Por "dar voz ao silêncio"

Prémio APAV 2022 atribuído à Comissão Independente para o Estudo dos Abusos Sexuais

| 25 Out 2022

bispo americo aguiar e pedro strecht na atribuicao do premio apav, a 25 de outubro 2022, foto agencia ecclesia

O coordenador da Comissão entregou o galardão ao bispo auxiliar de Lisboa e presidente da Fundação JMJ, Américo Aguiar, tornando-o “guardião do prémio” para que “o mesmo possa estar perto do Papa Francisco” na sua visita a Portugal. Foto © Agência Ecclesia.

 

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) atribuiu esta terça-feira, 25, o Prémio APAV 2022 à Comissão Independente (CI) para o Estudo dos Abusos Sexuais de Crianças na Igreja Católica, criada pela Conferência Episcopal Portuguesa.

Na sessão de entrega do galardão, em Lisboa, o presidente da direção  da APAV, João Lázaro, destacou que o trabalho da CI “tem sido amplamente divulgado e conhecido”, e o seu mote – “Dar voz ao silêncio” –, que é autoexplicativo, é uma “das motivações que estiveram na génese da atribuição do prémio ao trabalho que tem vindo a ser desenvolvido ao longo deste período”.

O coordenador da Comissão Independente, Pedro Strecht, esteve presente na cerimónia, onde agradeceu em primeiro lugar “às vítimas” que “ao longo destes meses ousaram ‘dar voz ao silêncio’ para revelar situações traumáticas que sofreram enquanto crianças, quase sempre revisitando em sofrimento tudo aquilo por que passaram tal como a incapacidade de reconhecimento ou ajuda de tantos que as rodeavam e de quem era suposto esperar uma resposta física e emocionalmente protetora”.

No seu discurso, Pedro Srecht destacou também que a Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) “teve a coragem de ousar pedir” que este Estudo dos Abusos Sexuais de Crianças na Igreja Católica Portuguesa fosse realizado, “conferindo total independência” à Comissão.

O coordenador da CI entregou depois o galardão recebido ao bispo auxiliar de Lisboa e presidente da Fundação JMJ, Américo Aguiar, tornando-o “guardião do prémio” para que “o mesmo possa estar perto do Papa Francisco” na sua visita a Portugal, na próxima edição internacional da Jornada Mundial da Juventude, que irá realizar-se em Lisboa, de 1 a 6 de agosto de 2023.

Strecht lembrou no entanto que “a Comissão Independente é uma comissão de estudo, criada para funcionar num tempo definido, e não se constitui nem pode constituir-se como estrutura quer de apoio jurídico quer de investigação criminal, quer ainda como
equipa de saúde mental”. Nesse sentido, reforçou “a importância de instituições como a APAV, que já estavam, estão e estarão no terreno, a atuar de forma independente nas diversas modalidades de apoio às vítimas em geral e, neste campo, às pessoas que passaram por todas as formas de abuso sexual enquanto crianças”.

Até ao momento, a Comissão Independente recolheu “mais de quatro centenas de testemunhos, os quais continuam a chegar por diversas formas e diariamente, assinalou o responsável, que solicitou depois a todos os órgãos de comunicação “um novo e derradeiro apelo ao testemunho, com a divulgação dos contactos da Comissão”.

Até 31 de outubro, a Comissão receberá testemunhos de vítimas que queiram depor (através do telefone 917 110 000, do endereço electrónico geral@darvozaosilencio.org ou do inquérito disponível na página da Comissão www.darvozaosilencio.org). Depois daquela data, continuará a receber testemunhos que eventualmente apareçam, mas que apenas serão referidos estatisticamente no relatório e já não estudados.

A CI, anunciada pela Igreja Católica em Portugal em novembro de 2021, foi criada para funcionar num tempo de 12 meses, tendo entrado em funções em janeiro deste ano. Apresentará o seu relatório final e recomendações  no dia 31 de Janeiro de 2023.

 

Bispo Américo Aguiar reconhece haver padres no ativo acusados de abusos

Em declarações aos jornalistas no final da cerimónia, o bispo auxiliar de Lisboa, Américo Aguiar, reconheceu que há padres acusados de abusos sexuais no ativo e que isso é “preocupante”, tendo defendido que “o normal é que a decisão fosse o afastamento das funções”.

“Estaria mais descansado se houvesse uma partilha permanente das denúncias a cada diocese pela Comissão Independente, mas compreendo que pudesse causar nas vítimas desconforto ou desconfiança. Se calhar é por isso que não partilham, mas depois não se pode fazer coincidir essa boa vontade que eu acho que seria positiva”, admitiu.

O presidente da APAV também demonstrou preocupação com os membros da igreja acusados de abusos sexuais ainda em funções. “Independentemente da instituição onde sejam detetados esses casos, a própria instituição tem de ter medidas de suspensão, de fazer com que a pessoa abusadora não esteja perto das vítimas enquanto decorrem outro tipo de abordagens internas”, afirmou.

 

Francisco alerta bispos para o perigo do “carreirismo”

Último dia na RD Congo

Francisco alerta bispos para o perigo do “carreirismo” novidade

Antes de se despedir da República Democrática do Congo (RDC), o Papa visitou na manhã desta sexta-feira, 3 de fevereiro, a sede da Conferência Episcopal do Congo (CENCO), onde se encontrou com os bispos do país. No seu discurso, desafiou-os a serem uma “voz profética” em defesa do “povo crucificado e oprimido”, e alertou-os para a tentação de “ver no episcopado a possibilidade de escalar posições sociais e exercer o poder”.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

Assembleia continental europeia do Sínodo

Um bispo, um padre e duas leigas na delegação portuguesa novidade

A delegação portuguesa à assembleia continental europeia do Sínodo que vai decorrer em Praga de 5 a 12 de fevereiro é composta pelo bispo José Ornelas, presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), pelo padre Manuel Barbosa, secretário da CEP, e por Carmo Rodeia e Anabela Sousa, que fazem parte da equipa sinodal nacional. A informação foi divulgada esta quinta-feira, 2 de fevereiro, em nota enviada às redações.

Estudo decorre até 2028

A morte sob o olhar do cinema e da filosofia

O projeto “Film-philosophy as a meditation on death” (A filosofia do cinema como meditação sobre a morte), da investigadora portuguesa Susana Viegas, acaba de ser contemplado com uma bolsa de excelência do European Research Council, no valor de um milhão e setecentos mil euros, para um trabalho de equipa de cinco anos.

Normas inconstitucionais

Eutanásia: CEP e Federação Portuguesa pela Vida saúdam decisão do TC

O secretário da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) saudou a decisão do Tribunal Constitucional (TC), que declarou inconstitucionais algumas das normas do decreto sobre a legalização da eutanásia. “A decisão do TC vai ao encontro do posicionamento da CEP, que sempre tem afirmado a inconstitucionalidade de qualquer iniciativa legislativa que ponha em causa a vida, nomeadamente a despenalização da eutanásia e do suicídio assistido”, disse à agência Ecclesia o padre Manuel Barbosa.

Papa pede aos padres que não se sirvam da sua função para “satisfazer carências”

Encontro com consagrados

Papa pede aos padres que não se sirvam da sua função para “satisfazer carências” novidade

Depois de ter passado a manhã com mais de 80 mil jovens e catequistas, o Papa encontrou-se na tarde desta quinta-feira, 2 de fevereiro, com cerca de 1.200 padres, diáconos, consagrados e seminaristas, na Catedral de Kinshasa. Naquele que foi o terceiro dia da sua viagem apostólica à República Democrática do Congo (RDC), véspera de rumar ao Sudão do Sul, Francisco alertou que o sacerdócio ou qualquer forma de vida consagrada não podem ser vistos como um meio para “satisfazer carências e comodidades” ou para adquirir uma melhor “posição social”.

Americano judeu tenta destruir rosto de Cristo à martelada

Tensão no bairro cristão de Jerusalém

Americano judeu tenta destruir rosto de Cristo à martelada novidade

Um americano judeu de cerca de 40 anos deitou por terra e desfigurou esta terça-feira, 2 de fevereiro, uma imagem de Cristo na capela da Condenação, situada no perímetro da Igreja da Flagelação, na Terra Santa. O ataque deu-se logo de manhã, pelas 8h30, e a destruição só não foi maior porque o porteiro do templo se lançou sobre o atacante e imobilizou-o, tendo os frades chamado a polícia. Esta levou o homem sob prisão para uma esquadra.

Um bispo, um padre e duas leigas na delegação portuguesa

Assembleia continental europeia do Sínodo

Um bispo, um padre e duas leigas na delegação portuguesa novidade

A delegação portuguesa à assembleia continental europeia do Sínodo que vai decorrer em Praga de 5 a 12 de fevereiro é composta pelo bispo José Ornelas, presidente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP), pelo padre Manuel Barbosa, secretário da CEP, e por Carmo Rodeia e Anabela Sousa, que fazem parte da equipa sinodal nacional. A informação foi divulgada esta quinta-feira, 2 de fevereiro, em nota enviada às redações.

Lista de padres pedófilos em Itália contém mais de 400 nomes

Casos de abusos nos últimos 15 anos

Lista de padres pedófilos em Itália contém mais de 400 nomes novidade

Nos últimos 15 anos, 164 padres foram condenados por abuso sexual de menores em Itália. A listagem divulgada em conferência de Imprensa pela organização Rete L’ABUSO no dia 1 de fevereiro foi apresentada como “um inventário incompleto” dos clérigos predadores objeto de condenações definitivas, a que se juntam 88 nomes de padres sinalizados pelas suas vítimas, mas cujos casos não foram objeto de investigação criminal por já terem prescrito os crimes de que foram acusados.

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This