pelo então patriarca D. António Ribeiro, recorda a nota do Patriarcado no momento da morte.

Vigário paroquial das paróquias da Amadora e Falagueira (1996-2000) e, a partir de 1997, também da quase-paróquia de São Brás, no mesmo concelho, o padre António Pedro foi ainda pároco da Encarnação do Chiado e integrou a Comissão Bilateral para o património, estabelecida pela Concordata de 2004 entre a República Portuguesa e a Santa Sé.

No Patriarcado de Lisboa, exerceu ainda o cargo de director dos Bens Culturais no Departamento da Comunicação e Cultura (2007-2012,), do Centro Cultural do Patriarcado de Lisboa (desde 2009) e dos serviços de Património: Investigação e Promoção Cultural e Inventário e Apoio Técnico, além de ter sido professor na Universidade Católica Portuguesa. No Secretariado Nacional para os Bens Culturais da Igreja, que lamentou também a sua morte, colaborou em várias iniciativas, nomeadamente no âmbito da formação e inventário.

O padre António Pedro colaborou ainda em diversas publicações, entre as quais num livro sobre a Igreja de Santa Catarina (Igreja dos Paulistas ou de Santa Catarina: intervenção de conservação e restauro do património artístico integrado, 2005), outro sobre Os Patriarcas de Lisboa (2009) ou num catálogo da exposição por ele comissariada E habitou entre nós: imagens do Menino Jesus no Patriarcado de Lisboa (2010).

 

Abusos na Igreja e Vaticano: “Fazer o que ainda não foi feito”

Análise

Abusos na Igreja e Vaticano: “Fazer o que ainda não foi feito” novidade

Sobre as leituras e as consequências do estudo divulgado há precisamente uma semana relativamente aos abusos na Arquidiocese de Munique, umas das principais da Alemanha, o mundo católico encontra-se em suspenso. Já esta sexta-feira, 28, espera-se o pronunciamento da diocese visada e tanto o Vaticano como Bento XVI anunciaram ir estudar atentamente o documento, tendo o Papa Emérito prometido responder.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Centro de Formação Cristã inaugura disciplina sobre ecologia integral

Diocese de Leiria-Fátima

Centro de Formação Cristã inaugura disciplina sobre ecologia integral novidade

A partir do próximo dia 8 de fevereiro, a Escola Diocesana Razões da Esperança (EDRE), do Centro de Cultura e Formação Cristã da Diocese de Leiria-Fátima, contará com uma novidade na sua oferta formativa: pela primeira vez e de forma mais sistematizada, será dada atenção às questões ambientais e ecológicas, na linha do que o Papa Francisco propõe na Encíclica Laudato Si’. A disciplina terá a designação de “Cuidar da Terra, cuidar do outros” e será lecionada por elementos da Rede Cuidar da Casa Comum, noticia a diocese no seu site.

Thich Nhat Hanh: Buda e Jesus são irmãos

Thich Nhat Hanh: Buda e Jesus são irmãos novidade

Regressei ao cristianismo. Mas fui budista zen cerca de quinze anos, integrada na orientação budista zen do mestre japonês Taisen Deshimaru (Associação Zen Internacional); tendo como mestre um dos seus discípulos, Raphael Doko Triet. Gostaria de lhe prestar aqui a minha homenagem pois aprendi muito com ele, ligando-nos ainda – embora à distância – uma profunda amizade.

Fale connosco

Abusos na Igreja
Dar voz ao silêncio

Contactos da Comissão Independente

https://darvozaosilencio.org/

E-mail: geral@darvozaosilencio.org

Telefone: (+351) 91 711 00 00

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This