Lembrar as vítimas do nazismo

  27 de janeiro, a data em que o Exército Vermelho libertou Auschwitz, tornou-se o dia internacional em memória das vítimas do nazismo: judeus, ciganos, testemunhas de Jeová, homossexuais, e tantos outros.  Hoje quero lembrar Karl Stojka, e o seu aviso:...

CNJP contra discriminação dos portugueses ciganos

  “Classificar um grupo de pessoas (os ciganos), globalmente, como subsídio-dependentes, parasitas que não querem trabalhar, é injusto e infundado, revela desconhecimento acerca de uma realidade que é múltipla, complexa e diversificada, que permanece fechada num...

Pin It on Pinterest