Roménia reconhece massacres contra judeus

  O Parlamento romeno prestou homenagem às vítimas do pogrom contra os judeus, em Iasi, em 1941, numa comemoração sem precedentes: durante anos, o país negava a sua participação no genocídio da II Guerra Mundial e a Roménia era identificada por vezes como a Shoah...

100 pessoas assassinadas por terroristas no Burquina Faso

  Na aldeia de Solhan, perto da fronteira com o Níger, pelo menos 100 pessoas foram mortas por terroristas, não muito longe do local onde o missionário italiano Pierluigi Maccalli foi sequestrado. O Papa Francisco, no Angelus deste domingo, expressou a sua...

Pin It on Pinterest