Sim, os direitos humanos nas prisões

Visitai os enfermos e os presos, ensinavam na minha catequese há mais de meio século (tinham razão).  Três anos é uma pena curta? É pá, isso aqui é uma pena longa – dizia-me um colega holandês.   Como em todo o mundo, as prisões portuguesas são ocupadas...

Para condenar não me chamem

  Após vinte e dois anos de trabalho dentro de uma prisão ainda me pergunto: que falta faz um padre na prisão? Talvez seja necessário responder antes a uma outra: para que serve a prisão? O sistema prisional devia ter dois objetivos fundamentais: proteger a...

“O meu amigo” de toda a gente

  É “o meu amigo P. João Gonçalves”. Desde 1976 que trabalho com ele. Trabalho – e não “trabalhava” – porque ainda hoje continuo a trabalhar com o fruto da sua amizade, que não deixa de se ir multiplicando, como aconteceu aos pães e peixes distribuídos por Jesus...

Pin It on Pinterest