Ação em Paris e Berlim

Repórteres Sem Fronteiras simula “funeral” do Apple Daily

| 25 Jun 21

apple daily funeral RSF

Com esta acção, a RSF reclamou a libertação imediata dos detidos, incluindo o fundador e proprietário do jornal, Jimmy Lai. Foto: Direitos reservados.

 

Representantes da organização Repórteres Sem Fronteiras (RSF) encenaram nesta sexta-feira, 25, diante das embaixadas da China em Paris e Berlim, o enterro simbólico do Apple Daily, o jornal de Hong Kong que, na véspera, foi obrigado a fechar depois de as autoridades terem detido o seu proprietário e vários editores e jornalistas, e congelado os bens da empresa.

Com esta acção, a RSF reclamou também a libertação imediata dos detidos, incluindo o fundador e proprietário, Jimmy Lai, distinguido com o Prémio RSF 2020 para a Liberdade de Imprensa.

Ao mesmo tempo, a acção pretendia alertar contra o risco urgente de morte da liberdade de imprensa em Hong Kong. “As democracias não podem continuar a assistir passivamente enquanto o regime chinês erode sistematicamente o que resta dos meios de comunicação independentes” em Hong Kong, “como já fez no resto do país”, diz a RSF.

Depois do “funeral” do Apple Daily, pode seguir-se o da liberdade de imprensa no território, diz a organização defensora da liberdade de imprensa e dos jornalistas. “É tempo de a comunidade internacional agir de acordo com os seus próprios valores e obrigações e defender o que resta da imprensa livre em Hong Kong, antes que o modelo de controlo de informação da China reclame outra vítima.”

 

Jornada Nacional Memória & Esperança 2021 já tem site

Homenagem às vítimas da pandemia

Jornada Nacional Memória & Esperança 2021 já tem site novidade

O site oficial da Jornada Nacional Memória & Esperança 2021, iniciativa que visa homenagear as vítimas da pandemia com ações em todo o país entre 22 e 24 de outubro, ficou disponível online esta sexta-feira, 17. Nele, é possível subscrever o manifesto redigido pela comissão promotora da iniciativa e será também neste espaço que irão sendo anunciadas as diferentes iniciativas a nível nacional e local para assinalar a jornada.

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Novo ano letivo: regressar ao normal?

Novo ano letivo: regressar ao normal? novidade

Após dois conturbados anos letivos, devido à pandemia, as escolas preparam-se para um terceiro ano ainda bastante incerto, mas que desejam que seja o mais normal possível. O regresso à normalidade domina as declarações públicas de diretores escolares e de pais, alunos e professores. Este desejo de regresso à normalidade, sendo lógico e compreensível, após dois anos de imensa instabilidade, incerteza e experimentação, constitui ao mesmo tempo um sério problema.

Fale connosco

Pin It on Pinterest

Share This