O Vídeo do Papa

“Se a Igreja se converte em algo de velhos, vai morrer”, alerta Francisco

| 28 Jul 2023

 

“Quando vou à Igreja do meu bairro, vejo somente pessoas mais velhas. A Igreja agora é coisa de velhos?“, pergunta uma jovem a Francisco no início do novo Vídeo do Papa, que acaba de ser divulgado, e é dedicado à Jornada Mundial da Juventude. A resposta é contundente: Se se converte em algo de velhos, vai morrer. […] A Igreja necessita dos jovens para não envelhecer”.

As perguntas, colocadas jovens das Filipinas, Brasil e Costa do Mafim, prosseguem ao longp do vídeo que apresenta a intenção de oração do Papa para o mês de agosto. Porque é que Maria foi escolhida como tema da Jornada Mundial da Juventude? O que espera o próprio Papa deste encontro mundial de jovens em Portugal?

Francisco explica que a atitude de Maria é uma lição para todos os jovens, porque “quando sabe que vai ser a mãe de Deus, não fica parada a tirar uma selfie ou a pensar o que fazer”; pelo contrário, “a primeira coisa que faz é pôr-se a caminho, apressadamente, para servir, para ajudar”.

Depois, o Papa dá a conhecer o seu sonho de “ver em Lisboa uma semente do mundo do futuro”: um mundo em que o amor (neste momento em que “estamos em guerra”) e a alegria (“porque os cristãos se não temos alegria, não somos credíveis”) estejam no centro.

Os jovens pedem então, no final do vídeo: “Rezemos para que a Jornada Mundial da Juventude em Lisboa ajude os jovens a pôr-se a caminho, testemunhando o Evangelho com a própria vida”.

A Rede Mundial de Oração do Papa, responsável pela iniciativa O Vídeo do Papa, vai associar-se à JMJ Lisboa, colocando à disposição dos participantes – e daqueles que não podem estar fisicamente presentes, mas desejam acompanhar a JMJ rezando à distância – três meditações diárias, em formato texto e áudio, disponíveis em cinco idiomas: espanhol, português, inglês, italiano e francês. Será possível aceder a estas meditações entre os dias 30 de julho e 6 de agosto, através da aplicação Lisboa 2023 ou Click to Pray.

 

A Loucura do Bem Comum

A Loucura do Bem Comum novidade

O auditório está quase cheio e no pequeno palco alguém inicia a conferência de abertura. Para me sentar, passo frente a quem chegou a horas e tento ser o mais discreta possível. Era o primeiro tempo do PARTIS (Práticas Artísticas para a Inclusão Social) de 2024 na Fundação Gulbenkian. O tema “Modelos de escuta e participação na cultura” desafiou-me a estar e ganhei esse tempo! [Texto Ana Cordovil]

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Breves

 

O regresso da sombra da escravidão

O regresso da sombra da escravidão novidade

Vivemos um tempo de grande angústia e incerteza. As guerras multiplicam-se e os sinais de intolerância são cada vez mais evidentes. A fim de ser concreta também a nossa Quaresma, o primeiro passo é querer ver a realidade. O direito internacional e a dignidade humana são desprezados. [O texto de Guilherme d’Oliveira Martins]

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This