EUA

Ódio na origem de destruição de estátuas de Gandhi

| 22 Ago 2022

A estátua destruída na entrada exterior do templo hindu de Shri Tulsi Mandir, em Queens, Nova Iorque (EUA). Foto do Twitter do COPCP2020.

A estátua destruída na entrada exterior do templo hindu de Shri Tulsi Mandir, em Queens, Nova Iorque (EUA). Foto do Twitter do COPCP2020.

 

Uma estátua de Gandhi foi atacada e desfigurada pela segunda vez em três semanas, levando a Polícia de Nova Iorque a abrir uma investigação por crime de ódio.

O caso de vandalismo ocorreu na entrada exterior do templo hindu de Shri Tulsi Mandir, na zona novaiorquina de Queens, tendo o primeiro ataque acontecido em 4 de agosto. Nessa altura, seis jovens aparentando entre 25 e 30 anos, atacaram a estátua de Mahatma Gandhi com uma marreta e escreveram a spray no chão a palavra dog (cão).

A Coligação Hindu da América do Norte diz, em declarações publicadas pela agência RNS –  Religion News Service, que estes são apenas os últimos casos de manifestação de ódio que têm acontecido em várias partes dos Estados Unidos da América, com frequência polarizados na figura de Gandhi, que protagonizou a desobediência civil de caráter pacífico, que se inscreveu no processo que conduziu à independência da India.

O caso de Queens despertou a condenação e solidariedade da comunidade local, bem como de várias outras figuras e entidades em Nova Iorque e no país.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

"Nada cristãs"

Ministro russo repudia declarações do Papa novidade

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, descreveu como “nada cristãs” as afirmações do Papa Francisco nas quais denunciou a “crueldade russa”, especialmente a dos chechenos, em relação aos ucranianos. Lavrov falava durante uma conferência de imprensa, esta quinta-feira, 1 de dezembro, e referia-se à entrevista que Francisco deu recentemente à revista America – The Jesuit Review.

O que têm dito os papas sobre a paz

Debate e oração no Rato, em Lisboa

O que têm dito os papas sobre a paz novidade

As mensagens dos Papas para o Dia Mundial da Paz é o tema da intervenção do padre Peter Stilwell neste sábado, 3 de Dezembro (Capela do Rato, em Lisboa, 19h), numa iniciativa integrada nas celebrações dos 50 anos da vigília de oração pela paz que teve lugar naquela capela, quando um grupo de católicos quis permanecer em oração durante 48 horas, em reflexão sobre a paz e contra a guerra colonial.

Ministro russo repudia declarações do Papa

"Nada cristãs"

Ministro russo repudia declarações do Papa novidade

O ministro dos Negócios Estrangeiros da Rússia, Serguei Lavrov, descreveu como “nada cristãs” as afirmações do Papa Francisco nas quais denunciou a “crueldade russa”, especialmente a dos chechenos, em relação aos ucranianos. Lavrov falava durante uma conferência de imprensa, esta quinta-feira, 1 de dezembro, e referia-se à entrevista que Francisco deu recentemente à revista America – The Jesuit Review.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This