Papa Francisco nomeia pela primeira vez mulheres para congregação até aqui masculina

| 11 Jul 2019

Papa Francisco nomeia pela primeira vez mulheres para congregação até aqui masculina

| 11 Jul 19

Ilustração © Sara Naves

 

O Papa Francisco nomeou pela primeira vez sete mulheres para a Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica (CIVCSVA), o organismo do Vaticano que tutela as ordens e congregações religiosas.

Entre os 23 novos membros designados por Francisco para aquela assembleia da Cúria romana encontram-se seis superioras de congregações e uma líder de um instituto secular): as irmãs Kathleen Appler (Estados Unidos), das Filhas da Caridade de São Vicente de Paulo; Françoise Massy (França), das Franciscanas Missionárias de Maria; Luigia Coccia (Itália), das Missionárias Combonianas; a também transalpina Simona Brambilla, das Missionárias da Consolata e que esteve durante um ano no norte de Moçambique; a espanhola Rita Calvo Sanz, da Companhia de Maria Nossa Senhora; e ainda duas da família salesiana: a francesa Yvonne Reungoat, das irmãs salesianas, e a leiga polaca Olga Krizova, presidente do Instituto Secular das Voluntárias de Dom Bosco.

A irmã Carmen Ros Nortes ocupava já, desde Fevereiro, o lugar de sub-secretária na CIVCSVA. Mas neste caso a entrada de superioras é a novidade, já que até aqui os membros da Congregação eram oriundos exclusivamente de institutos e congregações masculinas.

 

Uma linha de actuação do Papa

As escolhas recentes do Papa Francisco prosseguem a sua linha de crescente atribuição de responsabilidades e competências a mulheres em lugares de relevo nos organismos do Vaticano.

Em Abril deste ano, o Papa nomeara três mulheres (Linda Ghisoni, Michelina Tenacee Laetitia Calmeyn)como consultoras da Congregação para a Doutrina da Fé, um dos organismos mais importantes da Cúria Romana.

Já antes, Linda Ghisonie a professora de bioética Gabriella Gambino tinham sido indigitadas em Novembro de 2017 como subsecretárias do novo Dicastério para os Leigos, Família e Vida.

A presença feminina na cúpula da Igreja Católica inclui ainda outras mulheres com responsabilidades nos departamentos da Cúria Romana e nas áreas dos arquivos, história e comunicação social.

Os outros 16 membros nomeados de novo incluem o arcebispo de Valladolid (Espanha), Ricardo Blázquez Pérez, um dos quatro cardeais, a par de Angelo De Donatis, vigário do Papa para a diocese de Roma; Kevin Joseph Farrell, prefeito do dicastério para os Leigos, Família e Vida; e Luis Francisco Ladaria Ferrer, prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé.

Entre os cinco bispos, estão o brasileiro Amilton Manoel da Silva, auxiliar de Curitiba, Paolo Bizzeti, vigário apostólico da Anatólia (Turquia), Sebastian Francis Shaw, de Lahore (Paquistão); Paskalis Bruno Syukur, de Bogor (Indonésia) e José de Jesús González Hernández, de Jesús María (México).

[related_posts_by_tax format=”thumbnails” image_size=”medium” posts_per_page=”3″ title=”Artigos relacionados” exclude_terms=”49,193,194″]

Desfazendo três equívocos sobre Deus

Desfazendo três equívocos sobre Deus novidade

Existem três dificuldades ou equívocos religiosos sobre o carácter de Deus, e que revelam algum desconhecimento sobre Ele. Por isso convém reflectir no assunto. Esses três equívocos sobre os quais nos vamos debruçar de seguida são muito comuns, infelizmente. [Texto de José Brissos-Lino]

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

sobre as águas

sobre as águas novidade

Breve comentário do p. António Pedro Monteiro aos textos bíblicos lidos em comunidade, no Domingo XII do Tempo Comum B. ⁠Hospital de Santa Marta⁠, Lisboa, 22 de Junho de 2024.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This