Repressão na Bielorrússia: mais de 27.000 detidos

| 27 Jan 21

A violência policial sobre as manifestações pacíficas que desde agosto têm tido lugar em toda a Bielorrússia em protesto contra a falsificação dos resultados das eleições presidenciais, já provocou inúmeros mortos e arrastou para as prisões do regime de Alyaksandr Lukashenko mais de 27.000 pessoas, algumas delas sujeitas a tortura.

De acordo com um relatório da Amnistia Internacional, divulgado nesta quarta-feira, 27, o sistema judicial bielorrusso ainda não deu sequência a nenhuma das mais de 900 queixas que lhe foram entregues, acusando a polícia e os serviços secretos de torturarem ativistas detidos. Pelo contrário, ainda segundo o relatório sobre a violência policial e o sistema judicial da Bielorrússia, tem identificado os queixosos junto das forças de repressão para que estas os prendam.

Lukashenko está no poder há 26 anos e recusa-se a aceitar a derrota que, de acordo com os seus opositores, sofreu nas presidenciais de agosto de 2020. É apoiado por Moscovo e Pequim. A UE já interditou mais de 80 dirigentes e altos funcionários bielorrussos de viajar no espaço comunitário e congelou todos os bens por eles detidos na UE.

 

Lembrar as vítimas do nazismo

Holocausto

Lembrar as vítimas do nazismo novidade

27 de janeiro, a data em que o Exército Vermelho libertou Auschwitz, tornou-se o dia internacional em memória das vítimas do nazismo. Hoje quero lembrar Karl Stojka, e o seu aviso: “Não foi Hitler, nem Göring, nem Goebels, nem Himmler, nem nenhum desses quem me arrastou e espancou. Não. Foi o sapateiro, o vizinho, o leiteiro.”

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

As estrelas boas que Deus coloca na nossa vida

As estrelas boas que Deus coloca na nossa vida novidade

No contexto da Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos 2022 [entre 18 e 25 de janeiro] prestamos tributo a um homem bom, um fiel seguidor de Cristo e um cristão verdadeiramente ecuménico e aberto ao diálogo inter-religioso. Um cristão também com profundo sentido de humor e de alegria, que é sempre um sinal de uma boa espiritualidade.

Fale connosco

Abusos na Igreja
Dar voz ao silêncio

Contactos da Comissão Independente

https://darvozaosilencio.org/

E-mail: geral@darvozaosilencio.org

Telefone: (+351) 91 711 00 00

You have Successfully Subscribed!

Pin It on Pinterest

Share This