Reportagens sobre abusos sexuais na Igreja Católica e refugiados em Moria vencem prémios Sapo

| 30 Mai 20

A série de reportagens “Em silêncio”, sobre o tema dos abusos sexuais na Igreja Católica em Portugal, venceu o prémio de melhor artigo de serviço público dos Prémios Sapo 2020. O anúncio foi feito quinta-feira, 28, durante uma gala virtual, transmitida através da página do Sapo na internet.

As cinco reportagens da série, da autoria de João Francisco Gomes e Sónia Simões, foram publicadas entre 10 e 15 de fevereiro de 2019, no jornal digital Observador.

A mesma publicação divulgaria, depois, outros textos sobre o tema, com base em denúncias recebidas na sequência das reportagens.

Na categoria Melhor Reportagem Multimédia, venceu o trabalho de Marta Gonçalves no Expresso “O lugar onde nem eu nem tu queremos viver”, que retrata a vida no campo de refugiados de Moria, na ilha grega de Lesbos.

 

Artigos relacionados

Pin It on Pinterest

Share This