Museus do Vaticano com cursos e iniciativas online

| 27 Out 20

Rafael Sanzio. Escola de Atenas, Vaticano.

Rafael Sanzio, A Escola de Atenas, pintura nas Stanzas de Rafael, nos Museus do Vaticano. Ao centro, as representações de Platão e Aristóteles. Foto © António Marujo

 

Os Patronos de Artes dos Museus do Vaticano lançaram uma série de iniciativas e cursos em vídeo, que incluem conferências ao vivo ou uma “hora do café” de perguntas e respostas com especialistas. O objectivo é que os participantes e apoiantes dos museus permaneçam ligados durante a pandemia.

Uma vez que muitos visitantes ou mecenas não podem viajar durante este tempo, “é importante trazer os Museus do Vaticano para as suas casas para continuar a promover, preservar e proteger uma das mais antigas instituições culturais do mundo”, informou o gabinete dos patronos num comunicado de imprensa, citado pelo Crux.

O programa do curso prevê uma “viagem de fé e beleza” de dois anos (quatro semestres), levando quem se inscrever aos bastidores dos museus, ouvindo falar sobre a sua história e missão dos museus, vendo os apartamentos papais e aprendendo mais sobre as colecções com visitas de alta definição.

Os cursos, que podem ser frequentados por qualquer pessoa interessada, têm um preço substancialmente reduzido para os actuais mecenas, cujas taxas de inscrição e donativos são um importante apoio financeiro para o restauro e conservação de tesouros arquitectónicos e artísticos do Vaticano e dos seus museus.

As pessoas que fizerem o programa completo de dois anos receberão um certificado, que será conferido numa cerimónia especial no Vaticano em 2022.

A inscrição está disponível na página dos Patronos dos Museus do Vaticano.

 

Taizé dinamiza vigília para jovens em Glasgow

Cimeira do Clima

Taizé dinamiza vigília para jovens em Glasgow novidade

A Comunidade de Taizé foi convidada pelo Comité Coordenador da COP26 das Igrejas de Glasgow para preparar e liderar uma vigília para estudantes e jovens em Glasgow durante a Cimeira do Clima. Mais de sete mil pessoas passaram por Taizé, desde junho, semana após semana, apesar do contexto da pandemia que se vive.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

O outro sou eu

O outro sou eu novidade

Há tanto que me vem à cabeça quando penso em Jorge Sampaio. Tantas ocasiões em que o seu percurso afetou e inspirou o meu, quando era só mais uma adolescente portuguesa da primeira geração do pós-25 de Abril à procura de referências. Agora, que sou só uma adulta que recusa desprender-se delas, as memórias confundem-se com valores e os factos com aspirações.

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados

Líbano tem novo Governo

Líbano: Siro-católicos dizem-se marginalizados novidade

O novo Governo do Líbano, liderado pelo muçulmano sunita Najib Mikati, obteve nesta segunda-feira, 20 de setembro, o voto de confiança do Parlamento. A nova estrutura de Governo reflete na sua composição a variedade do “mosaico” libanês, nomeadamente do ponto de vista das diversas religiões e confissões religiosas, mas os siro-católicos dizem ter sido marginalizados.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This