Rua dos Anjos, ou: coisas do divino

  “Ele há coisas do diabo!” é a expressão popular que me ocorre ao pensar no modo como o documentário Rua dos Anjos encontrou o seu caminho para o programa do Portuguese Cinema Days in Berlin 2022. E imediatamente me corrijo: ele há coisas do divino....

Alma de pobres (II)

  Continuo com a reflexão a partir de As Sandálias do Pescador, de Morris West. Fico agora com a figura de David Telemond, o sacerdote que Kiril escolhe como secretário, apesar da sua obra teológica estar a ser submetida a revisão. Por certo, Kiril não favorecerá...

Pin It on Pinterest