Estreia dia 5 de abril

Papa em “conversa intimista” com jovens no novo documentário da Disney+

| 16 Mar 2023

cartaz do documentário Amén Francisco Responde, imagem Disney+

O novo documentário da Disney+ tem estreia marcada para o próximo dia 5 de abril, quarta-feira da Semana Santa.

Recebe um salário? Tem telemóvel? Sabe o que é uma pessoa não-binária? Estas são apenas algumas das perguntas que um grupo de jovens coloca ao Papa no novo documentário da Disney+, com estreia marcada na plataforma de streaming para o próximo dia 5 de abril, quarta-feira da Semana Santa. Intitulado, “Amén: Francisco Responde”, o filme revela uma “conversa inédita e intimista”, onde são abordados temas que afetam particularmente a juventude, dos abusos de menores ao bullying, passando pela homossexualidade, o papel da mulher ou a perda de fé.

O encontro entre o Papa e um grupo de dez jovens com idades compreendidas entre os 20 e os 25 anos e experiências de vida muito diversas, todos falantes de espanhol, foi filmado no Pignetto, um dos bairros mais cool de Roma, em junho do ano passado. O resultado foi um diálogo descontraído, marcado pela empatia, “que atravessa fronteiras, idades, mentalidades e crenças”, sublinha a Disney, ao divulgar o trailer (que pode ser visto abaixo).

“O facto de o Papa Francisco se ter sentado a dialogar com jovens que estão na periferia da Igreja católica com esta honestidade e proximidade dá um enorme valor a este especial original. Foi um encontro único e estamos muito orgulhosos de poder mostrá-lo ao mundo”, afirma Sofía Fábregas, vice-presidente de produção da Disney+ em Espanha, citada pelo Réligion Digital.

O documentário, com a duração de 1h22, foi realizado pelos guionistas espanhóis Jordi Évole y Màrius Sánchez. Para eles, esta foi “uma oportunidade única de juntar dois mundos que normalmente não se tocam, de fazer dialogar uma das pessoas mais influentes do mundo com um grupo de jovens cujas vidas por vezes chocam frontalmente com os postulados da Igreja”. Fazer este filme, acrescentam, foi “um ato de grande generosidade, tanto da parte do Papa Francisco, como da parte dos dez jovens”.

Um deste dez jovens é Juan Cuatrecasas jr., que foi vítima de abusos sexuais quando estudava no colégio espanhol Gaztelueta de Leioa, pertencente ao Opus Dei. Após a gravação deste documentário, o Papa pediu mais informações sobre o caso, o que o levou a concluir que não havia tido o tratamento devido por parte da Igreja, tendo decidido confiá-lo ao bispo de Teruel, José Antonio Satué. Ainda não foram divulgados resultados das novas investigações.

 

Vitrais e escultura celebram videntes de Fátima na Igreja da Golpilheira

Inaugurados dia 25

Vitrais e escultura celebram videntes de Fátima na Igreja da Golpilheira novidade

A comunidade cristã da Golpilheira – inserida na paróquia da Batalha – vai estar em festa no próximo domingo, 25 de fevereiro, data em que serão inaugurados e benzidos os novos vitrais e esculturas dos três videntes de Fátima que passarão a ornamentar a sua igreja principal – a Igreja de Nossa Senhora de Fátima. As peças artísticas foram criadas por autores nacionais, sob a coordenação do diretor do Departamento do Património Cultural da Diocese de Leiria-Fátima, Marco Daniel Duarte.

Era uma vez na Alemanha

Era uma vez na Alemanha novidade

No sábado 3 de fevereiro, no centro de Berlim, um estudante judeu foi atacado por outro estudante da sua universidade, que o reconheceu num bar, o seguiu na rua, e o agrediu violentamente – mesmo quando já estava caído no chão. A vítima teve de ser operada para evitar uma hemorragia cerebral, e está no hospital com fracturas em vários ossos do rosto. Chama-se Lahav Shapira. [Texto de Helena Araújo]

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Sessões gratuitas

Sol sem Fronteiras vai às escolas para ensinar literacia financeira

Estão de regresso as sessões de literacia financeira para crianças e jovens, promovidas pela Sol sem Fronteiras, ONGD ligada aos Missionários Espiritanos, em parceria com o Oney Bank. Destinadas a turmas a partir do 3º ano até ao secundário, as sessões podem ser presencias (em escolas na região da grande Lisboa e Vale do Tejo) e em modo online no resto do país.

“As estatísticas oficiais subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia Cáritas

Estudo apresentado dia 27

“As estatísticas oficiais subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia Cáritas novidade

Ao basear-se em inquéritos junto das famílias, as estatísticas oficiais em Portugal não captam as situações daqueles que não vivem em residências habituais, como as pessoas em situação de sem-abrigo, por exemplo. E é por isso que “subestimam a magnitude da pobreza e exclusão em Portugal”, denuncia a Cáritas Portuguesa na introdução ao seu mais recente estudo, que será apresentado na próxima terça-feira, 27 de fevereiro, na Universidade Católica Portuguesa do Porto.

Ver teatro que “humaniza” e aprender a “salvar a natureza”? É no Seminário de Coimbra

Atividades abertas a todos

Ver teatro que “humaniza” e aprender a “salvar a natureza”? É no Seminário de Coimbra novidade

Empenhado em ser “um lugar onde a Cultura e a Espiritualidade dialogam com a cidade”, o Seminário de Coimbra acolhe, na próxima segunda-feira, 26, a atividade “Humanizar através do teatro – A Importância da Compaixão” (que inclui a representação de uma peça, mas vai muito além disso). Na terça-feira, dia 27, as portas do Seminário voltam a abrir-se para receber o biólogo e premiado fotógrafo de natureza Manuel Malva, que dará uma palestra sobre “Salvar a natureza”. 

O princípio de Betânia

O princípio de Betânia novidade

Numa sexta-feira, seis dias antes da Páscoa, no regresso de Jericó para Jerusalém, Jesus faz uma pausa em Betânia, uma pequena aldeia a três quilómetros de Jerusalém que visitava regularmente, sendo amigo da família de Lázaro, Marta e Maria. É que no sábado a lei judaica não permitia viajar. Entretanto, um tal Simão denominado “o leproso” (talvez um dos que Jesus tinha curado) convida-o para um jantar no sábado à noite na sua casa, também em Betânia. [Texto de José Brissos-Lino]

Ortodoxos denunciam imoralidade do conluio de Cirilo com Putin e a sua guerra

Carta nos dois anos da guerra na Ucrânia

Ortodoxos denunciam imoralidade do conluio de Cirilo com Putin e a sua guerra novidade

No momento em que passam dois anos sobre a invasão russa e o início da guerra na Ucrânia, quatro académicos do Centro de Estudos Cristãos Ortodoxos da Universidade de Fordham, nos Estados Unidos da América, dirigiram esta semana uma contundente carta aberta aos líderes das igrejas cristãs mundiais, sobre o papel que as confissões religiosas têm tido no conflito.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This