Reino Unido

Oração foi chave para demissão de Sajid Javid

| 10 Jul 2022

O antigo ministro da Saúde, Savid Javid. Foto © UK Government

O antigo ministro da Saúde, Savid Javid, revela que foi a pregação de Les Isaacs que o levou à demissão do governo de Boris Johnson. Foto © UK Government

 

Sajid Javid, ex-ministro da Saúde do Reino Unido e atual candidato à liderança do Partido Conservador, confessou, em entrevista a The Telegraph, que decidiu renunciar ao cargo no governo de Boris Johnson depois de ouvir a pregação do pastor Les Isaacs durante a Oração Parlamentar da Manhã noticia o Christian Today de dia 10 de julho, citando o The Telegraph.

Javid afirmou naquela entrevista que vinha lutando consigo próprio sobre a decisão a tomar depois de se ter tornado claro que o Boris Johnson sabia das alegações de assédio sexual existentes contra o seu amigo Chris Pincher, a quem, apesar destas, ofereceu um importante lugar político [ver The Guardian].

A decisão final impôs-se-lhe quando escutava o pastor Les Isaacs, fundador da Street Pastors, falando sobre responsabilidade e integridade na Oração Parlamentar da Manhã em Westminster no dia 5 de julho. Na oração desse dia participaram cerca de 700 pessoas, incluindo 190 parlamentares. Andy Flannagan, diretor executivo de Cristãos na Política e presidente da oração, escreveu no Christian Today que esta “teve um impacto claro” em Javid na medida que deixou evidente a existência de “um problema com a cultura deste Governo” e que a Igreja tem “um papel a desempenhar na inspiração de uma boa liderança” política.

“Temos que contestar as violações éticas que vemos na liderança política deste país e naqueles que há muitos anos vivem na sua órbita”, conclui Flannagan no artigo de opinião que escreveu para aquele jornal.

A organização Cristãos na Política dá-se como missão “inspirar e encorajar os cristãos a envolverem-se na política e na vida pública”.

 

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Iniciativa ecuménica

Bispos latino-americanos criam Pastoral das Pessoas em Situação de Sem-abrigo

O Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam) lançou oficialmente esta semana a Pastoral das Pessoas em Situação de Sem-abrigo, anunciou o Vatican News. Um dos principais responsáveis pela iniciativa é o cardeal Luís José Rueda Aparício, arcebispo de Bogotá e presidente da conferência episcopal da Colômbia, que pretende que a nova “pastoral de rua” leve a Igreja Católica a coordenar-se com outras religiões e instituições já envolvidas neste trabalho.

Lopes Morgado: um franciscano de corpo inteiro

Frade morreu aos 85 anos

Lopes Morgado: um franciscano de corpo inteiro novidade

O último alarme chegou-me no dia 10 de Fevereiro. No dia seguinte, pude vê-lo no IPO do Porto, em cuidados continuados. As memórias que tinha desse lugar não eram as melhores. Ali tinha assistido à morte de um meu irmão, a despedir-se da vida aos 50 anos… O padre Morgado, como o conheci, em Lisboa, há 47 anos, estava ali, preso a uma cama, incrivelmente curvado, cara de sofrimento, a dar sinais de conhecer-me. Foram 20 minutos de silêncios longos.

Mata-me, mãe

Mata-me, mãe novidade

Tiago adorava a adrenalina de ser atropelado pelas ondas espumosas dos mares de bandeira vermelha. Poucos entenderão isto, à excepção dos surfistas. Como explicar a alguém a sensação de ser totalmente abalroado para um lugar centrífugo e sem ar, no qual os segundos parecem anos onde os pontos cardeais se invalidam? Como explicar a alguém que o limiar da morte é o lugar mais vital dos amantes de adrenalina, essa droga que brota das entranhas? É ao espreitar a morte que se descobre a vida.

Agenda

There are no upcoming events.

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This