Iniciativa do 7MARGENS

Sínodo católico: promessa de futuro para pôr em prática – um debate com o cardeal Tolentino e experiências locais

| 6 Fev 2024

Tolentino Mendonça. Foto Ricardo Perna, JMJ Lisboa 2023

O cardeal Tolentino Mendonça será um dos intervenientes no debate através de uma mensagem gravada. Foto © Ricardo Perna/JMJ Lisboa 2023

 

O 7MARGENS deixa aos seus leitores e outros interessados um convite para o serão do próximo dia 15, quinta-feira: uma conversa que dê seguimento ao desafio da teóloga Cristina Inogès, no debate que animou recentemente: que podem os católicos fazer para pôr, desde já, em prática a Igreja sinodal, para a qual o Papa Francisco tem vindo a desafiar toda a Igreja?

Para debater esse desafio, vamos procurar partir de experiências positivas que têm acontecido em Portugal, que possam ser inspiradoras tanto pelo que conseguiram como pelas dificuldades que encontraram.

Para lançar a conversa, contaremos com um vídeo do cardeal Tolentino Mendonça, que será gravado expressamente para este debate, bem como depoimentos de três outras pessoas: Fátima Almeida, com uma longa trajetória no movimento de trabalhadores cristãos (LOC-MTC) e membro de um grupo sinodal em Braga; o padre Nuno Santos, reitor do Seminário de Coimbra e capelão da Universidade; e José Carlos Prazeres, que na sua diocese de Leiria-Fátima dinamizou vários grupos paroquiais no âmbito da primeira fase de auscultação sinodal diocesana.

Procurar-se-á que participem pessoas com outras experiências que existiram ou estão em curso. Todos os leitores estão convidados a participar ativamente e convidar outros interessados. Este debate pode ser uma ocasião de combater o esmorecimento que muitos católicos referem em relação ao sínodo.

Este encontro decorrerá à distância, via Zoom, a partir das 21h de dia 15, e supõe uma inscrição prévia através do formulário já disponível online. Os inscritos receberão depois o endereço para acesso ao mesmo.

 

Guerra e Paz: angústias e compromissos

Um ensaio

Guerra e Paz: angústias e compromissos novidade

Este é um escrito de um cristão angustiado e desorientado, e também com medo, porque acredita que uma guerra devastadora na Europa é de alta probabilidade. Quando se chega a este ponto, é porque a esperança é já pequena. Manda a consciência tentar fazer o possível por evitar a guerra e dar uma oportunidade à paz. — ensaio de Nuno Caiado

Apoie o 7MARGENS e desconte o seu donativo no IRS ou no IRC

Agenda

Fale connosco

Autores

 

Pin It on Pinterest

Share This